XP Expert

Aos apressados, minhas ressalvas

Acordar é a primeira onda da transformação nessa revolução de impacto, mas os problemas que a pandemia evidenciou demandam ações em conjunto mais rápidas, eficientes e integradas entre governo, iniciativa privada e a população.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Praticamente, qualquer plano de ação, seja de pequenas ou grandes proporções, tem uma jornada para ser trilhada e seguida. Processos, políticas, regulamentações, e pesquisas científicas estão aí para nos mostrar esses rumos. Mas no imediatismo dos tempos atuais, isso vêm sendo cada vez mais ignorado.

É como se um esportista se vangloriasse como campeão de uma prova Iron Man fazendo apenas o percurso de corrida até cortar a fita na chegada. Ou se um denominado país quisesse dar uma vacina à sua população para a cura de uma pandemia sem passar pelos devidos testes e aprovações.

Tudo tem seu tempo certo. E, no caso do ESG, as pessoas de forma geral parecem não entender a jornada que precisa ser traçada, com muitas etapas que incluem derrubar muralhas que estão de pé há décadas. Aos apressados, minhas ressalvas.

Tudo começou com os mandatos internacionais: os investidores estrangeiros que querem alocar recurso no Brasil começaram a exigir esse tipo de análise e crivo das empresas, governo e sociedade.

As organizações são “monstros” complexos, com muitos interesses em jogo, principalmente quando envolve dinheiro. Nada vai ser da noite para o dia. ESG não é simplesmente virar a chave, não é binário, precisamos mudar processos, formalizar políticas, construir posicionamentos e criar um alinhamento com todos os envolvidos.

Depois, em um movimento mais latente há pouco tempo, instituições financeiras, gestoras de investimentos locais começam a adotar esses critérios, enquanto as pessoas físicas, sobretudo os millenials, começam a ter consciência, fazer pressão social, olhar para a Amazônia, e prestar mais atenção em assuntos como diversidade e inclusão.

Em resposta a essa transição de mindset, as empresas, preocupadas com a de captação de recursos, começam a se mexer do lado institucional, criando áreas e comitês de sustentabilidade para acessar novos bolsos, e do lado do varejo, com a preocupação sobre a imagem da marca e risco reputacional.

Hoje em dia, com a tecnologia e as mídias sociais, é muito difícil desassociar a imagem das práticas reais e, além disso, a barreira de entrada no mercado é muito baixa, o que acaba transformando o ESG numa ferramenta de atrair colaboradores e consumidores.

Não há dúvidas de que é preciso muito trabalho de educação a ser feito em todos os elos da cadeia. Mas ainda há uma resistência enorme de alguns lados e agentes.

As organizações são “monstros” complexos, com muitos interesses em jogo, principalmente quando envolve dinheiro. Nada vai ser da noite para o dia. ESG não é simplesmente virar a chave, não é binário, precisamos mudar processos, formalizar políticas, construir posicionamentos e criar um alinhamento com todos os envolvidos.

Estamos em uma curva de aprendizado e muitos vão mudar pelos motivos errados, mas, mesmo assim, os produtos dessas ações possuem impacto positivo e representam um avanço socioambiental.

Precisamos parar de nos criticar e começar a nos unir pela construção de um Brasil melhor, ajudando os reguladores a criar uma taxonomia única e indicadores de desempenho que traduzam a melhor maneira de mensurar esses impactos sustentáveis. Porém, enquanto isso, a longa jornada continua.

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

O conteúdo publicado não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/18, tem caráter meramente informativo, não constitui e nem deve ser interpretado como sendo material promocional, solicitação de compra ou venda, oferta ou recomendação de qualquer ativo financeiro, investimento, sugestão de alocação ou adoção de estratégias por parte dos destinatários. Os prazos, taxas e condições aqui contidas são meramente indicativas. As informações contidas nesta página foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP”) não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. O conteúdo também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As informações de terceiros disponibilizadas nesta página não refletem a opinião da XP, nem de nenhuma das empresas do Grupo XP Inc., de modo que ela não se responsabiliza pela veracidade, exatidão e correção das informações. Os instrumentos financeiros discutidos podem não ser adequados para todos os investidores. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Recomenda-se uma profunda análise das características, prazos e riscos dos investimentos antes da decisão de compra/venda/aplicação/resgate. É expressamente recomendada a leitura do Regulamento, prospecto, edital e demais materiais de divulgação antes da decisão de investimento, com especial atenção aos fatores de risco. A XP não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura. Esse material destinado a rede de relacionamento da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP.

B3 Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.