XP Expert

Novos estímulos na China impulsionam mercados

Tudo o que você precisa saber sobre os mercados nacional e internacional, com análises econômicas e políticas sobre fatos que podem impactar seus investimentos.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail
Clique para ouvir

IBOVESPA -1,1% | 114.381 Pontos

CÂMBIO -1,4% | 4,29/USD

O que pode impactar o mercado hoje

Após uma semana volátil, mas ligeiramente positiva para o Ibovespa (veja aqui), mercados internacionais iniciam a segunda-feira no campo positivo. Bolsas na China fecharam em forte alta, enquanto Europa e futuros nos EUA seguem de lado em meio ao feriado nacional para homenagear o Dia dos Presidentes americanos hoje. Na sexta-feira passada, pela primeira vez em 4 semanas, a bolsa americana fechou em território positivo, atingindo nova máxima histórica em 3.380 pontos, com destaque para as ações de empresas de crescimento versus aquelas de valuation atrativo.

O Banco do Povo da China (PBoC) reduziu hoje o juro de uma linha de crédito de médio prazo, que oferece empréstimos de um ano, de 3,25% para 3,15%, a fim de injetar liquidez no sistema financeiro para ajudar a economia a contornar a epidemia de coronavírus. A decisão pode abrir caminho para o PBoC cortar os juros de suas principais taxas de referência, que serão redefinidas na noite de quarta-feira (19).

Com relação ao coronavírus, segundo a China Global Television Network (CGTN), o número de casos confirmados soma 71.220 com 1.767 mortes na China. Vale ressaltar que os dados do último domingo confirmaram a tendência de redução do número de novos casos no país.

No Brasil, a equipe econômica decidiu segurar a aprovação de novos concursos públicos até que a reforma administrativa seja aprovada. Como um grande número de pedidos de aposentadoria está previsto para acontecer neste e nos próximos anos, a ideia do governo é que as próprias categorias aceitem a reforma, para que possam voltar a contar com a criação de novas vagas. De acordo com o presidente Jair Bolsonaro, a reforma deve ser enviada ao Congresso Nacional nas próximas semanas.

Na agenda de indicadores econômicos, os destaques da semana serão o IPCA-15 de fevereiro, que será divulgado na próxima quinta-feira, e os dados do mercado de trabalho formal brasileiro. Os indicadores devem trazer sinalizações adicionais quanto ao que podemos esperar das próximas decisões de juros do BC. Por enquanto, continuamos acreditando que a taxa Selic será mantida em 4,25% ao ano até o primeiro trimestre de 2021, mas que o mercado provavelmente pressionará por um corte extra de 0,25% no curto prazo se a inflação continuar bem ancorada e a atividade econômica continuar desacelerando.

No campo corporativo, a temporada de resultados do quarto trimestre de 2019 ganha força nesta semana com cerca de 30 balanços, em especial a Vale (VALE3), Magazine Luiza (MGLU3). Ainda no tema de resultados, a Cosan divulgou os números do 4T19. Temos uma avaliação ligeiramente negativa dos resultados, dado que o EBITDA ajustado não atingiu nossa estimativa nem a do consenso. Por outro lado, temos uma avaliação positiva dos resultados de algumas divisões como Raízen Combustíveis Brasil e Raízen Argentina (acesse aqui). Mantemos nossa recomendação de Compra nas ações da Cosan (CSAN3), com preço-alvo de R$83/ação.

Por fim, o Grupo Carrefour Brasil (CRFB3) anunciou a aquisição de 30 lojas e 14 postos de combustível do Makro Atacadista por R$ 1,95 bilhão. Esperamos uma reação levemente positiva para as ações do Carrefour, dado que estimamos um impacto relativamente pequeno no lucro líquido da companhia. Publicamos nesta manhã um relatório com a análise completa da transação (acesse aqui).

