XP Expert

Netflix sobe apesar de reportar queda de quase 1 milhão de assinantes – 🌎 Radar Global

Resultados da Netflix, Johnson & Johnson e Lockheed Martin, além de novidades sobre investigação da Didi na China.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

MACRO

Bolsas internacionais amanhecem sem direção definida, oscilando entre positivo e negativo (EUA -0,2% e Europa -0,2%), enquanto investidores continuam focados na temporada de resultados americana e nas perspectivas econômicas globais. O maior apetite por risco nos mercados tem suporte nos balanços mais resilientes que o esperado até o momento, sugerindo que uma recessão talvez não esteja tão próxima. A temporada de resultados segue hoje com ASML, Tesla e United Airlines. Na Europa, o fornecimento de gás natural através do Nord Stream deverá ser retomado nesta quinta-feira, mas ainda com capacidade reduzida. Na China, o índice de Hang Seng (+1,1%) encerra em alta, acompanhando os pares globais. O primeiro-ministro, Li Keqiang afirmou que o país focará no fortalecimento do mercado de trabalho e estabilidade de preços, mesmo que isso implique em uma menor taxa de crescimento. Além disso, o país optou por manter as taxas de juros imobiliárias de 1 e 5 anos constantes, a decisão foi em linha com o consenso da Bloomberg.

Confira as expectativas para os resultados das empresas dos Estados Unidos nessa temporada
Aberta a temporada de resultados do 2º trimestre

Inscreva-se aqui para receber o nosso conteúdo diário.

EMPRESAS

Netflix sobe depois de reportar queda de assinantes menor que o esperado e sinalizar expectativa de crescimento: A Netflix (NASDAQ: NFLX, BDR: NFLX34) reportou uma receita de US$ 7,97 bilhões vs. US$ 8,04 bilhões projetado pelos analistas, o LPA foi de US$ 3,73 vs. US$ 2,98 esperados pelo mercado, uma surpresa positiva de 25,2%. As ações reagiram positivamente, principalmente depois da notícia que o streaming perdeu menos assinantes do que o previsto durante o segundo trimestre. A Netflix havia alertado aos investidores que esperava perder cerca de 2 milhões de assinantes no último trimestre, mas perdeu apenas cerca de 970.000 durante o período. A empresa também informou que está nos planos lançar, no início de 2023, seu plano de baixo custo, que será sustentado por anúncios. Isso depois da Netflix ter escolhido a Microsoft para ser sua parceira na oferta suportada por anúncios. “Provavelmente começaremos em alguns mercados onde os gastos com publicidade são significativos”, explicou a Netflix.

Olhando para frente, a empresa espera que as adições líquidas atinjam 1 milhão no terceiro trimestre, revertendo parte das perdas observadas durante o primeiro semestre do ano. Analistas previam que a Netflix guiaria um crescimento de cerca de 1,8 milhão. A companhia também informou que está nos estágios iniciais de seu plano de compartilhamento pago. Este é um esforço mencionado no último trimestre que cobraria alguns membros por compartilhar sua assinatura com familiares ou amigos que moram fora de casa.

Johnson & Johnson diminui previsões de lucros e receita por conta da força do dólar: A Johnson & Johnson (NYSE: JNJ, BDR: JNJB34) reportou uma receita de US$ 24 bilhões vs. US$ 24 bilhões projetados pelo mercado, o LPA foi de US$ 2,59 vs. US$ 2,55 esperados pelos analistas. A unidade farmacêutica foi o destaque, uma vez que as vendas de medicamentos subiram 6,7%, para US$ 13,3 bilhões, impulsionadas por terapias contra o câncer e imunologia e pela vacina Covid. A receita das vacinas gerou US$ 544 milhões, mais que o dobro da estimativa média dos analistas, com a grande maioria da receita vinda de fora dos EUA. A unidade de dispositivos enfrentou problemas na China, disse o diretor financeiro da J&J, Joseph Wolk, onde um surto de Covid levou a uma redução de 25% a 30% nos procedimentos antes da pandemia. Ainda assim, disse ele, os números de cirurgias na China melhoraram em junho, e o segundo semestre parece mais forte.

