Resumo Diário de Política 29/07/2019: Foco nas polêmicas sobre a divulgação de conversas obtidas por hackers

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política, antes da abertura do mercado.


Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Os últimos dias foram envoltos em polêmicas sobre a divulgação de conversas ilegalmente obtidas por hackers. Em depoimento, Walter Delgatti confirmou ter passado os dados ao The Intercept e negou ter cobrado dinheiro pelas informações (https://glo.bo/2LNnf0u). Afirmou ainda que Manuela D’Avila (PCdoB-RS) intermediou contato com o jornalista responsável pelo site (https://glo.bo/2LNUHUU).

Virou tema de discussão também a portaria que Sergio Moro publicou, que prevê rito sumário para deportação de estrangeiros “perigosos” ou que tenham praticado ato “contrário aos princípios e objetivos dispostos na Constituição Federal” (http://bit.ly/2LMvyK2). Bolsonaro, por sua vez, falou que Glenn Greenwald, jornalista americano do Intercept, “talvez pegue uma cana aqui no Brasil” (https://glo.bo/2LP0vNM). A ação e a fala foram contestadas. Na Câmara, já há um movimento para derrubar a portaria do Ministério da Justiça (http://bit.ly/2LMvyK2).

Depois da notícia de que até mil pessoas teriam sido alvo dos hackers nos três poderes, Davi Alcolumbre defendeu que seja agilizada no retorno do recesso a CPMI das Fake News, que passaria a abranger também o caso das mensagens hackeadas (http://bit.ly/2LNF6of).

Nessa semana: governo, caminheiros e empresas retomam negociações sobre a tabela do frete. Na cidade de São Paulo, o sindicato de motoristas de ônibus decidirá hoje se haverá greve nesta quarta-feira (31) contra possíveis demissões (http://bit.ly/310yztJ).

Curtas: Lula estaria ansioso por não ver saída para sua situação jurídica no curto prazo (http://bit.ly/310TI73); governo vai facilitar importação de máquinas e eletrônicos para a indústria (http://bit.ly/3131IVq); Bolsonaro disse achar difícil o Congresso aumentar o valor de saque do FGTS, pois precisaria mostrar de onde tiraria os recursos para manter o MCMV (https://glo.bo/310BmDd); oposição já maquina estratégia para tentar vetar Eduardo Bolsonaro para embaixada em Washington (http://bit.ly/310Ur8h).

Internacional: Trump gerou novo tumulto no Twitter. O alvo da vez foi o democrata Elijah Cummings, que tinha atacado o secretário de Segurança Nacional e as condições de centros de detenção de imigrantes. O presidente se referiu ao distrito do deputado, em Baltimore, como nojento e infestado por ratos (http://bit.ly/30Z6VgM). Essa semana, os democratas realizam novo debate, em Detroit, nos dias 30 e 31 (https://cnn.it/312uQMs).

  • Hoje é o 210º dia do governo Jair Bolsonaro.
  • Faz 159 dias que Jair Bolsonaro entregou projeto da previdência à Câmara.

XP Política

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

BM&F Bovespa Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.