Banco Central reforça sinalização de ajuste monetário parcial; Congresso aprova Orçamento controverso para 2021

Tudo o que você precisa saber sobre os mercados nacional e internacional, com análises econômicas e políticas sobre fatos que podem impactar seus investimentos.


Compartilhar:


Clique para ouvir

IBOVESPA 1,5% | 113.750 Pontos

CÂMBIO 0,46% | 5,65/USD

O que pode impactar o mercado hoje

O índice Ibovespa registrou alta de 1,5% ontem, atingindo o patamar de 113.750 pontos. Este movimento refletiu a melhora do apetite ao risco no exterior, que favoreceu ações mais sensíveis ao ciclo econômico, e também a sinalização adicional do Banco Central do Brasil sobre o processo de “normalização parcial” da política monetária, indicando manutenção da taxa Selic em terreno ainda estimulativo ao final do primeiro estágio de elevação de juros.

Nesta linha, as taxas futuras de juros fecharam ontem em leve baixa, após consecutivas sessões de alta desde a última sexta-feira. A taxa DI jan/22 fechou em 4,62%; DI jan/24 encerrou a sessão em 7,48%; DI jan/26 foi para 8,29%; e DI jan/28 fechou em 8,79%.

Na cena internacional, o presidente americano, Joe Biden, afirmou em sua primeira coletiva desde a posse a intenção de disputar a eleição de 2024 (com 81 anos) e indicou apoio a mudanças ao filibuster (mecanismo de obstrução no Senado dos EUA). Na União Europeia, ganha força a ideia de limitar exportações de imunizantes contra o coronavírus produzidos no bloco. E o acordo comercial sendo negociado entre EUA e Reino Unido pode perder prazo chave no Congresso americano, o que complicaria sua aprovação.

No Brasil, o Banco Central divulgou ontem seu Relatório Trimestral de Inflação, que reforçou nossa avaliação de taxa Selic a 5,0% no final de 2021. Para 2022, por sua vez, aumentamos a projeção de 5,0% para 6,5%. Ainda, o IPCA-15 de março veio ligeiramente abaixo das expectativas, com variação de 0,93% ao mês; já as principais medidas de núcleo de inflação vieram em linha com nossos números, sustentando a perspectiva de preços ainda pressionados no curto prazo, mas com alívio importante ao longo do segundo semestre.

Na política local, o Congresso aprovou um orçamento irreal para 2021. No texto final, os legisladores cortaram despesas obrigatórias e aumentaram investimentos. A manobra vai obrigar o governo a bloquear mais de R$ 30 bilhões para recompor as despesas obrigatórias, o que aumenta o risco de paralisação de serviços públicos no segundo  semestre. Além disso, segundo o noticiário, o governador do Estado de São Paulo, João Doria, deve anunciar nesta manhã que o Instituto Butantan desenvolveu nova vacina contra o coronavírus e que pedirá à Anvisa o início dos testes.

Bolsas internacionais em alta nesta manhã. Nos EUA (+0,2%), vacinação em massa, sinais de reabertura e recuperação do emprego são confrontados com um cenário de juros mais altos. Na Europa (+0,5%), mineradoras e petrolíferas lideram a sessão de alta com o bloqueio no Canal de Suez possivelmente permanecendo até quarta-feira (cotação do Petróleo sobe 2,2%).

Na agenda de hoje, divulgação de dados relevantes para a economia dos EUA. Os destaques são Renda e Gastos Pessoais de fevereiro. Os mercados irão monitorar o deflator de despesas pessoais, que é conhecido como o indicador de inflação preferido do banco central americano (Federal Reserve).

Por fim, no lado corporativo, iniciamos a cobertura das ações da CSN Mineração (CMIN3) com recomendação de Compra e preço-alvo de R$14 por ação. Nossa recomendação é baseada principalmente em uma visão positiva sobre os preços das commodities, possibilidade de crescimento expressivo nos volumes nos próximos anos, valuation atrativo e forte distribuição de dividendos. Além disso, também atualizamos o preço-alvo das ações de CSN (CSNA3) para R$55 por ação. Para mais detalhes, acesse nosso relatório completo.

