XP Expert

Eleição presidencial americana segue no radar dos investidores, com pautas locais em segundo plano

Tudo o que você precisa saber sobre os mercados nacional e internacional, com análises econômicas e políticas sobre fatos que podem impactar seus investimentos.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail
Clique para ouvir

IBOVESPA 2,00% | 97.867 Pontos

CÂMBIO -1,52% | 5,66/USD

O que pode impactar o mercado hoje

O Ibovespa encerrou o pregão de ontem em alta de 2,00%, fechando em 97.867 pontos, em linha com o exterior. Os principais destaques positivos do índice foram as ações de CYRE3 (+7,14%) LREN3 (+6,91%) e COGN3 (+6,90%). Por outro lado, o dólar comercial fechou em baixa de 1,52%, cotado a R$ 5,66, representando a maior queda em 2 meses. As taxas futuras de juros fecharam ontem em queda, seguindo o sentimento de apetite a risco externo em meio à apuração das eleições norte-americanas, e deixando pautas locais em segundo plano. DI jan/21 fechou em 1,94%; DI jan/23 encerrou em 5,06%; DI jan/25 foi para 6,75%; e DI jan/27 fechou em 7,54%.

Nessa quinta-feira, os mercados globais operam em otimismo, seguindo a alta dos principais índices no fechamento de ontem. Nos Estados Unidos, os futuros sobem, mesmo com a indefinição do resultado das eleições. Com 5 estados ainda apurando urnas, tanto Joe Biden quanto Donald Trump têm chance de garantir os 270 votos eleitorais necessários para vencer a disputa. Atualmente, Donald Trump soma 214 votos eleitorais, e o democrata 253. A definição deve depender de Geórgia, Pennsylvania, Arizona e Nevada. Biden ainda é o favorito por ter mais caminhos para a vitória.  No entanto, destacamos que sua liderança na corrida se viu ameaçada pela apuração de novos votos em Arizona que voltaram a colocar o estado em jogo.

Os quatro estados chave suspenderam a contagem de votos ontem à noite e deve resumir a apuração nesta manhã. Portanto, podemos esperar um resultado ainda hoje. Vale destacar que Biden lidera em Arizona (11 votos eleitorais) e Nevada (6 votos eleitorais), enquanto Trump atualmente tem vantagem em Geórgia (16 votos eleitorais) e Pennsylvania (20) – no entanto, o democrata pode ultrapassar o republicano em ao menos um desses.

Ressaltamos ainda que Trump já recorreu ao Judiciário em Pennsylvania, Michigan e Geórgia e promete contestar o resultado eleitoral, assim ampliando a incerteza atribuída ao processo e gerando a possibilidade de indefinição dos resultados por semanas. Vale notar também que quanto maior a vantagem do democrata, mais difícil será reverter o resultado para o republicano.

Por outro lado, no Brasil, foi derrubado ontem o veto do presidente Jair Bolsonaro à extensão da política de desonerações a 17 setores, que passa a valer até o fim de 2021 – com isso, o governo precisará reduzir R$ 4,9 bilhões em despesas do orçamento do próximo ano com custo aproximado de R$ 10 bi no orçamento federal. A decisão se arrastava havia meses, mas o governo não conseguiu apresentar uma contraproposta e acabou cedendo à derrubada. Líderes governistas foram evasivos sobre a possibilidade de o Planalto recorrer à Justiça para evitar a prorrogação do programa de desonerações. E, sem acordo, a decisão sobre os vetos ao marco do saneamento foi adiada para depois das eleições municipais. Na mesma sessão, o Congresso aprovou o projeto de lei que transfere R$ 6,1 bilhões do orçamento deste ano para os ministérios do Desenvolvimento Regional e da Infraestrutura – o que era uma demanda importante desses ministérios.

Do lado positivo, o governo foi vitorioso na derrubada da proposta de centrais sindicais no âmbito do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo aos Trabalhadores (Codefat), que estenderia o pagamento de parcelas do seguro-desemprego por mais dois meses, com impacto estimado em R$ 7,3 bi. Ainda do lado fiscal, o Tesouro Nacional destacou a disponibilidade de caixa recorde de estados, que encontra-se 35% acima do verificado no segundo quadrimestre do ano passado – fruto da forte recuperação da arrecadação à nível estadual e de repasses da União em resposta a Covid-19.

