XP Expert

Guerra na Ucrânia causa incêndio na maior usina nuclear da Europa

Tudo o que você precisa saber sobre os mercados nacional e internacional, com análises econômicas e políticas sobre fatos que podem impactar seus investimentos.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail
Clique para ouvir

IBOVESPA -0,01% | 115.166 Pontos

CÂMBIO -1,3% | 5,03/USD

O que pode impactar o mercado hoje

Destaque do dia

O mercado segue operando em modo de aversão a risco, com uma nova rodada de negociações entre Rússia e Ucrânia sem apresentar resoluções significativas. Na agenda internacional de hoje, atenções voltadas para a divulgação do relatório de emprego dos Estados Unidos (nonfarm payroll) referente a fevereiro. A mediana das projeções de mercado aponta para criação de 423 mil vagas, ante 467 mil em janeiro, enquanto o time de estratégia global da XP estima 457 mil. No Brasil, por sua vez, destaque para a publicação dos resultados do PIB no 4º trimestre de 2021. O consenso de mercado indica alta de 0,2% em relação ao 3º trimestre (e elevação de 1,2% em comparação ao 4º trimestre de 2020), ao passo que o time econômico da XP estima crescimento de 0,4% na margem e 1,5% em termos interanuais. Se esta previsão estiver correta, o PIB Brasileiro registrará crescimento de 4,6% em 2021, após contração de 3,9% em 2020. 

Brasil

A Bolsa brasileira perdeu fôlego na última hora de negociações fechando praticamente estável, mas com tendência de baixa, após as negociações de cessar fogo entre as delegações da Ucrânia e da Rússia não terem mostrado evolução significativa hoje. O Ibovespa fechou com uma ligeira queda 0,01%, aos 115.165 pontos. O dólar ignorou novamente as tensões entre Ucrânia e Rússia e seguiu ladeira a baixo em relação ao real, alimentado pelo fluxo intenso de capital externo para a B3 e para a renda fixa., e encerrou o dia em queda de -1,55%, cotado a R$5,028. No mercado de renda fixa, os juros futuros tiveram mais um dia de alta, com destaque para os vértices curtos e intermediários. O motivo da alta continua sendo o mesmo, o conflito na Ucrânia e a consequente pressão nas commodities. DI jan/23 fechou em 12,85%; DI jan/24 foi para 12,465%; DI jan/26 encerrou em 11,58%; e DI jan/28 fechou em 11,55%.

Mundo

Bolsas internacionais amanhecem negativas (EUA -0,9% e Europa -3,1%) em um movimento de aversão ao risco dos investidores com o avanço da invasão russa na Ucrânia. Na madrugada desta sexta-feira, o exército russo atacou uma usina nuclear ucraniana, sendo esta a maior da Europa e, apesar do incêndio não ter afetado diretamente um reator, o ataque revitalizou expectativas de novas sanções do ocidente sobre a economia russa e temores sobre novos gargalos na oferta das commodities. Nos EUA, investidores agora aguardam a divulgação dos dados do mercado de trabalho americano. As projeções do consenso apontam para uma redução da taxa de desemprego para 3,9% com a criação de 440 mil novos postos de trabalho e um crescimento de salários em torno de 5,8% ano contra ano, segundo o Dow Jones. Na China, o índice de Hang Seng (-2,5%) encerra em baixa acompanhando os pares globais. Em território chinês, o foco agora ficará por conta do encontro dos parlamentares, que começará hoje, e estabelecerá diretrizes para políticas econômicas e metas de crescimento para o país. Potenciais estímulos poderão servir de catalisadores para o mercado acionário chinês que segue descontado vs. os pares globais. Por fim, o ouro (+0,6%) amanhece em alta refletindo a deterioração do sentimento nos mercados e a fuga para ativos considerados mais seguros.