Tópicos do dia

Acesse aqui o relatório internacional

Agenda de resultados

Ser Educacional (SEER3): antes da abertura
Temporada de Resultados do 4° Trimestre – O que esperar?
Calendário do 4T20
Resumo dos resultados do 4º tri de 2020: Superando nossas estimativas até o momento

Clique aqui para saber mais

Economia

  1. O bloqueio do Canal de Suez segue pressionando preços internacionais de energia. Banco Central continua sinalizando um ajuste parcial das condições monetárias

Política

  1. Congresso aprova orçamento de 2021. Butantan desenvolve vacina própria e quer iniciar testes
  2. Política internacional: Joe Biden mostra tom mais duro com republicanos e afirma intenção de se candidatar em 2024

Empresas

  1. Iniciando a cobertura de CSN Mineração (CMIN3) com Compra e atualização de preço-alvo de CSN (CSNA3)
  2. Radar ESG | CSN Mineração (CMIN3): Explorando os campos ESG
  3. Sabesp (SBSP3): Fortes resultados no 4T20
  4. Mosaico (MOSI3): O melhor está por vir; Dinâmica de consumo diferente impacta o 4T20
  5. SER (SEER3) – 4T20: Resultados melhores do que o esperado com menor PDD em um trimestre repleto de eventos não recorrentes
  6. Rebalanceamento do Ibovespa: Quais empresas devem entrar no índice?
  7. Notícias diárias do setor financeiro


Veja todos os detalhes

Economia

O bloqueio do Canal de Suez segue pressionando preços internacionais de energia. Banco Central continua sinalizando um ajuste parcial das condições monetárias

  • Os preços do petróleo seguem pressionados, em meio aos esforços para desobstruir o Canal de Suez. A tarefa exigirá pelo menos uma semana de trabalho, de acordo com a Bloomberg News;
  • Em uma entrevista de rádio, o presidente do Fed, Jerome Powell, disse que o Fed continuará a fornecer estímulos até que a economia dos EUA esteja “quase totalmente recuperada”;
  • Dia cheio em termos de divulgação de dados nos EUA. Os destaques são Renda e Gastos Pessoais de fevereiro. Os mercados irão monitorar o deflator de despesas pessoais, que é conhecido como o indicador de inflação preferido do Fed;
  • O Banco Central divulgou ontem seu Relatório Trimestral de Inflação. No documento, o BC reforçou seu plano de vôo de ajuste parcial das condições monetárias – o que, a nosso ver, significa levar a taxa Selic para menos de 6% neste ano. Mantemos nossa projeção para a taxa Selic em 5,0% para 2021. Para 2022, subimos para 6,5% (5,0% antes);
  • A inflação do IPCA-15 de março veio um pouco abaixo das expectativas, em 0,93% ao mês (XP: 0,95%; consenso do BBG: 0,96%). Analisando a composição, destacamos a inesperada queda da gasolina. As medidas de núcleo de inflação vieram linha com nossa visão.

Política

Congresso aprova orçamento de 2021. Butantan desenvolve vacina própria e quer iniciar testes

  • Na política, o Congresso aprovou ontem o Orçamento de 2021, o que deve permitir ao governo implementar duas das medidas emergenciais que estavam programadas: a antecipação do 13º do INSS e a nova fase do Pronampe. O relatório final teve o corte de R$ 26 bilhões em despesas obrigatórias para ampliação das emendas parlamentares;
  • A manobra vai obrigar o governo a bloquear mais de R$ 30 bilhões para recompor as despesas obrigatórias, o que aumenta o risco de shutdown no segundo semestre;
  • Segundo o noticiário, o governador João Doria deve anunciar nesta manhã que o Instituto Butantan desenvolveu nova vacina contra o coronavírus e que pedirá à Anvisa o início dos testes.