Na seara economia, as vendas no varejo da Zona do Euro caíram 2% em setembro (ante agosto), frustrando expectativas do mercado (em -1,5%), enquanto o Banco da Inglaterra (BoE) manteve a taxa básica de juros em 0,1% e ampliou seu programa de compra de ativos em £150 bilhões, sinalizando que pode acelerar ainda mais se julgar necessário.

Já do lado dos indicadores, a produção industrial brasileira (medida pela Pesquisa Mensal da Indústria), avançou 3,4% a/a e 2,6% m/m em setembro, surpreendendo tanto as nossas expectativas (+2,6 a/a e +2,2% m/m) quanto o consenso de mercado (+2,6% a/a e +2,4% m/m). O setor segue sendo beneficiado pelos estímulos fiscais e creditícios implementados durante a pandemia, e o resultado confirma o nosso cenário de retomada mais forte no terceiro trimestre desse ano.

Por fim, do lado das empresas, a Ultrapar divulgou fortes resultados do terceiro trimestre, acima das nossas expectativas e do consenso de mercado. Em particular, destacamos como positiva a performance da subsidiária de distribuição de combustíveis Ipiranga. Esperamos uma reação positiva das ações no pregão de hoje.

Além disso, a d1000 também reportou os resultados operacionais, o primeiro desde a abertura de capital da companhia. Esperamos uma reação negativa do mercado, por conta de um EBITDA abaixo do esperado. No entanto, acreditamos que isso deve ser revertido daqui para frente, à medida que as vendas se recuperem e a companhia se beneficie de alavancagem operacional, enquanto a margem bruta atingiu um nível recorde. Mantemos nossa recomendação de Compra com um preço-alvo de R$20,5/ação para o final de 2021.

Tópicos do dia

Agenda de Resultados

Construtora Tenda (TEND3): Após o fechamento
Banco do Brasil (BBAS3): Antes da Abertura
Omega (OMGE3): Antes da Abertura
Engie Brasil (EGIE3): Após o fechamento
Iguatemi (IGTA3): Após o fechamento
Lojas Renner (LREN3): Após o fechamento
Sanepar (SAPR11): Após o fechamento
AES Tiete (TIET11): Após o fechamento
Temporada de resultados do 3º trimestre – o que esperar?
Calendário de resultados do 3T20

Para ler mais conteúdos, clique aqui.

Brasil

  1. Indústria continua acelerando em setembro
  2. No ano, número de investidores pessoas físicas na Bolsa cresce mais de 80%

Internacional

  1. Política internacional: eleição nos EUA sem definição
  2. Petróleo: Redução no estoque dos EUA acima do esperado pelo mercado
    Acesse aqui o relatório internacional

Empresas

  1. Ultrapar (UGPA3): Fortes resultados no 3T20, esperamos reação positiva
  2. d1000 (DMVF3): EBITDA abaixo do esperado, mas margem bruta é um destaque


Veja todos os detalhes

Brasil

Indústria continua acelerando em setembro

  • Ainda beneficiada pelos estímulos fiscais e creditícios implementados durante a pandemia, a produção industrial brasileira, medida pela Pesquisa Mensal da Indústria (PIM), avançou 3,4% a/a e 2,6% m/m em setembro, surpreendendo tanto as nossas expectativas (+2,6 a/a e +2,2% m/m) quanto o consenso de mercado (+2,6% a/a e +2,4% m/m). No terceiro trimestre do ano, a indústria contraiu 0,6% na comparação com o mesmo trimestre do ano passado, mas avançou 22,3% na comparação com o segundo trimestre de 2020;
  • O resultado confirma o nosso cenário de retomada mais forte no terceiro trimestre desse ano. Considerando a correlação histórica existente entre os dados trimestrais da PIM e os dados da conta nacional, o PIB da Indústria no terceiro trimestre apresentaria expansão aproximada de 0,3% a/a (vs. projeção atual de -1,3% a/a);
  • A análise dos próximos indicadores setoriais divulgados pelo IBGE (PMC e PMS) será fundamental para confirmar essa sinalização positiva. O resultado, em linhas gerais, é compatível com a nossa projeção de PIB tanto para o terceiro trimestre (-4,4% a/a e +7,8% t/t) quanto para 2020 (-4,6%) e 2021 (+3,4%).

