XP Expert

🌎 RADAR GLOBAL: AT&T + Discovery

Fusão entre Warner Media (da AT&T) e Discovery, semicondutores na indústria automotiva e Bitcoins da Tesla.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

MACRO

Mercados globais amanhecem em leve queda (EUA -0,4% e Europa -0,4%) enquanto investidores aguardam comentários de Clarida (Fed) sobre inflação e suporte monetário às 9:05h. Preocupações com a reflação derrubaram o índice Nasdaq (-0,4%) de tecnologia por 4 semanas consecutivas, pior sequência desde agosto de 2019.

Coronavírus: Segundo o Primeiro Ministro britânico, a variante indiana do vírus se mostrou mais transmissível que as cepas já encontradas no país e pode impactar o plano de reabertura das atividades. O Reino Unido planeja retirar todas as restrições até o dia 21 de junho.

EMPRESAS

AT&T + Discovery: Segundo o WSJ, a AT&T negocia a fusão de seu negócio de mídia (Warner Media) – que inclui ativos como a CNN americana, HBO, HBO Max, Cartoon Network e TBS –  com a Discovery, dona de canais como Animal Planet, HGTV, TLC e da plataforma Discovery+. O acordo é visto como estratégico e fortaleceria a concorrência com a  Netflix e Disney+, atuais líderes no mercado de streaming, além de intensificar o foco da AT&T em investimentos ligados à expansão da rede 5G.

Se concretizada, a fusão daria origem a uma nova empresa avaliada em até US$ 150 bilhões, a ser dividida e controlada entre os atuais acionistas de AT&T e Discovery.

Falta de semicondutores: A montadora japonesa Mazda anunciou que a crise global de semicondutores poderá impactar a produção de até 100 mil veículos em 2021. Estimativas realizadas pela consultoria AlixPartners estimam que a falta global da matéria prima possa reduzir as receitas da indústria automotiva mundial em até US$ 110 bilhões este ano; a previsão anterior era de um impacto de US$ 61 bilhões.

O contexto: Desde o final de 2020, a indústria consumidora de semicondutores enfrenta atrasos em suas cadeias produtivas devido à alta demanda, impulsionada pelo maior uso de data-centers, tecnologia 5G, carros elétricos e sanções dos EUA à fabricantes chinesas. O impacto já é visível para setores como o de tecnologia, automotivo e de energia.

Tesla e Bitcoin: Ontem, em um post no Twitter, o CEO da montadora elétrica deu a entender que a empresa vendeu ou pretende vender sua posição em Bitcoin ao longo do próximo trimestre, levando o preço da criptomoeda a registrar queda de até 8%. Nos últimos dias, Elon Musk já vinha criticando a viabilidade ambiental do ativo e chegou a suspender sua aceitação como forma de pagamento para novos veículos.

Em fevereiro, a montadora registrou a compra de US$ 1,5 bilhão em bitcoin e fechou o primeiro trimestre com ganhos líquidos de US$ 101 milhões com o criptoativo.  

ANÁLISES

Fonte: Bank of America

Temor inflacionário: Frente a ameaça inflacionária no mundo, levantamento do Bank of America indica maiores investimentos em ativos protegidos a este cenário, como as TIPS (Treasury Inflation protected Securities – títulos do governo americano vinculados à inflação (CPI)).

Na última semana, os dados do CPI nos EUA vieram acima das expectativas do mercado. O índice cheio subiu +4,2% vs. +3,6% do consenso, enquanto a inflação núcleo veio em +3,0% vs. +2,3% esperado.

Gostou do conteúdo? Deixe sua avaliação abaixo:

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

BM&F Bovespa Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.