XP Expert

“Vejo reais possibilidades de Moro crescer, mas no momento certo”, diz Renata Abreu

No último dia da Conferência Sob o Olhar Delas, a deputada Renata Abreu falou sobre sua visão das perspectivas eleitorais em 2022.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

No último dia do evento Sob Olhar Delas, as analistas de política da XP, Júnia Gama e Débora Santos, Renata Abreu, deputada federal pelo Podemos-SP, para discutir o tema “Perspectivas eleitorais em 2022”.

O eleitor que decidirá a eleição é o que não quer Lula nem Bolsonaro

A deputada Renata Abreu explorou bastante sua visão sobre a possibilidade de uma 3ª via ganhar força ao longo da eleição. Na sua visão, uma parcela relevante do eleitorado (40% de acordo com as pesquisas) não quer nem Lula nem Bolsonaro, e é esse eleitor que irá decidir a eleição.

Atualmente, há uma forte polarização, onde muitos estão com Bolsonaro por serem anti-Lula e vice-versa. Um ponto que ela traz como crítico para o candidato Moro ganhar tração é quando ele começar a trazer sua visão sobre pautas relevantes para os eleitores. Hoje, o povo não sabe o posicionamento de Moro sobre diversas pautas relevantes, como a armamentista e o aborto, enquanto as posições do Bolsonaro e do Lula nesses temas já são amplamente conhecidas. Nesse sentido, poderá haver uma migração de votos caso o Moro se mostre favorável a pautas importantes para esse eleitorado que ainda não possui voto definido.

A deputada acredita que não haverá variação significativa de intenção de votos antes de agosto, uma vez que “As pessoas não estão discutindo política antes de agosto, nem ele (Moro) nem ninguém”.

Segundo voto do eleitor do Bolsonaro é Moro

Ainda sobre os potenciais rumos do cenário eleitoral, a deputada destaca que acredita que, caso a intenção de voto do Bolsonaro caia, a migração natural seria para Moro. Já no caso de Lula, ela vê uma possibilidade de transferência de votos, porém em menor magnitude uma vez que Ciro figura como um destino mais natural para um eleitor mais posicionado na esquerda.

Vice de Moro pode ser uma mulher ou alguém que represente a política

Na percepção da deputada e em sua opinião pessoal, a escolha do vice de Moro irá depender muito das alianças a serem formadas. A deputada comentou que nesse sentido tem se dedicado integralmente à construção da Chapa até início de abril e que tudo é muito dinâmico, de modo que é difícil avaliar agora. No entanto, na sua percepção Moro irá optar por uma mulher ou alguém que represente a política para acompanhá-lo como vice na sua chapa. Ainda, a deputada trouxe sua visão sobre Affonso Celso Pastore, indicado como principal conselheiro econômico de Moro, citando que o vê como muito equilibrado e preparado para construir uma proposta que foque em gerar produtividade e receita para o país. “Tem que fazer bem o arroz e feijão que não estava sendo feito”, diz.

“Presidente elege governador, mas governador não elege presidente”

Débora questionou sobre o impacto das recentes polêmicas com o pré-candidato do MBL ao governo em São Paulo e o impacto do evento para a candidatura de Moro e, na visão da deputada, o voto nacional é tão diversificado que não é um governador que influencia o presidente – “Presidente elege governador, mas governador não elege presidente, essa é a minha leitura”. No entanto, ela defendeu a importância de se ter um palanque em São Paulo, para ajudar na divulgação da candidatura de Moro e defender suas bandeiras mas citou que esse(a) candidato(a) poderia ser um(a) governador(a) ou senador(a). Nesse sentido, Júnia perguntou para a deputada se ela estaria considerando se candidatar para o Governo de SP, conforme convite de Moro, e ela respondeu que sua prioridade atualmente é como deputada porém não tem medo da luta. Entretanto, ela citou que essa decisão não seria apenas dela pois “Política não se faz individualmente, se faz em grupo”.

O evento Sob o Olhar Delas é uma conferência de Política e Economia organizada por mãos e cabeças femininas da XP Inc. para debater temas determinantes para o país, sob a perspectiva de mulheres que são expoentes em suas áreas. 

A programação aconteceu entre 07 e 11 de março e você pode acompanhar tudo nesta página.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.