XP Expert

Inflação segue pressionando no Brasil e no mundo; Choques de oferta e demanda de energia preocupam globalmente

Tudo o que você precisa saber sobre os mercados nacional e internacional, com análises econômicas e políticas sobre fatos que podem impactar seus investimentos.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

IBOVESPA +0,1% | 110.458 Pontos

CÂMBIO +0,4% | 5,48/USD

O que pode impactar o mercado hoje

O Ibovespa encerrou a terça-feira (05/10) perto da estabilidade subindo 0,1% e encerrando o pregão aos 110.458 pontos mesmo com os mercados internacionais fechando com altas mais robustas. Já o dólar subiu 0,41% e fechou aos R$ 5,48 pressionado pelo possibilidade de subida dos juros nos Estados Unidos.

As taxas futuras de juros encerraram a sessão de ontem em alta, afetadas pelos movimentos do câmbio, Treasuries e petróleo, além das incertezas no cenário doméstico. DI jan/22 fechou em 7,246%; DI jan/24 foi para 9,965%; DI jan/26 encerrou em 10,49%; e DI jan/28 fechou em 10,81%.

No Brasil, o Congresso discute a mudança do imposto estadual (ICMS) sobre os combustíveis com o objetivo de reduzir os preços ao consumidor. A produção industrial de agosto caiu 0,7% em relação ao mês anterior, abaixo das expectativas (0,3%). Apesar da sólida demanda final, os fabricantes relatam dificuldades para aumentar a produção devido à escassez de insumos e componentes. Hoje, o destaque são os números das vendas no varejo, também de agosto.

Bolsas internacionais amanhecem negativas (EUA -1,3% e Europa -2,2%) ao passo que a crise energética global aplica pressões inflacionárias nos países e os juros de 10 anos americano, no patamar de 1,5%, volta a causar a venda generalizada de ações de tecnologia (Nasdaq 100  cai 1,4%). O petróleo amanhece em baixa, mas o gás natural segue o seu ciclo de apreciação, devido à sua oferta reduzida no continente Europeu em meio a alta demanda causada recuperação econômica e início do período de baixas temperaturas no continente. O Bitcoin sofre queda de 1,2% após o Senado dos EUA receber uma nova proposta de lei que prevê a investigação do papel das criptomoedas em golpes de ransomware.

Tensões seguem em alta no Congresso americano. Após reunião interna, democratas reafirmaram nesta terça-feira que não devem suspender o teto da dívida via reconciliation (manobra que permite aprovar matérias por maioria simples no Senado). No entanto, republicanos reafirmam que não devem apoiar a suspensão, já que isso abriria o caminho para o Plano das Famílias Americanas. Nossa expectativa ainda é que o tema seja resolvido até 18 de outubro, no entanto, o risco de default é relevante.

O Google anunciou que pretende se tornar uma empresa carbono zero até 2030, além de prometer que iniciativas como escolher hotéis e passagens aéreas com base no grau de emissão de carbono, optar pelo trajeto que produza menor impacto ambiental e apoiar o crescimento da energia verde de dentro de casa, já poderão fazer parte da rotina dos usuários ainda em 2021.

Tópicos do dia

Economia

  1. Os preços da energia aumentam ainda mais, alimentando a preocupação com a inflação. O impasse sobre o limite da dívida dos EUA continua, poucos dias antes do prazo para inadimplência. No Brasil, o Congresso discute a mudança do imposto estadual sobre os combustíveis com o objetivo de reduzir os preços ao consumidor. Publicamos nosso relatório Brasil Macro Mensal. Elevamos nossa projeção para o IPCA de 21 e 22, e esperamos agora que a taxa Selic chegue a 9,25%

Política

  1. Tensões seguem em alta no Congresso americano em meio a embate pelo teto da dívida
  2. Em paralelo, seguem as negociações entre democratas pelo Plano das Famílias Americanas

Empresas

  1. Vale (VALE3): Vale paralisa produção de cobre no Brasil após incêndio
  2. Data Expert | Sensor Elétrico XP: O risco de racionamento diminui pela primeira vez
  3. Data Expert | Carrinho XP: Se prepare para volatilidade; Buscando abrigo dentro da nossa cobertura
  4. Rede D’Or (RDOR3): Mais uma aquisição; positivo
  5. CCR (CCRO3): CCR Vence Leilão do Aeroporto da Pampulha
  6. Rumo (RAIL3): A Rumo Conduziu Teleconferência para Detalhar o Projeto Lucas do Rio Verde (LRV)
  7. Méliuz (CASH3): Prévia Operacional 3T21; Sólida performance
  8. Principais notícias dos setores