No ano, número de investidores pessoas físicas na Bolsa cresce mais de 80%

  • Em outubro, o número de investidores pessoas físicas (PFs) na Bolsa brasileira (B3) atingiu 3.147.040, um crescimento de +2,7% em relação ao mês passado. Comparado ao final de 2019, quando encerramos o ano com 1.681.033 contas ativas na B3, já vemos uma alta expressiva de +87,2% em 2020. Considerando também o número de pessoas jurídicas na Bolsa, que em outubro chegou à 31.740, o número total de investidores atinge 3.178.780;
  • A posição total desses investidores PFs passou de R$ 344 bilhões no final de 2019 para R$ 380,99 bilhões em outubro desse ano, um aumento de 10,8% em relação ao mesmo mês do ano passado e de 1,8% vs. setembro. No entanto, se analisarmos em relação a agosto (R$ 383,07 bilhões), houve uma diminuição de 0,5%, movimento esse alinhado à queda vista no índice Ibovespa nos últimos dois meses (-5,45%);
  • Analisando na perspectiva de saldo por pessoa, nota-se uma diminuição desde 2017, o que indica uma maior presença de pequenos investidores, que estão iniciando seus investimentos em ações. Em dezembro de 2017, o saldo era de R$ 267,9 mil por indivíduo vs. R$ 121,1 mil em outubro de 2020, uma redução de -54,8%. Já quando comparamos o valor de outubro desse ano com o de dezembro do ano passado, vemos uma diminuição de -40,8%. Clique aqui para ler o relatório completo.

Internacional

Política internacional: eleição nos EUA sem definição

  • A eleição nos Estados Unidos segue sem definição. Com 5 estados ainda apurando urnas, tanto Joe Biden quanto Donald Trump têm chance de garantir os 270 votos eleitorais necessários para vencer a disputa. Atualmente, Donald Trump soma 214 votos eleitorais, e o democrata 253. A definição deve depender de Geórgia, Pennsylvania, Arizona e Nevada. Biden ainda é o favorito por ter mais caminhos para a vitória.  No entanto, destacamos que sua liderança na corrida se viu ameaçada pela apuração de novos votos em Arizona que voltaram a colocar o estado em jogo;
  • Os quatro estados chave suspenderam a contagem de votos ontem à noite e deve resumir a apuração nesta manhã. Portanto, podemos esperar um resultado ainda hoje. Vale destacar que Biden lidera em Arizona (11 votos eleitorais) e Nevada (6 votos eleitorais), enquanto Trump atualmente tem vantagem em Geórgia (16 votos eleitorais) e Pennsylvania (20) – no entanto, o democrata pode ultrapassar o republicano em ao menos um desses;
  • Ressaltamos ainda que Trump já recorreu ao Judiciário em Pennsylvania, Michigan e Geórgia e promete contestar o resultado eleitoral, assim ampliando a incerteza atribuída ao processo e gerando a possibilidade de indefinição dos resultados por semanas. Vale notar também que quanto maior a vantagem do democrata, mais difícil será reverter o resultado para o republicano.

Petróleo: Redução no estoque dos EUA acima do esperado pelo mercado

  • Ontem a Agência de Informação de Energia dos EUA (EIA) divulgou, em seu relatório oficial de fornecimento, uma redução no estoque de -7,998 milhões de barris contra expectativa de +0,890 milhões de barris. A queda do estoque é vista como positiva por indicar uma menor oferta em relação à demanda. Com disso, ontem a commodity encerrou o pregão em alta de +3,83% em US$41,23/barril;
  • Por outro lado, os estoques de gasolina nos EUA cresceram +1,541 milhões de barris, acima das expectativas de mercado de uma redução de -0,871 milhões de barris;
  • Nessa manhã de quinta-feira, o petróleo tipo Brent opera em território ligeiramente negativo, em queda de -0,17% em US$41,16/barril (Brent).

