XP Expert

Ibovespa continua impulsionado por otimismo externo

Tudo o que você precisa saber sobre os mercados nacional e internacional, com análises econômicas e políticas sobre fatos que podem impactar seus investimentos.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail
Clique para ouvir

IBOVESPA 0,3% | 110.622 Pontos

CÂMBIO -0,5% | 4,19/USD

O que pode impactar o mercado hoje

O Ibovespa acumula alta de 2,2% aos 110.622 pontos nesta semana, seguindo otimismo externo quanto às negociações comerciais. Nesta manhã, mercados internacionais operam em alta, enquanto investidores aguardam dados de empregos nos EUA – espera-se criação de 183 mil novas vagas de trabalho em Novembro – e observam novos desdobramentos antes do aumento das tarifas sobre produtos chineses, cujo prazo é dia 15 de dezembro.

O Ministério de Finanças da China informou nesta sexta-feira que o país vai isentar parte das tarifas da soja, da carne de porco e de outras commodities importadas dos EUA. Em comunicado, o ministério não indicou os volumes desses produtos americanos que ficarão isentos de tarifação, mas passa a sinalização positiva de que um potencial acordo mais amplo está se aproximando.

O tom positivo predomina apesar de um novo indicador ruim da Alemanha ter sido divulgado, com queda da produção industrial de 1,7% em outubro ante setembro, contra expectativa de aumento de 0,2%.

No Brasil, o presidente do BNDES, Gustavo Montezano, disse ontem à noite que as privatizações da Eletrobras, dos Correios, da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), e da Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre (Trensurb) serão tratadas com prioridade, mas destacou que a privatização da Eletrobras ainda não foi aprovada pelo governo.

Em reunião de Cúpula do Mercosul realizada ontem, uma série de acordos foram assinados. Entre eles está, por exemplo, acordo para livre comércio no setor automotivo com o Paraguai e diálogo com Índia e Israel para ampliar acordo de preferências tarifárias.

Por fim, ontem sediamos o evento Brasil 2020, que reuniu grandes personalidades do mercado e especialistas para discutir os principais temas do cenário político-econômico do Brasil. O tom foi de otimismo e os detalhes de cada palestra podem ser assistidos aqui.

Tópicos do dia

Internacional

  1. Dados do mercado de trabalho dos EUA de novembro são destaque do dia
  2. OPEP+ pode reduzir metas de produção, mas faz concessões para Rússia

Empresas

  1. Multiplan (MULT3): Expansão no ParkShoppingBarigui
  2. Febre suína africana ajuda a elevar os preços mundiais de alimentos para o maior patamar em dois anos
  3. Banco Inter (BIDI11): CEO planeja expansão internacional
  4. Heineken lança cerveja sem álcool e pretende criar novo mercado no Brasil

Renda Fixa

  1. Tudo sobre Renda Fixa no mês (e o que esperar)
  2. Aliansce Sonae capta R$ 1,19 bilhão para expandir negócios
  3. Banco Pine celebra parceria com a Getnet


Veja todos os detalhes

Internacional

Dados do mercado de trabalho dos EUA de novembro são destaque do dia

  • O relatório de mercado de trabalho dos EUA de novembro será divulgado hoje às 10h30 (horário do Brasil) e deve mostrar que o mercado de trabalho americano segue aquecido, a despeito da má performance recente do setor manufatureiro;
  • A expectativa de mercado é que a economia americana tenha gerado 183 mil novas vagas em novembro e que a taxa de desemprego deve ter ficado estável em 3,6%;
  • As decisões recentes de política monetária nos EUA têm sido bastante influenciadas por esse dado e por isso o relatório deve ser o destaque do dia.