Indicadores econômicos

Após divulgação de vários indicadores econômicos dos EUA nesta quinta-feira (3), os setores industrial e de serviços continuaram em trajetória de firme crescimento em fevereiro, refletindo, em grande medida, o afrouxamento das restrições de mobilidade para contenção dos casos da variante Ômicron da Covid-19. A crise no leste europeu, ainda não capturada de forma significativa nas pesquisas de atividade recentemente divulgadas, tende a intensificar as pressões inflacionárias nos próximos meses e levar a alguma piora do sentimento econômico. Enquanto isso, as vendas no varejo da zona do euro – divulgadas nesta manhã – ficaram praticamente estáveis em janeiro, após terem despencado quase 3% em dezembro. As estimativas de mercado apontavam para crescimento de 1,5% no primeiro mês de 2022.  

Commodities

Após cair 2% nessa quinta-feira e atingir preços não vistos em quase uma década, o petróleo ensaia uma recuperação nessa sexta-feira, com os temores de sanções ocidentais atrapalhando as exportações russas de petróleo, superando a possibilidade de mais suprimentos iranianos, enquanto o incêndio em usina nuclear na Ucrânia assustaram os mercados

Rússia e Ucrânia

Em meio a intensificação de ataques, a terceira rodada de negociações entre o governo Putin e governo Zelensky não produziu um acordo de paz. Vale notar, no entanto, que os representantes concordaram em criar “corredores humanitários”, para permitir a fuga de cidadãos em zonas de conflito. Apesar da notícia ser celebrada pelo governo ucraniano, críticos apontam a uma série de dificuldades logísticas para implementar as medidas e afirmam que a saída de cidadãos das áreas em questão facilitaria o avanço de tropas russas. Negociadores russos e ucranianos discutiram também um possível cessar-fogo entre os países, mas não houve definição a respeito do tema. Os líderes concordaram em realizar uma nova rodada de negociações em breve. Entretanto, com a firme postura de Putin sobre a saída do governo Zelensky do poder e a resistência ucraniana a render sua soberania, as chances de um acordo são consideradas baixas. Notamos ainda que, segundo relatos, os ataques no território ucraniano foram intensificados, com bombardeios constantes em grandes cidades e pontos estratégicos como Kiev e o porto de Odesa, além do ataque à maior usina nuclear da Europa. Já nos EUA, as possibilidades de sanções ao setor de energia russo seguem em discussão, apesar de resistência da Casa Branca. 

Veja todos os detalhes

Agenda de resultados

Calendário do 4T21

Temporada de resultados do 4º trimestre 2021 – o que esperar?

Economia

Ataque russo à maior usina nuclear da Europa amplia tensão nos mercados; no Brasil, atenções voltadas para o PIB do 4º trimestre

