ūüĆéCONEX√ÉO GLOBAL: Por que investir internacionalmente?

CONEXÃO GLOBAL é o nosso relatório que te conecta com os principais temas do mundo.


Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Se voc√™ est√° lendo este relat√≥rio √© muito prov√°vel que j√° tenha se deparado com a alta volatilidade presente nos ativos brasileiros. Na vis√£o do investidor internacional, o Brasil se posiciona como uma economia emergente, em desenvolvimento, ou seja, ela traz consigo riscos elevados principalmente nas frentes pol√≠tica, fiscal, econ√īmica e regulat√≥ria. Apesar do alto potencial de retorno das economias emergentes, √© comum que as quedas tamb√©m sejam mais acentuadas em momentos de avers√£o ao risco, por conta da migra√ß√£o massiva para ativos mais seguros, normalmente encontrados no mundo desenvolvido.

A bolsa local possui uma gama de investimentos atrativos, principalmente para o investidor focado na escolha dos ativos. Como ressaltamos no √ļltimo Raio-XP da Bolsa, acreditamos que, na batalha do Micro (fundamentos das empresas) contra o Macro (infla√ß√£o, PIB, fiscal, pol√≠tica, etc.), quem vence √© o cl√°ssico stock picking, ou seja, a√ß√Ķes de qualidade, que permanecem com suas teses intactas no longo-prazo.

Mas, ainda que o investidor possua esta sele√ß√£o em seu portf√≥lio, √© praticamente imposs√≠vel s√£o absorver as grandes perdas ocasionadas por um cen√°rio macro deteriorativo como temos visto nos √ļltimos meses, caso o portf√≥lio investidor esteja muito concentrado em Brasil. Para se ter uma ideia, desde o in√≠cio de junho de 2021, o Ibovespa j√° perdeu mais de 16 mil pontos, ou 12% de sua capitaliza√ß√£o de mercado.

Este cen√°rio serve apenas para refor√ßar uma necessidade quase un√Ęnime no mercado: a diversifica√ß√£o internacional. Neste relat√≥rio, trazemos os principais fundamentos que justificam uma aloca√ß√£o de 10% ou mais dos investimentos em ativos globais.

1. O Brasil é apenas uma gota no oceano dos mercados

Sabemos que o Brasil √© um pa√≠s de dimens√Ķes continentais, ocupando a 5¬™ posi√ß√£o do planeta em termos territoriais. Al√©m disso, possu√≠mos o 12¬ļ maior PIB do mundo em 2020 (√©ramos o 8¬ļ em 2010). Estes n√ļmeros nos levariam a imaginar que a representatividade do mercado financeiro brasileiro tamb√©m seria relevante, no entanto, o Brasil representa menos de 1% do mercado acion√°rio global de US$ 120,8 trilh√Ķes, evidenciando que o investidor concentrado em ativos locais est√° de fora de 99% das oportunidades oferecidas por empresas globais.

Os EUA, que possuem o maior mercado acionário do mundo (US$ 52,1 tri), representam ~43% do total enquanto a China (US$ 12,4 tri) representa ~10%. De acordo com a World Federation Exchanges, em 2019, o mundo possuía 43 mil empresas listadas em bolsa ao passo que o Brasil continha 345.

Para se ter uma ideia, a Apple, hoje a maior empresa do planeta, possui uma capitalização de mercado de US$ 2,5tri, ou seja, é 2,5x maior que a soma de todas as empresas brasileiras listadas em bolsa (~US$ 1tri).

2. Existem temáticas de longo-prazo inacessíveis via empresas locais

Não se trata apenas de tamanho, mas de oportunidades e temas de investimento. Um exemplo prático disso é observar os produtos e serviços que fazem parte de nosso dia-a-dia: desde os automóveis até os celulares, computadores e redes sociais, uma fatia significativa deles é fornecida por empresas internacionais e muitas delas já estão acessíveis para o investidor brasileiro sob uma gama de produtos.