Mercados

  1. XP Monitor: Número de investidores pessoas físicas na Bolsa cresce 23% até agora em 2021
  2. Radar Global: Análises das principais empresas e tendências sob o nosso Radar | Caso do Facebook

ESG

  1. Café com ESG: Conteúdos diários que transformam | 06/10

Veja todos os detalhes

Economia

Os preços da energia aumentam ainda mais, alimentando a preocupação com a inflação. O impasse sobre o limite da dívida dos EUA continua, poucos dias antes do prazo para inadimplência. No Brasil, o Congresso discute a mudança do imposto estadual sobre os combustíveis com o objetivo de reduzir os preços ao consumidor. Publicamos nosso relatório Brasil Macro Mensal. Elevamos nossa projeção para o IPCA de 21 e 22, e esperamos agora que a taxa Selic chegue a 9,25%

  • Os preços da energia continuam em alta, alimentando a preocupação com a inflação global. O petróleo tipo Brent chegou a 83 dólares por barril, e o gás natural subiu mais 1%, acumulando 34% nos últimos 30 dias. O FMI sinalizou que reduzirá sua previsão do PIB global, já que os bancos centrais serão forçados a aumentar as taxas antes do esperado. A taxa de juros dos títulos governamentais estão subindo em vários países e os mercados acionários voltaram a cair;
  • Democratas e republicanos precisam chegar a um acordo nos próximos dias para aumentar o limite da dívida dos EUA a fim de evitar que o país interrompa seus pagamentos correntes. A secretária do Tesouro, Janet Yellen, disse que o país esgotará sua reserva financeira até 18 de outubro;
  • O indicador ISM Serviços dos EUA atingiu 61,9 em setembro, acima das expectativas (59,9). Leituras acima de 50 indicam expansão. O indicador, que tem forte correlação com o PIB dos EUA, sugere que a recuperação econômica dos EUA continua sólida até o momento. Na Europa, no entanto, os números de hoje são menos brilhantes. Os pedidos de fábrica na Alemanha caíram 7,7% em agosto (-2,2% esperado) e as vendas no varejo na zona do euro aumentaram 0,3%, abaixo das expectativas (0,8%);
  • No Brasil, Congresso discute a mudança do ICMS sobre os combustíveis com o objetivo de reduzir os preços ao consumidor. A proposta do presidente da Câmara, Artur Lira inclui usar como base tributária os preços médios dos combustíveis dos últimos 2 anos, ao invés da média dos últimos 15 dias. De acordo com o parlamentar, pode reduzir o preço da gasolina ao consumidor em cerca de 8%;
  • A produção industrial de agosto caiu 0,7% em relação ao mês anterior, abaixo das expectativas (0,3%). Apesar da sólida demanda final, os fabricantes relatam dificuldades para aumentar a produção devido à escassez de insumos e componentes. Hoje, o destaque são os números das vendas no varejo, também de agosto.

Política

Tensões seguem em alta no Congresso americano em meio a embate pelo teto da dívida

  • Tensões seguem em alta no Congresso americano. Após reunião interna, democratas reafirmaram nesta terça-feira (5) que não devem suspender o teto da dívida via reconciliation (manobra que permite aprovar matérias por maioria simples no Senado). No entanto, republicanos reafirmam que não devem apoiar a suspensão, já que isso abriria o caminho para o Plano das Famílias Americanas. Nossa expectativa ainda é que o tema seja resolvido até 18 de outubro, no entanto, o risco de default é relevante;
  • Nesse contexto, Biden considerou que a mudança de regras do Senado seria uma “possibilidade real”. O obstáculo regulamentar para a aprovação de pautas por maioria simples é o filibuster, um recurso para obstruir procedimentos no Senado utilizado pela minoria da Casa. Esse apenas pode ser superado por votação de três quintos da Casa, reconciliation e uma manobra conhecida como a ‘Opção Nuclear’ – uma mudança de regras da Casa, o que requer maioria simples. Consideramos que a alternativa aventada seja uma ferramenta de negociação para pressionar republicanos, especialmente porque não se espera que moderados como Joe Manchin e Krysten Sinema apoiem a medida.