Empresas

Ultrapar (UGPA3): Fortes resultados no 3T20, esperamos reação positiva

  • A Ultrapar divulgou seus resultados do 3T20 em 4 de novembro, após o fechamento do mercado. O EBITDA ajustado de R$1.094,1 milhões ficou muito acima da nossa estimativa de R$915,0 milhões (+19,6%) e do consenso de mercado de R$914,5 milhões;
  • O resultado refletiu uma combinação dos seguintes fatores: (1) fortes resultados da Ipiranga com margens em termos de EBITDA/m3 de R$112/m3 ante nossa estimativa de R$88/m3, (2) resultados acima do esperado na Oxiteno e (3) resultados em linha com o esperado nas demais subsidiárias;
  • Esperamos uma reação positiva do mercado aos resultados do 3T20 da Ultrapar, tendo em vista que o EBITDA Ajustado e Lucro Líquido registrados no período ficaram acima das nossas estimativas e do consenso de mercado;
  • Temos recomendação Neutra nas ações da Ultrapar, com um preço alvo de R$20/ação. Clique aqui para acessar o relatório completo.

d1000 (DMVF3): EBITDA abaixo do esperado, mas margem bruta é um destaque

  • d1000 reportou os resultados do terceiro trimestre de 2020 (3T20) – o primeiro desde a abertura de capital da companhia. A Receita Bruta reportada foi de R$263 milhões (-13,5% A/A), em linha com nossas estimativas, com a queda A/A sendo principalmente puxada pelas lojas em shoppings (17% da base de lojas). Se excluirmos estas da base, a queda seria de -2,7% A/A;
  • O Lucro Bruto veio em R$84,2 milhões (-2.5% A/A), 6% acima da XPIe, e com uma expansão de margem de 3,5p.p vs. o ano anterior, atingindo 32% – recorde histórico da companhia e acima dos outros players listados do setor. De acordo com a companhia, a expansão resultou de (i) uma estratégia bem sucedida de precificação, (ii) uma mudança no mix de vendas (menor participação de medicamentos com prescrição médica) e (iii) maior venda de produtos exclusivos (atingindo 6,8% das vendas de autosserviço vs. 5,6% no 3T19);
  • Entretanto, despesas comerciais, gerais e administrativas praticamente em linha com o ano passado levaram a uma queda de margem EBITDA de 0,4 p.p. A/A, com o EBITDA ajustado (excl. IFRS 16) em R$4,4 milhões vs. nossa estimativa em R$6,4 milhões. Finalmente, o lucro reportado foi de R$-0,3 milhão (vs. R$-3,7 milhões no 3T19);
  • Esperamos uma reação negativa do mercado, por conta da queda do EBITDA. No entanto, acreditamos que isso deve ser revertido daqui para frente, à medida que as vendas se recuperem e a companhia se beneficie de alavancagem operacional, enquanto a margem bruta atingiu um nível sólido. Portanto, mantemos nossa recomendação de Compra com um preço-alvo de R$20,5/ação para o final de 2021. Clique aqui para conferir o conteúdo completo.
Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório de análise foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos ou XP”) de acordo com todas as exigências na Resolução CVM 20/2021, tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar sua própria decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto. As informações contidas neste relatório são consideradas válidas na data de sua divulgação e foram obtidas de fontes públicas. A XP Investimentos não se responsabiliza por qualquer decisão tomada pelo cliente com base no presente relatório. Este relatório foi elaborado considerando a classificação de risco dos produtos de modo a gerar resultados de alocação para cada perfil de investidor. O(s) signatário(s) deste relatório declara(m) que as recomendações refletem única e exclusivamente suas análises e opiniões pessoais, que foram produzidas de forma independente, inclusive em relação à XP Investimentos e que estão sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado, e que sua(s) remuneração(es) é(são) indiretamente influenciada por receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela XP Investimentos.