Política internacional: Joe Biden mostra tom mais duro com republicanos e afirma intenção de se candidatar em 2024

  • Em sua primeira coletiva desde a posse, o presidente americano, Joe Biden, afirmou sua intenção de disputar a eleição de 2024 (com 81 anos) e mostrou tom mais duro no relacionamento com o partido republicano, abandonando discurso de união bipartidária defendida na campanha. Chegou a indicar que o uso do filibuster (mecanismo de obstrução no Senado) deve ser revisado ou, em cenário mais extremo, poderia “ir além disso”;
  • Discutiu também nova meta de 200 milhões de vacinações até o final do mês e estratégias de política internacional;
  • Na União Europeia, a campanha de vacinação continua a ser fonte de tensões após revelação que o bloco teria exportado mais doses do que haviam sido aplicadas nos países membros. Em vista disso, ganha força a ideia de limitar exportações de imunizastes produzidos no bloco;
  • E o acordo comercial sendo negociado entre os EUA e o Reino Unido pode perder prazo chave no Congresso americano, o que complicaria sua aprovação;

Empresas

Iniciando a cobertura de CSN Mineração (CMIN3) com Compra e atualização de preço-alvo de CSN (CSNA3)

  • Hoje iniciamos a cobertura das ações da CSN Mineração (CMIN3) com recomendação de Compra e preço-alvo de R$14 por ação. Nossa recomendação é baseada principalmente em uma visão positiva sobre os preços das commodities, possibilidade de crescimento expressivo nos volumes nos próximos anos, valuation atrativo e forte distribuição de dividendos;
  • Além disso, também atualizamos o preço-alvo das ações de CSN (CSNA3) para R$55 por ação com recomendação de Compra. Além do potencial do negócio de mineração, que a holding detém 79%, vemos um ambiente saudável de preços e volumes de aço no Brasil em 2021. Preferimos CSN vs Usiminas e Gerdau por conta da forte exposição ao minério de ferro;
  • Nesse relatório, detalhamos nossa tese de investimentos para ambas as companhias, além de elencar os principais riscos associados à elas. Para acessar o relatório completo, clique aqui.

Radar ESG | CSN Mineração (CMIN3): Explorando os campos ESG

  • O setor de mineração é altamente sensível do ponto de vista ESG e está cada vez mais exposto a esses riscos, incluindo preocupações com emissões, uso de água, desmatamento e relações com a comunidade. Para este setor, vemos o pilar Ambiental como o fator mais importante na análise, seguido pelo Social e Governança, respectivamente. Em nossa visão, com a pressão crescente para que as mineradoras sejam empresas responsáveis na perspectiva ESG, elas precisam ser ambiciosas e realistas sobre o que de fato podem oferecer e construir tendo em vista uma estratégia ESG que funcione para seus negócios;
  • Com vários fatores empurrando e puxando as mineradoras a se engajarem mais nessa agenda, quando falamos da CSN Mineração (CMIN), é importante ressaltar que a companhia faz parte de um setor muito sensível no que se refere ao pilar E. Apesar de reconhecermos positivamente os esforços da CMIN para minimizar os impactos adversos de suas operações de mineração no meio ambiente, ainda vemos riscos neste pilar que são importantes de serem monitorados olhando para frente. Na frente S, apesar de vermos espaço para mais melhorias, apreciamos as iniciativas da empresa, com destaque para os programas educacionais com as comunidades locais. Por fim, no pilar G, destacamos que é importante ficar de olho na governança da CMIN, considerando que o Grupo CSN é o acionista controlador da empresa e, no caso de um cenário adverso para a siderúrgica, isso pode trazer desafios à mineradora, além de vermos espaço para melhorias tanto em termos da independência quanto diversidade no que se refere ao Conselho de Administração da empresa;
  • Neste relatório, destacamos os tópicos ESG que vemos como os mais importantes para o setor e analisamos como a CSN Mineração (CSIM3) se posiciona quando o tema é ESG. Clique aqui para ler o conteúdo completo.

