Os 100 da NASDAQ: conheça o NASDAQ-100 e o novo ETF da XP, o NASD11

Neste conteúdo apresentamos os novos fundos de investimento da XP, o Trend Nasdaq 100 e o ETF NASD11, e exploramos a excelente oportunidade de investimento em replicar o índice NASDAQ-100 – leia o conteúdo na íntegra abaixo.


Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Neste conteúdo apresentamos os novos fundos de investimento da XP, o Trend Nasdaq 100 e o ETF NASD11, e exploramos a excelente oportunidade de investimento em replicar o índice NASDAQ-100 – leia o conteúdo na íntegra abaixo.

Time da XP Inc na sede da Nasdaq, no dia do IPO da empresa

Em Dezembro 2019, A XP fazia seu IPO em New York, quando um punhado de colaboradores animados lotaram a calçada na frente da sede da NASDAQ pra tirar essa bela foto acima.

Em Maio de 2021, a XP traz a NASDAQ ao Brasil com o lançamento dos fundos Trend NASDAQ-100 e o Trend ETF NASD11 – a partir de agora qualquer brasileiro pode investir a partir de R$10,00 nas empresas mais inovadoras do mundo!

1. BOLSA: O que é a NASDAQ?

Fundada em 1971 pela National Association of Securities Dealers (NASD) a bolsa de valores NASDAQ era conhecida pela inovação de um sistema eletrônico “automático de cotações” (NASD Automated Quotations).

Ao final de 2020, a NASDAQ tinha mais de 3.500 ações listadas, totalizando US$19,4 trilhões em valores de mercado agregado (19 vezes maior que todas as 316 ações listadas no Brasil). Esta bolsa de valores é também conhecida pela liderança na abertura de capital de empresas, com 83% dos IPOs (Initial Public Offering) dos EUA nos últimos sete anos.


2. ÍNDICE: O que é o NASDAQ-100 Index (NDX)?

Com 36 anos de idade, o NASDAQ-100 é um “jovem” índice criado e calculado desde 1985. Somente como referência, o S&P 500 é um “senhor” de 97 anos de idade (criado em 1926 originalmente composto por 100 empresas, e expandido para 500 empresas em 1957).

O NASDAQ-100 é composto pelas 100 maiores empresas não-financeiras listadas na bolsa de valores NASDAQ e rebalanceado anualmente todo mês de dezembro quando alguns limites são estabelecidos para cálculo do peso de cada constituinte conforme a metodologia do índice. Uma dessas regras por exemplo é que todas as ações com peso individual superior à 4,5% são limitadas coletivamente à 40% de peso no índice.

As 100 empresas que constituem o NASDAQ-100 (NDX) tiveram lucro agregado de $370 bilhões de dólares em 2020. Apesar deste montante ser cerca de 2 vezes menor do que o lucro agregado das ações do S&P 500 (SPX: $785 bilhões, 2020), o lucro agregado das ações do NDX cresceram +7,9% em 2020 (enquanto o do SPX caiu -32,7%) e a uma taxa média de 20,4% aa desde 2003. Para efeitos de comparação, o enquanto SPX performou 6,4% a.a. no mesmo período.

Lucro agregado dos índices NASDAQ-100 e S&P500

Se você ainda não tem conta na XP, abra a sua aqui.

3. CARTEIRA: O que que o NASDAQ-100 tem que o S&P-500 não tem?

Se você alguma vez já fez uma reunião/conferência usando o Zoom, ou comprou algo no Mercado Livre, ou assinou um documento virtual através do DocuSign, ou vestiu uma roupa atlética da Lululemon, então você já conhece alguns dos constituintes do NASDAQ-100.  Estas são exemplos das 23 empresas que alguém que só compra ações do índice S&P500 perderia a oportunidade de investir.

Outras 77 empresas no NASDAQ-100 também estão no S&P500, porém um com uma exposição (peso) bem maior (de duas a três vezes na maioria das posições). Por exemplo, as ações FAAMNGs (Facebook, Amazon, Apple, Microsoft, Netflix e Google): um investidor que replicasse o S&P 500 teria 22,7% de sua carteira nessas ações, enquanto via NASDAQ-100 tem 42,4% destas ações (ou seja: 1,9 vez maior exposição à estas empresas). Um investidor que queira exposição concentrada à algumas dessas empresas pode, por exemplo, investir em produtos estruturados como o COE Autocallable FANG da XP.


