O que é FAANG? Entenda a influência das Big Techs nas Bolsas globais

Conheça um pouco mais sobre esse acrônimo capaz de movimentar o maior mercado de ações do mundo


Compartilhar:


Se você pretende investir em ações internacionais ou já começou, agora que os BDRs (Brazilian Depositary Receipts) estão liberados para todos os investidores na Bolsa brasileira, saiba que estar familiarizado com as principais empresas do mundo e o tamanho de sua influência no mundo pode ser algo importante para colocar em perspectiva a grandeza do mercado global de ações e diversificar sua carteira de investimentos.

Algumas dessas companhias são tão relevantes em termos de impacto que se criou um acrônimo para elas: FAANG. Cada letra é a inicial das seguintes empresas: Facebook, Amazon, Apple, Netflix e Google (FAANG).

Como surgiu o termo FAANG?

O termo FAANG ganhou popularidade com o famoso âncora da CNBC Jim Cramer. No entanto, Cramer explicou que a acrônimo foi criado por Bob Lang, um analista técnico famoso dos Estados Unidos. 

FAANG tem o seu sentido literal, ou seja, de falar sobre esse grupo de empresas, mas o termo ganhou tanta popularidade nos Estados Unidos que seu sentido foi ampliado, podendo também ser usado em alguns casos específicos como referência ao setor de Tecnologia de forma geral.

FANG, FAAMG, FATAMG

Originalmente, Cramer se referia no começo apenas ao termo FANG, tirando a Apple da lista. Mas ao longo dos anos a sigla ganhou variações, sendo a principal delas ‘FAAMG‘, que substitui Netflix por Microsoft por uma questão de maior capitalização de mercado da companhia fundada por Bill Gates, bem como por apresentar características mais similares ao restante do grupo que a própria Netflix. Outra que vem ganhando adeptos é FATAMG, que inclui Tesla.

Por que as FAANG são tão importantes

Vale a pena prestar muita atenção nas ações FAANG, mesmo que você não invista nelas diretamente. Isso porque elas representam uma parte significativa da capitalização de mercado das Bolsas dos Estados Unidos, as maiores do mundo em termos de valor. Por isso, os movimentos de preços das FAANG podem ter impactos no mercado.

O valor total do mercado de ações dos EUA é estimado, aproximadamente, em mais de US$ 30 trilhões. Em 2019, as ações das FAANG fecharam o ano valendo, juntas, cerca de US $ 3 trilhões, sugerindo que essas empresas representavam pelo menos um décimo do valor do mercado de ações dos Estados Unidos. 

Hoje, o valor conjunto das FAANG ultrapassa os US$ 5 trilhões. Adicionando Microsoft, ou seja, utilizando a sigla FAAMG, o valor de mercado aumenta para US$ 7.1 trilhões.

Ou seja, essas empresas, juntas, valem muito mais do que PIB de países inteiros. O do Brasil, por exemplo, em 2019, foi de US$ 1,8 trilhão. Outro dado de grandeza: só a Apple, que atualmente é a maior companhia em capitalização de mercado no mundo, é cerca de três vezes maior do que o Ibovespa inteiro.

O S&P 500, que inclui as 500 maiores empresas dos EUA por capitalização de mercado, tem quatro dessas empresas entre as dez primeiras (apenas Netflix não está no top 10). Um dado interessante é que as 10 maiores empresas do S&P 500 representam mais de 20% do valor total do índice. 

Considerando o tamanho dessas empresas e o seus pesos nos índices, é possível visualizar e entender como o movimento dessas ações pode impactar os retornos do mercado de ações em geral.

Facebook (FBOK34)

A empresa abriu o capital em 2012, oito anos após ser fundada, e cresceu até se tornar a maior plataforma de mídia social do mundo, expandindo seus produtos por meio de grandes aquisições, como o Instagram e o WhatsApp. Atualmente, o Facebook tem mais de 2 bilhões de usuários ativos, com o foco de ganho de caixa no mercado de anúncios publicitários.

Amazon (AMZN34)

A empresa começou vendendo livros online em 1995 e hoje é a maior varejista online do mundo. Além de ser uma força extremamente disruptiva no setor de varejo, a Amazon é líder em soluções de computação em nuvem por meio de sua unidade Amazon Web Services (AWS), streaming online de música e filmes e até mesmo produtos eletrônicos de consumo com a criação do Kindle. A companhia, fundada por Jeff Bezos, foi a segunda a atingir o valor de US$ 1 trilhão de valor de mercado.

Apple (APPL34)

A Apple é a mais velha da sigla FAANG, com uma história que remonta ao surgimento e evolução do computador pessoal nas décadas de 1970 e 1980. Agora, a empresa ainda fabrica computadores, mas também ganha quase metade de seu dinheiro com as vendas de smartphones e, assim como as outras da sigla, ela diversifica suas ações até na saúde, que, segundo o CEO atual, Tim Cook, será a maior contribuição da empresa no longo prazo.  

Netflix (NFLX34)

A Netflix é a exceção desse grupo, pois sua capitalização de mercado é menor do que a de outras empresas FAANG. Mas seu rápido crescimento no número de assinantes e a revolução no mercado de mídia tornaram a Netflix uma das empresas mais influentes de Wall Street. 

A Netflix abriu o capital em 2002 como uma empresa muito diferente, oferecendo um serviço de assinatura para alugar DVDs pelo correio. Gradualmente mudou para streaming de filmes e então introduziu o conteúdo original. Atualmente, está perto de chegar aos 200 milhões de assinantes com um preço altamente competitivo, além de um catálogo que se expande cada vez mais com produções originais.

Google (GOGL34)

O Google é o mecanismo de busca mais popular do mundo. Agora também é fabricante de smartphones e possui uma ampla gama de investimentos em diversos setores, desde tecnologia de carros autônomos a cidades inteligentes e biotecnologia. A empresa possui o YouTube, uma das plataformas de mídia mais famosas e que mais crescem no mundo.

Como investir nas FAANG

As empresas que compõem a sigla FAANG estão listadas nas maiores bolsas dos Estados Unidos e, portanto, é possível investir nelas através dos BDRs, ativos da Bolsa brasileira que replicam o movimento de ações listadas nos EUA. Para investir, siga o passo a passo que mostramos em outro relatório.



Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.