Resumo Semanal de FIIs – 13/11

Saiba todos os acontecimentos da semana no universo de FIIs


Compartilhar:


Panorama da Semana

O IFIX, índice de fundos imobiliários, fechou a semana em alta de 0,30%, após alta de 1,02% na semana passada, impulsionada positivamente pelos fundos imobiliários do segmento de recebíveis e shoppings e negativamente pelos fundos imobiliários do segmento de ativos logísticos. Sobre os índices de fundos imobiliários da XP, o XPFI apresentou a performance de 0,35%, XPFT de 0,04% e XPFP de 0,81%. O Ibov registrou alta de 3,76% na semana, 3,46 p.p acima do IFIX.

O cenário internacional permanece ainda marcado pelo aumento no número de novos casos de coronavírus, causando preocupações sobre os efeitos de uma da segunda onda de contágio na economia.

No Brasil, o comércio varejista brasileiro acelerou 7,3% a/a e 0,6% m/m em setembro, o resultado compensou a leitura positiva da indústria na semana passada e o balanço dos setores continua reforçando a atividade econômica mais forte no 3º trimestre desse ano. Com a aproximação da Black Friday, a expectativa é de aumento das vendas em novembro, tanto no varejo de rua/shoppings e no e-commerce, que impulsiona também o segmento logístico.

Radar de Mercado

GGRC11: O fundo anunciou a aprovação da quarta emissão de cotas com valor de R$280 milhões com valor da cota de R$128,77/cota (incluindo o custo de distribuição).

HGRU11: O fundo anunciou o encerramento da quarta emissão de cotas, perfazendo o montante total de R$700 milhões. Com a finalização da oferta, o fundo concluiu a aquisição dos 66 imóveis comerciais das Casas Pernambucanas. O cap rate anual é de 8,5% para o primeiro ano, 7,9% no segundo e 7,2% a partir do terceiro ano com a possibilidade de aluguel variável. A gestão estima uma receita de R$0,17/cota.  Os recibos de subscrição HGRU13 e HGRU14 serão integralizadas e convertidas a partir do dia 01/12/2020 e receberam a distribuição proporcional no dia 30/11/2020.

DOVL11B: Foi encerrado o prazo para o exercício do direito de preferência conferido aos Cotistas no âmbito da oferta pública com esforços restritos de colocação da 6ª emissão do Fundo.

MAXR11: O Fundo concedeu para uma de suas locatárias à flexibilização de determinadas condições comerciais visando a manutenção dos atuais contratos de locação e para preservar o patrimônio dos cotistas. As condições de flexibilizações descritas acima representam um impacto negativo na distribuição de rendimentos do Fundo de, aproximadamente, R$ 1,58 por cota, referente a competência de setembro/2020.

IBFF11: A Gestora decidiu, de forma voluntária, renunciar à parcela da taxa de administração do Fundo que lhe seria devida das competências Outubro/2020 a Agosto/2021 em razão da atualização do montante mínimo mensal.

EVBI11: O Fundo celebrou Contrato de Compra e Venda de Ações, referente à totalidade de ações da empresa RT 084 EMPREENDIMENTOS. A RT 084 é proprietária e/ou titular de direitos possessórios e aquisitivos dos imóveis localizados na Cidade de São Paulo, denominado ativo Pão de Açúcar Tito. Os Imóveis encontram-se 100% locados para o GPA através de um único contrato atípico de locação vencendo em 2035, celebrado em 30 de outubro de 2020. O valor de aquisição dos Imóveis é de R$34 milhões. Considerando o aluguel esperado para os próximos 12 meses, esta aquisição representa um cap rate de 6,6%, quando calculado sobre o preço da aquisição (antes dos custos diretamente relacionados à aquisição). O referido aluguel mensal equivale a aproximadamente R$ 0,17/cota, sendo que enquanto viger a operação de securitização (CRI) o valor efetivamente recebido pelo Fundo será de R$0,10/cota.

SDIL11: O fundo comunicou que foi assinada Proposta Vinculante para aquisição de dois ativos adjacentes localizados no município de Contagem, no principal corredor logístico do estado de Minas Gerais. A área total dos terrenos onde se encontram os Imóveis é de 225.080m² e o valor de aquisição totaliza R$ 421 milhões. Após realizados os pagamentos de todas as parcelas, projetados para até 12 meses do CCV, o cap rate bruto estabilizado é estimado em 8,0% a.a.

EVBI11: Serão pagos R$3,74 referentes aos rendimentos recebidos até o mês de outubro de 2020 e não R$ 1,91 por cota como informado aos cotistas no dia 30 de outubro. Este dividendo tem como referência a receita imobiliária acumulada até o mês de competência setembro de 2020 e desta forma anterior às datas de liquidação da 3ª emissão de cotas. Com isso, ressaltamos que apenas farão jus a esses rendimentos os cotistas que detinham cotas do Fundo (EVBI11) em 30 de outubro de 2020, não incluindo os recibos de cotas (EVBI12 e EVBI13). O pagamento ocorreu dia 09 de novembro de 2020.

