Resumo Diário de Política 27/06/2019

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política, antes da abertura do mercado.


Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Insatisfeito com os ajustes propostos no texto pelo relator da reforma da previdência e com o não cumprimento de promessas do governo, o centrão articulou o adiamento da sessão da comissão especial marcada para hoje. Rodrigo Maia e o governo, representado por Rogério Marinho, buscam acordo, mas a complementação do voto de Samuel Moreira (PSDB-SP) pode ser lida só na terça-feira (2). Deputados querem que o PSL desista de buscar regras mais brandas para policiais e que Moreira facilite a vida dos professores e dos próprios políticos (http://bit.ly/2Xf61PZ; http://bit.ly/2XiiHFT; http://bit.ly/2XdmJ1U e http://bit.ly/2Xf6otR).Na prática, o atraso dificulta muito a votação no plenário antes do recesso, que começa dia 18 de julho. Ver detalhes da nossa apuração na seção ‘Bastidores de Brasília’.

A elevada probabilidade de estados e municípios ficaram de fora da reforma da previdência causou mudança na estratégia de governadores do Nordeste, que agora ameaçam trabalhar para retirar votos da reforma caso o governo não encontre meio para reforçar o caixa dos estados no curto prazo. Eles calculam que podem tirar 40 votos da reforma (http://bit.ly/2XcHQS1).

Prisão de sargento da aeronáutica com 39kg de cocaína na Espanha constrange o presidente Jair Bolsonaro, o militar chegou ao país em avião reserva da FAB que faz parte da comitiva presidencial que viaja para o G20 (http://bit.ly/2Xctgds e http://bit.ly/2X9a9kg). O assunto foi destaque nas redes sociais e repercutiu em diversas publicações no exterior.

Curtas: Substituto de Moro em Curitiba, Bonat mandou bloquear até R$ 78 milhões de Lula (http://bit.ly/2X8kvRw); Senado aprovou projeto de abuso de autoridade, o texto volta à Câmara (http://bit.ly/2Xf6LVh); depois de recusar convite, Moro é convidado novamente a comparecer na CCJ da Câmara (https://glo.bo/2Xc8ivk); entrevista com Gilmar Mendes (http://bit.ly/2X9blnK) e para quem já gasta neurônios com a agenda pós previdência, jornais começam a evidenciar as dificuldades para se aprovar uma reforma tributária (http://bit.ly/2Xa3Blv). 

Bastidores de Brasília

Líderes dos partidos de centro fizeram chegar ao relator da reforma da Previdência, Samuel Moreira, que eram contra a leitura da complementação de voto hoje. O grupo quer que a reforma só tenha andamento após o governo cumprir com o acordo envolvendo as emendas extra orçamentárias.

O bloco tem algumas demandas de texto ao relator. Para alguns partidos esses pedidos são mais importantes do que para outros, mas todos concordam que, uma vez resolvido o problema com as emendas, essa discussão se torna secundária para a votação do texto na comissão e em plenário.

Os partidos de centro querem estender para após o recesso a votação da PEC em plenário. Para isso, em caso de cumprimento do acordo por parte do governo, eles contam com a leitura sendo feita na semana que vem e a votação na comissão especial até a segunda semana de julho.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, defendeu ontem à noite que a leitura do relatório fosse feita apenas hoje à tarde ou na semana que vem. Isso porque na terça que vem, Maia se reúne novamente com governadores em busca de um acordo pela inclusão de estados e municípios na reforma.

A agenda deste 27 de junho

O presidente Jair Bolsonaro chegou a Osaka, onde participará do encontro do G20. Às 22h20 (horário de Brasília), ele tem reunião informal com líderes do Brics. Em seguida, às 23h50, tem reunião com o presidente da China, Xi Jinping. À meia noite de hoje para amanhã, tem a primeira sessão plenário da cúpula de líderes do G20.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, reúne líderes pela manhã, às 8h, para discutir o relatório da reforma da Previdência.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, recebe o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, às 14h.

  • Hoje é o 178º dia do governo Jair Bolsonaro.
  • Faz 127 dias que Jair Bolsonaro entregou projeto da previdência à Câmara.
  • Placar Valor/Atlas – Favor (109); Apoio parcial (126); Indefinidos (135); Contra (143).
  • Placar Estadão – Favor (72); Apoio parcial (123); Indefinidos (201); Contra (117).

XP Política

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua aqui.
Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

BM&F Bovespa Autorregulação Anbima - Gestão de patrimônio Autorregulação Anbima - Gestão de recursos Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

B3 Certifica B3 Agro Broker B3 Execution Broker B3 Retail Broker B3 Nonresident Investor Broker

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.