Sabesp (SBSP3): Fortes resultados no 4T20

  • Ontém após o mercado, a Sabesp divulgou no dia 25 de março o resultado do 4T20, com Lucro Líquido de R$ 831,5 milhões ficando ligeiramente abaixo (-3,2%) de nossa estimativa de R$ 858,8 milhões e do consenso da Bloomberg de R$ 862,0 milhões. A diferença em nossa estimativa reflete despesas financeiras líquidas acima de nossas estimativas;
  • O EBITDA ajustado de R$ 1.817,5 veio acima de nossa estimativa de R$ 1.532,0 milhões (18,6%) e consenso de R$ 1.610,8 milhões (12,8%). A diferença em nossa estimativa reflete a combinação de: (i) menores custos gerenciáveis (pessoal, materiais e serviços), no caso -2,4% menores na comparação anual ante a alta de + 4,5% do IPCA no período, principalmente devido a menores despesas com pessoas e serviços, que vemos como positivas. A superação de expectativas ocorreu apesar de um volume total de água e esgoto em linha com nossas expectativas;
  • Temos uma visão positiva dos resultados da Sabesp no 4T20, visto que o EBITDA Ajustado ficou acima do nosso. Em particular, consideramos muito positivos os menores custos gerenciáveis da companhia, apesar da entrada em operação de novos municípios no período.  os menores custos administráveis, apesar da entrada em operação de novos municípios no período em relação ao mesmo trimestre no ano anterior. Mantemos nossa recomendação Neutra nas ações da Sabesp com preço-alvo de R$50/ação.

Mosaico (MOSI3): O melhor está por vir; Dinâmica de consumo diferente impacta o 4T20

  • A Mosaico reportou resultados fracos referentes ao quarto trimestre de 2020 (4T20), mas em linha com nossas estimativas de Receita e EBITDA e com Lucro bastante acima do nosso por conta de um impacto positivo não recorrente de um imposto diferido decorrente do prejuízo fiscal de exercícios anteriores;
  • Esperamos uma reação neutra/negativa do mercado. Conforme havíamos antecipado no nosso início de cobertura, já esperávamos um resultado mais fraco, com uma desaceleração de crescimento relevante, por conta da antecipação de consumo da categoria de eletrônicos e linha branca ao longo do ano, levando a um perfil de compras atípico na Black Friday (maior participação de categorias com preços menores como vestuário, cama/mesa/banho e beleza e saúde);
  • Vemos uma tendência positiva para frente tanto em relação ao ambiente setorial como também por conta das diversas iniciativas da companhia que devem contribuir positivamente para os resultados. Mantemos nossa recomendação de Compra e preço-alvo para o fim de 2021 de R$38,0/ação para MOSI3. Veja o relatório aqui.

SER (SEER3) – 4T20: Resultados melhores do que o esperado com menor PDD em um trimestre repleto de eventos não recorrentes