HGRU11: o Fundo firmou o 1º Aditamento e Consolidação ao Instrumento Particular de Contrato de Locação Atípica Não Residencial, por meio dos quais (i) modificou as condições de locação, anuindo com a cessão do contrato de locação para outro inquilino por um novo valor e prazo (ii) reformulou o preço de aquisição, adotando novas condições de pagamento pela compra do imóvel localizado na cidade de São Paulo.

HGLG11: O Fundo firmou Compromisso de Compra e Venda para adquirir os galpões de números 1 a 4 e 8 a 16 do ativo logístico Condomínio GR Louveira. O valor a ser pago pelo Fundo na aquisição dos Imóveis é de R$ 156 milhões. Os Imóveis possuem, em conjunto, 55.202 m² de área bruta locável ocupados por diversos inquilinos, atualmente com 3,7% de vacância física.

RBRS11: O Fundo assinou Compromisso de Compra e Venda para aquisição de participação de 78% de um ativo localizado em Moema, o que corresponde a 81 unidades residenciais e uma loja, totalizando área privativa de 2.427,38 m². O Imóvel encontra-se em desenvolvimento e a data de entrega está prevista para o primeiro trimestre de 2022. A aquisição tem valor de R$ 36 milhões. O cap rate projetado para esta aquisição é de 8,8% a.a., consideradas premissas de taxa de ocupação média de 77,6% e aluguel aproximado de R$90/m² na modalidade de locação Long-Stay e R$ 215,00/dia na modalidade Short-Stay.

SDIL11: O fundo comunica aos cotistas e ao mercado em geral que foi aprovada, a 5ª emissão de cotas do Fundo a ser realizada no Brasil, sendo que tais Novas Cotas deverão ser distribuídas por meio de oferta pública com esforços restritos de colocação, a ser conduzida nos termos da Instrução da CVM.

RBIR11 e RSPD11: Foram celebradas aquisições de participação societária em SPEs para futuras incorporações imobiliárias nos bairros da Vila Madalena (Zona Oeste), Perdizes (Zona Oeste) e Brooklin (Zona Sul) da Cidade de São Paulo, SP.

HLOG11: O fundo firmou os instrumentos definitivos para a aquisição da totalidade do imóvel denominado “Condomínio Viracopos”, condomínio logístico de alto padrão localizado na Rodovia Miguel Melhado Campos (SP-324), na cidade de Itupeva –SP, o qual se encontra em fase de construção, com entrega prevista para o quarto trimestre de 2021. O valor da transação é de R$ 340 milhões. O vendedor garantirá ao Fundo renda mensal equivalente a 7,90% ao ano sobre os valores desembolsados desde a data do pagamento, por até 12 meses após a entrega da obra. Os valores mencionados não consideram os custos relacionados à transação.

TEPP11: O fundo comunicou celebração de novos instrumentos jurídicos relacionados à locação das unidades de seus ativos imobiliários, conforme detalhamento: (i) Celebração de Contrato de Locação com Lojas Estrela, formalizando a locação de 3 conjuntos do Edifício Passarelli, com Área BOMA de 509m² e (ii) Celebrou Termo de Intenções entre o Fundo e NEOBPO SERVIÇOS, regrando os termos e condições do Contrato de Locação de 5 conjuntos do Edifício Passarelli, totalizando uma Área BOMA de 847,99 m². Os novos contratos terão impacto positivo de R$0,03 por cota.

RBRS11: O Fundo assinou Compromisso de Compra e Venda para aquisição de 259 unidades residenciais, ou 99,2% da torre residencial Cyrela For You Paraíso, totalizando área privativa de 9.129 m². O Imóvel será desenvolvido pela Cyma Desenvolvimento Imobiliário, a entrega do está prevista para o quarto trimestre de 2023. A aquisição tem valor de R$ 103 milhões. O cap rate projetado para esta aquisição é de 8,3% a.a., consideradas premissas de taxa de ocupação média de 81,5% e aluguel aproximado de R$75/m² na modalidade de locação Long-Stay e R$ 20,00/dia na modalidade Short-Stay.

Carteira Recomendada

Desempenho Semanal

Fonte: XP Investimentos, Economatica e Bloomberg
* Os fundos imobiliários em destaque se encontram restritos por recomendação do Compliance

Últimos Materiais Publicados

Carteira Recomendada de Fundos Imobiliários – Novembro de 2020

Quais fundos imobiliários investir no mês de Novembro? Confira aqui.

Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

Receba nosso conteúdo por email

Seja informado em primeira mão, não perca nenhuma novidade e tome as melhores decisões de investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.