XP Expert

Small Caps: o que é, como investir e quais as melhores ações

Saiba tudo sobre Small Caps, as empresas de menor capitalização!

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail
Small Caps: o que é, como investir e quais as melhores ações

As empresas na bolsa são divididas por capitalização, isso é, pelo seu valor no mercado. Small Caps é o termo utilizado para se referir às empresas de menor capitalização, inserindo-se nessa divisão.  

Devido a divisão das Small Caps, ou seja, ativos relacionados a empresas de baixa capitalização, por ainda serem pequenas, elas tendem a ser mais voláteis, uma vez que seus resultados são mais imprevisíveis. 

Nesse artigo, você aprenderá tudo que precisa saber sobre o que são Small Caps e como investir nelas. 

  • O que é small caps? 
  • O que é uma large cap (ou Blue Chip)? 
  • Investir em small caps é mais arriscado? 
  • O que é preciso para investir em Small Caps? 
  • Índice Small Cap – SMAL11 
  • Ranking Melhores Small Caps de 2021 
  • Fundo de Small Caps 
  • Como investir em Small Caps? 
  • Comece a investir em Small Caps com a XP 
  • Conclusão 

O que é small cap

Small Caps são empresas listadas na Bolsa de Valores com valor de mercado considerado baixo..  No entanto, é preciso entender exatamente como essa classificação é atribuída a uma empresa para não cometer erros nos investimentos

No geral, as empresas que se enquadram nesse grupo são aquelas com valor de mercado menor do que as blue chips (empresas mais valiosas da Bolsa).  

Para uma empresa ser considerada Small Cap, ela deve estar fora da lista das ações que representam 85% do mercado na B3, a bolsa brasileira. Não há um limite fixo de valor de mercado que inclui ou exclui uma companhia dessa categoria.  

Isso significa que mesmo empresas líderes em seu setor de mercado podem ser consideradas Small Caps se tiverem um baixo valor de mercado. 

De maneira geral, as Small Caps também apresentam menor liquidez e um volume menor de negócios por dia.   

Elas também tendem a ser mais voláteis, ou seja, sofrer variações mais intensas no preço, que as empresas de maior capitalização de mercado. Por outro lado, como são, em grande parte, companhias em fase de crescimento, muitas das Small Caps possuem maior potencial de retorno. 

O que é uma large cap (ou Blue Chip)? 

Agora você já sabe o que são as Small Caps, como funcionam e quais são suas vantagens e desvantagens. Então, provavelmente consegue imaginar o que são as Large Caps. 

Também chamadas de big caps ou blue chips, essas são as ações que representam as  grandes empresas de capital aberto da Bolsa de Valores. 

A vantagem desse tipo de papel é que o investidor conta com maior estabilidade, por serem companhias em geral mais estabelecidas no mercado. 

No entanto, é importante lembrar: a compra e venda de ações sempre envolve riscos.   

Independentemente do tamanho da empresa escolhida, esse é um investimento para os perfis mais arrojados. 

Assim, é preciso realizar análises, estudar a empresa em questão e, especialmente, conhecer seu perfil de investidor. 

A dica é: não invista em ativos arriscados antes de contar com uma boa reserva de emergência. 

Investir em Small Caps é mais arriscado? 

O investimento em ações, no geral, tem um perfil mais arrojado. Isso é, você corre mais riscos, mas também tem um potencial de rendimento maior. 

Com as Small Caps, isso é especialmente verdadeiro, com a contrapartida de um alto potencial de valorização.  

Como essas empresas estão geralmente ingressando no mercado, podem ter um excelente crescimento, ou não sair do lugar. Dessa forma, essa é uma estratégia de investimento bastante arriscada. 

Como toda a ação requer algumas dicas, dessa vez não é diferente: antes de investir em small caps, considere se: 

  • Esses são ativos de baixa liquidez: ou seja, existe o risco de comprá-las e não conseguir realizar a venda. 
  • É difícil fazer análises:   em geral, existe um número maior de dados e análises sobre as empresas maiores. Pesquise as informações disponíveis.A empresa pode não crescer ou falir: não é possível ter certeza sobre o crescimento de  uma empresa.  

Tenha acesso a diversos relatórios, análises e assessoria exclusiva. Abra sua conta e invista melhor com a XP.

Investir em Small Caps pode trazer mais retorno? 

É claro, todo investimento de alto risco tem um outro lado: o potencial de rendimentos é alto

As grandes empresas tendem a ser mais estáveis, é verdade. Mas, além de um risco menor, isso também significa que é menos provável que companhias que já atingiram um grau alto de maturidade tenham uma grande valorização. 

Isso porque elas já estão consolidadas. Ou seja, de maneira geral, já cresceram consideravelmente e tendem a encontrar um equilíbrio. Por isso, as grandes empresas tendem a pagar mais dividendos

Quando você investe em small caps, está apostando em uma empresa com alto potencial de crescimento. Muitas delas trazem inovações e se arriscam em setores ainda não consolidados. 

