XP Expert

GM divulga piores vendas na China desde o início da pandemia – 🌎 Radar Global

Mercado revive otimismo com o Alibaba, Disney está prestes a pagar bilhões por Hulu e GM divulga piores vendas na China desde o início da pandemia.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

MACRO

Bolsas internacionais amanhecem positivas (EUA +0,3% e Europa +1,4%) após a divulgação, feita ontem, da ata da última reunião do Federal Reserve. Autoridades do Fed reiteraram uma postura dura contra a inflação, dizendo que outra alta de 50 ou 75 pontos-base “provavelmente seria apropriada” na reunião de 26 a 27 de julho. Ainda assim, as preocupações com a recessão continuam a pairar em Wall Street e os participantes do mercado anteciparam o que muitos esperam ser uma temporada de lucros volátil este mês. Na China, os índices CSI 300 (+0,4%) e Hang Seng (+0,3%) fecharam em alta, mesmo com sinais de novas infecções de Covid no país. Xangai registrou o maior número de infecções por Covid desde o final de maio, alimentando a preocupação de que possa voltar aos bloqueios impostos por sua política de Covid Zero. A cidade de Pequim disse que as vacinas contra a Covid serão necessárias para entrar em centros esportivos, locais de entretenimento e muito mais a partir da próxima semana.

Inscreva-se aqui para receber o nosso conteúdo diário.

EMPRESAS

GM divulga piores vendas na China desde o início da pandemia: A General Motors (NYSE: GM. GMCO34) divulgou nesta quarta-feira suas piores vendas trimestrais na China desde o início da pandemia de coronavírus, em meio ao ressurgimento de casos de Covid-19 no país e problemas contínuos na cadeia de suprimentos global. A montadora de Detroit disse que vendeu 484.200 veículos de abril a junho na China, seu maior mercado global. As vendas caíram 35,5% em relação ao ano anterior e foi o menor número reportado desde o primeiro trimestre de 2020, quando as restrições governamentais do Covid paralisaram a produção da China e a montadora vendeu 461.700 veículos no período. As vendas da GM na China incluem aquelas por meio de joint ventures e suas conhecidas marcas Buck, Cadillac e Chevrolet, todas as quais experimentaram declínios significativos, entre 22% e 79% aproximadamente.

Em um comunicado, a GM disse que suas marcas na China estão “focadas em retomar a produção e as operações”. As vendas da empresa na China foram divulgadas menos de uma semana depois que a GM alertou os investidores de que problemas na cadeia de suprimentos afetariam materialmente seus lucros do segundo trimestre , mas manteve sua projeção para 2022.

Hulu e Disney enfrentam problemas à medida que o acordo de aquisição de parte da Comcast se aproxima: Em 2019, a Disney (NYSE: DIS, BDR: DISB34) fechou um acordo incomum com a Comcast . Dois meses antes, a gigante do entretenimento havia adquirido a participação de 33% da Fox no Hulu, como parte de uma aquisição de US$ 71 bilhões, dando-lhe uma participação majoritária no serviço de streaming. A Comcast possuía os outros 33% do Hulu. Disney e Comcast então fecharam um acordo para economizar temporariamente bilhões da Disney depois de gastar na Fox enquanto assumiam o controle operacional do Hulu. A Comcast concordou em manter sua participação no Hulu até janeiro de 2024. Então, a Comcast pode forçar a Disney a comprar seus 33% do Hulu com uma avaliação total mínima de US$ 27,5 bilhões. O preço pode ser maior dependendo do valor justo de mercado do Hulu em 2024.

Na época, o Disney + estava sendo construído. Ele seria lançado oito meses depois, em novembro de 2019. O Hulu parecia um ativo altamente estratégico, já que milhões de americanos cancelaram a TV a cabo em favor de serviços de streaming gratuitos e por assinatura. Três anos depois, a razão de ser e o futuro do Hulu não são claros para investidores, analistas, executivos de mídia e até mesmo funcionários da Disney. O Disney+ se tornou a principal oferta de streaming por assinatura da Disney, com 138 milhões de assinantes globais em 2 de abril. O Hulu opera apenas nos EUA, com pouco mais de 41 milhões de assinantes. A Disney está prestes a pagar bilhões de dólares por um ativo que agora parece estranho. Há poucas evidências de que os investidores se importam com os resultados trimestrais do Hulu. De fato, quanto melhor o desempenho do Hulu, mais a Disney terá que pagar à Comcast para comprar o restante em 2024.