  • Rússia e Ucrânia chegaram a um entendimento ontem (03) sobre a formação de “corredores humanitários” para a evacuação de civis que estão fugindo do conflito militar na região. Negociadores russos e ucranianos discutiram também um possível cessar-fogo entre os países, mas não houve definição a respeito do tema. Novas negociações podem ser realizadas no início da próxima semana. Apesar desses sinais um pouco mais encorajadores, a situação ainda parece distante de uma resolução. As forças militares russas avançam na parte sul da Ucrânia, e o Presidente da França, Emmanuel Macron, chegou a dizer que “o pior ainda está por vir”. Por sua vez, o Primeiro-Ministro do Reino Unido, Boris Johnson, afirmou no início desta manhã (04) que buscará uma reunião de emergência junto ao Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) devido ao ataque de tropas russas à usina nuclear de Zaporizhzhia, a maior da Europa (e responsável pela geração de cerca de 20% da energia da Ucrânia). O bombardeio chegou a provocar um incêndio na planta nuclear (posteriormente controlado), mas fontes locais disseram que não houve alteração nos níveis de radiação. A usina está agora sob domínio russo;
  • Importantes indicadores de atividade econômica nos Estados Unidos foram divulgados ontem. De acordo com a pesquisa ISM, o índice de atividade de serviços do país recuou de 59,9 em janeiro para 56,5 em fevereiro, atingindo o menor nível em 12 meses. O resultado ficou consideravelmente abaixo do consenso de mercado (62,0), mas ainda no território que sinaliza expansão da atividade (50,0). O componente de preços pagos subiu de 82,3 para 83,1 no período, refletindo a forte elevação de custos de produção. A escalada no conflito militar entre Rússia e Ucrânia – não capturada de forma significativa na pesquisa ISM de fevereiro – deve intensificar as pressões inflacionárias nos próximos meses e levar a alguma piora do sentimento econômico. Por sua vez, o PMI (Índice de Gerentes de Compras) de Serviços dos Estados Unidos avançou de 51,2 em janeiro para 56,5 em fevereiro, resultado mais ou menos em linha com as estimativas, conforme publicado pelo Instituto IHS Markit. Já o PMI Composto subiu de 51,1 para 55,9 no mesmo período, tendo em vista o afrouxamento das restrições de mobilidade relacionados à dinâmica da Covid-19, que permitiu recuperação expressiva da atividade empresarial. Além disso, segundo dados do Departamento de Trabalho dos Estados Unidos, os pedidos iniciais de seguro-desemprego recuaram para 215 mil na semana encerrada em 26/fev (com ajuste sazonal), 18 mil solicitações a menos em relação ao registro da semana anterior e o nível mais baixo desde o início de janeiro. O mercado estimava um total de 225 mil pedidos. Em linhas gerais, o mercado de trabalho americano segue bastante apertado, o que reforça as apostas de aperto mais intenso da política monetária local ao longo de 2022;
  • Na agenda internacional de hoje, atenções voltadas para a divulgação do relatório de emprego dos Estados Unidos (nonfarm payroll) referente a fevereiro. A mediana das projeções de mercado aponta para criação de 423 mil vagas, ante 467 mil em janeiro, enquanto o time de estratégia global da XP estima 457 mil. Ademais, o mercado calcula que a taxa de desemprego tenha atingido 3,9% no mês passado (ante 4,0% em janeiro), enquanto a elevação do rendimento médio por hora é estimada em 0,5% na comparação mensal (ante 0,7% em janeiro). Conforme publicado nesta manhã, as vendas no varejo da zona do euro exibiram elevação mensal de apenas 0,2% em janeiro, após terem contraído 2,7% em dezembro. As projeções de mercado apontavam para crescimento de 1,5% no primeiro mês de 2022. Na agenda doméstica, destaque para a publicação dos resultados do PIB no 4º trimestre de 2021. Esperamos crescimento de 0,4% em relação ao 3º trimestre, após ajuste sazonal (elevação de 1,5% em relação 4º trimestre de 2020), enquanto a mediana das projeções de mercado indica alta de 0,2% na margem e 1,2% na comparação interanual. Se nossa estimativa estiver correta, o PIB Brasileiro registrará crescimento de 4,6% em 2021, após contração de 3,9% em 2020.

Política

A guerra na Ucrânia segue em destaque

  • Em meio a intensificação de ataques, a terceira rodada de negociações entre o governo Putin e governo Zelensky não produziu um acordo de paz;
  • Vale notar, no entanto, que os representantes concordaram em criar corredores humanitários, para permitir a fuga de cidadãos em zonas de conflito. Apesar da notícia ser celebrada pelo governo ucraniano, críticos apontam a uma série de dificuldades logísticas para implementar as medidas e afirmam que a saída de cidadãos das áreas em questão facilitaria o avanço de tropas russas;
  • Os líderes concordaram em realizar uma nova rodada de negociações em breve. Entretanto, com a firme postura de Putin sobre a saída do governo Zelensky do poder e a resistência ucraniana a render sua soberania, as chances de um acordo são consideradas baixas;
  • Notamos ainda que, segundo relatos, os ataques no território ucraniano foram intensificados, com bombardeio constante em grandes cidades e pontos estratégicos como Kiev e o porto de Odesa;
  • Nos EUA, as possibilidades de sanções ao setor de energia russo seguem em discussão, apesar de resistência da Casa Branca.

