XP Expert

Início da campanha de vacinação no Brasil e dados mais fortes na China trazem otimismo aos mercados. Iniciamos a cobertura da petroleira 3R Petroleum, com recomendação de compra

Tudo o que você precisa saber sobre os mercados nacional e internacional, com análises econômicas e políticas sobre fatos que podem impactar seus investimentos.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail
Clique para ouvir

IBOVESPA 0,70% | 121.242 Pontos

CÂMBIO -0,05% | 5,30/USD

O que pode impactar o mercado hoje

Em meio ao início da vacinação contra o coronavírus no Brasil e aos dados econômicos positivos da China, o Ibovespa fechou o dia de ontem em alta de 0,70%, aos 121.242 pontos. O dólar comercial ficou praticamente estável, com leve variação negativa de 0,05%, aos R$ 5,30.

As taxas futuras de juros fecharam o dia de ontem em queda, com o mercado reduzindo prêmios, principalmente nos vértices mais curtos. Ajudaram também no movimento de queda as indicações de que os principais candidatos à presidência da Câmara deverão ter compromisso com a responsabilidade fiscal, mesmo que haja ampliação de medidas sociais. Vale lembrar que quarta-feira é dia de decisão do Copom, e o mercado é praticamente unânime em acreditar na manutenção da Selic em 2%. DI jan/22 fechou em 3,26%; DI jan/24 encerrou em 5,95%; DI jan/26 foi para 6,82%; e DI jan/28 fechou em 7,32%.

Hoje, as bolsas internacionais amanhecem em alta, com os Estados Unidos crescendo +0,7% e a Europa crescendo +0,2%. O Senado americano deve iniciar nesta terça-feira (19) o processo de sabatina de Janet Yellen, indicada de Joe Biden para secretária do Tesouro americano. A economista deve se apresentar ante o Comitê de Finanças da Câmara Alta para promover a agenda econômica do governo Biden e deve ser questionada sobre temas como dívida pública, câmbio e impostos. Espera-se que Yellen argumente em favor do pacote de USD 1,9 trilhões anunciado pelo presidente eleito Joe Biden na semana passada. E na Europa, a comissão europeia deve apresentar hoje o plano para fortalecer o euro.  

No Brasil, rescaldos políticos do início da vacinação respingaram no candidato do governo ao comando da Câmara e provocaram um alerta no Palácio do Planalto com a queda na popularidade do presidente Jair Bolsonaro. Ontem, a bancada do Solidariedade aprovou o apoio a Baleia Rossi, candidato de Rodrigo Maia. A justificativa foi o “bate-cabeça” do governo em relação à vacinação. A chapa do candidato de Maia é formada agora por 12 siglas, que somam 292 deputados federais.

O Estadão reporta que o Ministro Paulo Guedes aposta na vitória de Artur Lira nas eleições da Camara para reapresentar a proposta de imposto digital (aos moldes da CPMF). O Ministro defende a criação do novo imposto para financiar a desoneração da folha de pagamentos e Lira já se manifestou no ano passado favorável ao tributo, com a condicionante de que fosse aprovado com uma alíquota menor.

Quanto à agenda econômica, vale lembrar que a primeira parte da reunião do Copom começa hoje. O resultado sai amanhã, após o segundo dia de reunião.

Do lado das empresas, ontempublicamos nosso relatório iniciando a cobertura da petroleira 3R Petroleum (RRRP3) com uma recomendação de COMPRA e um preço-alvo de R$ 55/ação, resultando em um potencial de alta de 56%. A 3R Petroleum é uma empresa de Exploração e Produção independente, de pequeno porte, focada na revitalização de campos maduros de petróleo e gás, principalmente ativos terrestres e em águas rasas. Confira em nosso relatório (link) mais sobre os principais tópicos, como: (i) visão geral da 3R Petroleum e de seu portfólio de ativos; (ii) nossas estimativas e análises sobre os ativos terrestres e em águas rasas sendo desinvestidos pela Petrobras, e; (iii) uma análise completa das oportunidades de criação de valor com o Polo Urucu, na Bacia do Solimões, tendo em vista notícias a respeito do interesse da 3R Petroleum e da Eneva S.A. pelo ativo.