Olhando para o futuro, entendemos que existem mudanças estruturais em curso que devem gerar oportunidades de investimento. A adoção do streaming via Netflix, Disney+ e Amazon Prime, por exemplo, é uma transformação estrutural que se consolida frente aos cinemas, mas que não é acessível por meio de empresas brasileiras e que, portanto, exige que o investidor procure outros veículos para posicionar-se nestas oportunidades, seja via BDRs, fundos ou produtos estruturados.

Algumas tem√°ticas estruturais e de longo-prazo que s√£o dificilmente acessadas por empresas locais:

3. As perdas e a volatilidade s√£o menores numa carteira diversificada

Ao alocar em ativos globais, o investidor reduz o risco total da sua carteira, uma vez que um espectro maior de ativos deve cair menos em per√≠odos de estresse de mercado. Os benef√≠cios da diversifica√ß√£o s√£o muitos, mas, em 1¬ļ lugar, ela protege o seu patrim√īnio das perdas “irrecuper√°veis”; imagine que voc√™ investisse todo seu patrim√īnio em uma empresa e que, ao longo do tempo, perdesse 50% de seu valor. Neste caso, seria necess√°ria uma alta de 100% no ativo para que as perdas fossem recuperadas. A tabela abaixo mostra qual √© o retorno necess√°rio para o investimento recuperar-se ap√≥s determinada perda:

Por isso, possuir v√°rios ativos na carteira que sejam expostos a diferentes riscos (geogr√°ficos e setoriais, principalmente) ajudam a te proteger de desvaloriza√ß√Ķes expressivas, que s√£o comuns no mercado acion√°rio, principalmente em pa√≠ses emergentes, como Argentina e Brasil.

A volatilidade (caracter√≠stica comum de portf√≥lios pouco diversificados) de uma carteira tamb√©m pode trazer efeito delet√©rio nos retornos. Abaixo, simulamos 3 cen√°rios com volatilidades diferentes. No 1¬ļ, o portf√≥lio ganharia +10% seguidos de -5% durante 40 per√≠odos consecutivos. No 2¬ļ, seria +25% e -20%. No 3¬ļ +40% e -35%. Depois de 40 per√≠odos, os retornos variaram expressivamente: Cen√°rio 1 = +141%, Cen√°rio 2 = 0% e Cen√°rio 3 = -85%.

Al√©m destes aspectos tamb√©m vale notar que o investidor brasileiro m√©dio j√° est√° exposto ao risco-Brasil em diversas frentes de suas vidas, n√£o apenas nos investimentos, uma vez que o valor de seus im√≥veis, bens, com√©rcio e sal√°rio est√° atrelado ao desempenho econ√īmico local, refor√ßando ainda mais a necessidade de diluir parte deste risco geogr√°fico via investimentos internacionais.

4. Exposição em moeda forte e estabilidade macro

O investidor local possui o costume de acompanhar o desempenho de sua carteira em moeda local, o que n√£o √© completamente errado, no entanto, pa√≠ses emergentes costumam enfrentar maiores instabilidades macro (fiscal/pol√≠tica/econ√īmica), que muitas vezes ocasionam infla√ß√£o e deprecia√ß√£o cambial, corroendo o desempenho real dos ativos investidos.

Se observarmos o desempenho dos √≠ndices Merval (Argentina), do Ibovespa e do S&P 500 nos √ļltimos 20 anos, percebemos que o primeiro entregou ganhos de +13.400%, o segundo +624,8% e o terceiro “apenas” +224,3%, quando observados em moeda local, ou seja, Peso argentino, Real brasileiro e D√≥lar americano. Essa alta valoriza√ß√£o da bolsa argentina, no entanto, ofusca a perda de valor daquele investimento seja via alt√≠ssimos n√≠veis de infla√ß√£o ou deprecia√ß√£o cambial.

Comparando bananas com bananas: Um investidor mais experiente plotaria o mesmo gr√°fico acima, mas desta vez utilizando o D√≥lar americano como base monet√°ria, e o resultado que temos √© o seguinte: Em 20 anos, a valoriza√ß√£o do Merval saiu de +13.400% para meros +38,1%. No Brasil, o efeito da infla√ß√£o e deprecia√ß√£o cambial tamb√©m deteriorou os ganhos “aparentes” de +624,8% para apenas +150,6%. O investidor estrangeiro que apostou no Brasil h√° 10 anos, na verdade, ainda enfrenta perdas de ~50%.