A J&J também está avançando na cisão de sua unidade de saúde do consumidor, que ainda é esperada para o próximo ano. As vendas da divisão caíram 1,3%, para US$ 3,8 bilhões, ainda superando por pouco a visão média. Por fim, olhando para o futuro, a empresa disse que espera um lucro ajustado para o ano de US$ 10 a US$ 10,10 por ação, abaixo da previsão anterior de US$ 10,15 a US$ 10,35 por ação. As vendas para o ano foram previstas em US$ 93,3 bilhões a US$ 94,3 bilhões, contra expectativas anteriores de US$ 94,8 bilhões a US$ 95,8 bilhões, segundo corte de previsão da J&J este ano devido ao cenário macroeconômico, uma vez que um dólar mais forte deve impactar as vendas internacionais.

Indo agora para o setor de defesa…A Lockheed Martin (NYSE: LTM, BDR: LMTB34), empresa fabricante de produtos aeroespaciais, divulgou seus resultados com uma receita de US$ 15,4i vs. US$ 16,0 esperados, o LPA foi de US$ 6,32 vs. US$ 6,40 projetados pelo mercado. As vendas trimestrais da maior unidade da Lockheed, Aeronautics, que fabrica o F-35, caíram 12%, para US$ 5,8 bilhões. O diretor financeiro Jay Malave disse que as vendas foram prejudicadas pelo fim de alguns financiamentos federais, enquanto os problemas da cadeia de suprimentos atingiram amplamente a unidade aeronáutica. A Lockheed recentemente mudou algumas obrigações de pensão, comprando contratos de anuidade de uma seguradora. A taxa foi de aproximadamente US$ 4,50 por ação. A cobrança é realmente uma coisa boa e, essencialmente, representa uma forma de pagamento da dívida que torna o balanço menos arriscado. Contudo, a Lockheed agora espera que as vendas de 2022 sejam de cerca de US$ 65,3 bilhões, abaixo da orientação anterior dada em abril que previa US$ 66 bilhões em vendas.

Regulador chinês multará Didi em mais de US$ 1 bilhão por violações de segurança de dados: As autoridades chinesas estão se preparando para impor uma multa de mais de US$ 1 bilhão à empresa de carona Didi, encerrando a investigação que perdura por um ano sobre as práticas de segurança cibernética da empresa, segundo o Wall Street Journal. Tal multa representaria cerca de 4% das vendas totais de US$ 27,3 bilhões da Didi no ano passado. Depois que a penalidade for divulgada, o governo deve aliviar a restrição que proíbe a Didi de adicionar novos usuários à sua plataforma e permitir que o aplicativo da empresa de carona seja restaurado nas lojas de aplicativos domésticas. A multa também pode abrir caminho para Didi iniciar uma nova listagem de ações em Hong Kong. A conclusão da investigação reforça os sinais de que Pequim pode estar se movendo para aliviar a repressão as empresas de tecnologia locais que viram punições pesadas, como a Alibaba (NYSE: BABA, BDR: BABA34) e Tencent.

Quer ver o calendário de resultados do 2º trimestre das ações internacionais? Clique aqui.

ANÁLISE

Fonte: BloombergNEF

Custos mais altos de bateria podem atrasar o ponto de inflexão para EVs: O gráfico acima, da BloombergNEF, mostra que os preços das baterias vêm caindo à medida que as vendas crescentes de veículos elétricos permitem economias de escala e inovações químicas melhoram a densidade de energia, atualmente esse valor está em US$ 135 por quilowatt-hora, cerca de 2% acima do ano anterior. Os preços estão se aproximando cada vez mais da marca de US$ 100 por quilowatt-hora, na qual se espera que os veículos elétricos (EVs) atinjam a paridade com os veículos com motor de combustão interna, com base no custo inicial. No entanto, pode haver um obstáculo este ano. Em meio ao aumento dos custos de matérias-primas e componentes, os preços das baterias podem aumentar pela primeira vez desde 2010. Se as pressões inflacionárias persistirem, isso pode atrasar em dois anos o ponto em que os EVs atingiriam o valor de US$ 100 por quilowatt-hora, até 2026. À medida que os custos aumentam e os desafios da cadeia de suprimentos continuam, isso se traduz em veículos elétricos mais caros, uma vez que as montadoras acabam sendo impactadas por esse aumento de custos. Entre outros, Tesla (NASDAQ: TSLA, BDR: TSLA34), Rivian (NASDAQ: RIVN) e GM (NYSE: GM, BDR: GMCO34) aumentaram os preços de seus modelos este ano.

Quer saber mais sobre criptomoedas? Acesse aqui nosso relatório semanal.

Gostou do conteúdo? Compartilhe nosso link de cadastro e nos avalie abaixo:

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.