XP Expert

Tabata Amaral: “Não há ideologia que justifique uma ditadura”

No quinto dia da Conferência Sob o Olhar Delas, a deputada Tabata Amaral falou sobre os desafios de ser mulher na política e sobre as últimas pautas do Congresso

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

No painel de sexta-feira (11/03) do evento Sob o Olhar Delas, a chefe de economia da Rico, Rachel de Sá, e as analistas de política, Débora Santos e Júnia Gama, conversaram com deputada Tabata Amaral (PSB-SP) sobre as pautas mais quentes do Congresso, as lutas da deputada e os desafios de ser mulher jovem na política.

A deputada começou contando sobre a derrubada do veto do presidente ao projeto que garante distribuição gratuita de absorventes menstruais para mulheres em situação de dignidade, medida que impacta diretamente estudantes carentes, mulheres em situação de rua e encarceradas e deve atingir cerca de 6 milhões de mulheres. O projeto, aprovado em consenso pela Câmara e pelo Senado tem como fontes de financiamento o SUS, o sistema penitenciário e os recursos da educação (entra dentro de itens de higiene básica).

Sobre a mudança na alíquota de tributos sobre combustíveis, Tabata avalia que o último projeto aprovado não deve resolver o problema, uma vez que o problema é estrutural e ainda temos que lidar com a pandemia, uma guerra, inflação e políticas públicas equivocadas. Segundo ela, o projeto ainda leva à perda de receita em alguns estados, o que representará perda de recursos para outras áreas nessas localidades.

O PLP11 e o subsídio funcionarão como medidas migratórias, cujo impacto não será grande o suficiente para conseguir melhorar a vida das pessoas. A trajetória econômica também não melhora: juros, inflação e desemprego seguem em alta. Tabata Amaral ainda destaca a importância de uma reforma tributária para tornar o sistema progressivo e mais simples, reduzindo tributos de consumo e aumentando em dividendos, por exemplo.

Sobre o tema de renda básica, a deputada, que é presidente da Frente Ampla da Renda Básica no Congresso avalia que para o curto prazo, o ponto de partida deve ser a renda mínima, com o Programa Bolsa Família e destaca evoluções do programa após diversos estudos que atestam efetividade do programa. Para Tabata, o próximo passo é garantir que a fila acabe, e é importante garantir reajustes no valor do programa, que não acompanha a perda de poder de consumo da população, para garantir que o Brasil saia novamente do mapa da fome. No longo prazo, ela avalia que seja necessário pensar em uma renda básica universal pensando em consequências da revolução tecnológica e mudanças no mercado de trabalho que devem acontecer nos próximos 10 anos.

Sobre o PL das Fake News, Tabata defende aumento da regulação das plataformas de conteúdo, porém não acredita que seja possível que o Congresso entregue a votação desse marco legal ainda esse ano. Ela acredita ser necessário responsabiliza as plataformas, mas não acredita que a moderação das plataformas pelas empresas seja a saída para o problema.  

Acerca das eleições presidenciais e para os governos estaduais, a deputada do PSB diz que ansiou bastante por uma terceira via porque acredita que a polarização é ruim para o país. Tabata reafirma a oposição inequívoca a Bolsonaro e avalia que o próximo governo encontrará um cenário difícil no fiscal, além da crise econômica e do retrocesso da pandemia.

O evento Sob o Olhar Delas é uma conferência de Política e Economia organizada por mãos e cabeças femininas da XP Inc. para debater temas determinantes para o país, sob a perspectiva de mulheres que são expoentes em suas áreas. 

A programação acontece entre 07 e 11 de março e você pode acompanhar tudo nesta página.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.