XP Expert

Comentário Internacional: petróleo e coronavírus em queda

Panorama diário, análises de cenário internacional e ações globais

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

CENÁRIO GLOBAL

Nesta manhã, mercados internacionais cedem com queda no preço do petróleo para menor nível em 21 anos (WTI < US$ 14/barril). Após uma semana de alta, futuros do S&P 500 nos EUA caem 1,6% e bolsas na Europa em queda de 0,8%. Mercados asiáticos fecharam sem direção definida; China +0,4%, Hong Kong -0,2% e Japão -1,1%.

Ajuda emergencial: Após entregar, em menos de duas semanas, US$ 350bi de auxílio para pequenas empresas, senado e congresso americano sinalizam expansão do programa.

Coronavírus: 2,41 milhões de casos confirmados e 165 mil mortes. Trump levanta a possibilidade de que a China teria escondido informações. O pior parece ter passado em Nova Iorque. Número diário de mortes cai Itália, Espanha e Reino Unido, enquanto a Alemanha inicia reabertura parcial hoje, expandindo o funcionamento do comércio. Live da “One World”, mesmo politizada, arrecadou US$ 127 milhões.

EMPRESAS

Temporada de resultados 1T20 – hoje: Halliburton e IBM. Essa semana: Coca-Cola, Netflix, Snapchat, Heineken, AT&T, Samsung, Hyundai, Sony e LG.

Prévia de Netflix: A empresa poderá anunciar captação de mais de 10 milhões de assinantes no 1T20, superando em 40% o guidance de 7 milhões divulgado pela companhia, refletindo os impactos do isolamento social nos downloads do aplicativo que crescem, fora dos EUA, 130% ano contra ano nas últimas 4 semanas. O custo-benefício tem ser tornado cada vez mais atrativo; são US$ 20bi em conteúdo por US$ 13 ao mês.

YouTube (Alphabet) e Facebook devem apresentar melhor engajamento no 1T20 com dados apontando para aceleração do consumo de vídeos e redes sociais. No entanto, a fraca demanda por eventos, viagens e consumo discricionário vai impactar a receita com propaganda, trazendo risco de redução dos números do consenso (+23% a/a).

Apple deve vender 36% menos iPhones no 2T20, de acordo com Goldman Sachs, que indicou venda para o papel após alta de 25% desde o fundo.

Walmart: após contratar 5 mil pessoas por dia desde 19/3, totalizando 150 mil funcionários temporários para atender ao pico de demanda, a empresa quer mais 50 mil trabalhadores. A maioria dos contratados vem da indústria de restaurantes, hotelaria e varejo.

GoPro: desde o IPO da empresa em 2014, nenhum dos membros do conselho executivo da GoPro comprou ações da empresa. A ações negociam a 50% do valor da oferta pública e a gestão retirou o guidance de 2020 devido às incertezas, anunciando faturamento do 1T20 20% abaixo da expectativa do consenso.

Apostando contra o turismo: nos últimos 30 dias, foram abertas US$ 800 milhões em posições vendidas contra Carnival, Royal Caribbean, Mariott e Wynn Resorts, demonstrando que investidores ainda estão pessimistas em relação as condições do turismo global.

ANÁLISES DE MERCADO

O que comprar na próxima década? Pesquisa com clientes do Citibank mostra que bolsa americana é de longe a primeira escolha, como reflexo da falta de alternativa de bom risco-retorno de ativos no mundo, e taxas de juros nas mínimas históricas. Dois anos atrás, a mesma pesquisa indicava tesouro americano, ouro e caixa como maiores alocações.

Fonte: Citibank

Nota-se o interesse por ações de países emergentes em segundo lugar; em um horizonte longo de investimentos, o valor descontado desses ativos poderá se tornar atrativo. Em terceiro, ouro; em um momento em que as impressoras de moeda estão à todo vapor e governos distribuem renda, é interessante voltar para a teoria e considerar que o papel moeda poderá perder valor.

Poupança chinesa: na China, a poupança doméstica está em patamares historicamente altos, 41%, comparado com a média de 2013 a 2019 de 33%, indicando que as pessoas estão economizando seus salários como prevenção. É esperado que no final do próximo trimestre haja um pico de demanda, à medida que o governo estimula o consumo e as poupanças acumuladas sejam despejadas na economia real.

Fonte: CEIC, XP Investimentos

Bom dia!

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.