Em alguns casos, a incerteza associada às small caps acaba baixando o preço dos ativos muito abaixo do valor patrimonial da empresa.

O que é preciso para investir em Small Caps

mesa de madeira com três pessoas. A mesa está com diversos documentos e análises de small caps.
Small Caps é um investimento que pode render bastante, mas, para isso, é preciso realizar diversas análises

Há uma peculiaridade sobre as Small Caps, que pode ser tanto uma vantagem quanto uma desvantagem. Na verdade, só vai depender de como você quer lidar com essas ações

Diferentemente das grandes empresas, as Small Caps são pouco faladas no mercado financeiro.  

E isso é uma desvantagem ao considerarmos que a informação confiável e analítica é primordial para investir em qualquer ação. Mas pode ser uma vantagem se você aproveitar essa brecha para buscar as informações e, assim, avaliar se vale a pena ou não determinada Small Cap

Paciência e Resiliência 

Portanto, as primeiras coisas que você precisa ter para investir em uma Small Cap, além do básico, como uma conta numa corretora de investimentos, é paciência e resiliência

Abra sua conta em apenas um clique!

É preciso ser paciente para analisar mais a fundo os detalhes da empresa e resiliência para esperar a ação se valorizar. Esses dois fatores se retroalimentam e estão muito ligados com a lei da oferta e demanda desses papéis. 

Então, por exemplo: não adianta ter a paciência para analisar e escolher uma determinada Small Cap se você não tiver resiliência, uma vez que esse tipo de ação passa por maior volatilidade no curto prazo. 

Ou seja, se você achou uma boa oportunidade e quer investir, mas boa parte do mercado ainda não sentiu ou não percebeu essa chance de ganho, a tendência é que a ação demore para valorizar e realmente “pegar no tranco”. 

É muito simples. Quanto maior for a demanda por essa ação a tendência é que o preço suba. Mas essa demanda só elevará substancialmente o preço se o mercado em geral também verificar que essa é uma boa oportunidade e passar a comprar em maior volume. 

Índice Small Caps – SMAL11 

O SMAL11, ou índice Small Caps é um ETF (Exchange Traded Funds) negociado na bolsa de valores. Ou seja, trata-se de um ativo que tem como objetivo reproduzir o desempenho de um índice específico – nesse caso, do SMLL (Índice Small Cap) da B3

O índice SMAL11 se trata de um indicador do desempenho médio das cotações dos ativos de uma carteira, composta por empresas de baixa capitalização e que possuem volume relevante de negociação dentro desse grupo. 

Em 20 de julho de 2021 um novo índice small caps surgiu, sendo o novo “Trend ETF Small Caps”, que utiliza o ticker XMAL11. Este índice seguirá o desempenho médio da carteira teórica de empresas de menor capitalização. No total, atualmente, 110 empresas integram o SMLL. 

Portanto, o ETF de small caps são três:  SMAL11, SMAC11 e XMAL11. 

Como funciona o SMAL11? 

O SMAL11 funciona como um fundo, que rende de acordo com o desempenho indicado no SMLL na B3. Desta forma, seu objetivo é acompanhar a rentabilidade do SMLL. 

O SMAL11 é composto por empresas que seguem os seguintes critérios: 

  • Carteiras englobando o conjunto de empresas Small Caps que estão fora da lista dos que representam 85% do valor de mercado de todas as empresas listadas no mercado a vista (lote-padrão) da B3. 
  • As ações da carteira teórica devem ter sido negociadas em 95% dos pregões no período dos 3 últimos rebalanceamentos da carteira teórica 
  • Não são classificadas como “penny stocks” (ações com valor inferior a R$ 1) 

Ao investir no SMAL11, você conta com praticidade e taxas menores do que outros fundos de investimento. Isso porque as taxas do ETF costumam ser bem menores, ficando em torno dos 0,5% ao ano. 

Mas é importante lembrar: as empresas selecionadas do SMAL11 são escolhidas apenas por critérios quantitativos. Assim, muitos aspectos importantes da análise fundamentalista, por exemplo, são deixados de fora.  

Na XP Investimentos você conta com a experiência de gestores altamente qualificados para montar sua carteira. Abra já sua conta.  

Fundo de Small Caps 

Investir em Small Caps pode se tornar bastante complexo de uma forma muito rápida. Afinal, você estará, no geral, lidando com empresas pouco conhecidas e difíceis de avaliar

Uma ótima solução para investidores que desejam apostar nesse tipo de ativo, mas não tem tanto tempo para analisar empresa por empresa, são os fundos de Small Caps. 

Os fundos de Small Caps são compostos por ativos de empresas na categoria. A grande vantagem é que o fundo é administrado para você por um gestor que conhece do mercado financeiro. Os gestores desse fundo buscam empresas que possuem valor intrínseco, mas que ainda não foram reconhecidas pelo mercado. 

