XP Expert

Playbook de investimentos em tempos de incerteza

Saiba como escolher ações de qualidade e descontadas para investir, além de ver a lista de quais são essas ações no mercado americano.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Em tempos de incerteza, além de cautela é preciso que o investidor tenha critérios sólidos na seleção de seus ativos. Pensando nisso, definimos 4 critérios para quantificar a qualidade financeira das empresas e o patamar de preço das ações: (i) endividamento; (ii) rentabilidade; (iii) crescimento dos lucros; (iv) e valuation. O resultado dessa seleção foi uma lista de ações de qualidade negociadas a níveis atrativos, de acordo com os filtros quantitativos.

Investidores do mundo todo estão tendo que lidar com uma série de questões que, por mais que existam diversas projeções, permanecem em aberto. Incertezas sobre (i) em que momento o choque inflacionário, que foi colocado como temporário durante quase todo o ano de 2021, vai normalizar; (ii) até onde o Federal Reserve, o Banco Central americano, vai subir os juros; e (iii) se de fato a recessão esperada nos Estados Unidos vai se concretizar, tornam o desafio de avaliar o preço justo dos ativos ainda maior. Entretanto, não investir também não parece uma escolha sábia. Principalmente em um cenário inflacionário, que o simples efeito do tempo corrói ainda mais rápido o poder de compra da população.

Vale lembrar que ações são ligados a ativos reais, com a geração de caixa atrelada a comercialização de um determinado bem ou serviço que busca, pelo menos, repassar a inflação e ter um crescimento nominal da receita.    

Leia a visão dos estrategistas sobre o momento de mercado no artigo O cenário atual segue exigindo cautela.

Colocado o contexto, além de cautela é preciso que o investidor tenha critérios sólidos na seleção de seus ativos. Pensando nisso, definimos métricas para quantificar a qualidade financeira das empresas e o nível de preço das ações, e assim identificar papéis de qualidade negociadas a patamares atrativos. Abaixo, você encontrará os principais critérios utilizados para a nossa seleção.

XPInc CTA

Abra a sua conta na XP Investimentos!

XPInc CTA

Assine conteúdos exclusivos aqui!

XPInc CTA

Receba conteúdos da Expert pelo Telegram!

1. Empresas pouco endividadas

Em um cenário de aumento das taxas de juros e aperto monetário, empresas muito endividadas, ou com vencimentos das dívidas no curto prazo, apresentam um nível maior de risco. Isso acontece pois, caso essas companhias precisem negociar suas dívidas, ou captar mais recursos no mercado, elas podem encontrar condições de preço deterioradas e enfrentar dificuldade de acesso ao crédito. Na prática isso significa custo de dívida mais alto, o que prejudica a geração de lucro, e risco de liquidez, o que pode impactar na capacidade da empresa de honrar seus compromissos financeiros de curto prazo.

Atentos aos riscos, aplicamos um filtro de alavancagem (dívida líquida/EBITDA) menor que a mediana do setor1.

 2. Companhias capazes de gerar lucro

Voltando mais uma vez para o momento de mercado, em que a inflação impacta diferentes cadeias produtivas, um ponto importante é a capacidade das empresas de sustentarem suas margens de lucro e garantirem um retorno saudável para os acionistas. Companhias que conseguem manter os níveis de produtividade e repassar o aumento do preço dos insumos (inflação) para o consumidor apresentam uma maior resiliência em condições de mercado desfavoráveis como agora, que vemos uma deterioração nas condições de produção e consumo.

Assim, selecionamos companhias que apresentam ROE (return on equity = lucro líquido / patrimônio líquido) maior que a mediana do setor1.

3. Nomes com potencial de crescimento

Viemos de um ano atípico em relação ao crescimento de lucro. Em 2021 a média de crescimento das empresas do S&P 500 ficou acima dos 250% na comparação anual, resultado de (i) uma base de comparação fraca; (ii) um momento de injeção de liquidez, em que bancos centrais do mundo todo sustentaram estímulos econômicos; e (iii) a retomada da atividade nas grandes economias. Hoje o cenário é bastante diferente e as projeções já mostram uma desaceleração no crescimento do lucro.

Entretanto, com a deterioração das condições econômicas ao longo de 2022, ainda esperamos que haja uma revisão negativa nas expectativas de lucro por ação (LPA) por parte dos analistas de mercado, calibrando nas estimativas uma possível recessão. Isso posto, se torna ainda mais relevante escolher companhias com forte potencial de crescimento frente os desafios atuais.

Incluímos nos critérios empresas com expectativa de crescimento de lucro por ação para o próximo ano maior que a mediana do setor1.

4. Valuation não é trigger, mas ajuda na avaliação de preço

Como escrevermos no nosso relatório de revisão dos resultados do 1º trimestre de 2022, temos acompanhado ao longo do ano um movimento de correção do múltiplo de Preço/Lucro (P/L) do S&P 500, que se intensificou nos últimos meses. Depois dos altos patamares de 2020 e 2021, os múltiplos da bolsa americana recuaram (16x) para níveis abaixo da média histórica dos últimos 10 anos (18x).

Lembrando que, quanto menor a relação de Preço/Lucro, a ação está mais “barata”, tanto uma relação ao seu histórico quanto comparando com ações do mesmo setor.

Porém, apesar do nível do S&P 500 parecer barato baseado nessa métrica, acreditamos que há uma camada de risco adicional por conta das projeções de lucro ainda otimistas por parte dos analistas de mercado, como colocamos no item acima. Com isso, podemos ver uma elevação do múltiplo baseada em redução de expectativa de lucro, e não do aumento dos preços dos ativos.

Essa é mais uma das incertezas que temos acompanhado, mas entendemos que empresas que já aparecem descontadas no cenário atual tendem a mostrar maior resiliência. Não há espaço para empresas caras nesse momento, que podem refletir uma desvalorização proporcionalmente maior com a volatilidade acentuada do mercado.

Dessa forma, selecionando ações negociadas a múltiplos abaixo da média do setor¹ e em níveis menores que o Preço/Lucro do S&P500.

O resultado dessa seleção é uma lista de ações de qualidade, que atendem a filtros quantitativos de (i) solidez financeira; (ii) perspectiva de crescimento; (iii) e preço atrativo.

1 classificação setorial GICS Industry Group

 

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.