Em paralelo, seguem as negociações entre democratas pelo Plano das Famílias Americanas

  • Em paralelo, seguem as negociações entre democratas pelo Plano das Famílias Americanas. Enquanto a ala mais à esquerda do partido continua pressionando pela aprovação de um projeto de USD 3,5 trilhões, o senador centrista Joe Manchin busca negociar a diluição do pacote. Após defender um pacote de USD 1,5 trilhão na semana passada, afirmou que estaria aberto a negociar um projeto com valor entre USD 1,9 trilhão e USD 2,2 trilhões.

Empresas

Vale (VALE3): Vale paralisa produção de cobre no Brasil após incêndio

  • Em Fato Relevante divulgado ontem (05/out), a Vale anunciou que a produção de cobre na mina do Salobo, no Pará, foi suspensa após um incêndio atingir parcialmente a correia transportadora do ativo. Segundo a Vale, o fogo foi debelado pelas equipes de emergência “sem vítimas e sem danos ambientais”. As causas do incêndio estão sendo investigadas;
  • É importante notar que apesar da produção ter sido suspensa, as demais atividades, incluindo operações de mina e manutenção, prosseguem normalmente. As estimativas preliminares apontam o retorno da produção até o fim deste mês. Em 2020, Salobo produziu 173 mil toneladas de cobre, representando cerca de 50% da produção total de cobre da Vale;
  • A notícia da suspensão de produção na mina do Salobo vem um dia após o anúncio da paralisação da mina de Onça Puma, também no Pará. Segundo a Vale, a paralisação se deu após a Companhia ter sido notificada da suspensão da licença de operação pela Secretaria do Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) por possível descumprimento das condições da autorização. A mina Onça Puma é responsável pela produção de níquel no Brasil, tendo produzindo 16 mil toneladas em 2020 (9% da produção da Vale nesta commodity). A mineradora afirmou que os impactos diretos estimados com a paralisação da mina de Onça Puma ainda estão sendo avaliados;
  • Apesar do noticiário ser negativo, enxergamos limitado impacto nos resultados da Companhia. Em 2020, o EBITDA de Onça Puma e Salobo representaram, respectivamente, 0,4% e 6,2% do EBITDA consolidado da Vale.

Data Expert | Sensor Elétrico XP: O risco de racionamento diminui pela primeira vez

  • O cenário hidrológico em setembro foi melhor que as nossas estimativas, com os níveis dos reservatórios ficando em 29%, impressionantes 7,6p.p. a cima de nossas expectativas, principalmente devido a: (i) 1,8 Gwméd de energia importada (não considerada em nosso modelo); (ii) demanda 4% abaixo do esperado; e (iii) geração hidrelétrica 18% abaixo de nossas expectativas. Por outro lado, a ENA (quantidade de água que chega às hidrelétricas, em unidade de energia) ainda veio 13% abaixo de nossas expectativas, mas não o suficiente para compensar o melhor cenário dos reservatórios. O destaque foi a geração solar, que foi 112% acima de nossas expectativas;
  • Como resultado, atualizamos nossas estimativas e vemos a probabilidade de racionamento nos próximos 12 meses cair para 12,1% de 17,2% no relatório anterior. Em nosso cenário base, não vemos a necessidade de racionamento de energia nos próximos doze meses. Embora estimamos que os reservatórios atinjam níveis baixos históricos (15% em novembro/2021 para o SIN consolidado), há capacidade térmica suficiente para ser utilizada e evitar medidas mais dramáticas. O ponto de ruptura para nosso modelo é se a energia afluente natural média (ENA) ficar abaixo de 59% da média de longo prazo (anteriormente 63%). De acordo com nossos cálculos, a probabilidade de a ENA ficar em 59% ou menos (portanto, de ocorrer racionamento de energia) é de 12,1%;
  • Embora o risco de racionamento tenha diminuído, a menor geração hídrica no Sudeste exige trazer mais energia das regiões Norte e Nordeste, o que coloca mais pressão no sistema de transmissão e exige uma operação com menos backups para atender a demanda de energia. Isso significa que o sistema ficará mais vulnerável à distúrbios como incêndios florestais, tempestades e falhas humanas.
  • Clique aqui para acessar o relatório completo.

