Café com ESG: Conteúdos diários que transformam | 14/07

Comece o dia bem informado com as principais notícias ao redor do Brasil e do mundo quando o tema é ESG!


Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Bom dia! Neste relatório diário publicado todas as manhãs pelo time ESG do Research da XP, buscamos trazer as últimas notícias para que você comece o dia bem informado e fique por dentro do que o Brasil e o mundo fala sobre um tema que tem ficado cada vez mais relevante: ESG – do termo em inglês Environmental, Social and Governance ou, em português, ASG – Ambiental, Social e Governança.

Quais tópicos abordamos ao longo do conteúdo? (i) Notícias no Brasil e no mundo acerca do tema ESG; (ii) Performance histórica dos principais índices ESG em diferentes países; (iii) Comparativo da performance do Ibovespa vs. ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial, da B3); e (iv) Lista com os últimos relatórios publicados pelo Research ESG da XP.
Por que essas informações são importantes? 
Porque elas indicam os temas dentro da agenda ESG que estão sendo cada vez mais monitoradas por parte dos investidores e das empresas, e podem impactar os preços das ações de diferentes companhias.

Esperamos que aproveite a leitura!

Gostaria de receber esse conteúdo por e-mailClique aqui.
Gostou do conteúdo, tem alguma dúvida ou quer nos enviar uma sugestão? Basta deixar um comentário no final do post!


Brasil

Empresas

Nas térmicas a carvão da Engie, investidores propõem transição energética

“Dentro do seu plano global de sair de ativos de geração de energia poluentes, o grupo francês Engie retomou neste ano o processo de venda de duas térmicas a carvão no Brasil, a de Jorge Lacerda, em Santa Catarina, e a de Pampa Sul, no Rio Grande do Sul. Investidores que negociam os dois ativos fizeram propostas de mudar a fonte de energia que abastece as térmicas, migrando para alternativas menos poluentes que o carvão – e até renováveis. Na usina de Jorge Lacerda, que desde fevereiro é negociada em regime de exclusividade com a gestora Fram Capital, há uma proposta de fazer a transição de carvão mineral para gás natural, num primeiro momento, com a possibilidade de migração para carvão vegetal, apurou o Reset.”

Fonte: Capital Reset, 13/07/2021

Mais empresas investem na ‘floresta em pé’

“Em um ano de desmatamento recorde na Amazônia, preservar a floresta em pé é, para cada vez mais empresas, uma aposta de bom negócio. Em 2020, a floresta perdeu 8.058 km² de área verde, segundo dados do Sistema de Alerta de Desmatamento do Imazon – o maior patamar nos últimos dez anos. Mas, nesse mesmo ano, a Origens Brasil, que conecta companhias a indígenas, quilombolas e ribeirinhos, viu o número de empresas-membro dar um salto de 69%, indo de 16 para 28. “Temos vividos um momento muito desafiador nas questões socioambientais, por outro lado vemos mais interesse do setor empresarial, que se vê como um ator que pode mudar a agenda de desmatamento. Está mais claro que é possível aliar conservação florestal com prosperidade econômica”, diz Luiz Brasi Filho, analista de mercado da Origens Brasil, que é dirigida pelo Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola (Imaflora). A procura segue crescente neste ano, segundo o analista. E novos contratos devem ser fechados até dezembro, para comercialização de insumos amazônicos como a proteína de pirarucu, a castanha-do-brasil, a borracha e o cumaru.”

Fonte: Valor Econômico, 14/07/2021

Práticas de gestão inadequadas afetam a saúde mental

“Práticas de gestão inadequadas e jornadas de trabalho longas afetam a saúde mental, de acordo com um novo estudo realizado pela Universidade da Austrália. A pesquisa, publicada no “British Medical Journal” e realizada com 1.084 trabalhadores no país – sendo 89% deles em emprego de tempo integral em organizações –, mostrou que as empresas que deixam de recompensar ou reconhecer seus funcionários pelo trabalho, impõem demandas irracionais e não conferem autonomia estão colocando seus empregados em um risco muito maior de depressão. O estudo acompanhou os trabalhadores por um ano, removendo funcionários com sintomas de depressão grave para examinar, na amostra final, a relação entre o clima de segurança psicológica no ambiente de trabalho, jornadas longas de trabalho e novos casos de sintomas de depressão maior.”