Empresas

Agro, Alimentos e Bebidas – Entenda como o conflito entre Rússia e Ucrânia afeta as empresas de Agro, Alimentos e Bebidas

  • Neste relatório, discutimos quais são as principais consequências da crise entre Ucrânia e Rússia para os setores de nossa cobertura;
  • Os principais destaques são:
    • o efeito da crise na elevação dos preços das commodities reitera nossa visão positiva para os produtores agrícolas brasileiros, como a BrasilAgro (AGRO3);
    • vemos a Marfrig (MRFG3) mais bem posicionada para enfrentar o cenário atual entre os frigoríficos brasileiros; e
    • AmBev (ABEV3) e BRF (BRSF3) devem ser as empresas mais afetadas negativamente dentro de nossa cobertura.
  • Clique aqui para acessar o relatório completo

AES Brasil (AESB3): Bom desempenho operacional no 4T21 apesar das condições climáticas adversas

  • Destaques financeiros: A geração hídrica foi fraca (28,1% A/A) apesar da boa hidrologia do trimestre. Podemos atribuir esse resultado a uma política da ONS para preservar os reservatórios, favorecendo a fonte térmica. A disponibilidade eólica foi menor devido à maior pluviosidade, mas a geração eólica foi muito maior (+43,4% A/A) devido à conclusão da aquisição do Complexo Ventus em Dez-20 e Mandacaru e Salinas em Abr-21. A geração solar foi mais forte (+7,4% A/A) devido à maior disponibilidade das usinas Guaimbê e Água Vermelha (94,1% vs. 85,8% e 95,3% vs. 92,7%). Destacamos também a estratégia de comercialização via PPAs da AES que privilegia contratos de longo prazo, proporcionando maior previsibilidade em termos de previsão de receita (+893MW assinados em 2021);
  • As margens operacionais foram menores na comparação anual como reflexo da estratégia de redução do risco hidrológico (GSF) no trimestre. Por outro lado, esse impacto foi parcialmente mitigado pela melhora observada na geração solar e pela contribuição dos complexos eólicos recentemente adquiridos. O PMSO ficou estável na perspectiva R$/MW e a dívida líquida/EBITDA passou de 1,53x para 3,95x (os covenants foram ajustados de 3,95x para 4,50x) um bom sinal para a empresa, que agora tem mais espaço para explorar o desenvolvimento de novos projetos e continuar sua estratégia de crescimento. O EBITDA veio abaixo de nossas estimativas (R$ 259 milhões XPE vs. R$ 206 milhões reais) devido à geração hídrica e eólica abaixo da esperada. O lucro líquido foi superior às estimativas compensado por despesas financeiras abaixo do esperado (XP (R$ 56) mm vs. (R$ 35mm) reais);
  • No ano, a distribuição de dividendos decepcionou (R$ 138,2 milhões em 2021, o que se traduz em 2,3% de dividend yield), mas considerando o crescimento entregue e os sólidos resultados alcançados apesar do ano desafiador, mantemos nosso preço-alvo em R$ 15,0/ação e nossa recomendação de compra em AESB3;
  • Clique aqui para acessar relatório completo.

Data Expert | Carrinho XP: Sem ressaca de Carnaval esse ano?

  • Nesta edição, analisamos os possíveis impactos de outro ano sem Carnaval para o varejo. Apesar não ter sido um Carnaval equivalente ao pré-pandemia, acreditamos que as festas privadas combinadas com um verão ensolarado podem ter ajudado segmentos específicos do varejo;
  • Neste sentido, enxergamos o varejo alimentar, especialmente o atacarejo, seguido pelas farmácias, como os potenciais beneficiados, enquanto é difícil ter uma visão mais otimista para consumo discricionário, diante da menor renda disponível;
  • Reiteramos nossas RD, Assaí e alta renda como nossas preferências;
  • Clique aqui para o relatório completo.

Principais notícias dos setores

Nestas publicações diárias, trazemos as principais notícias nacionais e internacionais dos setores: Financeiro, Varejo (e-commerce, supermercados, lojas de roupa, farmácias, etc.), Agro, Alimentos e Bebidas e Energia (óleo & gás e elétricas).

