Conheça os Impactos do Coronavírus em seus Fundos Imobiliários

Esse relatório tem o objetivo de destacar os principais fatos divulgados pelos fundos imobiliários nas últimas semanas.


Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

O Brasil e o mundo enfrentam uma crise inédita que envolve tanto a área da saúde como a economia. O coronavírus deve impactar diversos setores da economia como o setor imobiliário e, consequentemente, os fundos imobiliários. Em nossa visão, a crise eventualmente terá um final e, assim, continuamos otimistas com a recuperação do segmento imobiliário brasileiro no médio e longo prazo.

Em razão do agravamento do contágio e da severidade das medidas para conter o vírus como quarentena e isolamento social, o cenário econômico vem mudando diariamente devido ao fluxo de notícias e novas informações como as medidas governamentais para conter os impactos na economia, a duração do tempo de quarentena e a magnitude desses impactos.

A velocidade dessas mudanças e a grande gama de informações e fatos relevantes publicados pelos fundos imobiliários podem, muitas vezes, deixar o investidor perdido sobre os impactos em seus investimentos. Sabendo disso, esse relatório tem o objetivo de destacar todos os principais fatos relacionados ao coronavírus nas últimas semanas. Adicionalmente, destacamos que os gestores dos fundos imobiliários tem tomado papel ativo para comunicar seus investidores sobre o panorama dos fundos imobiliários e os impactos do coronavírus em seus fundos.

Dado os impactos do coronavírus, alguns fundos anunciaram mudanças em suas políticas de pagamento de dividendos. Essas alterações vão de redução à suspensão dos pagamentos mensais para um único pagamento no final do semestre como é o caso do XPML11, ABCP11, SHPH11, FVPQ11, VSHO11, entre outros.


Dia 04/04/2020 – 17/04/2020

Fatos Relevantes

PQDP11: O fundo anuncia a suspensão da distribuição mensal de dividendos.

FLRP11: O fundo anunciou medidas a respeito do aluguel minimo e condomínio.

XPHT11: O fundo anunciou suspensão das atividades do hotel Ibis Budget Curitiba Aero

ALZR11: O fundo anunciou que 80% das suas receitas foram pagos nas respectivas datas de vencimento

SDIL11: Devido ao cancelamento da 5ª emissão de cotas, o contrato de aquisição do imóvel de Jundiaí foi suspenso.

Relatórios Publicados

Dia 01/04/2020 – 04/04/2020

Fatos Relevantes

XPHT11: O fundo anunciou suspensão das atividades do hotel Ibis Barra Funda

RBGS11: O fundo anuncia restrição do funcionamento do Shopping Sulacap.

Dia 30/03/2020 – 31/03/2020

Fatos Relevantes

VISC11: Fechamento de todos os shoppings em seu portfólio. Anuncia a distribuição referente ao resultado financeiro do fundo.

RBGS11: O fundo anuncia o não pagamento mensal de dividendos.

VSHO11: O fundo anuncia medidas tomadas para limitar os impactos do coronavírus e também anuncia a suspensão do pagamento mensal de dividendos

CPTS11B: 6ª Emissão de cotas alterada. Novas datas divugadas em maio.

XPLG11: Pedido de revogação da 4ª Emissão de cotas


Dia 26/03/2020 – 27/03/2020

Fatos Relevantes

FLMA11: Hotel Pullman Vila Olimpia suspende as atividades

XPHT11: suspensão das atividades do hotel Budget Paraíso. Somente os hotéis Pullman Ibirapuera, Ibis São Paulo Barra Funda e Ibis Budget Curitiba Aero seguem em funcionamento.

XPHT11: A gestora comunica a extensão do cronograma inicialmente proposta para a Oferta em decorrência dos impactos do COVID-19


Dia 24/03/2020 – 25/03/2020

Fatos Relevantes

FIGS11: Suspensão temporária das atividades dos shoppings

XPML11: Pagamento antecipado de CRI referente a aquisição dos shoppings Cidade Jardim e Catarina Fashion Outlet no valor de R$40 milhões

VISC11: Fechamento de todos os shoppings em seu portfólio. Anuncia a distribuição referente ao resultado financeiro do fundo.

TBOF11: Em razão da suspensão no expediente dos órgãos da administração pública e jurídica, a resolução dos passivos se encontram pendentes

SCPF11: Suspensão dos shoppings pelo prazo de 15 dias

CPTS11B: 6ª Emissão de cotas alterada. Novas datas divugadas em maio.

XPLG11: Pedido de revogação da 4ª Emissão de cotas

ABCP11: O fundo anunciou suspensão temporária de pagamento mensal de dividendos para um pagamento semestral.

SHPH11: O fundo anunciou suspensão temporária de pagamento mensal de dividendos para um pagamento semestral.

FVPQ11: O fundo anunciou suspensão temporária de pagamento mensal de dividendos para um pagamento semestral.


Dia 23/03/2020

Fatos Relevantes

VISC11: Fechamento de todos os shoppings em seu portfólio. Anuncia a distribuição referente ao resultado financeiro do fundo.

CPTS11B: 6ª Emissão de cotas alterada. Novas datas divugadas em maio.

XPLG11: Pedido de revogação da 4ª Emissão de cotas


Dia 20/03/2020

Fatos Relevantes

HSML11: Fechamento do Shopping Via Verde (Acre) e Pátio Maceió (Alagoas)

XPHT11: Somente os hotéis Ibis Budget Curitiba, Pullman Ibirapuera, Ibis Budget Paraíso e Ibis Barra Funda continuam em operação, ainda que com baixa vacância

VSHO11: Shoppings Bay Market, Valinhos e Hortolândia com atividades suspensas


Dia 19/03/2020

Fatos Relevantes

HGBS11: Suspensão temporária das atividades dos shoppings: Shopping Penha, West Plaza, Parque Dom Pedro, Mooca Plaza, São Bernardo Plaza, Shopping Villa Lobos, Shopping Jardim Sul, Santana Parque, Grand Plaza, Via Parque e Floripa Shopping.

BPML11: Redução do horário de funcionamento e fechamento provisório de parte do portfólio

MALL11: Suspensão das atividades dos shoppings em SP e RJ. 100% do NOI será distribuído aos cotistas

JRDM11: Shopping Jardim Sul fechado temporariamente

HMOC11: Shopping Praça da Moça com atividades suspensas

ELDO11B: Shopping Eldorado SP com atividades supensas

ABCP11: Grand Plaza: Shopping Grand Plaza suspende atividades

SHPH11: Pátio Higienópolis com funcionamento parcial


Dia 18/03/2020

Fatos Relevantes

HSML11: Fechamento do Shopping Granja Vianna e Shopping Osasco

XPML11: Fechamento de parte do seu portfólio de shoppings e mudança da política de pagamento de dividendos de mensal para um pagamento no final do semestre.

VISC11: Shoppings do portfólio com horário Reduzido

HGBS11: Shopping Praça da Moça, Paque Dom Pedro, Atrium St. André, West Plaza, Tivoli, Goiabeiras, Suzano, Fashion Outlet Novo Hamburgo com horário reduzido

FVPQ11: Via Parque Shopping com atividades suspensas

SDIL11: Cancelamento da 5ª Oferta de Emissão de Cotas

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

BM&F Bovespa Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.