XP Expert

Nike supera expectativas – 🌎RADAR GLOBAL

Resultados da Nike, aquisição da Microsoft e demanda por cruzeiros

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

MACRO

Mercados globais amanhecem mistos (EUA -0,2% e Europa +0,1%) enquanto investidores buscam aferir os possíveis impactos da nova variante Ômicron na atividade econômica global e as incertezas sobre a aprovação do pacote de gastos fiscais trilionário nos EUA. Ainda sobre a pandemia, a AstraZeneca divulgou nesta terça-feira que está trabalhando em conjunto com a Universidade de Oxford para desenvolver uma vacina específica para a nova cepa do vírus. Nos EUA, o pronunciamento do presidente Biden descartou a possibilidade de novos lockdowns, contribuindo para a melhora no sentimento do mercado. Na China, o índice de Hang Seng (+0,6%) encerra em campo positivo, estendendo a sua recuperação da mínima dos últimos 21 meses, que gerou uma contração do múltiplo preço/lucro para 11,7x; o que tornou o valuation do índice o mais barato dentre os mercados globais, depois do Ibovespa, segundo dados do Bloomberg. No campo das commodities, o petróleo (+0,5%) e o gás natural (+1,0%) amanhecem em alta com as notícias do Reino Unido, Austrália e EUA descartando novas restrições para a contenção do vírus.

Coranavírus: A variante Ômicron foi rapidamente disseminada nos EUA e já representa 73% dos últimos casos, de acordo dados divulgados na segunda-feira pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças. A nova cepa substituiu a variante Delta, que era a dominante e agora é responsável por apenas 26,6% dos últimos casos. Há uma semana, a Delta representava 87% do casos e 12,6% eram Ômicron.

Inscreva-se aqui para receber o nosso conteúdo diário.

EMPRESAS

Resultados da Nike surpreendem, impulsionados pela forte demanda na América do Norte: A Nike (NIKE34) reportou sua receita do 3º trimestre e superou as expectativas do mercado. A empresa teve uma receita de US$ 11,36bi, vs. uma expectativa de US$ 11,25bi, mas o destaque foi para o lucro por ação de US$ 0,83, superando os US$ 0,63 do consenso. O bom resultado da empresa aconteceu apesar das contínuas pressões da cadeia de suprimentos que desaceleraram as entregas e ameaçaram interromper a temporada de compras natalinas. De acordo com o presidente da companhia, John Donahoe, a fabricante de tênis está em uma “posição competitiva muito mais forte” do que antes da pandemia.

Embora os fechamentos de fábricas relacionados ao Covid-19 no exterior tenham desacelerado as remessas de estoque no início deste ano, prejudicando seu progresso, o fluxo de mercadorias aumentou durante o último trimestre, especialmente na América do Norte (+12%), maior mercado da Nike e representando o maior crescimento de todas as geografias. Por outro lado, a empresa viu uma queda de vendas na China (-20%), em parte devido à perda de produção devido ao fechamento da fábrica no Vietnã e aos bloqueios contínuos relacionados à pandemia. Em termos de e-commerce, a Nike afirmou que suas vendas digitais aumentaram +12% a/a, enquanto as vendas por meio do Nike Direct, vendas da marca direto ao consumidor, aumentaram +9%. A empresa tem retirado cada vez mais seus produtos dos canais de atacado, como lojas de descontos, e em vez disso está vendendo mais produtos de esportes por meio de seu próprio site e lojas. Olhando pro futuro, a empresa espera que seu faturamento cresça apenas um dígito percentual por ano contra em virtude dos problemas de abastecimento.

Microsoft visa outros mercados: A AT&T (ATTB34) venderá sua plataforma de publicidade online Xandr para a Microsoft (MSFT34), encerrando sua tentativa de ser participar do mercado de marketing digital. Os executivos da AT&T esperavam atrair os profissionais de marketing com o potencial da Xandr em permitir que anunciantes comprem espaço em milhares de sites e públicos-alvo. Porém, a unidade falhou em produzir o crescimento da receita que seus proprietários esperavam, além de problemas técnicos recorrentes com empresas de tecnologia.  

A Microsoft afirma que o mercado de publicidade digital da Xandr ajudará a impulsionar seus recursos de marketing e mídia de varejo. O negócio de publicidade em buscas da companhia gerou US$ 8,5 bilhões no ano, sendo cerca de 5% da receita da AT&T. Assim, a aquisição da Xandr poderá trazer sinergias para os negócios da Microsoft, que já vende anúncios em seu mecanismo de busca Bing, em plataformas de videogames e no LinkedIn.   

Demanda crescente por cruzeiros:  Carnival Corp (C1CL34) sinalizou problemas nas reservas de curto prazo devido à Ômicron, mas manteve suas boas perspectivas para o longo prazo. As ações da companhia subiram +8,7% nesta terça-feira, com a empresa afirmando que a nova variante não afetará seu plano de retomada de 100% de suas operações já na primavera de 2022. Segundo Chris Woronka, analista da Deutsche Bank, as pessoas não estão cancelando planos para maio, junho, julho e agosto por causa da cepa, havendo hesitação apenas para os príximos 2 meses.  

Mesmo com os preços mais altos, a Carnival disse que suas reservas para o final do ano seguinte e 2023 estão no limite das máximas históricas, demonstrando a alta demanda por cruzeiros para os próximos meses. Em contrapartida, o prejuízo no 4º trimestre aumentou de -US$ 1,86bi para -US$ 1,96bi em virtude do alto investimento na preparação de seus navios para várias viagens marcadas. Sendo assim, a Ômicron poderá contribuir para um aumento do prejuízo nos próximos meses, junto aos investimentos para a retomada das operações, mas há perspectiva de melhora para o 2º semestre de 2022.  

ANÁLISE

Fonte: Morgan Stanley

A importância do setor imobiliário no consumo de commodities na China: O gráfico acima, do Morgan Stanley, mostra como as commodities, especialmente minério de ferro, alumínio e cobre, são fortemente influenciadas pelo ciclo de construção da China que é, por sua vez, afetado pelas condições do mercado imobiliário. A China possui cerca de 80% da demanda global por minério de ferro e cerca de 55% da demanda global por cobre e zinco, sendo metade da demanda total do país por estes ativos proveniente do setor imobiliário. A industrialização da China nas últimas três décadas criou uma enorme demanda por metais e energia, mas desde que chegou ao poder em 2013, o líder Xi Jinping mudou a função objetivo da economia de priorizar a qualidade do crescimento por meio de reformas estruturais.

A crise no setor imobiliário da China, manifestada nos problemas financeiros da incorporadora Evergrande, preocupa que a demanda chinesa por matérias-primas, um importante motor de crescimento para as economias emergentes, possa perder força. O crescimento no investimento imobiliário da China e no início de novas construções medido pela área útil caiu nos últimos meses em meio à crise de inadimplência das incorporadoras e às regulações do governo. A desaceleração no setor imobiliário afetou a produção mensal de aço bruto da China em mais de 20% desde setembro.

Gostou do conteúdo? Compartilhe nosso link de cadastro e nos avalie abaixo:

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

BM&F Bovespa Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.