Mundos & Fundos: melhores momentos da Live com Marcelo Urbano, gestor da Augme

Na estréia da série Mundos & Fundos recebemos um dos maiores gestores de crédito privado do Brasil: Marcelo Urbano da Augme Investimentos.


Compartilhar:


Mundos e Fundos: Bem-vindo ao universo dos fundos de investimentos mais bem recomendados pelo time de alocação! Quinzenalmente, quintas-feiras às 18h, traremos um gestor para explicar como funciona seu processo decisório, sua história e da gestora em que atua.

Nesse primeiro episódio da série trouxemos Marcelo Urbano, gestor que atua há mais de 25 anos no mercado de crédito privado e um dos sócios-fundadores da Augme Investimentos.

Segundo Episódio: Felipe Guerra da Legacy. Dia 22/10, às 18h.

A Augme Investimentos e Suas Escolhas. A Augme Investimentos é uma empresa criada há dois anos. Conta com 17 colaboradores e 6 sócios e que se destaca por gerir exclusivamente fundos de renda fixa. Os fundos Augme 45 FIC RF CP LP e Augme 90 FIC Multimercado CP são mais antigos do que a própria gestora, pois foram transferidos de gestoras anteriores. O veículo disponível para aplicação na XP é o Augme 45 Advisory FIC RF CP LP, correspondente ao Augme 45 FIC RF CP LP dado que ambos compram os mesmo ativos.

O mercado de crédito com o passar do tempo foi se tornando mais desafiador devido ao aumento de liquidez e da marcação a mercado. Mesmo assim, em toda a sua trajetória o Augme 45 FIC RF CP LP só teve um mês com variação negativa da cota. Marcelo atribui o sucesso do fundo à sua estratégia: foca sempre em retorno a longo prazo e preservação de capital; conta com uma carteira bem diversificada, onde nenhum ativo tem posição superior a 3% do fundo; busca ativos da classe high yield¹ e com alto carrego² (em média 2,5% no Augme 45 FIC RF CP LP); evita contratar riscos assimétricos e riscos associados a curva de juros, ou seja, o impacto que o aumento ou diminuição dos juros tem no preços dos ativos.

Mesmo com o stress recente no mercado de crédito, a Augme não sofreu tanta pressão de resgates não precisando, portanto, realizar vendas forçadas de posições de seus fundos. Muito disso se deve ao prazo de resgate de 45 dias, que foi visto como uma vantagem frente aos outros fundos com prazos de resgate mais curtos, pois em momentos de crise, os investidores possuem menor propensão a retirar ativos cujos prazo de resgate sejam maiores. Além disso a Augme também tinha uma boa reserva de caixa, que foi utilizada para aproveitar a oportunidade de comprar ativos cujos preços estavam abaixo do que realmente valiam. Inclusive high yield bonds.

O foco e especialidade da asset são os ativos High Yield e estruturados, ativos emitidos por empresas que geralmente pagam mais por serem associadas a um risco maior ou estrutura mais complexa , mas para seu gestor essa relação nem sempre é exata, pois é necessário analisar a estrutura da dívida e se existem garantias envolvidas.

Confira outros ativos recomendados no Onde Investir.

A Augme faz uma análise criteriosa antes de comprar um ativo, fazendo com que os fundos administrados pela gestora tenham um bom desempenho. Ainda, quando são realizadas operações com um risco maior, a Augme exige garantias que não estejam atreladas ao risco operacional da companhia em si. Por exemplo um imóvel não operacional que não dependa da atividade dessa companhia. Como esse mercado no Brasil é mais novo, há diversas boas oportunidades.

Em suma: a Augme faz um trabalho complexo para decidir e acompanhar seus ativos, sempre buscando retornos atrativos frente aos riscos e garantias.

O cenário. Recentemente, as LFTs desvalorizaram-se, mas Marcelo e a equipe da Augme optaram por não operar esse ativo, restringindo-se a manter as posições existentes visando apenas garantir a liquidez dos fundos.

Em março houve uma certa preocupação com o crédito, mas com o passar dos meses isso foi diminuindo, diferente da crise de 2008, quando houve diversos problemas de liquidez. Esta vez o mundo estava mais preparado para uma crise: os Bancos centrais agiram rapidamente promovendo um amplo movimento de expansão fiscal, não só injetando dinheiro na economia por meio de programas assistencialistas, mas também através da recompra de títulos, a fim de reduzir  as taxas e sustentar os mercados. No Brasil, não foi diferente. Além do Auxílio Emergencial, podemos destacar os movimentos de expansão fiscal como  a diminuição o valor da provisão e dos depósitos compulsórios dos bancos.

As empresas que estão sofrendo mais no momento, na visão do Marcelo, são as que estão muito alavancadas³, independente do setor em que atuem.

Para o gestor, o maior risco para o futuro é o desconhecimento do vírus e seus desdobramentos. As escolhas da Augme estão atualmente mais cautelosas: se antes da pandemia, quando surgia uma boa oportunidade dentre os ativos um risco mais significativo, a gestora fazia uma posição um pouco menor,  mas comprava, hoje em dia eles não o fazem mais e os critérios de forma geral para investimentos estão mais exigentes.

Para ele, por a empresa investir apenas em empresas brasileiras, as eleições americanas têm impacto pouco significativo nas suas decisões, onde apenas a redução de incertezas seria mais benéfica para os investimentos.

Por outro lado, ele se diz esperançoso por uma reforma fiscal que deve ajudar o Brasil a melhorar sua situação na retomada da crise, entretanto com convicção que essa agenda fiscal só será realizada de forma mais robusta no ano que vem. Caso essas reformas não sejam realizadas é preocupante: juros elevados, que diminuem investimentos e aumentam a concentração de renda, mas este não é o cenário base.

¹ Titulos High Yield são títulos de renda fixa que apresentam maiores retornos associados a um risco maior, ou seja, tem um rating (nota dada por agências especializadas em riscos) menor.

² O carrego de um ativo de renda fixa é o quanto ele gera de rendimentos caso seja mantido em carteira até a sua data de vencimento.

³ Empresas alavancadas são as que operam com volumes financeiros acima do seu patrimônio, aumentando o risco de crédito e, em momentos de stress, seus ativos tendem a se desvalorizar mais.

Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

Receba nosso conteúdo por email

Seja informado em primeira mão, não perca nenhuma novidade e tome as melhores decisões de investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.