Tópicos do dia

Temporada de resultados do 4º trimestre

CCP (CCPR3): após o fechamento
Multiplan (MULT3): após o fechamento

Clique aqui para acessar o calendário completo
Clique aqui para acessar nossa visão sobre a temporada de resultados

Brasil

  1. Concursos públicos só voltarão a acontecer depois que a reforma administrativa for aprovada
  2. Mercado reduz sua projeção de PIB para 2,23% em 2020

Internacional

  1. Política Internacional: França registra primeira morte pelo coronavírus

Empresas

  1. Cosan (CSAN3): Resultado do 4T19: Abaixo do esperado como um todo, mas com sinais positivos em algumas divisões; Mantemos compra
  2. Frigoríficos (JBSS3, MRFG3, BRFS3): coronavírus teria forçado abate massivo de frangos na China
  3. Ambev (ABEV3): preço da cerveja no carnaval de rua de São Paulo sobe 20% em 2020
  4. Minério de ferro: Últimos acontecimentos reforçam o risco de alta para a commodity
  5. Aéreas (GOLL4, AZUL4): Ministério da Infraestrutura termina pacote de redução de custos para as companhias aéreas
  6. brMalls (BRML3): aumento de participação no shopping Piracicaba por R$ 202,3 milhões
  7. BRF (BRFS3): Sauditas teriam suspendido compra de frango de plantas da BRF no Paraná

Renda Fixa

  1. Resumo semanal sobre o Tesouro Direto

Veja todos os detalhes

Brasil

Concursos públicos só voltarão a acontecer depois que a reforma administrativa for aprovada

  • De acordo com o Estadão, a equipe econômica decidiu segurar a aprovação de novos concursos públicos até que a reforma administrativa seja aprovada;
  • Como um grande número de pedidos de aposentadoria está previsto para acontecer neste e nos próximos anos, a ideia do governo é que as próprias categorias aceitem a reforma, para que possam voltar a contar com a criação de novas vagas;
  • O presidente Jair Bolsonaro garantiu que enviará a reforma ao Congresso Nacional nas próximas semanas. E o secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, afirmou que o importante é que a reforma seja de fato aprovada antes de se começar a fazer concursos públicos novamente, uma vez que as regras da reforma devem valer apenas para os novos funcionários.

Mercado reduz sua projeção de PIB para 2,23% em 2020

  • O mercado reduziu marginalmente sua projeção de inflação para 2020 de 3,25% para 3,22%. Para 2021, a projeção permaneceu estável em 3,75%;
  • A projeção de PIB para 2020 passou de 2,30% para 2,23% e para 2021 permaneceu estável em 2,50%;
  • A projeção da taxa de câmbio permaneceu estável em 4,10 para 2020, mas passou de 4,10 para 4,11 para 2021. Enquanto isso, a projeção da taxa Selic permaneceu estável em 4,25% para 2020 e em 6,00% para 2021. Clique aqui para acessar a análise completa.

Internacional

Política Internacional: França registra primeira morte pelo coronavírus

  • A França confirmou a primeira morte pelo coronavírus. O país tem 11 casos confirmados e são outros 35 no resto da Europa. Segundo a OMS, há 51.857 casos confirmados no mundo e 1669 mortes. Já a China, que tem dados mais atualizados, registra 70.548 casos e 1.770 mortes;
  • Por outro lado, 3000 passageiros começaram a ser evacuados do cruzeiro Diamond Princess, o maior ponto de concentração em número de infectados fora da China, aumentando o risco de contágio no mundo. Neste sábado (15), uma mulher foi diagnosticada na Malásia após receber alta para evacuar.

Empresas

Cosan (CSAN3): Resultado do 4T19: Abaixo do esperado como um todo, mas com sinais positivos em algumas divisões; Mantemos compra

  • Em 14 de fevereiro, a Cosan divulgou os resultados do 4T19. Temos uma avaliação ligeiramente negativa dos resultados, dado que o EBITDA ajustado não atingiu nossa estimativa nem a do consenso. Por outro  lado, temos uma avaliação positiva dos resultados de algumas divisões como Raízen Combustíveis Brasil e Raízen Argentina;
  • Além disso, a Cosan divulgou ao mercado suas projeções de resultados para o ano de 2020. Mantemos nossa recomendação de Compra nas ações da Cosan (CSAN3), com preço-alvo de R$83/ação;
  • Clique aqui para acessar a análise completa dos resultados em nossa plataforma.