Tópicos do dia

Internacional

  1. Política internacional: Janet Yellen deve promover agenda econômica no Senado dos EUA
    Acesse aqui o relatório internacional

Empresas

  1. 3R Petroleum (RRRP3): Reescrevendo o futuro de campos maduros de petróleo no Brasil; Iniciamos com recomendação de COMPRA
  2. Petrobras (PETR4): Reajuste dos preços de gasolina vai ocorrer nesta terça-feira
  3. Siderurgia: Produção de aço se recupera, mas fecha o ano abaixo de 2019
  4. AmBev (ABEV3): Beam Suntory, terceira maior fabricante mundial de destilados, faz acordo de distribuição com a Ambev
  5. C&A (CEAB3): anúncio de parceria comercial com Enjoei e lançamento da campanha “Novo de novo”


Veja todos os detalhes

Internacional

Política internacional: Janet Yellen deve promover agenda econômica no Senado dos EUA

  • O Senado americano deve iniciar nesta terça-feira (19) o processo de sabatina de Janet Yellen, indicada de Joe Biden para secretária do Tesouro americano. A economista deve se apresentar ante o Comitê de Finanças da Câmara Alta para promover a agenda econômica do governo Biden e deve ser questionada sobre temas como dívida pública, câmbio e impostos;
  • A audiência deve servir também como a primeira oportunidade para discussão entre parlamentares sobre o pacote de estímulos de USD 1,9 bilhões apresentado pelo presidente-eleito. Como já falamos por aqui, republicanos e democratas de centro já manifestaram resistência à proposta e devem procurar reduzir o tamanho do estímulo;
  • Na Europa, a comissão europeia deve apresentar nesta terça-feira (19) plano para fortalecer o euro.  

Empresas

3R Petroleum (RRRP3): Reescrevendo o futuro de campos maduros de petróleo no Brasil; Iniciamos com recomendação de COMPRA

  • Ontem publicamos nosso relatório, iniciando a cobertura da petroleira 3R Petroleum (RRRP3) com uma recomendação de COMPRA e um preço-alvo de R$ 55/ação, resultando em um potencial de alta de 56%. A 3R Petroleum é uma empresa de Exploração e Produção independente, de pequeno porte, focada na revitalização de campos maduros de petróleo e gás, principalmente ativos terrestres e em águas rasas;
  • Os pilares da nossa tese de investimento são: (i) um risco-retorno atrativo com base nos ativos que a 3R Petroleum já possuí, (ii) o fato da 3R Petroleum NÃO ser como outras histórias de IPOs no segmento de óleo e gás no passado e (iii) nossas visão de que a 3R deve ser uma das principais consolidadoras de vendas de campos terrestres e águas rasas da Petrobras, para os quais estimamos uma oportunidade de mercado de US$ 4,2 bilhões e 200 mil barris de óleo equivalente ao dia;
  • Confira em nosso relatório (link) mais sobre os principáis tópicos, como: (i) visão geral da 3R Petroleum e de seu portfólio de ativos; (ii) nossas estimativas e análises sobre os ativos terrestres e em águas rasas sendo desinvestidos pela Petrobras, e; (iii) uma análise completa das oportunidades de criação de valor com o Polo Urucu, na Bacia do Solimões, tendo em vista notícias a respeito do interesse da 3R Petroleum e da Eneva S.A. pelo ativo.

Petrobras (PETR4): Reajuste dos preços de gasolina vai ocorrer nesta terça-feira

  • Segundo o Valor Econômico, a Petrobras vai aumentar em 8%, na média (ou R$0,15/litro), o preço da gasolina nas refinarias nesta terça-feira (19). No entanto, a estatal decidiu não mexer, por ora, nos preços de diesel;
  • Em nossas análises proprietárias, com o reajuste de R$ 0,15/litro da gasolina, a estatal passa a praticar um prêmio em relação a referências internacionais de preços de combustível de US$ 2,34/barril, de um prejuízo de US$(2,16)/barril antes do reajuste. No entanto, como até o momento não houve um aumento nos preços do diesel, estes se mantem sendo vendido a prejuízo de US$(2,44)/barril quando comparado à preços internacionais;
  • Vemos a notícia como parcialmente positiva para a Petrobras. Por um lado, o reajuste da gasolina é positivo e endereça o problema da defasagem do combustível em relação a referências internacionais. Por outro lado, ajustar apenas a gasolina e não o diesel pode retroalimentar preocupações a respeito das limitações da companhia em reajustar preços de tal derivado por receio de insatisfações da categoria profissional de caminhoneiros, com notícias recentes apontam para riscos de uma potencial greve em fevereiro;
  • Em relatório recente (link), analisamos os potenciais impactos para a Petrobras em um cenário que ela fique impossibilitada de praticar sua política de paridade de preços de combustíveis. Temos recomendação de Compra nas ações da Petrobras, com preços-alvo de 12 meses de R$35/ação para PETR4/PETR3.

