XP Expert

Facebook explora novos serviços corporativos no WhatsApp – 🌎Radar Global

TikTok entra na indústria dos games, Amazon testa entregas por motoristas cadastrados para expandir envio rápido e Whatsapp lança novos serviços corporativos.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

MACRO

Mercados globais amanhecem positivos (EUA +0,8% e Europa +0,5%) em tom de recuperação após o S&P 500 permanecer brevemente em território de bear market nesta última sexta-feira. Nos EUA, Joe Biden pontou que as tarifas impostas sobre produtos chineses estão sob avaliação. O pronunciamento foi visto com bons olhos pelos investidores e catalisou uma melhora no sentimento, uma vez que qualquer redução destas tarifas poderia ajudar no controle da inflação americana. Na Europa, Christine Lagarde, presidente do banco central europeu, afirmou que as taxas de juros deverão começar a subir em julho e sair de território negativo ao final de setembro na região. O anúncio acabou pressionando o mercado de renda fixa local enquanto parece dar fôlego ao mercado acionário. Na China, o índice de Hang Seng (-1,2%) encerra em baixa à medida que temores em relação a possíveis novos lockdows ganham força. Nesta segunda-feira, autoridades locais ordenaram que 3,1 milhões de residentes no distrito de Haidian, em Pequim, trabalhem remotamente de suas residências. Ainda em solo chinês, a temporada de resultados segue nesta semana com nomes relevante como Alibaba e Xpeng.

Coronavírus: Xangai reabriu uma pequena parte do sistema de metrô mais longo do mundo no domingo. Quatro das 20 linhas foram reabertas e 273 linhas de ônibus. A cidade de 25 milhões de habitantes espera suspender o bloqueio em toda a cidade e retornar à vida mais normal a partir de 1º de junho. A maioria das restrições ao movimento permanecerá em vigor este mês.

Inscreva-se aqui para receber o nosso conteúdo diário.

EMPRESAS

black and red smartphone case

TikTok entra na indústria dos games: O TikTok está realizando testes para que os usuários possam jogar em seu aplicativo de compartilhamento de vídeo no Vietnã, como parte dos planos de um grande impulso para os jogos, disseram fontes do Reuters. A companhia também planeja lançar jogos no Sudeste Asiático. Embora a empresa tenha se recusado a fornecer detalhes sobre o movimento, um representante afirmou para o Reuters: “Estamos sempre procurando maneiras de enriquecer nossa plataforma e testar regularmente novos recursos e integrações que agreguem valor à nossa comunidade”.

A apresentação de jogos em sua plataforma aumentaria a receita de publicidade, bem como a quantidade de tempo que os usuários passam no aplicativo. Vale ressaltar que a rede social já é uma das mais populares do mundo, com mais de 1 bilhão de usuários ativos mensais. A incursão do TikTok em jogos reflete esforços semelhantes feitos por grandes empresas de tecnologia que buscam reter usuários. O Facebook lançou o Instant Games em 2016 e a Netflix também adicionou jogos recentemente à sua plataforma.

Embora a empresa comece com minijogos, que tendem a ter mecanismos simples e pouco tempo de jogo, suas ambições vão além disso. A entrada na nova indústria marca também o mais recente esforço da ByteDance para se estabelecer como um grande concorrente no setor. Ela adquiriu o estúdio de jogos Moonton Technology, com sede em Xangai, no ano passado, colocando-o em concorrência direta com a Tencent, a maior empresa de games da China. Mesmo sem jogos, sua receita de publicidade deve triplicar este ano para mais de US$ 11 bilhões, superando as vendas combinadas do Twitter e Snap, de acordo com a empresa de pesquisa Insider Intelligence. O novo catalisador poderá amplificar ainda mais o potencial de crescimento da rede social.

Facebook explora novos serviços corporativos no Whatsapp: O WhatsApp (NASDAQ: FB, BDR: FBOK34) está introduzindo serviços de API gratuitos, baseados em nuvem, em um esforço para atrair mais empresas para o aplicativo, anunciou o CEO da Meta Platforms, Mark Zuckerberg, no evento da empresa nesta quinta-feira. O CEO também complementou falando que a nova oferta significa que “qualquer empresa ou desenvolvedor pode acessar facilmente o serviço, criar soluções diretamente no WhatsApp para personalizar sua experiência e acelerar o tempo de resposta aos clientes usando nosso seguro WhatsApp Cloud API hospedada pelo Meta.” O WhatsApp também afirmou que planeja fornecer recursos pagos opcionais como parte de um novo serviço premium para usuários de seu aplicativo de negócios especializado, voltado para pequenas empresas.