Data Expert | Carrinho XP: Se prepare para volatilidade; Buscando abrigo dentro da nossa cobertura

  • Analisamos as crises e eleições passadas para entender o desempenho das ações de varejo e de seus resultados financeiros em momentos de aumento de volatilidade e incerteza.
  • Nomes de alta qualidade com histórico sólido de execução se destacaram, tanto em termos de perspectivas de resultados como de desempenho das ações, supere os seus pares nos momentos desafiadores e também na recuperação. Acreditamos que isso seja atribuído a dois principais motivos: (i) os investidores procuram abrigo em tempos de incerteza, concentram-se em empresas que acreditam que irão atravessar o momento da melhor forma; e (ii ) geralmente um cenário macro mais duro acelera a consolidação do setor, favorecendo empresas mais capitalizados e melhor posicionadas na indústria.
  • Em termos de segmentos, os setores farmacêutico e alimentar destacaram-se como os mais resilientes. Reiteramos Assaí como nossa top pick e Arezzo & Co., Grupo Soma, Natura & Co. e Vivara como nossas preferências no dentro do nosso universo de cobertura. Clique aqui para ver o relatório.

Rede D’Or (RDOR3): Mais uma aquisição; positivo

  • Ontem (05), a Rede D’Or divulgou por fato relevante a aquisição do Hospital Aeroporto, hospital geral no município de Lauro de Freitas (BA), por R$230 milhões (o que equivale a 0,18% do seu valor de mercado);
  • O Hospital Aeroporto possui atualmente 85 leitos, implicando em um múltiplo EV/leito de R$2,7M para a transação. Além disso, a aquisição inclui o imóvel do hospital, o que possibilita uma expansão para até 200 leitos de acordo com a companhia;
  • O EBITDA esperado para os próximos 12 meses é de R$20M, implicando em um EV/EBITDA de 11,5x, mais alto que suas aquisições recentes, que foram negociadas a 6,0x e 5,7x, porém abaixo do múltiplo de 2022 da Rede D’Or, de 18,7x;
  • Assumindo que a capacidade adicional de 115 leitos pode ser feita em 12 meses a um custo de R$1M/leito e que a geração de EBITDA por leito é constante, o hospital estaria gerando R$47M de EBITDA a um EV total de R$345M, traduzindo em um múltiplo de 7,3x ao fim de 2023 (vs. 13,8x da Rede D’Or);
  • Vemos a notícia como positiva, pois fortalece o movimento de consolidação na BA. Com isso, a companhia totaliza 2.075 leitos adquiridos desde outubro de 2020 e supera as estimativas de +1.000 leitos no ano. Reiteramos nossa recomendação de Compra e preço-alvo de R$88/ação para RDOR3.

CCR (CCRO3): CCR Vence Leilão do Aeroporto da Pampulha

  • Realizada hoje na B3, a CCR venceu com sucesso o leilão do Aeroporto da Pampulha, obtendo os direitos de operação do aeroporto por 35 anos.
  • Embora o ativo tenha um tamanho relativamente baixo comparado a CCR como um todo, vemos esse movimento em linha com a estratégia da CCR de desenvolver sua plataforma aeroportuária, ao mesmo tempo em que se beneficia potencialmente das sinergias com o Aeroporto de Belo Horizonte, também operado pela empresa.
  • O leilão: em termos de competição, apenas um outro competidor (Consórcio ASA) ofertou uma outra proposta no leilão, com um outro participante desclassificado antes do processo de licitação.
    • Depois que as empresas fizeram seus lances pela primeira vez, o leilão mudou para um formato de licitação a viva-voz, com a CCR colocando com sucesso sua oferta de R$34 milhões, ultrapassando a oferta da ASA de R$33 milhões (vs. uma outorga mínima de ~R$9,85 milhões, ou ~ 245% de prêmio).
  • O projeto: a concessão tem prazo de 35 anos, enquanto as principais expectativas do governo para o projeto incluem:
    • Receita de longo prazo (2025) de ~R$33 milhões, operando com uma margem EBITDA de ~42%, com investimento total de ~R$150 milhões.
  • Reforçamos nossa visão positiva em relação à CCR, e nossa preferência no setor de concessões rodoviárias, reiterando nosso preço alvo de R$15,60/ação e recomendação de Compra.

