XP Expert

A experiência de Luis Stuhlberger e Luiz Parreiras, da Verde Asset, para lidar com as crises

Fundador e gestor da estratégia multimercado da Verde Asset Management apresentam visões e alternativas para os investimentos durante a crise.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Em live no final da tarde deste sábado (18), o CEO da XP, Guilherme Benchimol, o estrategista-chefe e head de Research da XP, Fernando Ferreira, e o head do Private da XP, Beny Podlubny, receberam Luis Stuhlberger e Luiz Parreiras, fundador e CEO, e gestor da estratégia multimercado da Verde Asset Management, respectivamente.

O painel ao vivo trouxe à tona a experiência de análise dos mercados de um dos mais icônicos gestores brasileiros, além da visão estratégica de Parreiras, que iniciou a live com uma apresentação detalhada a respeito dos impactos da quarentena provocada pelo novo coronavírus, inovações em tratamentos e apoio de políticas fiscal e monetária (veja na íntegra no player acima).

Na sequência, Stuhlberger apresentou um cenário de mercado em que demonstrou a preferência da Verde pelo mercado norte-americano.

“Foi a queda mais rápida da historia, de todas as quedas do S&P, por exemplo. Também vemos uma velocidade de recuperação grande. Se for um Bear Market rally, é também muito rápido. Ainda não sabemos, o futuro dirá”, avaliou o gestor.

“Depois das queda de 2008 e recuperação de 2009, Europa e emerging markets deram retornos muito baixos. Brasil também. As empresas americanas foram as únicas que se recuperaram após 2008”, completou.

Empresas americanas tendem a se recuperar mais rapidamente

No estudo da Verde, Luis Stuhlberger mostrou que as empresas norte-americanas tendem a se recuperar mais rapidamente na crise atual, sobretudo em função dos estímulos do governo.

“Porque essa crise é diferente das outras: na maior parte das crises anteriores havia um culpado. Em 2008, eram as famílias, firmas e os bancos, que se beneficiaram dos excessos que mais tarde levaram à crise, por exemplo. Nessa atual não existem culpados. É um vírus, um acidente da natureza”, explicou.

“E agora existe uma disposição dos governos de ajudar, infinitamente maior do que antes. Principalmente porque uma série de negócios precisam ficar fechados. Nos EUA, pequenas empresas receberão empréstimos que não precisarão ser devolvidos, por exemplo. Desempregos receberão benefícios maiores do que o salário mediano”, emendou.

Segundo ele, há “tendências que beneficiam as empresas americanas. O lockdown também acelera a busca por inovação e produtividade. E as empresas de tech serão beneficiadas neste cenário”.

E o Brasil?

Stuhlberger e Parreiras também comentaram sobre as posições dos fundos da Verde na Bolsa brasileira, citando os setores em que mais enxergam valor.

“A gente tem uma carteira que entrou um pouco defensiva na crise. E hoje ela está menos defensiva do que estava antes. Em consumo gostamos muito de Localiza, BR Distribuidora, por exemplo. Não tínhamos e passamos a ter. Mercado Livre e Magalu também. Setor de Energia, com Equatorial. Temos também algo no setor de saúde com Intermédica, Sulamérica e Hapvida”, listou Parreiras, que explicou que a gestora está buscando empresas que sofreram com a crise e apresentam hoje bons preços.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.