XP Expert

Emolumentos: o que são e como são calculados. Confira!

A taxa de emolumentos tem como função pagar a prestação de serviços da B3. Além de saber o percentual de cobrança em relação à categoria do investidor, neste artigo, conheça quais são os outros pontos para o cálculo da taxa.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail
Emolumentos: o que são e como são calculados. Confira!

Você já reparou na taxa de emolumentos na nota dos seus investimentos?  

Essa é uma das tarifas mais importantes que o investidor paga ao comprar ou vender um ativo na Bolsa de Valores e é essencial conhecer, já que pode impactar diretamente na rentabilidade de suas aplicações! 

Nesse artigo, explicaremos o que é essa tarifa, como ela é calculada, valores e muito mais! Continue a leitura. 

O que são emolumentos? 

Os emolumentos, no contexto de investimento em renda variável, são taxas de negociação da Bolsa de Valores em transações de compra e venda de ativos financeiros. 

Antigamente, quando um investidor queria realizar qualquer operação na bolsa, o processo ocorria manualmente com operadores no meio de um salão. Para comprar ou vender, era preciso pagar um valor pelo serviço — esse valor é a taxa de emolumentos atualmente.  

Essa tarifa aparece no extrato financeiro da sua conta e varia conforme o investimento.  

Qual a funcionalidade dessa taxa?  

A função da taxa de emolumentos é pagar a prestação de serviços da B3, que precisa registrar, catalogar e guardar informações pela CBLC (Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia), sempre que você realiza uma operação. 

Manual de Nota de Corretagem

Saiba o que significa cada detalhe da nota de corretagem, tanto de negócios realizados quanto do rodapé, e evite erros no processo.

Preencha seus dados e aproveite este manual!

Enviando...

Ao prosseguir, você autoriza que a XP Investimentos colete seus dados pessoais de acordo com nossa Política de Privacidade.

envio com sucesso

Agradecemos o download!

Aproveite as informações do material.

Baixar

Emolumentos da B3

A B3 cobra o valor percentual diretamente sobre a operação realizada, de modo que se você realizar cinco transações no dia, por exemplo, a taxa será cobrada individualmente sobre cada uma.  

Nesse caso, a cobrança varia conforme: 

  • volume de negociação; 
  • tipo de operação;  
  • categoria de investidor (pessoa física ou jurídica). 

Quando acaba o pregão, a Bolsa de Valores desconta o valor proporcional e repassa os dados das cobranças para a corretora e você consegue saber a quantia no seu extrato financeiro. Quem repassa o valor referente à tarifa é a corretora.  

Legenda: A taxa de emolumentos é deduzida sobre toda transação realizada. 

Como calcular emolumentos 

Primeiro, você precisa saber o percentual de cobrança em relação à categoria do investidor

Pessoas físicas e demais investidores  0,031605% 
Fundos e clubes de investimento locais 0,024105% 
Fonte: B3

Depois, o volume de operações também é outro ponto que influencia no cálculo. Via de regra, quanto maior o volume de negociações, menor é a taxa de emolumentos. Confira a diferença a seguir: 

Faixa de volume (R$ milhões) Negociação Liquidação Total 
0 – 1 0,01% 0,02% 0,02% 
1 – 5  0,00% 0,02% 0,02% 
5 – 10  0,00% 0,02% 0,02% 
10 – 40  0,00% 0,02% 0,02% 
40 -150  0,00% 0,01% 0,02% 
150 – 300  0,00% 0,01% 0,02% 
300 – 700  0,00% 0,01% 0,02% 
700 – 1.000  0,00% 0,01% 0,01% 
1.000 – 2.000  0,00% 0,01% 0,01% 
2.000 – 3.000  0,00% 0,01% 0,01% 
3.000 – 4.000  0,00% 0,01% 0,01% 
Fonte: B3

Observação importante: essas taxas podem variar a qualquer momento, então, fique de olho no site da Bolsa de Valores para se atualizar.  

Exemplo prático do cálculo de emolumentos 

Para você entender melhor como funciona a taxa de emolumentos, vamos supor que você resolveu comprar 200 cotas de uma ação qualquer, que custa R$15,00 cada.  

Após encerrar o pregão, você terá os seguintes dados: 

Valor investido R$ 3.000 
Emolumentos  R$ 0,90 

*valores aproximados 

Vamos supor que você decidiu vender esse ativo, que agora está R$20,00, após dois anos. Teremos a seguinte situação: 

Valor investido R$ 4.000 
Emolumentos  R$ 1,20 

Qual seria o lucro líquido final desta operação considerando somente a taxa de emolumentos?  

