A semana na Renda Fixa

Acompanhe os principais movimentos da semana no mercado de renda fixa e o que esperar para a semana que se inicia.


Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

A última semana foi marcada pela eleição à presidência das casas legislativas no Brasil, com os candidatos do governo saindo vencedores. Há a expectativa pelo mercado que reformas importantes para o cenário fiscal avancem. As taxas futuras de juros permaneceram praticamente inalteradas, bem como a curva NTN-B (com leve tendência de queda). Os títulos do Tesouro Direto apresentaram valorização, como reflexo destes movimentos. O volume negociado no mercado secundário foi abaixo daquele observado na última semana de janeiro e foi possível notar abertura nos spreads de crédito high grade de maior duration.

Para a próxima semana, as vendas no varejo, a performance do setor de serviços, a atividade econômica de dezembro de 2020 e o IPCA de janeiro de 2021 serão os principais destaques da agenda econômica doméstica.

Cenário macroeconômico

Em relatório publicado pelo time Macro da XP, destaca-se as eleições nas casas legislativas, com vitória para candidatos apoiados pelo Planalto. A semana foi marcada majoritariamente pelo otimismo diante do resultado, uma vez que a maior governabilidade pode trazer ao governo maiores chances de aprovação de reformas, como mudanças fiscais, privatizações, e as reforma tributária e administrativa.

As primeiras sinalizações foram positivas, com demonstrações de alinhamento por parte tanto de Rodrigo Pacheco, no Senado, quanto de Arthur Lira, na Câmara dos Deputados, com a agenda do governo, priorizando o avanço das vacinações no país, e vinculando qualquer eventual discussão sobre uma nova rodada de auxílio emergencial ao respeito às regras fiscais vigentes – especialmente o teto de gastos.

Curva DI e NTN-B

Na última semana, as taxas futuras de juros permaneceram praticamente inalteradas, enquanto os prêmios das NTN-Bs apresentaram fechamento.

Leilões do Tesouro Nacional

Na última semana, o Tesouro Nacional realizou, além dos leilões de títulos pré, pós-fixados e indexados à inflação, leilão de troca de títulos com vencimento em março de 2021. Com isso, fez a rolagem de cerca de 10% do montante a vencer no próximo mês, o que reduz pressões de refinanciamento no curto prazo.

Leilão do dia 02/02 – NTN-B

É possível observar que o leilão foi bem-sucedido, tendo sido colocado em sua integralidade, mesmo com o alto volume de papeis ofertados.

Fonte: Tesouro Nacional. Elaboração: XP Investimentos

Leilão do dia 04/02 – LTN, NTN-F e LFT

Neste caso, o Tesouro conseguiu vender quase a totalidade dos papeis prefixados (LTN e NTN-F). Já no caso das LFTs, a demanda foi menor do que a oferta, considerando os níveis máximos de prêmio oferecidos.

Fonte: Tesouro Nacional. Elaboração: XP Investimentos

Tesouro Direto

Os títulos do Tesouro Direto apresentaram leve valorização no fechamento da semana, em comparação com a semana anterior. Explica o movimento o fechamento da curva DI nos últimos cinco dias úteis, bem como a redução dos prêmios da NTN-B, ambos demonstrados no início deste relatório.

O preço dos títulos sobe quando a expectativa de juro futuro cai (e vice-versa) devido à relação inversa entre os dois. Esse mecanismo que mostra o efeito dos juros sobre preços é a marcação a mercado. Entenda mais aqui.

Crédito Privado

Fluxo

Na semana, foi registrado um fluxo médio diário de negociações de R$ 741 milhões em debêntures, R$ 106 milhões em CRA e R$ 71 milhões em CRI.

Os destaques de ativos mais negociados foram debênture da Energisa (ENGIB4), CRI GFSI (General Shoppings) e CRA JBS.

Spreads

Na semana, pudemos observar abertura dos spreads de crédito em debêntures AAA e A em durations longas. Os spreads dos papeis AA permaneceram praticamente inalterados, com leve fechamento nas durations de prazo mais longo.

Vale ressaltar o fechamento da curva NTN-B, que pode ter efeito sobre os spreads de crédito de debêntures, principalmente incentivadas (indexadas à inflação).

