XP Expert

ūüĆé Mundo em 60s: Dividendos importam

Entenda o poder dos dividendos para retornos a longo prazo. Veja os destaques da semana

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Bolsas: Semana positiva para as principais bolsas globais. Tecnologia (Nasdaq +3,5% na semana e +7,1% no ano) volta a chamar atenção após discurso do Federal Reserve finalmente acalmar os mercados de juros nos EUA (+2,2% na semana); as compras de ativos (US$ 120bi/mês) devem continuar trazendo liquidez e elevando os índices para novos recordes.

Setores:  Na ponta negativa, petrol√≠feras (-4,1%) estendem a queda com pa√≠ses da OPEP sinalizando redu√ß√£o nos cortes de produ√ß√£o mesmo em meio a uma demanda incerta. Os setores que sofreram mais com a rota√ß√£o voltaram a se recuperar, liderando a alta; tecnologia (+3,7%), comunica√ß√£o (+2,5%) e consumo discricion√°rio (+2,9%).


Dividendos importam

Quando um investidor compra a√ß√Ķes, h√° 2 maneiras de se fazer dinheiro: i) com ganhos de capital, ou seja, o pre√ßo sobe ou ii) com pagamento de dividendos, quando a empresa distribui parte de seus lucros aos acionistas.

Atualmente, vivemos num cen√°rio de juros estruturalmente mais baixos, portanto, investidores que procuram retornos maiores se veem obrigados a buscar ativos de risco e, por vezes, buscam a√ß√Ķes que paguem dividendos acima dessas baixas taxas soberanas. No Mundo em 60s de hoje, discutiremos a import√Ęncia e o poder dos dividendos nos retornos de longo-prazo de um portf√≥lio, n√£o apenas incorporando ganhos, como tamb√©m limitando os efeitos de crises e infla√ß√£o.

1. Lucros s√£o relativos, dividendos s√£o absolutos

Quando uma empresa reporta seus lucros, os n√ļmeros muitas vezes passam por ajustes que eventualmente podem ser manipulados pelo que o mercado chama de ‚Äúcriatividade cont√°bil‚ÄĚ. Dividendos s√£o um rendimento real, distribu√≠dos periodicamente em moeda real e caem diretamente conta corrente do cliente.

2. Foco em geração de caixa

Companhias com longo hist√≥rico de pagamento de dividendos est√£o sempre preocupadas em como gerar caixa para distribuir para seus acionistas, colocando seus investidores como prioridade n¬ļ 1. Essa qualidade reduz riscos de mau uso do capital, bem como aumenta a estabilidade e o crescimento sustent√°vel de lucros da companhia.

3. Melhores retornos

No longo prazo, a estrat√©gia de se investir em boas pagadoras de dividendos gerou mais retornos que a m√©dia do mercado. Dividindo o S&P 500 em grupos de a√ß√Ķes, a fra√ß√£o das pagadoras de dividendos entregou retornos de +8,8% a.a. ao passo que o √≠ndice amplo entregou +7,3% e as n√£o-pagadoras apenas +1,7%.

Al√©m disso, quanto mais o tempo passa, maior √© a participa√ß√£o dos dividendos no retorno da carteira. Em empresas do S&P 500, por exemplo, analisando diferentes janelas m√≥veis de retorno desde 1940, fica vis√≠vel a import√Ęncia dos dividendos para as estrat√©gias de longo-prazo.

4. O poder dos juros compostos

Quando extrapolamos ainda mais a linha do tempo, voltando para 1928, a diferença só aumenta. Na prática, se você tivesse investido US$ 100 no S&P 500 em 1928 você teria US$ 780 mil ao final de 2020 caso seus dividendos tivessem sido reinvestidos. E sem dividendos? Apenas US$ 23 mil.

E quando perguntaram a Buffett de onde vinha sua riqueza:

“Minha riqueza veio de uma combina√ß√£o de ter nascido na Am√©rica, de alguns genes de sorte e dos juros compostos

Warren Buffett, 90 anos de idade e US$ 100 bilh√Ķes de patrim√īnio

Neste contexto, acreditamos que buscar a√ß√Ķes que pagam dividendos √© parte essencial de uma estrat√©gia de retornos vencedores e sustent√°veis no longo-prazo. Estas empresas podem ser acessadas de diversas formas, seja investindo diretamente nelas (Carteira XP Dividendos e Carteira BDRs Dividendos), bem como via ETFs (DIVO11, BBSD11) ou via fundos que buscam estes ativos.


#ProvaR√°pida ‚Äď BDRs pagam dividendos?

a) Sim
b) N√£o
c) Nenhuma das anteriores

Resposta: a) Sim, entenda.

Gostou do conte√ļdo? Deixe sua nota abaixo:

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O qu√£o foi √ļtil este conte√ļdo pra voc√™?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conte√ļdos por e-mail?

Cadastre-se e receba gr√°tis nossos relat√≥rios e recomenda√ß√Ķes de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conte√ļdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relat√≥rio foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (‚ÄúXP Investimentos‚ÄĚ) e n√£o deve ser considerado um relat√≥rio de an√°lise para os fins do artigo 1¬ļ da Instru√ß√£o CVM n¬ļ 598/2018. Este relat√≥rio tem como objetivo √ļnico fornecer informa√ß√Ķes macroecon√īmicas e an√°lises pol√≠ticas, e n√£o constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicita√ß√£o de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participa√ß√£o em uma determinada estrat√©gia de neg√≥cios em qualquer jurisdi√ß√£o. As informa√ß√Ķes contidas neste relat√≥rio foram consideradas razo√°veis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes p√ļblicas consideradas confi√°veis. A XP Investimentos n√£o d√° nenhuma seguran√ßa ou garantia, seja de forma expressa ou impl√≠cita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatid√£o dessas informa√ß√Ķes. Este relat√≥rio tamb√©m n√£o tem a inten√ß√£o de ser uma rela√ß√£o completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opini√Ķes, estimativas e proje√ß√Ķes expressas neste relat√≥rio refletem a opini√£o atual do respons√°vel pelo conte√ļdo deste relat√≥rio na data de sua divulga√ß√£o e est√£o, portanto, sujeitas a altera√ß√Ķes sem aviso pr√©vio. A XP Investimentos n√£o tem obriga√ß√£o de atualizar, modificar ou alterar este relat√≥rio e de informar o leitor. O respons√°vel pela elabora√ß√£o deste relat√≥rio certifica que as opini√Ķes expressas nele refletem, de forma precisa, √ļnica e exclusiva, suas vis√Ķes e opini√Ķes pessoais, e foram produzidas de forma independente e aut√īnoma, inclusive em rela√ß√£o a XP Investimentos. Este relat√≥rio √© destinado √† circula√ß√£o exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes aut√īnomos da XP e clientes da XP, podendo tamb√©m ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodu√ß√£o ou redistribui√ß√£o para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o prop√≥sito, sem o pr√©vio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos n√£o se responsabiliza por decis√Ķes de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informa√ß√Ķes divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer preju√≠zos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utiliza√ß√£o deste material ou seu conte√ļdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a miss√£o de servir de canal de contato sempre que os clientes que n√£o se sentirem satisfeitos com as solu√ß√Ķes dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informa√ß√Ķes sobre produtos, tabelas de custos operacionais e pol√≠tica de cobran√ßa, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, √© uma institui√ß√£o financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunica√ß√£o atrav√©s de rede mundial de computadores est√° sujeita a interrup√ß√Ķes ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recep√ß√£o de informa√ß√Ķes atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por for√ßa de falha de servi√ßos disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A √© institui√ß√£o autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.