Radar Imobiliário XP #45

Confira as principais notícias do segmento e Fatos Relevantes dos Fundos Imobiliários da semana.


Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

O IFIX fechou a semana em queda de -1,40%, impulsionado negativamente principalmente pelos fundos no segmento de ativos logísticos e fundos de fundos. Sobre os demais índices de fundos imobiliários da XP, o XPFI apresentou performance de -1,51%, o XPFT de -2,31% e XPFP de -0,58%.

No Brasil, a Câmara dos Deputados aprovou o texto principal da “PEC dos Precatórios” em segundo turno, emenda constitucional que altera o teto de gastos para permitir o aumento dos gastos sociais no próximo ano, diminuindo a pressão nas taxas longas de juros com diminuição na percepção de risco fiscal.

No campo dos indicadores econômicos, foi divulgado essa semana o índice de preços ao consumidor, IPCA, que subiu 1,25% em outubro, impulsionado pelas fortes altas dos preços industriais e combustíveis. No ano, o IPCA acumula alta de 8,24% e, nos últimos 12 meses, de 10,67% (vs. 10,25% acumulado de 12 meses do mês anterior).

Na seara dos fundos imobiliários, a semana observamos pressões nas cotas dos fundos imobiliários no mercado secundário.  Em geral, não identificamos nenhum motivo específico no âmbito dos fundos que possa justificar esse movimento, entretanto, como já mencionado anteriormente, uma inflação maior do que o esperado, pode ter reforçado uma percepção de maior vigor no ritmo de aumento de juros por parte do Banco Central. Isso permanece causando uma percepção negativa para o investidor.

Sexta-feira | Dia 12/11

Fundos imobiliários de CRIs são apostas para 2022 em cenário de Selic alta (Exame)

Com volta ao escritório, fundos imobiliários de lajes devem se recuperar? (Exame)

Selic rumo a 2 dígitos aprofunda crise dos fundos imobiliário (Valor)

Alta da Selic de 1,5 ponto por reunião ‘ainda parece apropriada’ (Valor)

Panorama Mensal de FIIs e FIPs-IE | Novembro 2021 (ExpertXP)

Quinta-feira | Dia 11/11

Central de FIIs: Ifix fecha estável e interrompe sequência de seis sessões em baixa (Infomoney)

Fórum GRI discute tendências de fundos imobiliários para 2022 (Exame)

Inflação surpreende e mercado vê chance de BC acelerar ritmo de alta da Selic (Valor)

O que é FIAgro e quais são suas principais características? (ExpertXP)

HGFF11 – (Informativo): o fundo contratou a XP Investimentos para a prestação de serviço de formador de mercado para as cotas do fundo. A prestação dos serviços pela tem custo de R$ 15.000, corrigida anualmente pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo – IPCA, a ser paga pelo Fundo

HGCR11 – (Informativo): o fundo contratou a XP Investimentos para a prestação de serviço de formador de mercado para as cotas do fundo. A prestação dos serviços pela tem custo de R$ 15.000, corrigida anualmente pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo – IPCA, a ser paga pelo Fundo

Quarta-feira | Dia 10/11

Fed vê ameça potencial da Evergrande no setor imobiliário chinês e nos mercados globais (Valor)

Fundos imobiliários no pós-pandemia (Valor)

Partage compra projeto para shopping em São Paulo (BrazilJournal)

Grupo MRV deve elevar lançamentos neste e no próximo ano (Valor)

HSML11 – Positivo: o fundo assinou uma escritura de compra e venda e recebeu posse de terreno, localizado na Avenida Menino Marcelo, 1.051, Maceió – AL, imóvel anexo a um dos ativos do Fundo, o Shopping Pátio Maceió. O Terreno tem uma área total de 14.065 m².Alocação de Capital: a aquisição consumirá um montante total de R$ 6.960.000, líquidos dos custos de transação. A aquisição se dará por meio de recursos do caixa do fundo, não envolvendo, portanto, a necessidade de captação de recursos, seja por oferta pública ou alavancagem. A gestão reitera a intenção de realização da segunda expansão do ativo Shopping Pátio Maceió, pretendendo adicionar 2.018 m² de ABL e 100 vagas de estacionamento adicionais, com custo estimado de aproximadamente R$ 10.000.000, gerando assim, segundo o gestor, um retorno estimado de 14,8% a.a. nos 12 meses subsequentes ao término da obra.