Ambev (ABEV3): preço da cerveja no carnaval de rua de São Paulo sobe 20% em 2020

  • Segundo O Globo, o preço da cerveja do carnaval de São Paulo será 20% mais alto em 2020, de acordo com o material gráfico distribuído pela Ambev para os vendedores ambulantes que trabalharão nos blocos de rua este ano;
  • Vale lembrar que a Ambev é a patrocinadora oficial da folia de rua da cidade, tendo pago R$ 21,9 milhões à Prefeitura de São Paulo para tanto. Consequentemente, a empresa tem a exclusividade de venda de cervejas durante os cortejos: os 12 mil vendedores ambulantes cadastrados são proibidos de vender outra marca que não seja da empresa (Skol, Budweiser, Stella Artois);
  • De acordo com a tabela da empresa, três cervejas de 269ml da marca Skol serão vendidas pelos ambulantes pelo valor de R$ 12. Em 2019, as mesmas três latas eram vendidas nos blocos pelo valor de R$ 10. O aumento de R$ 2 em 2020 é superior à inflação acumulada no ano passado.

Frigoríficos (JBSS3, MRFG3, BRFS3): coronavírus teria forçado abate massivo de frangos na China

  • Segundo o Financial Times, a China teria começado a importar frangos vivos procedentes dos Estados Unidos devido ao abate massivo de aves que o coronavírus estaria impondo ao país. Fazendeiros teriam abatido pelo menos 100 milhões de aves devido às restrições de viagem no país, que impedem a chegada de ração às fazendas. Vale ressaltar que esse valor representa apenas cerca de 1% da produção anual chinesa de 9,3 bilhões de aves, mas a tendência é que o ritmo de abate aumente caso as restrições se mantenham;
  • Várias cidades também teriam banido o envio de longa distância de animais vivos, devido a receios de contágio pelo vírus. Tal medida abala a cadeia tradicional de aves na China, cujas grandes granjas dependem das aves jovens enviadas por incubadoras situadas em outras partes do país;
  • Trata-se de mais um agravante para a situação de escassez de proteína no país, cujo estopim foi a Peste Suína Africana e o abate massivo de suínos ao longo dos últimos dois anos, resultando em uma redução de 40% do rebanho chinês em 2019.

Minério de ferro: Últimos acontecimentos reforçam o risco de alta para a commodity

  1. Minério de ferro abriu em alta essa semana (US$88/t; +1.5%) após anúncio de mais estímulos por parte do governo chinês. O Banco Central do país reduziu o juro de crédito de médio prazo para 3,15% (de 3,25% anteriormente);
  2. A Rio Tinto revisou a sua estimativa de produção para 2020 após a passagem do ciclone Damien. A companhia espera agora produzir entre 324-334 milhões de toneladas vs. 330-343mi tons anteriormente;
  3. Impactos do coronavirus: de acordo com a Bloomberg, a dona da Mysteel.com (Shanghai Ganglian E-Commerce Holdings) divulgou uma pesquisa com empresas relacionadas à commodities da China. O levantamento foi feito com 1.668 empresas e 68% disseram ser capazes de retomar a produção em março, enquanto 30% disseram não ter uma estimativa e ainda estão avaliando os impactos.