Lista de empresas que estão no índice NASDAQ-100 e não estão no índice S&P500

4 .MITO: o NASDAQ-100 não é só Tech

Apesar do que muitos acreditam, o índice da NASDAQ-100 não é composto somente por empresas de tecnologia. Empresas como Pepsi, Costco e Starbucks por exemplo representam o setor de consumo/varejo no índice. Nos últimos 5 anos o índice teve maior exposição nos seguintes setores:

  • Tecnologia (~40% atual)
  • Comunicação (~20% atual)
  • Consumo Cíclico (~20% atual)
  • Consumo Defensivo (~5% atual)
  • Saúde (~5% atual)

Em outras palavras: o NASDAQ-100 está Tech, mas não é Tech. Não é um índice “puro Tech” (como é o fundo Trend Tecnologia Americana FIM) e hoje apresenta significativa exposição no setor de Tecnologia. Os pesos podem mudar à medida que os preços dos constituintes na carteira variem entre cada rebalanceamento (anual) do índice.

Setores que compõem o índice NASDAQ-100. 40% dele são de empresas de tecnologia

Se você ainda não tem conta na XP, abra a sua aqui.

5. VERDADE: o NASDAQ-100 rendeu mais que o S&P500

Abaixo podemos ver 3 décadas em 3 gráficos:

  • Retorno acumulado: $10.000 dólares investido no NASDAQ-100 no começo de 1990 valorizou 62 vezes (14,1%a.a.) enquanto o mesmo valor investido no S&P 500 no mesmo período teria crescido “só” 12 vezes (8,2%a.a.)
Retorno acumulado de investimentos no índice NASDAQ-100 é maior do que no índice S&P500
  • Média móvel 12 meses: se em cada mês um investidor investisse $1 dólar (por 12 meses) no NASDAQ-100, ele(a) “ganhou” 68% dos meses do que se tivesse investido no S&P500.
O índice NASDAQ-100 apresentou maior rentabilidade do que o índice S&P500 por 68% dos meses
  • Risco e Retorno por décadas:  nas últimas décadas os dois índices tiveram seus “altos” e “baixos”. Olhando pela métrica do drawdown (a pior queda entre o “pico” e o “vale” em um determina período), podemos observar que o NASDAQ-100  caiu -82,9% entre Mar/00 e Out/09 (durante a “bolha Tech/.com”) e que o S&P 500 caiu -56,8% entre Out/07 e Mar/09 (durante a “Crise Financeira Global”).

Apesar destas crises com escalas significativas de perda, um investidor com visão de longo prazo pode olhando-se o horizonte de décadas, apesar dos tempos difíceis nos anos 2000, o NASDAQ-100 rendeu 16,7% ao ano na década seguinte (2000-2010) enquanto o S&P500 rendeu 11,2%.

Por enquanto, na década atual (Jan/20-Abr/21), o NASDAQ-100 tem apresentado melhor performance relativa ao S&P500 tanto em retornos (33,9%a.a vs 18,3%a.a.) quanto durante os ~30 dias da queda do COVID em Fev-Mar/20 (-28% vs -33,9%).

Índice NASDAQ-100 apresenta melhor performance relativa ao Índice S&P500

6. NOVOS FUNDOS XP: ETF NASD11 e o Trend NASDAQ

Mais uma vez sendo inovadora e democratizando o acesso às tendências promissoras para o investidor brasileiro, a XP lançou um fundo de investimentos focado nas inovadoras empresas listadas da NASDAQ.

O ETF NASD11 (em Dólar, sem proteção cambial USD/BRL) e o Fundo Trend NASDAQ (em Reais, com proteção cambial USD/BRL) irão replicar o retorno do índice NASDAQ-100 e terão investimento mínimo a partir de R$ 10,00 e R$ 100,00 respectivamente.

Estes dois fundos são novos produto da família de Fundos Trend, a franquia de investimentos indexados da XP que totalizam hoje cerca de R$ 18 bilhões ativos sob gestão distribuídos em mais de 60 fundos (incluindo os Trend ETFs) de gestão passiva e com baixas taxas de administração.

Saiba mais sobre o ETF NASD11

Saiba mais sobre o fundo TREND NASDAQ


Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

BM&F Bovespa Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.