XP Expert

O que uma eventual disputa entre Biden e Trump significa para a agenda ESG?

Uma visão inicial do que já se sabe sobre como o tema clima se encaixa nas eleições dos EUA!

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Uma visão inicial sobre como o tema clima se encaixa nas eleições

No dia 5 de novembro, os americanos elegerão o próximo presidente dos EUA. Ao que tudo indica até o momento, o presidente Joe Biden e o ex-presidente Donald Trump provavelmente se enfrentarão de novo, com as pesquisas apontando Trump como favorito, embora ainda seja muito cedo para afirmar. Quando o tema é clima, enquanto um lado deve conduzir a continuidade da agenda, o outro deve trazer mudanças ao desfazer parte das políticas vigentes hoje. Com o processo eleitoral em andamento, neste relatório trazemos uma visão geral do que já se sabe, as ideologias divergentes na agenda climática, e o que isso pode significar para o tema ESG, assumindo que ambos os candidatos sejam confirmados.

XPInc CTA

Eleições nos EUA: acompanhe todas as análises

Conteúdo exclusivo para clientes XP
A conta XP é gratuita. Abra a sua agora!

Cadastrar

Já é cliente XP? Faça seu login

Invista melhor com as recomendações
e análises exclusivas dos nossos especialistas.


#1. O que saber sobre as eleições nos EUA. Determinando quem assumirá o comando da maior economia do mundo, a eleição dos EUA é um dos principais eventos geopolíticos do ano, sendo monitorada de perto pelos mercados. Embora ainda no início do processo eleitoral, uma revanche entre Biden e Trump se torna cada vez mais o cenário mais provável. Além da disputa presidencial, a corrida para o Congresso também tem um peso significativo, com seus membros assumindo um papel chave na aprovação ou na oposição à agenda do novo presidente.

#2. Opinião pública sobre clima. Por um lado, os americanos compartilham da percepção de que as mudanças climáticas são uma ameaça ao bem-estar do país. Por outro lado, os partidários (republicanos e democratas) estão profundamente divididos em sua visão, sendo os democratas mais sensíveis à agenda climática.

#3. A agenda climática sob a administração Biden. Desde a o retorno ao Acordo de Paris até a definição de uma meta mais ambiciosa de redução de gases de efeito estufa, Biden apresentou inúmeras políticas climáticas ao longo de seu mandato, com destaque para a Lei de Redução da Inflação (IRA) – um pacote governamental de US$369 bilhões que aborda investimentos em energia limpa. No caso de uma vitória de Biden, é provável que a agenda climática continue avançando.

#4. A abordagem de Trump com o tema clima. Durante atos de campanha e entrevistas, Trump prometeu desfazer grande parte das políticas climáticas de Biden, incluindo a suspensão dos mandatos de veículos elétricos, o fim da pausa nas novas licenças de exportação do GNL e a revisão das prioridades energéticas. Apesar de suas intenções, no caso de uma vitória de Trump, sua taxa de sucesso depende em grande parte da nova composição do Congresso e da divisão partidária.

#5. O que as eleições significam para a agenda ESG? Enquanto ESG ganha força globalmente, as empresas dos EUA estão enfrentando desafios devido à politização do debate. Entretanto, em nossa visão, a agenda está cada vez mais centrado nas empresas, dependendo menos do apoio do governo para progredir. Embora reconheçamos que uma vitória democrática seja um pouco mais favorável para ESG, não vemos uma perda de valor significativa em caso de vitória republicana.

XP Expert

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.