  • Notícias Diárias do Setor Financeiro
    • Falha no Itaú altera saldo de contas e tira app do ar (Valor);
    • Bancos brasileiros têm exposição irrisória a Rússia e Ucrânia (Valor);
    • Clique aqui para acessar o relatório.
  • Entrega XP: Notícias diárias do setor de varejo
    • Impacto da guerra nos preços e possível corrida ao consumo acende alerta da rede Makro sobre abastecimento (Valor);
    • Impactos dos conflitos na Ucrânia no consumo do Brasil (Mercado e Consumo);
    • Preço do combustível de navegação dispara e deve pressionar frete de cargas (Folha);
    • Clique aqui para acessar o relatório.
  • Agro, Alimentos & Bebidas: confira as principais notícias
    • Preços dos alimentos vão aumentar no país, afirma Tereza Cristina (Valor);
    • Brasil tem estoque de fertilizantes para três meses, diz associação (Estadão);
    • Gripe aviária se espalha pela Espanha (Euromeat);
    • Clique aqui para acessar o relatório completo.
  • Radar Energia XP: Notícias diárias do setor de energia
    • Petróleo fecha em queda de mais de 2% ainda pressionado pelas tensões na Ucrânia. (Valor Econômico);
    • Contrato com concessionária russa para exploração de petróleo no AM segue mesmo com guerra, diz ANP. (G1);
    • Painel solar é item para casa mais desejado no Brasil, diz pesquisa; veja ranking. (IstoÉ Dinheiro);
    • Clique aqui para acessar o relatório.

Mercados

Mudança Extraordinária na Carteira Top Small Caps

  • Devido a uma mudança na recomendação dos nossos analistas em um dos nomes que compõe a carteira Top Small Caps, fizemos uma mudança extraordinária: estamos retirando um nome do setor de commodities e substituindo por um nome do setor de Varejo;
  • Para saber qual foi a mudança e os detalhes, assine o Expert Pass.

Radar Global: Análises das principais empresas e tendências sob o nosso Radar | Amazon abandona lojas físicas

  • Amazon planeja fechar parte de suas lojas físicas;
  • Novo segmento do Uber;
  • Apple suspende venda de produtos na Rússia;
  • Dominância do Bitcoin aumenta no mercado de criptomoedas;
  • Acesse aqui o relatório internacional.

ESG

Conflito Ucrânia e Rússia pode incentivar onda de inovações sustentáveis na agricultura brasileira | Café com ESG, 04/03

  • Na quinta-feira, o Ibov fechou em território neutro, enquanto o ISE teve leve queda de -0,2%;
  • No Brasil, (i) a guerra na Ucrânia pode ser o incentivo decisivo para uma onda de inovações sustentáveis na agricultura brasileira – assim como a dependência do gás russo força os europeus a acelerar a busca por fontes de energia limpas -, uma vez que a perspectiva de interrupções no fornecimento de fertilizantes pode acelerar uma agricultura mais sustentável; e (ii) do lado das empresas, a Ambipar anunciou ontem que a Biofílica Ambipar Environmental assinou uma parceria com a BP Carbon Trading para operar projetos de compensação de carbono de soluções baseadas na natureza (NBS) no Peru;
  • No internacional, os controles rígidos e persistentes nas fronteiras contra a COVID-19 em Hong Kong, à medida que a maioria das outras nações reduz as restrições, tem dificultado a tarefa de atrair especialistas seniores para as instituições financeiras, o que ameaça a ambição de Hong Kong de se tornar um centro de negócios verdes e sustentáveis;
  • Clique aqui para acessar o relatório e começar o dia bem informado com as principais notícias ao redor do Brasil e do mundo quando o tema é ESG.
Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório de análise foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos ou XP”) de acordo com todas as exigências na Resolução CVM 20/2021, tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar sua própria decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto. As informações contidas neste relatório são consideradas válidas na data de sua divulgação e foram obtidas de fontes públicas. A XP Investimentos não se responsabiliza por qualquer decisão tomada pelo cliente com base no presente relatório. Este relatório foi elaborado considerando a classificação de risco dos produtos de modo a gerar resultados de alocação para cada perfil de investidor. O(s) signatário(s) deste relatório declara(m) que as recomendações refletem única e exclusivamente suas análises e opiniões pessoais, que foram produzidas de forma independente, inclusive em relação à XP Investimentos e que estão sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado, e que sua(s) remuneração(es) é(são) indiretamente influenciada por receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela XP Investimentos.