Ficaria: R$ 4.000 – R$ 3.000 – R$ 0,90 – R$ 1,20 = R$ 997,90 

Vale ressaltar que também existem outras tarifas que podem incidir sobre a operação, como a taxa de corretagem e o ISS/PIS/Cofins.  

Como funciona o recolhimento de emolumentos

O recolhimento ocorre depois do pregão e funciona da seguinte forma:  

  1. A B3 define o percentual conforme as informações da operação, como o volume negociado.  
  1. Repassa essa informação para a corretora.  
  1. A corretora recolhe o valor e passa para a B3. 

Após isso, você pode verificar seu extrato da operação e saber quanto pagou de taxa.  

Mas, como saber os custos dos emolumentos?

Para descobrir seu custo com emolumentos, basta acessar a nota de corretagem emitida quando você realiza uma operação financeira na Bolsa de Valores.  

Nessa nota, que você pode encontrar no site da sua corretora, vai ter um resumo de todas as despesas relacionadas à negociação.  

Mulher investidora analisa a taxa de emolumentos em seu extrato.

Legenda: É possível ver o valor de emolumentos no extrato financeiro da sua conta 

Quem paga emolumentos e como essa cobrança é feita? 

Todo investidor paga emolumentos, dentre outras taxas sobre a transação do investimento. Conforme dito anteriormente, o valor é deduzido na nota de corretagem e, com isso, a corretora recolhe o valor e transfere para a B3.  

Quais os impactos dos emolumentos nos investimentos?

Finalmente, por que saber o custo dos emolumentos? É simples: para você ter uma noção real do valor líquido do seu investimento.  

Por exemplo, se você investiu R$1.000 e o dinheiro rendeu R$1.500, R$500 não é exatamente seu lucro, pois tem outros custos que, mesmo sendo pequenos, influenciam na rentabilidade final do investimento.  

Como funcionam os emolumentos para contratos futuros?  

Assim como é no caso de ações, a regra geral de cobrança é conforme o valor do investimento. Se o número de contratos for maior, a incidência dos emolumentos será menor e vice-versa. Contudo, nesse caso, existem algumas diferenças.  

A primeira é que existem mais taxas de registro (a do componente fixo e o componente variável), então, a tarifa é maior.  

Em média, para os contratos futuros, as taxas ficam entre 0,005% e 0,004%. Se o contrato for em dólar, o custo aumenta para de R$0,99 a R$1,97, dependendo do tipo de controle. Para minicontrato futuro de dólar comercial, a taxa atual é de R$0,43.  

Ademais, também é possível negociar commodities na Bolsa de Valores, além de euro e outras modalidades de investimentos, que podem ter taxas e condições diferentes.  

De todo modo, como já falamos anteriormente, esses percentuais são variáveis, então, acesse o site da B3 para ter informações mais atualizadas.  

Demais taxas da bolsa de valores 

Além saber o que são emolumentos, é importante conhecer outras taxas que podem incidir sobre seu investimento, como:  

  1. Taxa de corretagem: está relacionada ao valor cobrado pela corretora para a realização de processos transacionais de ativos. 
  1. Taxa de custódia: refere-se ao valor de manutenção da ação pelo investidor. 
  1. Imposto de Renda: a declaração de investimentos em ações e/ou opções no IR é obrigatória. 
Homem investidor usando a calculadora de seu smartphone com um notebook e gráficos na tela.

Legenda: Saber o custo de emolumentos é importante para ter uma noção real do valor líquido do investimento 

Outros tipos de emolumentos

Segundo o dicionário, emolumento é “aquilo que se oferece como recompensa por prêmio ou gratificação.” Portanto, esse termo pode aparecer como sinônimo de pagamento de algum órgão ou instituição.  

Por exemplo, o que é emolumento registro de imóveis? São as despesas pagas para registrar o imóvel ou realizar outros serviços no cartório.  

Ademais, confira outras dúvidas comuns sobre o assunto:  

  • O que é emolumentos de cartório? É o custo pelos serviços do cartório.  
  • O que é emolumentos Day-trade? É a tarifa paga pelo serviço da B3 para registrar, catalogar e guardar informações sobre a sua compra e venda no mesmo dia. 
  • Qual é a taxa de emolumentos da B3? Depende do investimento. Para pessoas físicas, é de 0,031605%. Para fundos e clubes de investimento, é de 0,024105%. 

Gostou do conteúdo? Agora, você já sabe o que é emolumentos na sua nota de corretagem! Aproveite e continue acompanhando nossos conteúdos de investimentos no blog. Ainda não tem conta na XP? Abra sua conta grátis! 

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.