OPEP+ pode reduzir metas de produção, mas faz concessões para Rússia

  • Ontem ocorreu o primeiro dia de reuniões da OPEP+ (que incluí países da OPEP e aliados como a Rússia) em Viena;
  • De acordo com a Bloomberg, o principal destaque foi uma potencial das metas de produção em 500.000 barris por dia (além dos atuais 1,2 milhão de barris dia);
  • Embora detalhes finais ainda não tenham surgido, a última ação parece formalizar as reduções extras de oferta que o grupo já vem fazendo na maior parte deste ano. Por outro lado, o grupo teria feito uma concessão à Rússia ao excluir a produção de condensados (​​tipo muito leve de óleo encontrado em poços de petróleo ou gás natural) da cota de produção do país;
  • As reuniões continuam nessa sexta feira (6) o mercado deve monitorar se a OPEP+ estenderá o prazo do atual acordo de corte de produção (março de 2020).

Empresas

Multiplan (MULT3): Expansão no ParkShoppingBarigui

  • A Multiplan anunciou ontem o lançamento de uma nova expansão de 15 mil m² de ABL (área bruta locável) a ser desenvolvida no ParkShoppingBarigui, com um investimento bruto total estimado em ~R$ 250 milhões. O investimento representa ~1,5% do valor de mercado da Multiplan e um CAPEX/m² de R$ 16,7 mil. A construção está prevista para começar em fevereiro de 2020 e terminar em maio de 2021;
  • O shopping está localizado em Curitiba, e a expansão representa uma ABL adicional de 29%, incluindo um novo andar com 75 lojas, cinemas, novos restaurantes, um centro médico e 800 novas vagas de estacionamento;
  • Vemos o anúncio como marginalmente positivo para Multiplan, possivelmente indicando que a companhia está mais construtiva com as perspectivas do setor. Apesar disso, já incorporamos ~25 mil m² em expansões de ABL em nosso modelo. Mantemos recomendação neutra para as ações da Multiplan, com preço-alvo de R$ 31,0/ação.

Febre suína africana ajuda a elevar os preços mundiais de alimentos para o maior patamar em dois anos

  • As Nações Unidas divulgaram ontem dados acerca dos preços globais de alimentos, que subiram significativamente em Novembro (+10% versus o mesmo mês no ano passado), impulsionados pelo aumento do preço da carne, que aumentou em +4,6% entre Outubro e Novembro deste ano;
  • Uma das razões para tal crescimento é que a China aumentou suas importações de todos os tipos de carne, além da carne suína, para preencher a lacuna deixada depois que muitos dos porcos produzidos no país foram abatidos devido à Peste Suína Africana;
  • Entre Janeiro e Outubro, as importações de carne suína para a China aumentaram 49% e as importações de carne bovina aumentaram 54%.

Banco Inter (BIDI11): CEO planeja expansão internacional

  • O banco digital investido pelo Softbank tem ideias de iniciar operações internacionais. De acordo com João Menin, presidente do banco, países sulamericanos devem ser os primeiros;
  • Menin também afirmou que parcerias com outras empresas investidas pelo Softbank poderiam facilitar a expansão. Entre elas, temos Alibaba e Uber, que já são parceiras do Inter no SuperApp;
  • Acreditamos que é cedo para falar de expansão internacional. Já em relação a parcerias, vemos como positivo os sinais dados de que o Softbank está ajudando na intermediação entre suas investidas, o que poderia alavancar o SuperApp do Inter.

Heineken lança cerveja sem álcool e pretende criar novo mercado no Brasil

  • A partir do primeiro trimestre de 2020, a Heineken vai produzir e vender sua cerveja sem álcool no Brasil, a Heineken 0.0, acompanhando uma tendência observada na Europa de crescimento do segmento. A 0.0 tem gosto de cerveja e menos da metade das calorias de uma Heineken normal;
  • Para tentar consolidar esse novo mercado, será usada a mesma estratégia que a Heineken usou no mercado de cervejas premium. A tática deu tão certo que a operação brasileira tornou-se a maior da Heineken do mundo em termos de volume;
  • Segundo a Euromonitor, o consumo de cerveja sem álcool representa apenas 1% do volume total vendido no Brasil, sendo que a Ambev detém 70% de participação de mercado, contra a Heineken com cerca de apenas 5%.

