XP Expert

🌎 RADAR GLOBAL: Ferrari elétrica?

Panorama diário, análises de cenário internacional e ações globais

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

MACRO

Mercados internacionais abriram sem movimento expressivo, após Trump afirmar que acordo pelo novo pacote emergencial “não acontecerá” se democratas insistirem nas demandas fora do escopo do apoio à pandemia. Na Ásia, Japão (+1,8%) fechou em alta após melhora no índice de inflação ao produtor.

Coronavírus: Moderna acorda em vender 100 milhões de doses para governo dos EUA, com opção de compra de mais 400 milhões. O preço médio da dose foi de US$ 25, o maior da Operação Warp Speed (força tarefa dos EUA para viabilizar vacina até o final do ano), com possibilidade de aumentar o preço dependendo da eficácia.

Indicadores – EUA: Pedidos de auxílio desemprego às 9:30h. China: Produção industrial e vendas no varejo às 23h.

EMPRESAS

Resultados do 2T20 – Hoje: Baidu e Lenovo.

Mais uma vitória para os games: Receitas da chinesa Tencent, dona do WeChat, totalizaram US$ 16,5 bi no trimestre, 5% acima das expectativas. Seguindo a tendência observada nos resultados de Sony e Nintendo, o segmento de games se destacou. O faturamento com jogos online atingiu US$ 6,7 bi, aumento de 40% vs. o 2T19, impulsionado pelo sucesso de títulos mobile como Peacekeeper Elite e Honour of Kings. A recente restrição imposta ao app WeChat nos EUA deve ter impacto limitado na empresa (apenas 2% da receita total está exposta ao país) – o que mais preocupa é a ameaça de delistagem na bolsa americana.

Ferrari elétrica: A primeira SUV da Ferrari deve ser anunciada em 2021 e pode ser, juntamente com carros elétricos, uma tacada de sucesso da montadora dos automóveis mais desejados do mundo. Estima-se que, em 2025, o mercado de SUVs de luxo (entre € 150 mil e € 200 mil) atinja 1,3 milhão de unidades enquanto o de super-luxo (€ 200mil+) venda 35 mil unidades. Além disso, veículos elétricos podem representar nada menos que 50% da produção da Ferrari em 2040, numa estratégia de atingir uma maior base de clientes e atrair novas gerações para a merca, de acordo com o Morgan Stanley.

Apple se destaca na China: Enquanto venda de aparelhos celulares modera na China após o pico ocasionado pelo confinamento, a venda de iPhones acelera e cresce 23% no mês, alcançando 1,6 milhão de unidades. Fatia de aparelhos com 5G alcança 2/3 dos celulares comercializados no mês, número maior que os 40% vistos em maio, indicando preferência do consumidor pela tecnologia.

Lyft: Receita de US$ 339 mi, em linha com o esperado, mas 61% abaixo do ano passado – reflexo da queda da demanda em meio a pandemia.

O próximo tech IPO? O Airbnb, plataforma online de aluguéis de acomodações, estaria próximo de protocolar seu IPO junto à SEC (CVM americana), segundo o Wall Street Journal. A companhia não se pronunciou sobre o assunto.

ANÁLISES

Fuga dos grandes centros: Um dos efeitos do “fique em casa” foi o de reduzir a demanda por ecritórios, lojas e apartamentos nos grandes centros comerciais. No setor de imóveis comerciais dos EUA, o crescimento de lucros desacelerou e está próximo de zero.

Fonte: CoStar

E pode piorar: Dos mais de 100 milhões de inquilinos americanos, até 40% correm risco de não honrar suas parcelas em 2020.

Fonte: The Aspen Institute

Bom dia!

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.