  • Em um trimestre repleto de eventos não recorrentes e receitas líquidas estritamente em linha com nossas estimativas, provisões para devedores duvidosos abaixo do esperado ajudaram as margens EBITDA ajustadas a permanecerem estáveis em relação ao ano anterior e 5,0pp acima de nossa expectativa;
  • A base de alunos presencial ficou em 137 mil alunos, 10% abaixo do ano anterior e apenas 1% acima de nossas estimativas.
  • No que diz respeito ao ensino à distância, houve um crescimento de 71% A/A no número de alunos que atingiu 54 mil, 15% acima das nossas estimativas;
  • A receita líquida atingiu R$329,5M, uma redução de 6% em relação ao 4T19 e em linha com nossas estimativas;
  • O lucro bruto atingiu R$217M vs nossa estimativa de R$210M e R$222M no 4T19, com margem bruta de 65,9%, 2,2pp acima de nossas estimativas, devido a menores custos com concessionárias e reversões de aluguel devido à pandemia;
  • O EBITDA ajustado de R$75,6 milhões (7% abaixo do ano anterior e 29% acima das nossas estimativas) foi positivamente impactado por uma PDD abaixo do esperado que ficou em 10% da receita líquida vs nossa estimativa de 14,5%. No entanto, o ciclo de contas a receber em dias de receita (ex-FIES) deteriorou-se 37% atingindo 118 dias vs 86 dias em 2019, o que nos preocupa principalmente em um ambiente macroeconômico difícil. Os custos e despesas não recorrentes totalizaram R$23,3M ou ~ 30% do EBITDA ajustado;
  • De qualquer forma, o foco de curto prazo deve ser o ciclo de captação de 2021, que provavelmente será impactado negativamente pela segunda onda da Covid no Brasil, que em nossa opinião é a causa da pressão de curto prazo sobre as ações que devem permanecer até que tenhamos uma visão mais clara vista sobre o impacto da Covid na captação. Continuamos cautelosos quanto ao desempenho do ensino presencial que, a nosso ver, deve compensar o desempenho positivo no ensino a distância, nos levando a reiterar nossa recomendação Neutra e preço alvo de R$17,0/ação.

Rebalanceamento do Ibovespa: Quais empresas devem entrar no índice?

  • A cada quatro meses, a B3 faz uma reavaliação das ações que compõem a carteira do Ibovespa para verificar se os ativos atendem aos seus critérios para fazer parte do índice que representa as ações mais negociadas na Bolsa brasileira;
  • Uma prévia das mudanças será publicada no dia 1 de abril. E no dia 3 de maio irá ocorrer as entradas e saídas do índice Ibovespa oficialmente;
  • Fizemos um estudo para prever quais ações deverão entrar ou sair do Ibovespa nessa próxima revisão. Clique aqui para saber quais são elas.

Notícias Diárias do Setor Financeiro

  • Acesse este relatório com notícias do setor financeiro que complementam nossos comentários publicados no Morning Call, mas que não consideramos relevantes o suficiente para serem analisadas. Aqui você encontra o título com o link para a fonte original da notícia, além de uma breve descrição do conteúdo;
  • Clique aqui para acessar o relatório.
Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este relatório de análise foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos ou XP”) de acordo com todas as exigências previstas na Instrução CVM nº 598, de 3 de maio de 2018, tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar sua própria decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto. As informações contidas neste relatório são consideradas válidas na data de sua divulgação e foram obtidas de fontes públicas. A XP Investimentos não se responsabiliza por qualquer decisão tomada pelo cliente com base no presente relatório. Este relatório foi elaborado considerando a classificação de risco dos produtos de modo a gerar resultados de alocação para cada perfil de investidor. O(s) signatário(s) deste relatório declara(m) que as recomendações refletem única e exclusivamente suas análises e opiniões pessoais, que foram produzidas de forma independente, inclusive em relação à XP Investimentos e que estão sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado, e que sua(s) remuneração(es) é(são) indiretamente influenciada por receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela XP Investimentos.