5. Produtos acessíveis para cada perfil de investimento

A XP oferece uma diversidade de meios para se investir internacionalmente e buscar estas oportunidades no exterior. Os BDRs, por exemplo, podem ser negociados diretamente pelo cliente, da mesma forma que negocia a√ß√Ķes brasileiras (Link para nossa Carteira Top 10 BDRs). Existem tamb√©m outros produtos como fundos internacionais ativos e passivos (Link para os Top 20 Fundos Internacionais), bem como produtos estruturados (Link para a p√°gina dos COEs) que satisfazem demandas espec√≠ficas.

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.

Avaliação

O qu√£o foi √ļtil este conte√ļdo pra voc√™?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conte√ļdos por e-mail?

Cadastre-se e receba gr√°tis nossos relat√≥rios e recomenda√ß√Ķes de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conte√ļdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este relat√≥rio foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (‚ÄúXP Investimentos‚ÄĚ) e n√£o deve ser considerado um relat√≥rio de an√°lise para os fins do artigo 1¬ļ da Instru√ß√£o CVM n¬ļ 598/2018. Este relat√≥rio tem como objetivo √ļnico fornecer informa√ß√Ķes macroecon√īmicas e an√°lises pol√≠ticas, e n√£o constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicita√ß√£o de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participa√ß√£o em uma determinada estrat√©gia de neg√≥cios em qualquer jurisdi√ß√£o. As informa√ß√Ķes contidas neste relat√≥rio foram consideradas razo√°veis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes p√ļblicas consideradas confi√°veis. A XP Investimentos n√£o d√° nenhuma seguran√ßa ou garantia, seja de forma expressa ou impl√≠cita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatid√£o dessas informa√ß√Ķes. Este relat√≥rio tamb√©m n√£o tem a inten√ß√£o de ser uma rela√ß√£o completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opini√Ķes, estimativas e proje√ß√Ķes expressas neste relat√≥rio refletem a opini√£o atual do respons√°vel pelo conte√ļdo deste relat√≥rio na data de sua divulga√ß√£o e est√£o, portanto, sujeitas a altera√ß√Ķes sem aviso pr√©vio. A XP Investimentos n√£o tem obriga√ß√£o de atualizar, modificar ou alterar este relat√≥rio e de informar o leitor. O respons√°vel pela elabora√ß√£o deste relat√≥rio certifica que as opini√Ķes expressas nele refletem, de forma precisa, √ļnica e exclusiva, suas vis√Ķes e opini√Ķes pessoais, e foram produzidas de forma independente e aut√īnoma, inclusive em rela√ß√£o a XP Investimentos. Este relat√≥rio √© destinado √† circula√ß√£o exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes aut√īnomos da XP e clientes da XP, podendo tamb√©m ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodu√ß√£o ou redistribui√ß√£o para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o prop√≥sito, sem o pr√©vio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos n√£o se responsabiliza por decis√Ķes de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informa√ß√Ķes divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer preju√≠zos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utiliza√ß√£o deste material ou seu conte√ļdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a miss√£o de servir de canal de contato sempre que os clientes que n√£o se sentirem satisfeitos com as solu√ß√Ķes dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informa√ß√Ķes sobre produtos, tabelas de custos operacionais e pol√≠tica de cobran√ßa, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

BM&F Bovespa Autorregula√ß√£o Anbima - Gest√£o de patrim√īnio Autorregula√ß√£o Anbima - Gest√£o de recursos Autorregula√ß√£o Anbima - Private Autorregula√ß√£o Anbima - Distribui√ß√£o de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunica√ß√£o atrav√©s de rede mundial de computadores est√° sujeita a interrup√ß√Ķes ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recep√ß√£o de informa√ß√Ķes atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por for√ßa de falha de servi√ßos disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A √© institui√ß√£o autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.