Ou seja, você tem uma diversificação eficaz da carteira por um custo de investimento menor

Como investir em Small Caps

Close-up da equipe, o homem usa tablet e a mulher alguns papéis com dados de small caps.
Entender o que é Small Caps é essencial para o investidor que deseja alcançar domínio sobre esse mercado.

Há três possíveis formas de investir em Small Caps, sendo: 

  1. Direto do pregão; 

Neste caso, é necessário possuir uma conta em uma corretora, uma vez que é ela quem irá executar as ordens de compra e venda de suas ações. Nesse formato, a análise é mais detalhada e o acompanhamento é periodicamente. 

  1. Por fundos de índices (ETF) 

Como você já sabe, existem três índices Small Caps. Cada um dos ETFs compram as mesmas ações que compõem a carteira do ativo. Portanto, para esse investimento, é necessário comprar cotas na bolsa.  Dessa forma, mantém-se a carteira diversificada, além dos custos serem mais baixos. 

  1. Por fundo de investimentos tradicionais. 

Os fundos de investimentos são administrados por gestores especializados, desta forma, é necessário possuir conta na corretora, porém, não é preciso se cadastrar para operar na bolsa, já que as cotas não são vendidas nesse ambiente.  

Nesse modelo de investimento em Small Caps, as taxas são mais caras se comparadas com os ETFs, porém, a comodidade é maior. 

Aprenda, em 5 passos, como avaliar Small Caps:  

As Small Caps indicadas pelos analistas da XP 

Mensalmente, a XP realiza uma análise e informa as Top Small Caps XP, com diversificação setorial, ações que compõem a carteira e a performance, incluindo histórico, da carteira Small Caps. 

Para se atualizar e decidir, com base em análise profissional, se é ou não uma boa estratégia investir em Small Caps neste mês, confira o link abaixo! 

Top Small Caps XP 

Comece a investir em Small Caps com a XP 

Na XP, você encontra sempre as melhores opções de investimento, independente do seu perfil. 

Para investir em Small Caps, você precisará de acesso a um Home Broker. Isso é, uma plataforma que administra a compra e vendas de ações. Normalmente, sua corretora de investimentos disponibilizará essa ferramenta

Na XP, você pode acessar o Home Broker diretamente do seu navegador. Também é possível comprar e vender ações através do aplicativo XP Mobile ou pela plataforma desktop XP Pro

Todas essas alternativas são gratuitas, assim como a criação da sua conta de investidor. 

Você pode também escolher um de nossos fundos de investimento. É possível filtrar a lista por nível de risco, aporte inicial e muitos outros detalhes. Você também pode comparar diferentes fundos para decidir qual é a melhor opção para você. 

Como criar uma conta 

Crie sua conta na XP, é rápido, fácil e gratuito! Basta seguir o passo a passo a seguir e começar seus investimentos hoje mesmo: 

  1. Abra uma conta sem custo na XP Investimentos; 
  1. Preencha seu cadastro inicial com nome, e-mail, CPF, data de nascimento e telefone. Se você tem um assessor, pode indicar o código e nome nessa etapa também; 
  1. Nas próximas páginas, você deverá cadastrar sua documentação e dados residenciais; 
  1. Finalmente, você deverá preencher seus dados bancários. Isso é importante para que você possa realizar transações entre sua conta na XP e sua conta bancária, como o resgate de suas aplicações; 
  1. Na última etapa, você deverá fornecer seus dados profissionais; 

Dentro de até 48h, a XP enviará um e-mail com seu login, senha e assinatura eletrônica. 

Normalmente, esse e-mail de confirmação chega bem antes desse período. No entanto, é preciso ter em mente que o processo pode demorar um pouco, já que se trata da validação dos seus documentos e conferência de dados. 

Enquanto espera, você pode fazer o nosso teste de perfil de investidor. Assim, já passa a compreender melhor quais são os melhores investimentos para você. 

Uma vez que você tenha seu login e senha em mãos, já pode começar a investir. Basta realizar um TED de mesma titularidade da sua conta bancária para sua conta XP. 

Conclusão 

As ações Small Caps se referem a ativos de empresas com menor capitalização e liquidez na Bolsa de Valores. Frequentemente, esses ativos estão subavaliados devido à escassez de dados, ou até mesmo pelo fato da empresa em questão ser uma novata no mercado. 

Assim, ao investir em Small Caps, o potencial de rendimentos é muito grandee o risco também. Esses ativos são ideais para perfis mais arrojados, que já conhecem bem o mercado financeiro. 

Para diminuir os riscos no investimento em Small Caps, um dos principais métodos é a diversificação. Assim, os fundos de investimento compostos por esses papéis são uma ótima opção para investidores. 

Aqui na XP, você encontra os melhores fundos de investimento para seu perfil. Além de, claro, uma plataforma intuitiva, gratuita e versátil para compra e vendas de ações. 

Gostou de saber mais sobre small caps? Então, não deixe de conferir demais conteúdos no nosso blog. Veja! 

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.