O analista responsável pelo conteúdo deste relatório e pelo cumprimento da Instrução CVM nº 598/18 está indicado acima, sendo que, caso constem a indicação de mais um analista no relatório, o responsável será o primeiro analista credenciado a ser mencionado no relatório. Os analistas da XP Investimentos estão obrigados ao cumprimento de todas as regras previstas no Código de Conduta da APIMEC para o Analista de Valores Mobiliários e na Política de Conduta dos Analistas de Valores Mobiliários da XP Investimentos. O atendimento de nossos clientes é realizado por empregados da XP Investimentos ou por agentes autônomos de investimento que desempenham suas atividades por meio da XP, em conformidade com a ICVM nº 497/2011, os quais encontram-se registrados na Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários – ANCORD. O agente autônomo de investimento não pode realizar consultoria, administração ou gestão de patrimônio de clientes, devendo atuar como intermediário e solicitar autorização prévia do cliente para a realização de qualquer operação no mercado de capitais. Os produtos apresentados neste relatório podem não ser adequados para todos os tipos de cliente. Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor. Este material não sugere qualquer alteração de carteira, mas somente orientação sobre produtos adequados a determinado perfil de investidor. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir num curto espaço de tempo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. As informações presentes neste material são baseadas em simulações e os resultados reais poderão ser significativamente diferentes. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. SAC. 0800 77 20202. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. O custo da operação e a política de cobrança estão definidos nas tabelas de custos operacionais disponibilizadas no site da XP Investimentos: www.xpi.com.br. A XP Investimentos se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste relatório ou seu conteúdo. A Avaliação Técnica e a Avaliação de Fundamentos seguem diferentes metodologias de análise. A Análise Técnica é executada seguindo conceitos como tendência, suporte, resistência, candles, volumes, médias móveis entre outros. Já a Análise Fundamentalista utiliza como informação os resultados divulgados pelas companhias emissoras e suas projeções. Desta forma, as opiniões dos Analistas Fundamentalistas, que buscam os melhores retornos dadas as condições de mercado, o cenário macroeconômico e os eventos específicos da empresa e do setor, podem divergir das opiniões dos Analistas Técnicos, que visam identificar os movimentos mais prováveis dos preços dos ativos, com utilização de “stops” para limitar as possíveis perdas. O investimento em ações é indicado para investidores de perfil moderado e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos Ação é uma fração do capital de uma empresa que é negociada no mercado. É um título de renda variável, ou seja, um investimento no qual a rentabilidade não é preestabelecida, varia conforme as cotações de mercado. O investimento em ações é um investimento de alto risco e os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste material em relação a desempenhos. As condições de mercado, o cenário macroeconômico, os eventos específicos da empresa e do setor podem afetar o desempenho do investimento, podendo resultar até mesmo em significativas perdas patrimoniais. A duração recomendada para o investimento é de médio-longo prazo. Não há quaisquer garantias sobre o patrimônio do cliente neste tipo de produto. O investimento em opções é preferencialmente indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. No mercado de opções, são negociados direitos de compra ou venda de um bem por preço fixado em data futura, devendo o adquirente do direito negociado pagar um prêmio ao vendedor tal como num acordo seguro. As operações com esses derivativos são consideradas de risco muito alto por apresentarem altas relações de risco e retorno e algumas posições apresentarem a possibilidade de perdas superiores ao capital investido. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. O investimento em termos é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. São contratos para compra ou a venda de uma determinada quantidade de ações, a um preço fixado, para liquidação em prazo determinado. O prazo do contrato a Termo é livremente escolhido pelos investidores, obedecendo o prazo mínimo de 16 dias e máximo de 999 dias corridos. O preço será o valor da ação adicionado de uma parcela correspondente aos juros – que são fixados livremente em mercado, em função do prazo do contrato. Toda transação a termo requer um depósito de garantia. Essas garantias são prestadas em duas formas: cobertura ou margem. O investimento em Mercados Futuros embute riscos de perdas patrimoniais significativos, e por isso é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. Commodity é um objeto ou determinante de preço de um contrato futuro ou outro instrumento derivativo, podendo consubstanciar um índice, uma taxa, um valor mobiliário ou produto físico. É um investimento de risco muito alto, que contempla a possibilidade de oscilação de preço devido à utilização de alavancagem financeira. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. As condições de mercado, mudanças climáticas e o cenário macroeconômico podem afetar o desempenho do investimento.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.