Mercado revive otimismo com o Alibaba: Algumas das maiores gestoras e bancos do mundo estão reforçando sua visão otimista para o Alibaba (NYSE: BABA, BDR: BABA34), uma vez que a estimativa de consenso para o lucro por ação da varejista para os próximos 12 meses subiu mais de 7% em relação à mínima de três anos no final de maio, segundo dados compilados pela Bloomberg. Mais de 10 corretoras, incluindo Citigroup (NYSE: C, BDR: CTGP34) e Goldman Sachs (NYSE: GS, BDR: GSGI34), reforçaram suas chamadas de compra na semana passada. A especulação de que uma repressão ao setor de tecnologia pode estar chegando ao fim está impulsionando as apostas na gigante chinesa, que viu suas ações em Hong Kong subirem mais de 60% em relação à baixa recorde alcançada em meados de março. Além disso, o Hang Seng Tech Index ganhou quase 38% durante esse período.

Em nota, o Goldman afirmou que a perda de participação de mercado do Alibaba deve se estabilizar gradualmente e permanece construtivo sobre a capacidade da empresa de expandir seu mercado total endereçável. O Jefferies (NYSE: JEF, BDR: J1EF34), outra grande instituição financeira, disse em nota que a empresa abordou alguns pontos problemáticos para seus comerciantes e destacou os esforços para apoiar os consumidores em Xangai durante os lockdowns por conta da Covid-19. Contudo, embora o otimismo esteja maior, ainda assim, os investidores permanecem cautelosos com a economia chinesa em geral, que enfrenta riscos renovados após o aumento de infecções em Xangai e os subsequentes testes em massa, devido à estrita adesão do país à sua política Covid Zero.

Saiba se vale a pena investir nas ações do Alibaba (NYSE: BABA, BDR: BABA34), clicando aqui para ler nosso relatório completo.

ANÁLISE

Fonte: Bloomberg

Ações chinesas devem apresentar boa performance no restante do ano: O gráfico acima, da Bloomberg, mostra que o CSI 300 está cerca de 19% acima da mínima de abril, depois que Pequim suspendeu os lockdowns nas principais cidades, um desempenho que está entre os melhores nos mercados globais. Uma pesquisa também conduzida pela Bloomberg com 19 gestores de fundos e analistas prevê que os índices de referência na China e Hong Kong registrarão ganhos de pelo menos 4% até o final do ano, superando seus pares globais. Além disso, cerca de 70% dos entrevistados planejam manter ou aumentar as participações em ações nos dois mercados nos próximos três meses. O otimismo recente do mercado marca uma reviravolta impressionante em relação a março, quando investidores se apressaram para reduzir a exposição aos ativos chineses por temores de que os lockdowns de coronavírus do país e a guerra na Ucrânia reduzissem o crescimento econômico. Uma recente flexibilização das restrições de vírus levou o CSI 300 à beira de um mercado de alta, e uma postura de política monetária mais solta ajudou as ações locais a desafiar a recente liquidação das ações globais. A animação também se torna evidente entre ações chinesas negociadas nos Estados Unidos, uma vez que na quarta-feira da semana passada, os investidores adicionaram US$ 333,1 milhões ao iShares MSCI China ETF de US$ 8,5 bilhões, a maior entrada de um dia desde o início do fundo em 2011, segundo dados compilados pela Bloomberg

Quer saber mais sobre criptomoedas? Acesse aqui nosso relatório semanal.

Gostou do conteúdo? Compartilhe nosso link de cadastro e nos avalie abaixo:

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este relatório foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (“XP Investimentos”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins do artigo 1º da Instrução CVM nº 598/2018. Este relatório tem como objetivo único fornecer informações macroeconômicas e análises políticas, e não constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicitação de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participação em uma determinada estratégia de negócios em qualquer jurisdição. As informações contidas neste relatório foram consideradas razoáveis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis. A XP Investimentos não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações. Este relatório também não tem a intenção de ser uma relação completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem a opinião atual do responsável pelo conteúdo deste relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. A XP Investimentos não tem obrigação de atualizar, modificar ou alterar este relatório e de informar o leitor. O responsável pela elaboração deste relatório certifica que as opiniões expressas nele refletem, de forma precisa, única e exclusiva, suas visões e opiniões pessoais, e foram produzidas de forma independente e autônoma, inclusive em relação a XP Investimentos. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a missão de servir de canal de contato sempre que os clientes que não se sentirem satisfeitos com as soluções dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informações sobre produtos, tabelas de custos operacionais e política de cobrança, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.