Fonte: Valor Econômico, 13/07/2021

Política

Excluir Inpe em divulgação sobre queimadas é tentativa de controlar dados, dizem especialistas

“Não há razões técnicas que justifiquem a decisão de excluir o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) do processo de divulgação sobre alertas de incêndios no País, de acordo com especialistas ouvidos pelo Estadão. Essa atribuição foi repassada pelo governo federal ao Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), ligado ao Ministério da Agricultura. Segundo eles, trata-se na prática de uma forma de centralizar os dados técnicos nas mãos de outro órgão, para controle dessas informações.  A avaliação é feita por três especialistas do setor ouvidos pelo Estadão. Gilberto Câmara, ex-diretor do Inpe e pesquisador da área de observação da Terra no próprio instituto, afirma que se trata de “flagrante tentativa de esvaziar a competência técnica do Inpe”, órgão que é vinculado ao Ministério da Ciência e Tecnologia e reconhecido mundialmente pelo trabalho de monitoramento que executa. O Inmet chegou a divulgar nota nesta terça-feira, 13, para dizer que não se trata de exclusão do Inpe do processo, mas de ação para “integrar” sistemas diferentes que auxiliam no monitoramento do setor. Ocorre que o Inpe, em seu trabalho atual, já utiliza dados do próprio Inmet, além de informações meteorológicas de organismos internacionais e dados de seus satélites que compilam informações diárias sobre os alertas de queimadas.”

Fonte: Estadão, 13/07/2021

Terceiro Setor

Prêmio reconhecerá projetos em mobilidade urbana e inclusão de pessoas com deficiência

“Projetos de impacto social em mobilidade urbana, mobilidade social e inclusão de pessoas com deficiência de todo o país podem se inscrever até 21 de julho, às 18h, no Prêmio Fundação Grupo Volkswagen. Nesta segunda edição,​ em parceria com a Yunus Corporate, unidade de inovação social corporativa da Yunus Negócios Sociais, seis organizações sociais serão selecionadas para um programa de aceleração. A etapa inclui capacitação, mentoria com especialistas, consultoria e incentivo à criação de redes, por meio de atividades e encontros online. Os três projetos que demonstrarem maior potencial de transformação social serão premiados com R$ 100 mil, a título de patrocínio.”

Fonte: Folha de São Paulo, 13/07/2021

Internacional

Empresas

Regras da UE tornarão os carros elétricos mais lucrativos do que a gasolina, afirma o executivo da VW

“As regras de emissões da UE que entrarão em vigor em 2025 provavelmente tornarão os carros a gasolina menos lucrativos do que os elétricos, marcando um momento marcante para a indústria automobilística, de acordo com um dos executivos mais graduados da Volkswagen. A VW, a segunda maior montadora do mundo, estabeleceu planos para investir € 35 bilhões em veículos elétricos enquanto os governos tentam acelerar a transição para carros menos poluentes. Thomas Ulbrich, chefe de desenvolvimento da marca VW, disse que os novos padrões de motor, chamados de Euro 7, representariam um “tremendo desafio” para veículos movidos a gasolina porque eles precisariam de uma tecnologia mais cara para garantir sua conformidade. “Se você agora perguntar quando é o ponto para [os lucros] se tornarem iguais a um motor de combustão interna, você sabe que com o Euro 7 existem enormes desafios para o mundo dos motores de combustão interna”, disse Ulbrich ao Financial Times.”

Fonte: Financial Times, 13/07/2021

Política

Cingapura revela uma das maiores fazendas flutuantes de painéis solares do mundo

“Cingapura revelou na quarta-feira uma das maiores fazendas flutuantes de painéis solares do mundo, abrangendo uma área equivalente a 45 campos de futebol e produzindo eletricidade suficiente para abastecer as cinco estações de tratamento de água da ilha. O projeto faz parte dos esforços da cidade-estado do sudeste asiático com escassez de terras para cumprir a meta de quadruplicar sua produção de energia solar até 2025 para ajudar a combater as mudanças climáticas. Localizada em um reservatório no oeste de Cingapura, a fazenda solar fotovoltaica (PV) de 60 megawatts de pico foi construída por uma subsidiária integral da Sembcorp Industries. A fazenda solar poderia ajudar a reduzir as emissões de carbono em cerca de 32 quilotoneladas anuais, comparável a tirar 7.000 carros das estradas, de acordo com um comunicado conjunto da empresa e da agência nacional de água de Cingapura, PUB.”