Renda Fixa

Tudo sobre Renda Fixa no mês (e o que esperar)

  • Publicamos hoje nosso relatório mensal de Renda Fixa, trazendo um panorama do mercado no mês de novembro e o que esperar no fim deste ano e começo de 2020;
  • Continuamos enxergando crescimento do mercado de crédito privado, com mais emissões realizadas. A abertura dos spreads de crédito privado começam a demonstrar certa reversão, mas devemos continuar observando a tendência para identificar se o ciclo se encerrará logo;
  • Para saber mais, acesse o relatório completo aqui.

Aliansce Sonae capta R$ 1,19 bilhão para expandir negócios

  • Segundo o Valor Econômico, a empresa do setor de shopping centers Aliansce Sonar anunciou que captou R$ 1,19 bilhão em oferta pública de ações, ao preço de R$ 43,00 por ação. Com isso, o capital social da companhia foi elevado a R$ 4,19 bilhões;
  • Os recursos da oferta serão utilizados à estratégia de expansão da companhia, incluindo a ampliação da participação em ativos nos quais já é dominante e em outros em que não é controladora, com o objetivo de consolidação do mercado brasileiro de shoppings;
  • A notícia é positiva para a empresa, que passou a ser a maior do setor após a fusão entre Aliansce e Sonae em 2019, com bons indicadores operacionais e financeiros.

Banco Pine celebra parceria com a Getnet

  • O Banco Pine informou a seus acionistas em comunicado ao mercado que celebrou nova parceria de negócios com a Getnet, empresa de tecnologia com foco em soluções eletrônicas de pagamento do Grupo Santander;
  • O Pine informou que considerou a atuação dedicada ao segmento Empresas para o desenvolvimento da parceria, que reforçará a estratégia de expansão da oferta de soluções de pagamentos no atacado;
  • Por fim, o Pine também informou que não espera que o acordo leve a efeitos nos resultados do Banco neste exercício social. Não houve informações acerca de expectativas de investimentos futuros nessa nova parceria. Acompanharemos novos comunicados a respeito de potenciais efeitos financeiros ao banco.
XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório de análise foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos ou XP”) de acordo com todas as exigências na Resolução CVM 20/2021, tem como objetivo fornecer informações que possam auxiliar o investidor a tomar sua própria decisão de investimento, não constituindo qualquer tipo de oferta ou solicitação de compra e/ou venda de qualquer produto. As informações contidas neste relatório são consideradas válidas na data de sua divulgação e foram obtidas de fontes públicas. A XP Investimentos não se responsabiliza por qualquer decisão tomada pelo cliente com base no presente relatório. Este relatório foi elaborado considerando a classificação de risco dos produtos de modo a gerar resultados de alocação para cada perfil de investidor. O(s) signatário(s) deste relatório declara(m) que as recomendações refletem única e exclusivamente suas análises e opiniões pessoais, que foram produzidas de forma independente, inclusive em relação à XP Investimentos e que estão sujeitas a modificações sem aviso prévio em decorrência de alterações nas condições de mercado, e que sua(s) remuneração(es) é(são) indiretamente influenciada por receitas provenientes dos negócios e operações financeiras realizadas pela XP Investimentos.

