Hedge propõe a fusão de seus três FoFs

Veja a opinião da XP!

access_time 12/12/2019 - 14:57
format_align_left 3 minutos de leitura

No dia 06 de dezembro de 2019, a Hedge Investments Distribuidora De Títulos e Valores Mobiliários Ltda. manifestou a sua intenção de incorporar o Hedge Top FOFII FII (“TFOF11”) e o Hedge Top FOFII FII 2 (“FOFT11”) em seu maior fundo de fundos imobiliários, o Hedge Top FOFII 3 (“HFOF11”). A primeira Assembleia Geral está datada para acontecer no dia 23 de dezembro de 2019 para discutir a fusão entre o FOFT11 e o HFOF11, e a do TFOF11 deverá ocorrer até o dia 30 de junho de 2020.

Histórico dos Fundos

O TFOF11 e o FOFT11 foram lançados em maio de 2013 e outubro de 2014, respectivamente, na BEM DTVM que prestava o serviço de administrador para ambos. Em 07 de março de 2016, a CSHG, sob comando do André Freitas na época, assumiu a administração e a gestão do fundo. Após a saída do mesmo para montar a sua própria asset, a Hedge Investments, o gestor levou os dois fundos e montou o seu próprio, o HFOF11.

Estratégia da Gestora

Do ponto de vista da Hedge, a união beneficiará os cotistas dos respectivos fundos, entre as quais destacaram:

  • Liquidez – Com a junção dos fundos, é esperado um aumento da liquidez das cotas.
  • Operacional – Com um número menor de fundo de fundos, o gestor terá um processo operacional mais simples, além de ficar 100% focado em um único fundo.
  • Custos fixos – As despesas fixas serão reduzidas pelo fato do HFOF11 cobrar uma taxa de administração/gestão menor que seus pares – conforme tabela abaixo:

Como ficará o fundo?

Caso a integração se concretize, o HFOF se tornará o maior FoF do mercado de Fundos Imobiliários com R$ 1,3 bilhão de patrimônio líquido (considerando a captação total da 6ª Emissão), conforme mostra o gráfico a seguir:

Em questão de estratégia, não vemos grandes mudanças, visto que os três FoFs mantinham uma alocação similar.

No final, o fundo permanecerá com uma forte concentração em lajes corporativas (35% do PL), logístico (17%) e shopping (15%). A exposição em agências bancárias tende a cair (17% hoje para 14%), o que consideramos positivo, visto que se observa uma menor necessidade de agências físicas propiciada pela crescente digitalização dos serviços bancários. Ademais, as características físicas específicas das agências limitam sua flexibilidade para locação para outros fins no mesmo nível de rentabilidade, por isso vemos um risco de queda na receita destes imóveis. Em suma, segue uma estimativa do resultado final baseando-se nos últimos relatórios gerenciais divulgados (outubro de 2019):

Opinião XP

Em nossa opinião, acreditamos que a mudança trará diversos benefícios (mencionados acima) aos cotistas, além de diminuir o seu risco. Acreditamos que a gestora deverá manter a estratégia de investir principalmente em fundos de lajes corporativas, na intenção de continuar capturando a retomada do mercado, além de investir em shoppings, considerado o segmento mais resiliente. Apesar de sua boa performance, vemos sua cota bem precificada. Por esse motivo, mantemos a nossa recomendação de HOLD.

Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

Receba nosso conteúdo por e-mail

Receba resumos diários, semanais e mensais e fique sempre bem informado sobre nossas análises, relatórios e recomendações de investimentos.

Clique para se cadastrar