Fonte: Reuters, 14/07/2021

Produtos

Febre ESG: Participação em fundos sustentáveis dispara em 2021

“A pressa em investir em fundos negociados em bolsa com foco em questões ambientais, sociais e de governança (ESG) saltou no primeiro semestre de 2021, com o faturamento mensal mais do que triplicando para quase 3 bilhões de euros de um ano atrás, o Deutsche Boerse disse na quarta-feira. Os ativos ESG estão cada vez mais em demanda entre os investidores, já que as empresas com bom desempenho em uma variedade de questões, desde mudanças climáticas até a diversidade da diretoria, são vistas como melhores investimentos de longo prazo do que seus pares nessas áreas. Em sua plataforma de negociação eletrônica baseada em Frankfurt Xetra, a operadora alemã de bolsa de valores Deutsche Boerse disse que os ETFs da ESG agora respondem por mais de 16% do volume total de negociações de ETFs na Xetra, em comparação com 6% um ano atrás.”

Fonte: Reuters, 14/07/2021

Investimento ESG: Fundos pressionam investidores de dívida soberana contra os diretos humanos

“Numa noite de novembro passado, Nickolai Prakofyeu atendeu ao telefone com uma notícia preocupante: ele tinha 24 horas para deixar a Bielo-Rússia ou enfrentaria pelo menos 12 anos de prisão. O pai de Prakofyeu foi avisado por uma fonte da KGB bielorrussa de que as forças de segurança do regime de Alexander Lukashenko não estavam mais dispostas a tolerar as atividades pró-democracia da família desde a disputada eleição de agosto passado. As autoridades estavam prestes a fechar os hotéis e restaurantes de sua família na cidade de Gomel, no sudeste do país, que fornecia comida de graça para manifestantes antigovernamentais. Após o aviso, Prakofyeu e sua esposa tiveram tempo de reunir apenas alguns pertences – junto com Jason, seu Yorkshire Terrier – antes de fugir de madrugada. “Colocamos o que podíamos em nosso carro e dirigimos para a Ucrânia”, disse o jovem de 28 anos, que desde então se uniu à oposição da Bielorrússia no exílio na Polônia. A partir desse buraco, ele agora passa seu tempo pressionando empresas ocidentais a abandonar seus investimentos em seu país de origem. Eles incluem uma série de gestores de ativos que financiaram o regime autoritário de Lukashenko comprando títulos do governo bielorrusso.”

Fonte: Financial Times, 13/07/2021


Índices ESG e suas performances

(1) O Índice ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial da B3) tem como objetivo ser o indicador do desempenho médio das cotações dos ativos de empresas com reconhecido comprometimento com o desenvolvimento sustentável, práticas e alinhamento estratégico com a sustentabilidade empresarial.
(2) O Índice S&P/B3 Brasil ESG mede a performance de títulos que cumprem critérios de sustentabilidade e é ponderado pelas pontuações ESG da S&P DJI. Ele exclui ações com base na sua participação em certas atividades comerciais, no seu desempenho em comparação com o Pacto Global da ONU e também cias sem pontuação ESG da S&P DJI.
(3) O ICO2 tem como propósito ser um instrumento indutor das discussões sobre mudança do clima no Brasil. A adesão das companhias ao ICO2 demonstra o comprometimento com a transparência de suas emissões e antecipa a visão de como estão se preparando para uma economia de baixo carbono.
(4) O objetivo do IGCT é ser o indicador do desempenho médio das cotações dos ativos de emissão de empresas integrantes do IGC que atendam aos critérios adicionais descritos nesta metodologia.
(5) A série de índices FTSE4Good foi projetada para medir o desempenho de empresas que demonstram fortes práticas ambientais, sociais e de governança (ESG).
(6)
O Índice MSCI ACWI, que representa o desempenho de todo o conjunto de ações de grande e médio porte do mundo, em 23 mercados desenvolvidos e 26 emergentes.


