XP Expert

Vivendo de Renda

Novas carteiras recomendadas para quem sempre sonhou em viver de renda!

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Quem nunca sonhou em viver apenas dos rendimentos provenientes de um patrimônio já acumulado? E antes que você se questione se é possível, já adianto que sim.

O aplicação mais procurada no mercado financeiro com esse intuito são os fundos imobiliários. A maioria desses fundos que possuem ativos imobiliários ou ativos de renda fixa lastreados em dívidas imobiliárias são negociados em bolsa. Eles são os queridinhos por distribuírem dividendos, mensalmente – podem ser proveniente do pagamento dos alugueis dos ativos investidos ou das dívidas imobiliárias – , isentos de imposto de renda. E outra característica extremamente relevante desse tipo de fundo são os contratos dos imóveis, na maioria dos casos, são ajustados pela inflação ou outro índice de reajuste de preço.

O interesse de investidores por estratégias que gerem renda tem crescido ao longo do tempo:

E por que é tão relevante ter ativos que sejam reajustados pela inflação?

Porque garantimos o nosso poder de compra no futuro. A inflação de forma simplificada é um o valor de variação de uma cesta de produtos que pode ser medida em períodos de tempo. E para que possamos no mínimo comprar as mesmas coisas que compramos hoje daqui há 1 ou 10 anos e ter a tão desejável renda em relação ao patrimônio investido, precisamos alocar esses investimentos em em ativos que tenham um ganho real acima dela.

Quais os principais ativos que possibilitam um ganho real?

Além dos fundos imobiliários, existem ações que historicamente distribuíram em forma de dividendos – também isentos – um percentual atrativo em relação ao preço negociado e por último os papéis de renda fixa propriamente indexados à inflação (IPCA + taxa fixa) sendo risco soberano como as NTNBs ou privados como as debêntures. A abaixo um pouco mais sobre cada um desses ativos e seus respectivos índices que servirão como base para nossas análises.

E qual é o melhor ativo para investir?

A resposta nunca vai ser apenas um ativo, pois deixaríamos de considerar que a diversificação nos permite gerar uma carteira cuja combinação dos ativos seja com um retorno maior e menor risco do que em uma única aplicação, caso a correlação entre eles não seja 1. Quando menor a correlação, maior a diversificação.

Entenda mais sobre o efeito das correlações no Módulo 3 do nosso Curso Gratuito.

E como montar a melhor carteira então?

Além de considerar como os ativos se relacionam entre si, levamos em conta o retorno esperado para cada ativo e traçamos a fonteira eficiente, ou seja, uma curva onde máximo de volatilidade para cada perfil e traçamos a fronteira eficiente, onde estão as melhores combinações de ativos para cada nível de risco.

Para conhecer seu nível de risco, abra sua conta e preencha o suitability!

Para fazer isso, utilizamos as diversas competências de nossos Experts ao máximo. Entenda quem são os responsáveis:

Renda Variável:

Fernando Ferreira – Estrategista-chefe da XP.

Fundos Imobiliários:

Renan Miranda – Head de Análise de FIIs e Construção Civil

Alocação:

Felipe Dexheimer – Head de Alocação

Nathália de Sá, CFP® – Analista de Alocação

Pedro Mattos – Analista de Alocação

Carteira Moderada

Para o perfil moderado, consideramos uma volatilidade de 5%. Dada a combinação dos ativos, esperamos um retorno anual acima da inflação de 4% a ser distribuído como dividendo ou resgatado durante os próximos doze meses.

Dados da carteira

  • Yield médio: inflação + 4,3% ao ano
  • Volatilidade esperada: 5,5% ao ano
  • Maior perda acumulada (set/11 a jul/2020): 17,2%

Carteira Agressiva

Para o perfil moderado, consideramos uma volatilidade de 10%. Dada a combinação dos ativos, esperamos um retorno anual acima da inflação de 5% a ser distribuído como renda durante os próximos doze meses.

Moderada Alocação
Debêntures Incentivadas 10,00%
XP Debentures Incentivadas Crédito Privado FIC FIM 5,0%
ARX Elbrus Advisory Debêntures Incentivadas FIC FIM CP 5,0%
Fundos Imobiliário 65,0%
Carteira de Fundos Imobiliários XP 65,0%
Renda Variável 25,0%
Carteira Top Dividendos XP 25,0%

Dados da carteira

  • Yield médio: inflação + 5,4% ao ano
  • Volatilidade esperada: 10,0% ao ano
  • Maior perda acumulada (set/11 a jul/2020): 32,3%

Importante! Como os rendimentos serão auferidos ao londo de um ano e não com fluxos regulares mensais, recomendamos que para o primeiro ano, seja calculada a necessidade de renda e colocada em um CDB ou fundo de liquidez diária. Assim, os fluxos da carteira a partir do primeiro ano, poderão ser utilizados como renda no segunda ano e suscetivamente.

Expectativa de retorno das classe:

  • Debêntures Incentivadas: inflação + 3,6% ao ano
  • Fundos Imobiliários: inflação + 5,5% ao ano
  • Carteira de dividendos: inflação + 5,7% ao ano

Ainda não tem conta na XP? Abra a sua agora. É rápido, fácil e gratuito.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.