As curvas são extraídas a partir de debêntures precificadas diariamente pela ANBIMA (DI Percentual, DI+spread e IPCA+spread) e refletem estruturas de spread zero-cupom sobre a curva soberana para diferentes níveis de risco.

Ações de rating

EmissorData da açãoAgência de RatingRating AnteriorRating Atual
Copobras S.A.04/02/2021S&P GlobalbrBBB/NegativobrBBB/Positivo
Vamos S.A.02/02/2021S&P GlobalbrAA/EstávelbrAA/Positivo
Aço Verde do Brasil S.A.05/02/2021S&P GlobalbrA/Estável
ATMA Participações S.A.05/02/2021Fitch RatingsRDCCC(bra)/Estável
Solví Participações S.A.05/02/2021Fitch RatingsBBB(bra)/EstávelA-(bra)/Estável)
Essencis Soluções Ambientais S.A.05/02/2021Fitch RatingsBBB(bra)/EstávelA-(bra)/Estável)
Fonte: S&P Global e Fitch Ratings. Elaboração: XP Investimentos

Relatórios publicados na semana 01/02 a 05/02

Renda Fixa

Investindo em Fevereiro 2021: Renda Fixa

CRA Zilor

Vale celebra acordo sobre reparos em Brumadinho com autoridades de MG (curtas)

Eneva vence disputa pelo campo de Urucu, da Petrobras

Outros

Economia em destaque

Tenda (TEND3): Guidance da Tenda sugere sólido ano de 2021

Temporada de resultados do 4º trimestre – o que esperar?

O que esperar – Semana de 08/02 a 12/02

Agenda econômica

As vendas no varejo, a performance do setor de serviços, a atividade econômica (todos referentes ao mês dezembro de 2020) e o IPCA de janeiro de 2021 serão os principais destaques da agenda econômica doméstica da próxima semana.

No cenário internacional, a decisão de política monetária do México, o PIB do Reino Unido e os indicadores de inflação (CPI e PPI) das principais economias globais serão os destaques.

Acesse aqui o Boletim Focus do dia 08/02

Leilões do Tesouro Nacional

Data do leilãoTítulos ofertadosVencimentos dos títulos
09/02NTN-B2024, 2028 e 2040
10/02Rolagem LFT 2021
11/02NTN-F2027 e 2029
11/02LTN2021, 2023 e 2024
11/02LFT2022 e 2027
Fonte: Tesouro Nacional. Elaboração: XP Investimentos

Vencimentos de debêntures da próxima semana

AtivoEmissorData da emissãoData de vencimentoVolume – Estoque (R$ milhões)
EXTE11EXPANSION TRANSMISSAO DE ENERGIA ELETRICA SA08/02/201808/02/2021135,0
Fonte: Anbima. Elaboração: XP Investimentos

Em atendimento à Instrução CVM nº 598, de 3 de maio de 2018, informamos que a XP Investimentos CCTVM S.A. e/ou suas afiliadas (“XP Investimentos” ou “XP”) mantém relacionamento comercial com a JBS S.A., inclusive prestando serviços de assessoria com interesses financeiros e comerciais relevantes. Assim, o leitor deve ter ciência de tal informação e fazer sua própria análise e julgamento sobre eventual existência de conflito de interesses ou sobre a imparcialidade deste relatório. Cabe ressaltar que, opiniões emitidas anteriormente sobre a sociedade não estão abarcadas pelo posicionamento vigente, a cobertura da companhia emissora está suspensa por ora, mas o que foi publicado até então não perde sua validade ou eficácia. A XP Investimentos, expressamente, se limita e reserva o direito de recusar-se a atender qualquer solicitação baseada no conteúdo de informações especulativas sobre o relacionamento comercial com a referida sociedade.

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “XP”) tem caráter meramente informativo, não constitui e nem deve ser interpretado como sendo material promocional, solicitação de compra ou venda, oferta ou recomendação de qualquer ativo financeiro, investimento, sugestão de alocação ou adoção de estratégias por parte dos destinatários. Os prazos, taxas e condições aqui contidas são meramente indicativas. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados.
Os instrumentos financeiros discutidos neste material podem não ser adequados para todos os investidores. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710.

BM&F Bovespa Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.