Nossos últimos relatórios

  • Radar ESG | G2D (G2DI33): Abraçando os pilares S e E através do portfólio de investimentos de impacto (link)
  • Ambev (ABEV3): Feedback do evento ESG; Reforçamos nossa visão positiva (link)
  • Radar ESG | Setor de infraestrutura (CCRO3, ECOR3, RAIL3, HBSA3, STBP3): Preparando o asfalto (link)
  • Crédito de carbono: Capturando parte da solução; 5 nomes para exposição ao tema (link)
  • Radar ESG | Incorporadoras de Imóveis Residenciais Populares: Construindo os andares ESG (link)
  • Radar ESG | Arezzo & Co. (ARZZ3): Caminhando com seus próprios passos pela agenda ESG (link)
  • Trilogia ESG (Pt. I): Um mergulho no pilar E; Três nomes que são parte da solução (link)
  • Radar ESG | Blau (BLAU3) e Hypera (HYPE3): Em busca da fórmula ESG (link)
  • Bitcoin e ESG: Entenda os dois lados da moeda (link)
  • Radar ESG | Bemobi (BMOB3): Diversidade é o nome do jogo (link)
  • Radar ESG | Setor de Logística (SIMH3, JSLG3 e VAMO3): Preparando-se para a estrada ESG (link)
  • Radar ESG | Laboratórios: ESG ainda na triagem; Fleury se destacando em relação aos pares (link)
  • Cúpula de Líderes sobre o Clima: Tecnologia, economia e agenda verde centralizam as discussões no segundo dia do evento (link)
  • Cúpula de Líderes sobre o Clima: Cooperação global é uma das três principais mensagens do evento (link)
  • Radar ESG | Locadoras de automóveis: Rumo à agenda ESG; Localiza liderando a corrida (link)
  • Radar ESG | São Martinho (SMTO3): Quanto mais se semeia, maior é a colheita (link)
  • Radar ESG | Orizon (ORVR3): Quando ESG está escrito no DNA (link)
  • Sondagem XP/ESG com investidores institucionais (link)
  • O melhor dos dois mundos: Seleção de 10 BDRs para exposição internacional ao tema ESG (link)
  • Radar ESG | Enjoei (ENJU3): O usado é o novo “novo”? (link)
  • Radar ESG | CSN Mineração (CMIN3): Explorando os campos ESG (link)
  • Radar ESG | Jalles (JALL3): Plantando as sementes ESG (link)
  • Radar ESG | Incorporadoras de alta renda: ESG ainda em construção (link)
  • Radar ESG | Setor de saúde: O ESG ainda está na sala de espera? (link)
  • Radar ESG | Quão sustentáveis são as empresas de e-commerce? Uma análise ESG dessas gigantes (link)
  • Radar ESG | IMC (MEAL3): Por que a empresa ainda tem muito espaço para melhorar? (link)
  • Radar ESG | Aeris (AERI3): Uma das empresas melhor posicionada para surfar o vento ESG (link)
  • Radar ESG | 3R Petroleum: Construindo um caminho que incorpora metas ESG (link)
  • Radar ESG | Setor de supermercados: Vale a pena encher o carrinho? (link)
  • Radar ESG | JHSF (JHSF3): Espaço para melhorias (link)
  • Radar ESG | Quem é o melhor aluno da classe? Avaliando os líderes em ESG dentre as empresas de educação no Brasil (link)
  • Panorama do marco regulatório de investimentos ESG no Brasil (link)
  • CVM e B3 estudam intensificar critérios ESG para as companhias listadas (link)
  • Radar ESG | Setor de vestuário e joias: ESG ainda na confecção (link)
  • ESG: Tendências e preferências para 2021 (link)
  • Radar ESG | LOG Commercial Properties (LOGG3): Oportunidades em empreendimentos verdes (link)
  • Eleições americanas: Quais os efeitos para a agenda ESG nos EUA e no Brasil? (link)
  • Radar ESG | Farmácias: Raia Drogasil como a ação prescrita no setor para exposição a ESG (link)
  • Radar ESG | Shoppings: Entenda o que importa para eles quando o tema é ESG (link)
  • Radar ESG | Ambev (ABEV3): Um case que desce redondo (link)
  • Feedback do roadshow ESG: O que as gestoras no Brasil estão fazendo em relação ao tema? (link)
  • ESG de A a Z: Tudo o que você precisa saber sobre o tema (link)

Ainda não tem conta na XP? Clique aqui e abra a sua!

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
BM&F Bovespa Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.