Radar Imobiliário XP #3

Bom dia, confira os principais acontecimentos de Fundos Imobiliários da semana.


Compartilhar:


Panorama da Semana

O IFIX fechou a semana com pequena alta de 0,18%, impulsionado positivamente pelos fundos de recebíveis e de shoppings. Sobre os demais índices de fundos imobiliários da XP, o XPFI apresentou performance de 0,17%, o XPFT de -0,28% e XPFP de 0,72%.

No âmbito macroeconômico, o destaque da semana foi para a decisão de política monetária do Banco Central do Brasil, que em reunião do Copom manteve a taxa de juros Selic no patamar de 2,00% ao ano. Em paralelo, o comitê abandonou o “forward guidance (FG)”, segundo o qual, o Copom sinalizava que não iria reduzir o grau de estímulo monetário desde que determinadas condições fossem satisfeitas. Desse modo, as projeções da XP para a taxa Selic no final de 2021 passam a ser em 3,50% ao ano.

No Brasil, a ênfase permanece no aumento acelerado do número de casos de coronavírus, desencadeando novamente em medidas de restrição de funcionamento do comércio não essencial em alguns estados do país. Essas restrições podem impactar negativamente os fundos do segmento de shopping centers, dado a limitação do horário de funcionamento. No entanto, com início da vacinação, as perspectivas são de que no médio prazo o número de infectados caia e com isso, as restrições não sejam mais necessárias.

No domínio dos Fundos Imobiliários, de acordo com o jornal Estadão, essa semana foi marcada pelo fechamento dos indicadores de 2020 realizado por empresas de pesquisa e consultorias do mercado. De modo geral, indicam crescimento da taxa de vacância em 3,6 p.p. no segmento de lajes corporativas na cidade de São Paulo, onde as devoluções superaram as novas locações, encerrando o ano com 18,2% vago, de acordo com a SiiLA Brasil. Já para o segmento de ativos logísticos, os indicadores foram mais favoráveis e as absorções superaram os novos estoques entregues no estado de São Paulo, reduzindo os espaços vagos em 4,28 p.p., finalizando o ano com taxa de vacância de 13,92%.

Mais uma vez, o boletim mensal de fundos imobiliários apresentou aumento do número de investidores em fundos imobiliários. O total de investidores pessoas físicas atingiu o patamar de 1,16 milhões em outubro, um aumento de 3,2% em relação ao mês anterior.


Sexta-Feira | Dia 22/01

Estado de São Paulo terá fase vermelha todas as noites e nos finais de semana (Estadão)

PATC11 – Negativo: vêm comunicar aos Cotistas e ao mercado em geral que a EDP do Brasil, inquilino dos conjuntos 91, 92, 93 e 94 do Edifício Sky Corporate, localizado no bairro Vila Olímpia, na Cidade de São Paulo, manifestou ao Fundo que não tem interesse na extensão de seu contrato de locação, com término previsto para 31 de julho de 2021. O contrato de locação em questão representa aproximadamente 25,9% da receita total do fundo. Em nossa visão, é um ativo bem localizado e como possuem relativamente um bom prazo para trabalhar essa locação, a reposição de inquilino parece viável. No entanto, mesmo que haja essa reposição, ainda há uma redução dos dividendos em R$0,12 por cota no segundo semestre.

SHPH11 – Neutro: Conforme informado pelo Governador de São Paulo, João Dória Jr., a cidade de São Paulo deverá regredir para a Fase Laranja do Plano São Paulo a partir de 25 de janeiro de 2021. Nesta fase, shoppings centers podem funcionar durante 8 horas, com a capacidade mantida em 40%.

CXTL11 – Neutro: O fundo comunica seus cotistas e o mercado que foi citado em uma ação judicial movida pela empresa Maian Importação e Exportação de Produtos Químicos e que referida ação movida em face do Fundo envolve pedidos relacionados à locação do imóvel situado em Itapevi. A demanda judicial da Maian em face do Fundo trata-se de ação declaratória de rescisão de contrato cumulada com pedido de indenização por perdas e danos materiais e morais.

Quinta-Feira | Dia 21/01

Lojistas de shopping vão à Justiça para mudar índice de reajuste de aluguéis (Estadão)

Devoluções de escritórios superam novas locações em 2020 (Estadão)

KNIP11 – Informativo: O fundo comunica que foram subscritas e integralizadas 6.545.000 cotas, no âmbito da oferta pública primária da 7ª emissão de cotas do Fundo, considerando o valor unitário de R$ 105,60, perfazem o montante total de R$ 691 milhões.

Quarta-Feira | Dia 20/01

TEPP11 – Positivo: O fundo vem comunicar a celebração de novos contratos de locação e renovações das unidades dos Edifício Passarelli. Nova locação com a BRAZIL SENIOR LIVING de 3 conjunto, totalizando uma Área BOMA de 509,73m² pelo prazo de 10 anos; com o INSTITUTO PARA O DESENVOLVIMENTO DO INVESTIMENTO SOCIAL – IDIS 1 conjunto com Área BOMA de 169,91m² pelo prazo de 5 anos; e a renovação da locação existente de 1 conjunto com LSK ENGENHARIA por mais 5 anos. As locações acima impactarão positivamente o fundo no médio prazo em R$ 0,03/cota na distribuição de rendimentos. Na nossa visão, as novas locações e a renovação são positivas, principalmente dado o momento, no entanto, por mais que o portfólio do fundo esteja localizado em boas regiões, ainda possui uma vacância relativamente alta, 17,2%.

Terça-Feira | Dia 19/01

O que 2021 reserva para o mercado de logística de última milha? (Estadão)

CBOP11 – Informativo: O fundo vem informar aos cotistas e ao mercado em geral, que tomou conhecimento que foram veiculadas informações, na presente data, por agência de notícias acerca da mudança de sede da Enel, atual locatária do Fundo, representando atualmente 58,81% da receita de locação contratada. Até dia 18/01/21, o Fundo não recebeu qualquer notificação de rescisão antecipada do contrato. Se e quando tal notificação for recebida, Fato Relevante específico será divulgado ao mercado.

Segunda-Feira | Dia 18/01

Enel vai mudar sede de Alphaville para a Marginal Pinheiros (Estadão)

O anúncio da mudança da sede da ENEL de Alphaville (CBOP) para o Parque da Cidade na região da Marginal Pinheiros em SP, pode afetar diretamente o fundo CBOP11. Já que atualmente, a ENEL representa aproximadamente 60% da receita imobiliária do fundo.

HLOG11 – Positivo: O fundo comunica que firmou os instrumentos definitivos para a aquisição da totalidade do galpão localizado no Bairro Vila Prudente, cidade e Estado de São Paulo. O valor da transação é de R$ 49,7 milhões pagos à vista. O Ativo é um galpão de uso industrial com 12,9 mil m² de área construída, atualmente locado para a Master Builders Solutions. O cap rate da operação é de 8,2%. Na nossa visão, a aquisição do ativo é positiva e agrega na diversificação do portfólio já existente, sendo responsável por 11% da renda imobiliária do fundo.

RBRY11 – Informativo: O Fundo comunica que, o Administrador fixou o Preço de Emissão em R$104,50 por cada Cota da 3ª Emissão, totalizando, assim o Montante da 3ª Emissão em R$150 milhões. Adicionalmente, definiu-se que não será cobrada Taxa de Distribuição Primária.

Últimos Relatórios

Carteira Recomendada de FIIs | Janeiro 2021

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

Receba nosso conteúdo por email

Seja informado em primeira mão, não perca nenhuma novidade e tome as melhores decisões de investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.