Rumo (RAIL3): A Rumo Conduziu Teleconferência para Detalhar o Projeto Lucas do Rio Verde (LRV)

  • Conforme esperado com a assinatura do contrato de autorização para a execução do Projeto LRV pela Rumo há algumas semanas, a empresa realizou uma teleconferência com o mercado para fornecer informações mais detalhadas sobre o projeto
  • Destacamos as seguintes expectativas da empresa:
    • potenciais riscos competitivos limitados decorrentes dos novos pedidos de autorização anunciados recentemente pelo governo federal
      • Ao contrário, a Rumo espera que a versão final do marco regulatório de ferrovias (PL261, atualmente em análise no Senado) beneficie o setor ferroviário e gere oportunidades
    • espaço suficiente no balanço atual da empresa para a execução do forte plano de investimentos (R$9-11 bilhões de capex entre 2023-30E)
      • Em outras palavras, a administração não espera fazer aumento de capital adicional para financiar este projeto
    • a execução do projeto em três etapas deve garantir a evolução gradual da receita (e EBITDA) ao longo do caminho
      • 2023: início do desembolso de capex (mediante expectativa de licenças ambientais serem concedidas até o final do ano 2022)
      • 2024/25: 1º terminal (extensão de 200km) permitindo ~52% dos volumes adicionais totais
      • 2027/28: 2º terminal (extensão de 400km até Nova Mutum/MT) permitindo ~78% dos volumes adicionais totais
      • 2028/29: 3º terminal (extensão de 400km em Lucas do Rio Verde/MT) atingindo ~100% dos volumes adicionais totais
  • Nossos cálculos iniciais indicam alto potencial de criação de valor deste projeto (TIR real alavancada de ~25%)
    • Reiteramos nossa visão positiva sobre a Rumo (RAIL3), apesar do difícil momento operacional de curto prazo devido à quebra da safra de milho no 2S21, e observamos que nosso preço alvo de R$23/ação não inclui o “Projeto LRV”.

Méliuz (CASH3): Prévia Operacional 3T21; Sólida performance

  • A Méliuz divulgou ontem sua prévia operacional 3T21 com uma performance sólida. Os principais destaques foram: i) 20,8 milhões de contas abertas, crescimento de 10% no trimestre e 78% no período; ii) 9,5 milhões de usuários ativos, crescimento de 8% no trimestre e 168% no período; iii) R$ 1,1 bi GMV (ex-aquisições), alta de 26% no trimestre e 72% no período, e R$ 1,4 bi incluindo Picodi e Promobit; e iv) o número recorde de novos compradores em um trimestre;
  • No Méliuz Nota Fiscal, a companhia atingiu 3,6 milhões de ofertas ativadas, um aumento de 237% no trimestre, e 294 mil usuários, um aumento de 50% no trimestre. No Cartão Méliuz, a companhia reduziu o ritmo devido à redução das campanhas pagas de marketing do cartão co-branded e totalizou 7,0 milhões de solicitações, aumento de 16% no trimestre;
  • De modo geral, temos uma visão positiva para o desempenho da prévia operacional 3T21, uma vez que a companhia mostra sinais de capacidade de capturar novos clientes e reter a base ativa. Com isso, reiteramos nossa recomendação de Compra com preço-alvo de R$ 8,0/ação.

Principais notícias dos setores

Nestas publicações diárias, trazemos as principais notícias nacionais e internacionais dos setores: Financeiro, Varejo (e-commerce, supermercados, lojas de roupa, farmácias, etc.), Agro, Alimentos e Bebidas e Energia (óleo & gás e elétricas).

  • Notícias Diárias do Setor Financeiro
    • Brasileiro desconfia de compartilhamento. Pesquisa da Bain&Company mostra que quase 60% relutam em compartilhar seus dados no futuro sistema (Valor);
    • ‘Open insurance’ pode economizar R$ 20 bi para consumidor de seguro. Em cinco anos, o montante vai deixar de entrar no caixa das empresas e permanecer no bolso de clientes devido às inovações e à maior competição (Valor);
    • Clique aqui para acessar o relatório.
  • Entrega XP: Notícias diárias do setor de varejo
    • Magalu lança espaço para varejo de moda no superapp. E terá marca própria (Exame);
    • Amazon vai instalar segundo centro de distribuição em Pernambuco. (Valor);
    • Clique aqui para acessar o relatório.
  • Agro, Alimentos & Bebidas: confira as principais notícias
    • Carne bovina: embargo chinês deve durar mais 20 dias (PecSite);
    • Em mês de recuo disseminado da indústria, produção de bebidas alcoólicas cai 12,1% (Guia da Cerveja);
    • Clique aqui para acessar o relatório completo.
  • Radar Energia XP: Notícias diárias do setor de energia
    • Aneel confirma leilão ‘antiapagão’ dia 25 deste mês (Valor Econômico);
    • o Leilões do petróleo põem em risco patrimônios ambientais (Valor Econômico);
    • Petróleo fecha em alta de mais de 1,5%; WTI tem maior valor desde outubro de 2014 (Valor Econômico);