Siderurgia: Produção de aço se recupera, mas fecha o ano abaixo de 2019

  • Segundo dados publicados pelo Instituto Aço Brasil (IABr), a produção brasileira de aço bruto foi de 31 milhões de toneladas em 2020, 4,9% abaixo do total produzido em 2019. Seguindo a tendência, as exportações sofreram uma queda de 16,1% a 10,7 milhões de toneladas, mesmo com a alta do dólar no ano. Por outro lado, houve aumento nas vendas internas e no consumo nacional de produtos siderúrgicos de 2,4% e 1,2%, respectivamente, na comparação anual;
  • Em relação aos aços planos, utilizados também na indústria automotiva, a produção acumulada caiu 6,8%, comparada a 2019, enquanto as vendas no mercado interno mantiveram-se estáveis. Por outro lado, os aços longos, matéria-prima importante na construção civil, tiveram produção estável no ano, além de um aumento 5,2% nas vendas ao mercado doméstico;
  • Destacamos ainda que, apesar de China ter anunciado produção recorde de 1,053 bilhões de toneladas de aço em 2020, o Brasil aumentou significativamente as exportações de aço ao principal país asiático, de 110 mil a 1,4 milhões de toneladas, o que reforça ainda mais a supremacia da indústria no país. Por outro lado, houve uma redução de 24% no total exportado aos Estados Unidos, principal mercado consumidor dos produtos siderúrgicos brasileiros.

AmBev (ABEV3): Beam Suntory, terceira maior fabricante mundial de destilados, faz acordo de distribuição com a Ambev

  • De acordo com reportagem do Valor Econômico, “a nipo-americana Beam Suntory fechou acordo com a Ambev para a distribuição de seu portfólio no Brasil. Terceira maior fabricante mundial de destilados, atrás da inglesa Diageo e da francesa Pernod Ricard, possui em seu portfólio bebidas como os uísques americanos Jim Beam e Maker’s Mark, o uísque escocês Teacher’s e o gin espanhol Larios”. Confira todos os detalhes no nosso relatório setorial, o Expresso Alimentos & Bebidas;
  • Conforme destacado pelo jornal, “a Ambev começou a vender e entregar produtos da Beam Suntory em pontos no estados de São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Rio Grande do Sul e região Nordeste. A Beam Suntory, por sua vez, manterá o atendimento direto aos principais clientes nacionais e regionais por meio de sua rede de distribuição. Vale lembrar que a Ambev também distribui desde o segundo semestre de 2019 os energéticos Red Bull, além de produzir e distribuir os produtos Pepsi no Brasil.”;
  • Na nossa visão, ainda que a inciativa pareça pouco representativa em termos de receita para a AmBev em um primeiro momento, ela reforça nossa tese de que a empresa estaria caminhando na direção correta de reformular seu modelo de negócio. Ao agregar destilados ao seu portfólio por meio da parceria com a Beam Suntory, a empresa demonstra sua intenção de encontrar novas avenidas de crescimento baseadas em marcas com forte apelo ao consumidor. Adicionalmente, a iniciativa reforça a vantagem competitiva duradoura da capilaridade da AmBev, representando uma forma da empresa aumentar seu portfolio potencialmente baixando seu custo de rota de distribuição.

C&A (CEAB3): anúncio de parceria comercial com Enjoei e lançamento da campanha “Novo de novo”

  • A C&A anunciou uma parceria comercial com a Enjoei, onde ela terá uma vitrine especial de itens da sua marca no Enjoei através do Enjoei Pro, serviço pelo qual o usuário do Enjoei envia as peças para a empresa –  que, por sua vez, faz uma curadoria das peças e se encarrega das fotos, da publicação e da logística de entrega após a venda;
  • A parceria ainda prevê benefícios para todos os usuários vendedores cadastrados no Enjoei. Todos os créditos disponíveis no Enjubank, a carteira virtual do Enjoei, poderão ser usados para compras no site da rede C&A e darão direito a bônus;
  • Vemos o anúncio como positivo uma vez que não só reforça os compromissos de sustentabilidade da companhia como aumenta o alcance de seus produtos, ao oferta-los em outras plataformas.
Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório de análise foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos ou XP”) de acordo com todas as exigências na Resolução CVM 20/2021, tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar sua própria decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto. As informações contidas neste relatório são consideradas válidas na data de sua divulgação e foram obtidas de fontes públicas. A XP Investimentos não se responsabiliza por qualquer decisão tomada pelo cliente com base no presente relatório. Este relatório foi elaborado considerando a classificação de risco dos produtos de modo a gerar resultados de alocação para cada perfil de investidor. O(s) signatário(s) deste relatório declara(m) que as recomendações refletem única e exclusivamente suas análises e opiniões pessoais, que foram produzidas de forma independente, inclusive em relação à XP Investimentos e que estão sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado, e que sua(s) remuneração(es) é(são) indiretamente influenciada por receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela XP Investimentos.