Estes recursos, que ainda estão sendo desenvolvidos, incluirão opções para gerenciar bate-papos em até 10 dispositivos e links personalizados de clique para bate-papo que as empresas podem postar em seus sites e compartilhar com os clientes. O serviço de mensagens, que tem atraído cada vez mais usuários corporativos, é uma das várias plataformas em que a Meta, proprietária do Facebook, lançou mais recursos voltados para compras e negócios. O Uber, que lançou seu chatbot WhatsApp em dezembro, agora planeja personalizar ainda mais o serviço, começando para usuários em Delhi e arredores, expandindo para mercados como o Brasil. Este foco maior no desenvolvimento de serviços em aplicativos pouco explorados de seu ecossistema pode marcar uma tentativa do Facebook de diversificar suas fontes de receita e continuar crescendo sustentavelmente, uma vez que o crescimento de sua base de usuários nas redes sociais parece desacelerar.

Amazon começa testes usando motoristas cadastrados para entregar encomendas de shoppings e varejistas: A Amazon (NASDAQ: AMZN, BDR: AMZO34) anunciou nessa última sexta-feira que está testando um serviço que usa a extensa rede de motoristas do Amazon Flex, para buscar pacotes de lojas de shoppings e entregá-los aos clientes. O programa, caso se torne parte permanente das opções de entrega da gigante do e-commerce, pode ajudar a Amazon a expandir a variedade de produtos disponíveis para envio rápido. Os compradores que desejam envio no mesmo dia ou mais rápido podem ver produtos estocados por uma loja de shopping local, encomendando o item no site da empresa e um dos motoristas contratados realiza a entrega.

A Amazon fez da logística um foco importante, uma vez que busca transportar pacotes para as casas dos clientes em velocidades cada vez mais rápidas. Em 2019, antes que a pandemia alterasse suas operações de atendimento e entrega, a Amazon disse que gastaria US$ 800 milhões em um período de três meses para expandir o envio de um dia nos EUA. A porta-voz da empresa, Lauren Samaha, disse que diversas varejistas parceiras da empresa estão participando do programa, mas se recusou a dar nomes ou revelar quanto o serviço custaria aos clientes ou lojas. A iniciativa pode aumentar a já acirrada competição entre empresas estabelecidas e startups, que trabalham para entregar rapidamente produtos comercializados no online, muitas vezes usando os serviços de motoristas contratados.

ANÁLISE

Fonte: Bloomberg

Vendas de carros na Europa caem -20% em abril: O gráfico acima, da Bloomberg, mostra que o volume de vendas de veículos novos na Europa caiu cerca de -20%, para 830.447 em abril, informou a Associação Europeia de Fabricantes de Automóveis nessa última quarta-feira. Problemas que restringem a produção, como a escassez global de semicondutores, levaram os analistas da LMC Automotive, consultoria especializada em projeções de vendas de automóveis, a reduzir suas estimativas para as vendas de carros de passageiros na Europa Ocidental nos últimos quatro meses. Eles agora esperam que as entregas anuais encolham -6% este ano para menos de 10 milhões de unidades. Em janeiro, a LMC estava estimando um crescimento de quase +9%. As montadoras conseguiram compensar o volume perdido cobrando preços mais altos, embora não esteja claro o quanto podem subir.

Nos maiores mercados da Europa, a Itália registrou o declínio mais acentuado, contraindo um terço, enquanto os registros na Alemanha e na França caíram mais de um quinto. A escassez de chips, que atrapalha as montadoras na produção, está durando mais do que o esperado e forçando alguns compradores a esperar 18 meses por alguns modelos em demanda. O CEO da Volkswagen AG, Herbert Diess, disse na semana passada que a empresa já esgotou seus pedidos em relação aos carros elétricos este ano nos EUA e na Europa.

Quer saber mais sobre criptomoedas? Acesse aqui nosso relatório semanal.

Gostou do conteúdo? Compartilhe nosso link de cadastro e nos avalie abaixo:

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.