Mercados

XP Monitor: Número de investidores pessoas físicas na Bolsa cresce 23% até agora em 2021

  • O número de investidores pessoas físicas (PFs) na Bolsa aumentou +1,3% em setembro quando comparado a agosto, atingindo 3.970.384 investidores;
  • A maioria dos investidores se encontram na faixa etária de 26 a 35 anos, que correspondem em 32,1%. Continuando a tendência vista desde 2013, dados mais antigos disponibilizados, as pessoas estão começando a investir cada vez mais jovens;
  • Há uma concentração de investidores no Sudeste do país. Os estados de SP, RJ e MG juntos possuem 58,6% do total de investimentos, 41,6 p.p. à frente de PR, RS e SC somados (16,9%);
  • Por fim, apesar da representatividade de mulheres na Bolsa ser ainda pequena, em 28,0% no último mês, sua taxa de crescimento é mais acelerada do que a de investidores homens. O número de mulheres aumentou +31,0% desde 2020, em comparação com +20,1% de homens no mesmo período;
  • Clique aqui para o relatório completo.

Radar Global: Análises das principais empresas e tendências sob o nosso Radar | Caso do Facebook

  • Taiwan anuncia que a ajuda da Malásia é necessária para a resolução da escassez global de semicondutores automotivos;
  • Ex-funcionária do Facebook veio a público testemunhar contra o comportamento da gigante de tecnologia perante os seus usuários;
  • A GM informou que irá abrir um centro de pesquisa e desenvolvimento de células de bateria nos EUA com o intuito de aumentar a autonomia e reduzir o custo dos seus veículos elétricos;
  • Ações de tecnologia lideram com as maiores quedas no índice S&P 500, segundo gráfico da Bespoke.
  • Acesse aqui o relatório internacional.

ESG

Café com ESG: Conteúdos diários que transformam | 06/10

  • O Ibov encerrou o pregão de terça-feira em território positivo e em leve alta de +0,05%, enquanto o ISE, em leve queda de -0,08%;
  • No Brasil, (i) uma pesquisa feita pela Grant Thornton, Fundação Dom Cabral e XP com 167 companhias de capital aberto mostrou que a agenda ESG está em alta, entretanto, as principais empresas do país avançam nessa frente não apenas por vontade própria, mas também por pressão de outras partes interessadas; e (ii) Roberto Costa, conselheiro do Centro Brasileiro de Relações Internacionais, afirmou ontem que o investidor estrangeiro é a principal força motriz da evolução da governança nas empresas brasileiras, principalmente porque a internacionalização dos mercados cria uma necessidade de padronização nas práticas corporativas, que precisam atender às demandas dos acionistas e stakeholders;
  • No internacional, o Google anunciou que pretende se tornar uma empresa carbono zero até 2030, além de prometer que iniciativas como escolher hotéis e passagens aéreas com base no grau de emissão de carbono, optar pelo trajeto que produza menor impacto ambiental e apoiar o crescimento da energia verde de dentro de casa, já poderão fazer parte da rotina dos usuários ainda em 2021. Clique aqui para acessar o relatório e começar o dia bem informado com as principais notícias ao redor do Brasil e do mundo quando o tema é ESG.
Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório de análise foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos ou XP”) de acordo com todas as exigências na Resolução CVM 20/2021, tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar sua própria decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto. As informações contidas neste relatório são consideradas válidas na data de sua divulgação e foram obtidas de fontes públicas. A XP Investimentos não se responsabiliza por qualquer decisão tomada pelo cliente com base no presente relatório. Este relatório foi elaborado considerando a classificação de risco dos produtos de modo a gerar resultados de alocação para cada perfil de investidor. O(s) signatário(s) deste relatório declara(m) que as recomendações refletem única e exclusivamente suas análises e opiniões pessoais, que foram produzidas de forma independente, inclusive em relação à XP Investimentos e que estão sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado, e que sua(s) remuneração(es) é(são) indiretamente influenciada por receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela XP Investimentos.

