XP Expert

Resumo Diário de Política 20/07/2020: Reforma tributária em destaque

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política, antes da abertura do mercado.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

A semana começa com a expectativa da entrega da primeira fase da proposta de reforma tributária do governo, na terça-feira, ao Congresso. A ideia é que ela contemple a unificação de tributos federais — começando por aquilo que une, segundo Paulo Guedes. Depois de recebido, o texto deve ser encaminhado por Davi Alcolumbre à comissão mista, de deputados e senadores, em tentativa de destravar os debates.

Líderes da Câmara, por enquanto, insistem na ideia de focar discussões na proposta anterior, que trata também de tributos estaduais e municipais (https://bit.ly/2WAiyLe). Em entrevista, no entanto, Rodrigo Maia disse que “se as PECs tiverem dificuldade e a proposta do governo tiver os votos para ser aprovada sozinha, vamos na do governo. Não temos problema com isso” (https://glo.bo/2OFMSzV).

No sábado, Jair Bolsonaro ensaiou pela primeira vez defender o novo imposto que vem sendo ventilado por Guedes, sobre pagamentos digitais, descartando a comparação dele com a CPMF e focando o discurso na substituição da desoneração da folha (https://bit.ly/2E2dUzt). 

Há expectativa também sobre as discussões do Fundeb — a Câmara prevê votar entre hoje e amanhã a elevação da participação da União no fundo a partir do ano que vem. No sábado, no entanto, o governo apresentou uma proposta em que direciona metade dos novos recursos para seu programa de transferência de renda (https://glo.bo/3fLCKS8) — já que os gastos com o fundo não sofrem restrição do teto. A proposta sinaliza a dificuldade do governo para custear seu Renda Brasil, e foi criticada por Rodrigo Maia em entrevista ao Valor. A Secretaria de Governo do Planalto reúne líderes aliados nesta manhã para tratar do assunto (https://glo.bo/3hhqdpL).

Vale destaque na entrevista Maia ter dito que vê janela de 12 meses para se avançar na agenda econômica e ter sinalizado “muita expectativa” de que Bolsonaro recue e envie a proposta de reforma administrativa ainda este ano (https://glo.bo/2OFMSzV)

Ainda na agenda econômica, o governo evitou mais uma briga e desistiu de fatiar as duas últimas parcelas do auxílio emergencial (https://bit.ly/3fMYUTR).

A Câmara faz reunião de líderes às 10h30 e tem sessão marcada para as 15h para tratar de alterações feitas pelo Senado na MP 944, uma das que criaram linhas de crédito emergencial (https://bit.ly/2WCWekk).

Por fim, o fim de semana registrou manifestações pequenas a favor do presidente. No sábado, um grupo se reuniu na Praça dos Três Poderes (https://bit.ly/2WTxtRd). No domingo, o presidente voltou a ir ao encontro de apoiadores em frente ao Alvorada, mas desta vez separado pelo espelho d’água. Disse que fica até 2022 no cargo e exibiu uma caixa de cloroquina (https://bit.ly/32NTchd)

Internacional

Covid-19: Segundo a OMS, são 14.043.176 casos confirmados e 597.583 óbitos (https://bit.ly/2ZH02Tu).

No lado das tensões com a China, o Reino Unido anunciou que deve revogar seu tratado de extradição com Hong Kong, seguindo a linha adotada por aliados (https://bloom.bg/30qGYbs). Também, o governo japonês deve oferecer ao menos USD 536 milhões em subsídios a empresas que deixem a China (https://bloom.bg/2CNGOCH).

Após dias de embate, países membros da União Europeia avançaram nas negociações sobre a distribuição do plano de recuperação de EUR 750 bilhões (https://bloom.bg/2ZHYokw). Nos EUA, republicanos devem apresentar pacote de USD 1 trilhão no Senado (https://bit.ly/32ABMEt).

Hoje é o 567° dia do governo Jair Bolsonaro.

Hoje é o 120° dia da pandemia de Covid-19.

Faltam 118 dias para as eleições municipais.

Faltam 109 dias para as eleições nos EUA.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.