O analista responsável pelo conteúdo deste relatório e pelo cumprimento da Instrução CVM nº 598/18 está indicado acima, sendo que, caso constem a indicação de mais um analista no relatório, o responsável será o primeiro analista credenciado a ser mencionado no relatório. Os analistas da XP Investimentos estão obrigados ao cumprimento de todas as regras previstas no Código de Conduta da APIMEC para o Analista de Valores Mobiliários e na Política de Conduta dos Analistas de Valores Mobiliários da XP Investimentos. O atendimento de nossos clientes é realizado por empregados da XP Investimentos ou por agentes autônomos de investimento que desempenham suas atividades por meio da XP, em conformidade com a ICVM nº 497/2011, os quais encontram-se registrados na Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários – ANCORD. O agente autônomo de investimento não pode realizar consultoria, administração ou gestão de patrimônio de clientes, devendo atuar como intermediário e solicitar autorização prévia do cliente para a realização de qualquer operação no mercado de capitais. Os produtos apresentados neste relatório podem não ser adequados para todos os tipos de cliente. Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor. Este material não sugere qualquer alteração de carteira, mas somente orientação sobre produtos adequados a determinado perfil de investidor. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir num curto espaço de tempo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. As informações presentes neste material são baseadas em simulações e os resultados reais poderão ser significativamente diferentes. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. SAC. 0800 77 20202. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. O custo da operação e a política de cobrança estão definidos nas tabelas de custos operacionais disponibilizadas no site da XP Investimentos: www.xpi.com.br. A XP Investimentos se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste relatório ou seu conteúdo. A Avaliação Técnica e a Avaliação de Fundamentos seguem diferentes metodologias de análise. A Análise Técnica é executada seguindo conceitos como tendência, suporte, resistência, candles, volumes, médias móveis entre outros. Já a Análise Fundamentalista utiliza como informação os resultados divulgados pelas companhias emissoras e suas projeções. Desta forma, as opiniões dos Analistas Fundamentalistas, que buscam os melhores retornos dadas as condições de mercado, o cenário macroeconômico e os eventos específicos da empresa e do setor, podem divergir das opiniões dos Analistas Técnicos, que visam identificar os movimentos mais prováveis dos preços dos ativos, com utilização de “stops” para limitar as possíveis perdas. O investimento em ações é indicado para investidores de perfil moderado e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos Ação é uma fração do capital de uma empresa que é negociada no mercado. É um título de renda variável, ou seja, um investimento no qual a rentabilidade não é preestabelecida, varia conforme as cotações de mercado. O investimento em ações é um investimento de alto risco e os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste material em relação a desempenhos. As condições de mercado, o cenário macroeconômico, os eventos específicos da empresa e do setor podem afetar o desempenho do investimento, podendo resultar até mesmo em significativas perdas patrimoniais. A duração recomendada para o investimento é de médio-longo prazo. Não há quaisquer garantias sobre o patrimônio do cliente neste tipo de produto. O investimento em opções é preferencialmente indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. No mercado de opções, são negociados direitos de compra ou venda de um bem por preço fixado em data futura, devendo o adquirente do direito negociado pagar um prêmio ao vendedor tal como num acordo seguro. As operações com esses derivativos são consideradas de risco muito alto por apresentarem altas relações de risco e retorno e algumas posições apresentarem a possibilidade de perdas superiores ao capital investido. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. O investimento em termos é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. São contratos para compra ou a venda de uma determinada quantidade de ações, a um preço fixado, para liquidação em prazo determinado. O prazo do contrato a Termo é livremente escolhido pelos investidores, obedecendo o prazo mínimo de 16 dias e máximo de 999 dias corridos. O preço será o valor da ação adicionado de uma parcela correspondente aos juros – que são fixados livremente em mercado, em função do prazo do contrato. Toda transação a termo requer um depósito de garantia. Essas garantias são prestadas em duas formas: cobertura ou margem. O investimento em Mercados Futuros embute riscos de perdas patrimoniais significativos, e por isso é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. Commodity é um objeto ou determinante de preço de um contrato futuro ou outro instrumento derivativo, podendo consubstanciar um índice, uma taxa, um valor mobiliário ou produto físico. É um investimento de risco muito alto, que contempla a possibilidade de oscilação de preço devido à utilização de alavancagem financeira. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. As condições de mercado, mudanças climáticas e o cenário macroeconômico podem afetar o desempenho do investimento.

B3 Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.