O analista responsável pelo conteúdo deste relatório e pelo cumprimento da Instrução CVM nº 598/18 está indicado acima, sendo que, caso constem a indicação de mais um analista no relatório, o responsável será o primeiro analista credenciado a ser mencionado no relatório. Os analistas da XP Investimentos estão obrigados ao cumprimento de todas as regras previstas no Código de Conduta da APIMEC para o Analista de Valores Mobiliários e na Política de Conduta dos Analistas de Valores Mobiliários da XP Investimentos. O atendimento de nossos clientes é realizado por empregados da XP Investimentos ou por agentes autônomos de investimento que desempenham suas atividades por meio da XP, em conformidade com a ICVM nº 497/2011, os quais encontram-se registrados na Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários – ANCORD. O agente autônomo de investimento não pode realizar consultoria, administração ou gestão de patrimônio de clientes, devendo atuar como intermediário e solicitar autorização prévia do cliente para a realização de qualquer operação no mercado de capitais. Os produtos apresentados neste relatório podem não ser adequados para todos os tipos de cliente. Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor. Este material não sugere qualquer alteração de carteira, mas somente orientação sobre produtos adequados a determinado perfil de investidor. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir num curto espaço de tempo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. As informações presentes neste material são baseadas em simulações e os resultados reais poderão ser significativamente diferentes. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. SAC. 0800 77 20202. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. O custo da operação e a política de cobrança estão definidos nas tabelas de custos operacionais disponibilizadas no site da XP Investimentos: www.xpi.com.br. A XP Investimentos se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste relatório ou seu conteúdo. A Avaliação Técnica e a Avaliação de Fundamentos seguem diferentes metodologias de análise. A Análise Técnica é executada seguindo conceitos como tendência, suporte, resistência, candles, volumes, médias móveis entre outros. Já a Análise Fundamentalista utiliza como informação os resultados divulgados pelas companhias emissoras e suas projeções. Desta forma, as opiniões dos Analistas Fundamentalistas, que buscam os melhores retornos dadas as condições de mercado, o cenário macroeconômico e os eventos específicos da empresa e do setor, podem divergir das opiniões dos Analistas Técnicos, que visam identificar os movimentos mais prováveis dos preços dos ativos, com utilização de “stops” para limitar as possíveis perdas. O investimento em ações é indicado para investidores de perfil moderado e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos Ação é uma fração do capital de uma empresa que é negociada no mercado. É um título de renda variável, ou seja, um investimento no qual a rentabilidade não é preestabelecida, varia conforme as cotações de mercado. O investimento em ações é um investimento de alto risco e os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste material em relação a desempenhos. As condições de mercado, o cenário macroeconômico, os eventos específicos da empresa e do setor podem afetar o desempenho do investimento, podendo resultar até mesmo em significativas perdas patrimoniais. A duração recomendada para o investimento é de médio-longo prazo. Não há quaisquer garantias sobre o patrimônio do cliente neste tipo de produto. O investimento em opções é preferencialmente indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. No mercado de opções, são negociados direitos de compra ou venda de um bem por preço fixado em data futura, devendo o adquirente do direito negociado pagar um prêmio ao vendedor tal como num acordo seguro. As operações com esses derivativos são consideradas de risco muito alto por apresentarem altas relações de risco e retorno e algumas posições apresentarem a possibilidade de perdas superiores ao capital investido. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. O investimento em termos é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. São contratos para compra ou a venda de uma determinada quantidade de ações, a um preço fixado, para liquidação em prazo determinado. O prazo do contrato a Termo é livremente escolhido pelos investidores, obedecendo o prazo mínimo de 16 dias e máximo de 999 dias corridos. O preço será o valor da ação adicionado de uma parcela correspondente aos juros – que são fixados livremente em mercado, em função do prazo do contrato. Toda transação a termo requer um depósito de garantia. Essas garantias são prestadas em duas formas: cobertura ou margem. O investimento em Mercados Futuros embute riscos de perdas patrimoniais significativos, e por isso é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. Commodity é um objeto ou determinante de preço de um contrato futuro ou outro instrumento derivativo, podendo consubstanciar um índice, uma taxa, um valor mobiliário ou produto físico. É um investimento de risco muito alto, que contempla a possibilidade de oscilação de preço devido à utilização de alavancagem financeira. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. As condições de mercado, mudanças climáticas e o cenário macroeconômico podem afetar o desempenho do investimento.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.