Aéreas (GOLL4, AZUL4): Ministério da Infraestrutura termina pacote de redução de custos para as companhias aéreas

  • Segundo o Valor Econômico, o Ministério da Infraestrutura acertou os últimos detalhes de um pacote de medidas, que deverá entrar em vigor em 2021, que irá zerar os tributos federais sobre o combustível de aviação, além de acabar com o adicional da tarifa de embarque em voos internacionais, objetivo é convencer empresas estrangeiras a se instalarem no país. O fim dos tributos sobre o combustível deve ser feito por meio de decreto, enquanto o fim do adicional da tarifa de embarque internacional será feito em forma de Medida Provisória, em paralelo;
  • A redução do imposto sobre combustível de aviação deverá ter impacto positivo para o setor, dado que custos com combustível representam 30%-40% dos custos totais. Em relação à competição, não esperamos ameaça de curto prazo. O setor tem outros mecanismos regulatórios que tornam a carga de custos superior se comparada com as práticas internacionais. Ainda assim, a entrada de novas companhias será monitorada.

brMalls (BRML3): aumento de participação no shopping Piracicaba por R$ 202,3 milhões

  • A brMalls anunciou na noite de sexta-feira (14) a aquisição, por R$ 202,3 milhões, de 38,4% da ABL do shopping Piracicaba, o qual a empresa já detinha 36,9% de participação. Com a transação, a empresa passou a ter uma participação total de 75,3% no ativo. A transação foi feita a múltiplo de 9,2% (múltiplo ‘cap rate’, que mede a razão entre o resultado operacional e o valor da aquisição. O racional é que quanto mais alto, mais “barata” a aquisição feita em termos financeiros;
  • Apesar de se tratar de uma transação relativamente pequena (~1,2% do valor de mercado da brMalls), a aquisição está alinhada com a estratégia da companhia de fortalecer seu portfólio e aumentar a participação em ativos dominantes, por isso a avaliamos como positiva.

BRF (BRFS3): Sauditas teriam suspendido compra de frango de plantas da BRF no Paraná

  • A Autoridade Saudita para Alimentos e Medicamentos (SFDA) anunciou a suspensão da autorização para exportar ao seu mercado de duas fábricas da BRF no Paraná: as unidades de Dois Vizinhos e Francisco Beltrão, responsáveis por 20% do produto exportado pelo Brasil ao país árabe;
  • O diretor-executivo da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Ricardo Santin, afirmou que ainda não se sabe porque a Autoridade Saudita tomou tal medida, mas medidas já estão sendo tomadas, inclusive uma reunião entre as autoridades locais e o embaixador brasileiro em Riad;
  • A BRF, que recentemente anunciou a construção de uma nova planta na Arábia Saudita, ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Renda Fixa

Resumo semanal sobre o Tesouro Direto

  • Na semana anterior, todos os títulos apresentaram valorização, como resultado de fechamento da curva DI futuro;
  • O mercado continua esperando Selic em patamares baixos por mais tempo, reforçado por comentários do Banco Central e visão de inflação comportada. Para maiores detalhes, acesse nosso relatório aqui.
XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório de análise foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos ou XP”) de acordo com todas as exigências na Resolução CVM 20/2021, tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar sua própria decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto. As informações contidas neste relatório são consideradas válidas na data de sua divulgação e foram obtidas de fontes públicas. A XP Investimentos não se responsabiliza por qualquer decisão tomada pelo cliente com base no presente relatório. Este relatório foi elaborado considerando a classificação de risco dos produtos de modo a gerar resultados de alocação para cada perfil de investidor. O(s) signatário(s) deste relatório declara(m) que as recomendações refletem única e exclusivamente suas análises e opiniões pessoais, que foram produzidas de forma independente, inclusive em relação à XP Investimentos e que estão sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado, e que sua(s) remuneração(es) é(são) indiretamente influenciada por receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela XP Investimentos.