O analista responsável pelo conteúdo deste relatório e pelo cumprimento da Instrução CVM nº 598/18 está indicado acima, sendo que, caso constem a indicação de mais um analista no relatório, o responsável será o primeiro analista credenciado a ser mencionado no relatório. Os analistas da XP Investimentos estão obrigados ao cumprimento de todas as regras previstas no Código de Conduta da APIMEC para o Analista de Valores Mobiliários e na Política de Conduta dos Analistas de Valores Mobiliários da XP Investimentos. O atendimento de nossos clientes é realizado por empregados da XP Investimentos ou por agentes autônomos de investimento que desempenham suas atividades por meio da XP, em conformidade com a ICVM nº 497/2011, os quais encontram-se registrados na Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários – ANCORD. O agente autônomo de investimento não pode realizar consultoria, administração ou gestão de patrimônio de clientes, devendo atuar como intermediário e solicitar autorização prévia do cliente para a realização de qualquer operação no mercado de capitais. Os produtos apresentados neste relatório podem não ser adequados para todos os tipos de cliente. Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor. Este material não sugere qualquer alteração de carteira, mas somente orientação sobre produtos adequados a determinado perfil de investidor. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir num curto espaço de tempo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. As informações presentes neste material são baseadas em simulações e os resultados reais poderão ser significativamente diferentes. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. SAC. 0800 77 20202. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. O custo da operação e a política de cobrança estão definidos nas tabelas de custos operacionais disponibilizadas no site da XP Investimentos: www.xpi.com.br. A XP Investimentos se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste relatório ou seu conteúdo. A Avaliação Técnica e a Avaliação de Fundamentos seguem diferentes metodologias de análise. A Análise Técnica é executada seguindo conceitos como tendência, suporte, resistência, candles, volumes, médias móveis entre outros. Já a Análise Fundamentalista utiliza como informação os resultados divulgados pelas companhias emissoras e suas projeções. Desta forma, as opiniões dos Analistas Fundamentalistas, que buscam os melhores retornos dadas as condições de mercado, o cenário macroeconômico e os eventos específicos da empresa e do setor, podem divergir das opiniões dos Analistas Técnicos, que visam identificar os movimentos mais prováveis dos preços dos ativos, com utilização de “stops” para limitar as possíveis perdas. O investimento em ações é indicado para investidores de perfil moderado e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos Ação é uma fração do capital de uma empresa que é negociada no mercado. É um título de renda variável, ou seja, um investimento no qual a rentabilidade não é preestabelecida, varia conforme as cotações de mercado. O investimento em ações é um investimento de alto risco e os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste material em relação a desempenhos. As condições de mercado, o cenário macroeconômico, os eventos específicos da empresa e do setor podem afetar o desempenho do investimento, podendo resultar até mesmo em significativas perdas patrimoniais. A duração recomendada para o investimento é de médio-longo prazo. Não há quaisquer garantias sobre o patrimônio do cliente neste tipo de produto. O investimento em opções é preferencialmente indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. No mercado de opções, são negociados direitos de compra ou venda de um bem por preço fixado em data futura, devendo o adquirente do direito negociado pagar um prêmio ao vendedor tal como num acordo seguro. As operações com esses derivativos são consideradas de risco muito alto por apresentarem altas relações de risco e retorno e algumas posições apresentarem a possibilidade de perdas superiores ao capital investido. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. O investimento em termos é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. São contratos para compra ou a venda de uma determinada quantidade de ações, a um preço fixado, para liquidação em prazo determinado. O prazo do contrato a Termo é livremente escolhido pelos investidores, obedecendo o prazo mínimo de 16 dias e máximo de 999 dias corridos. O preço será o valor da ação adicionado de uma parcela correspondente aos juros – que são fixados livremente em mercado, em função do prazo do contrato. Toda transação a termo requer um depósito de garantia. Essas garantias são prestadas em duas formas: cobertura ou margem. O investimento em Mercados Futuros embute riscos de perdas patrimoniais significativos, e por isso é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. Commodity é um objeto ou determinante de preço de um contrato futuro ou outro instrumento derivativo, podendo consubstanciar um índice, uma taxa, um valor mobiliário ou produto físico. É um investimento de risco muito alto, que contempla a possibilidade de oscilação de preço devido à utilização de alavancagem financeira. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. As condições de mercado, mudanças climáticas e o cenário macroeconômico podem afetar o desempenho do investimento.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.