Terça-feira | Dia 09/11

Central de FIIs: Ifix inicia semana no campo negativo e fecha sessão em queda de 0,45% (InfoMoney)

Analista de mercado pioram projeções para inflação e crescimento do PIB (Estadão)

Diretor do BC admite possibilidade de alta da Selic maior que 1,5 p.p. na próxima reunião (Valor)

Segunda-feira | Dia 08/11

Risco climático acelera aposta de investidores em edifícios cada vez mais ‘verdes’ (Estadão)

Mercado imobiliário aposta em ativos digitais para atrair nova leva de investidores (InfoMoney)

Relatório de Análise – CSHG Imobiliário FOF (HGFF11) (Expert XP)

Análise da expectativa de preços das casas nos EUA até 2025 (Expert XP)

BLMG11 – Positivo: o fundo concluiu a aquisição da expansão do galpão logístico localizado na cidade de Extrema, Estado de Minas Gerais, na Estrada Municipal Luiz Lopes Neto, nº 617, Bairro dos Tenentes (“Imóvel”), o qual se encontra atualmente locado para empresa do grupo Dafiti, em contrato atípico “Built to Suit” com vencimento em 2030 (respectivamente “Operação” e “Built to Suit”), pelo valor de R$ 81.419.000,00 (oitenta e um milhões, quatrocentos e dezenove mil reais) corrigido nos termos dos contratos da Operação e já provisionado, por meio de um complemento da operação de securitização já realizada para a aquisição da 1ª Fase, conforme divulgado no Primeiro Fato Relevante. Concluídas as aquisições do pipeline do Fundo até o momento, a expectativa da BlueMacaw é que o Fundo gere um patamar mensal de rendimentos de R$ 0,80 a R$ 0,90/cota ao longo dos próximos 24 meses, sendo estas estimativas que, não devem ser interpretadas, para nenhum fim, como promessa ou garantia de rendimento futuro.

BLMR11 – Informartivo: o fundo emitiu fato relevante para comunicar os Cotistas e ao mercado em geral, a respeito da alteração no cronograma da Oferta Restrita, com a seguinte redação: “será assegurado aos atuais Cotistas do Fundo o exercício do direito de preferência, nos termos do inciso II, do artigo 13 do Regulamento, com as seguintes características: (i) período para exercício do Direito de Preferência será do dia 24 de janeiro de 2022 (inclusive) ao dia 03 de fevereiro de 2022 (inclusive) junto à B3 e 04 de fevereiro de 2022 (inclusive) junto ao escriturador; (ii) posição dos Cotistas a ser considerada para fins do exercício do Direito de Preferência: posição de fechamento do dia 17 de janeiro de 2022.”

HGLG11 – Neutro: o fundo firmou Distrato ao Memorando Vinculante de Entendimentos, celebrado em 20 de julho de 2021 e tinha como objetivo especificar os principais termos e condições comerciais, bem como as etapas a serem superadas, com relação a uma operação de compra da totalidade das ações de emissão de uma sociedade de propósito específico que detinha uma fração ideal de 89% de um terreno localizado na cidade de Cajamar, no estado de São Paulo (“Terreno”). A referida operação envolvia a construção de um complexo de galpões logísticos com área bruta locável total projetada de aproximadamente 197.000 m² (cento e noventa e sete mil metros quadrados), cujo projeto já estava aprovado perante os órgãos competentes. O Terreno e futura construção, mencionada acima, estavam descritos no Prospecto Definitivo de Oferta Pública de Distribuição Primária de Cotas da Sétima Emissão do CSHG Logística – Fundo de Investimento Imobiliário – FII, datado de 22 de julho de 2021.

XPLG11 – Positivo: o fundo comunicou que celebrou com a CAJAMAR INVESTIMENTOS IMOBILIÁRIOS EIRELI o Instrumento Particular de Compromisso de Compra para aquisição da fração ideal de 5,5% do imóvel locado pela Leroy Merlin do direito de expansão, para acréscimo da área construída em aproximadamente 21.348,77 m² no complexo logístico ocupado pela Locatária. A Área de Expansão possui previsão de entrega de obras no quarto trimestre de 2022, sendo certo que, a partir da referida entrega, passará a vigorar o aluguel relativo à Área de Expansão. O Fundo pagará o preço total de R$ 80.069.771,33. Estima-se que os rendimentos provenientes do prêmio de locação da Área de Expansão serão de aproximadamente R$ 0,0532 por cota no total de 12 (doze) meses, considerando o número de cotas atual do Fundo.

RCRB11 – Positivo: foi concluída, nesta data, a assinatura dos documentos definitivos e a superação da integralidade das Condições Precedentes previstas nos documentos para alienação do 12º e 24º andar do Edifício Cetenco Plaza, localizado na Av. Paulista, 1.842, em São Paulo/SP, com área BOMA de 2.304,24 m² (“Imóvel”), pelo valor de R$ 33.500.000,00 (trinta e três milhões e quinhentos mil reais), ambos locados para o Banco Daycoval S.A. O pagamento foi realizado na data de hoje, em parcela única, no valor integral da alienação. Com a venda do Imóvel, o Fundo gerou ganho de capital na ordem de R$ 7.189.103,98, equivalente a R$ 1,95/cota. O Fundo adquiriu as lajes em momentos diferentes, ao preço médio de R$ 10,98 mil/m², e o desinvestimento teve patamar de R$ 14,53 mil/m², acima do valor patrimonial e do valor pelo qual o Fundo é negociado atualmente na B3.

Últimos Relatórios

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

BM&F Bovespa Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.