O analista responsável pelo conteúdo deste relatório e pelo cumprimento da Instrução CVM nº 598/18 está indicado acima, sendo que, caso constem a indicação de mais um analista no relatório, o responsável será o primeiro analista credenciado a ser mencionado no relatório. Os analistas da XP Investimentos estão obrigados ao cumprimento de todas as regras previstas no Código de Conduta da APIMEC para o Analista de Valores Mobiliários e na Política de Conduta dos Analistas de Valores Mobiliários da XP Investimentos. O atendimento de nossos clientes é realizado por empregados da XP Investimentos ou por agentes autônomos de investimento que desempenham suas atividades por meio da XP, em conformidade com a ICVM nº 497/2011, os quais encontram-se registrados na Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários – ANCORD. O agente autônomo de investimento não pode realizar consultoria, administração ou gestão de patrimônio de clientes, devendo atuar como intermediário e solicitar autorização prévia do cliente para a realização de qualquer operação no mercado de capitais. Os produtos apresentados neste relatório podem não ser adequados para todos os tipos de cliente. Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor. Este material não sugere qualquer alteração de carteira, mas somente orientação sobre produtos adequados a determinado perfil de investidor. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir num curto espaço de tempo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. As informações presentes neste material são baseadas em simulações e os resultados reais poderão ser significativamente diferentes. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. SAC. 0800 77 20202. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. O custo da operação e a política de cobrança estão definidos nas tabelas de custos operacionais disponibilizadas no site da XP Investimentos: www.xpi.com.br. A XP Investimentos se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste relatório ou seu conteúdo. A Avaliação Técnica e a Avaliação de Fundamentos seguem diferentes metodologias de análise. A Análise Técnica é executada seguindo conceitos como tendência, suporte, resistência, candles, volumes, médias móveis entre outros. Já a Análise Fundamentalista utiliza como informação os resultados divulgados pelas companhias emissoras e suas projeções. Desta forma, as opiniões dos Analistas Fundamentalistas, que buscam os melhores retornos dadas as condições de mercado, o cenário macroeconômico e os eventos específicos da empresa e do setor, podem divergir das opiniões dos Analistas Técnicos, que visam identificar os movimentos mais prováveis dos preços dos ativos, com utilização de “stops” para limitar as possíveis perdas. O investimento em ações é indicado para investidores de perfil moderado e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos Ação é uma fração do capital de uma empresa que é negociada no mercado. É um título de renda variável, ou seja, um investimento no qual a rentabilidade não é preestabelecida, varia conforme as cotações de mercado. O investimento em ações é um investimento de alto risco e os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste material em relação a desempenhos. As condições de mercado, o cenário macroeconômico, os eventos específicos da empresa e do setor podem afetar o desempenho do investimento, podendo resultar até mesmo em significativas perdas patrimoniais. A duração recomendada para o investimento é de médio-longo prazo. Não há quaisquer garantias sobre o patrimônio do cliente neste tipo de produto. O investimento em opções é preferencialmente indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. No mercado de opções, são negociados direitos de compra ou venda de um bem por preço fixado em data futura, devendo o adquirente do direito negociado pagar um prêmio ao vendedor tal como num acordo seguro. As operações com esses derivativos são consideradas de risco muito alto por apresentarem altas relações de risco e retorno e algumas posições apresentarem a possibilidade de perdas superiores ao capital investido. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. O investimento em termos é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. São contratos para compra ou a venda de uma determinada quantidade de ações, a um preço fixado, para liquidação em prazo determinado. O prazo do contrato a Termo é livremente escolhido pelos investidores, obedecendo o prazo mínimo de 16 dias e máximo de 999 dias corridos. O preço será o valor da ação adicionado de uma parcela correspondente aos juros – que são fixados livremente em mercado, em função do prazo do contrato. Toda transação a termo requer um depósito de garantia. Essas garantias são prestadas em duas formas: cobertura ou margem. O investimento em Mercados Futuros embute riscos de perdas patrimoniais significativos, e por isso é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. Commodity é um objeto ou determinante de preço de um contrato futuro ou outro instrumento derivativo, podendo consubstanciar um índice, uma taxa, um valor mobiliário ou produto físico. É um investimento de risco muito alto, que contempla a possibilidade de oscilação de preço devido à utilização de alavancagem financeira. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. As condições de mercado, mudanças climáticas e o cenário macroeconômico podem afetar o desempenho do investimento.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.