O analista responsável pelo conteúdo deste relatório e pelo cumprimento da Instrução CVM nº 598/18 está indicado acima, sendo que, caso constem a indicação de mais um analista no relatório, o responsável será o primeiro analista credenciado a ser mencionado no relatório. Os analistas da XP Investimentos estão obrigados ao cumprimento de todas as regras previstas no Código de Conduta da APIMEC para o Analista de Valores Mobiliários e na Política de Conduta dos Analistas de Valores Mobiliários da XP Investimentos. O atendimento de nossos clientes é realizado por empregados da XP Investimentos ou por agentes autônomos de investimento que desempenham suas atividades por meio da XP, em conformidade com a ICVM nº 497/2011, os quais encontram-se registrados na Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários – ANCORD. O agente autônomo de investimento não pode realizar consultoria, administração ou gestão de patrimônio de clientes, devendo atuar como intermediário e solicitar autorização prévia do cliente para a realização de qualquer operação no mercado de capitais. Os produtos apresentados neste relatório podem não ser adequados para todos os tipos de cliente. Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor. Este material não sugere qualquer alteração de carteira, mas somente orientação sobre produtos adequados a determinado perfil de investidor. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir num curto espaço de tempo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. As informações presentes neste material são baseadas em simulações e os resultados reais poderão ser significativamente diferentes. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. SAC. 0800 77 20202. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. O custo da operação e a política de cobrança estão definidos nas tabelas de custos operacionais disponibilizadas no site da XP Investimentos: www.xpi.com.br. A XP Investimentos se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste relatório ou seu conteúdo. A Avaliação Técnica e a Avaliação de Fundamentos seguem diferentes metodologias de análise. A Análise Técnica é executada seguindo conceitos como tendência, suporte, resistência, candles, volumes, médias móveis entre outros. Já a Análise Fundamentalista utiliza como informação os resultados divulgados pelas companhias emissoras e suas projeções. Desta forma, as opiniões dos Analistas Fundamentalistas, que buscam os melhores retornos dadas as condições de mercado, o cenário macroeconômico e os eventos específicos da empresa e do setor, podem divergir das opiniões dos Analistas Técnicos, que visam identificar os movimentos mais prováveis dos preços dos ativos, com utilização de “stops” para limitar as possíveis perdas. O investimento em ações é indicado para investidores de perfil moderado e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos Ação é uma fração do capital de uma empresa que é negociada no mercado. É um título de renda variável, ou seja, um investimento no qual a rentabilidade não é preestabelecida, varia conforme as cotações de mercado. O investimento em ações é um investimento de alto risco e os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste material em relação a desempenhos. As condições de mercado, o cenário macroeconômico, os eventos específicos da empresa e do setor podem afetar o desempenho do investimento, podendo resultar até mesmo em significativas perdas patrimoniais. A duração recomendada para o investimento é de médio-longo prazo. Não há quaisquer garantias sobre o patrimônio do cliente neste tipo de produto. O investimento em opções é preferencialmente indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. No mercado de opções, são negociados direitos de compra ou venda de um bem por preço fixado em data futura, devendo o adquirente do direito negociado pagar um prêmio ao vendedor tal como num acordo seguro. As operações com esses derivativos são consideradas de risco muito alto por apresentarem altas relações de risco e retorno e algumas posições apresentarem a possibilidade de perdas superiores ao capital investido. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. O investimento em termos é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. São contratos para compra ou a venda de uma determinada quantidade de ações, a um preço fixado, para liquidação em prazo determinado. O prazo do contrato a Termo é livremente escolhido pelos investidores, obedecendo o prazo mínimo de 16 dias e máximo de 999 dias corridos. O preço será o valor da ação adicionado de uma parcela correspondente aos juros – que são fixados livremente em mercado, em função do prazo do contrato. Toda transação a termo requer um depósito de garantia. Essas garantias são prestadas em duas formas: cobertura ou margem. O investimento em Mercados Futuros embute riscos de perdas patrimoniais significativos, e por isso é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. Commodity é um objeto ou determinante de preço de um contrato futuro ou outro instrumento derivativo, podendo consubstanciar um índice, uma taxa, um valor mobiliário ou produto físico. É um investimento de risco muito alto, que contempla a possibilidade de oscilação de preço devido à utilização de alavancagem financeira. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. As condições de mercado, mudanças climáticas e o cenário macroeconômico podem afetar o desempenho do investimento.

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.