O analista responsável pelo conteúdo deste relatório e pelo cumprimento da Instrução CVM nº 598/18 está indicado acima, sendo que, caso constem a indicação de mais um analista no relatório, o responsável será o primeiro analista credenciado a ser mencionado no relatório. Os analistas da XP Investimentos estão obrigados ao cumprimento de todas as regras previstas no Código de Conduta da APIMEC para o Analista de Valores Mobiliários e na Política de Conduta dos Analistas de Valores Mobiliários da XP Investimentos. O atendimento de nossos clientes é realizado por empregados da XP Investimentos ou por agentes autônomos de investimento que desempenham suas atividades por meio da XP, em conformidade com a ICVM nº 497/2011, os quais encontram-se registrados na Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários – ANCORD. O agente autônomo de investimento não pode realizar consultoria, administração ou gestão de patrimônio de clientes, devendo atuar como intermediário e solicitar autorização prévia do cliente para a realização de qualquer operação no mercado de capitais. Os produtos apresentados neste relatório podem não ser adequados para todos os tipos de cliente. Antes de qualquer decisão, os clientes deverão realizar o processo de suitability e confirmar se os produtos apresentados são indicados para o seu perfil de investidor. Este material não sugere qualquer alteração de carteira, mas somente orientação sobre produtos adequados a determinado perfil de investidor. A rentabilidade de produtos financeiros pode apresentar variações e seu preço ou valor pode aumentar ou diminuir num curto espaço de tempo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos. As informações presentes neste material são baseadas em simulações e os resultados reais poderão ser significativamente diferentes. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. SAC. 0800 77 20202. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. O custo da operação e a política de cobrança estão definidos nas tabelas de custos operacionais disponibilizadas no site da XP Investimentos: www.xpi.com.br. A XP Investimentos se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste relatório ou seu conteúdo. A Avaliação Técnica e a Avaliação de Fundamentos seguem diferentes metodologias de análise. A Análise Técnica é executada seguindo conceitos como tendência, suporte, resistência, candles, volumes, médias móveis entre outros. Já a Análise Fundamentalista utiliza como informação os resultados divulgados pelas companhias emissoras e suas projeções. Desta forma, as opiniões dos Analistas Fundamentalistas, que buscam os melhores retornos dadas as condições de mercado, o cenário macroeconômico e os eventos específicos da empresa e do setor, podem divergir das opiniões dos Analistas Técnicos, que visam identificar os movimentos mais prováveis dos preços dos ativos, com utilização de “stops” para limitar as possíveis perdas. O investimento em ações é indicado para investidores de perfil moderado e agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos Ação é uma fração do capital de uma empresa que é negociada no mercado. É um título de renda variável, ou seja, um investimento no qual a rentabilidade não é preestabelecida, varia conforme as cotações de mercado. O investimento em ações é um investimento de alto risco e os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste material em relação a desempenhos. As condições de mercado, o cenário macroeconômico, os eventos específicos da empresa e do setor podem afetar o desempenho do investimento, podendo resultar até mesmo em significativas perdas patrimoniais. A duração recomendada para o investimento é de médio-longo prazo. Não há quaisquer garantias sobre o patrimônio do cliente neste tipo de produto. O investimento em opções é preferencialmente indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. No mercado de opções, são negociados direitos de compra ou venda de um bem por preço fixado em data futura, devendo o adquirente do direito negociado pagar um prêmio ao vendedor tal como num acordo seguro. As operações com esses derivativos são consideradas de risco muito alto por apresentarem altas relações de risco e retorno e algumas posições apresentarem a possibilidade de perdas superiores ao capital investido. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. O investimento em termos é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. São contratos para compra ou a venda de uma determinada quantidade de ações, a um preço fixado, para liquidação em prazo determinado. O prazo do contrato a Termo é livremente escolhido pelos investidores, obedecendo o prazo mínimo de 16 dias e máximo de 999 dias corridos. O preço será o valor da ação adicionado de uma parcela correspondente aos juros – que são fixados livremente em mercado, em função do prazo do contrato. Toda transação a termo requer um depósito de garantia. Essas garantias são prestadas em duas formas: cobertura ou margem. O investimento em Mercados Futuros embute riscos de perdas patrimoniais significativos, e por isso é indicado para investidores de perfil agressivo, de acordo com a política de suitability praticada pela XP Investimentos. Commodity é um objeto ou determinante de preço de um contrato futuro ou outro instrumento derivativo, podendo consubstanciar um índice, uma taxa, um valor mobiliário ou produto físico. É um investimento de risco muito alto, que contempla a possibilidade de oscilação de preço devido à utilização de alavancagem financeira. A duração recomendada para o investimento é de curto prazo e o patrimônio do cliente não está garantido neste tipo de produto. As condições de mercado, mudanças climáticas e o cenário macroeconômico podem afetar o desempenho do investimento.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.