XP Expert

Resumo Diário de Política 19/03/2020: Bolsonaro reconhece gravidade da crise provocada pelo coronavírus

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política, antes da abertura do mercado.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Confrontado com a gravidade da crise provocada pelo coronavírusJair Bolsonaro tentou ontem abandonar o personagem que desdenhava a pandemia (http://bit.ly/3bkyAOD) e, pela primeira vez, apareceu à frente de sua equipe de ministros para apresentar as medidas de enfrentamento que foram tomadas pelo governo.

Embora ainda tente justificar a participação nos atos de domingo passado, o presidente modulou seu discurso sobre o vírus, reconhecendo a gravidade do momento, ressaltou ter tido apoio incondicional da Câmara e do Senado na aprovação de medidas de enfrentamento e classificou como “movimento espontâneo da população” e “expressão da democracia” o panelaço contra seu mandato que estava marcado para o fim do dia.

Como nem tudo é linear, manteve a “histeria” no vocabulário e (https://glo.bo/3a2wnqN) e usou a entrevista para chamar outro panelaço, este a seu favor, que acabou tendo alcance bem menor que o primeiro, contra o seu governo (http://bit.ly/2Uorphc e http://bit.ly/3a4EqDt). Foi o segundo dia seguido de manifestações contra o presidente.

A moderação rendeu críticas do guru Olavo de Carvalho (http://bit.ly/33B6f3J).

O comportamento anterior, no entanto, ainda deixa sequelasDavi Alcolumbre contraiu corona vírus e estava com a falta justificada, mas Rodrigo Maia preferiu explicitamente não ir ao encontro de Bolsonaro à noite (http://bit.ly/2U1t8Kl). Disse que preferia aprovar matérias no lugar de tirar fotografias.

E foi o que fez. A Câmara aprovou o decreto que reconhece calamidade pública até 31 de dezembro (https://glo.bo/3b7k64d) e permite o descumprimento da meta fiscal. Ele é base para as medidas de estímulo anunciadas pela equipe econômica. Também foi aprovada a MP 899, que permite renegociação de dívidas e também foi usada como suporte para algumas das medidas já anunciadas pelo governo. O Senado precisa votá-la na semana que vem para manter a eficácia da medida.

Das novas medidas promovidas pela equipe econômica, duas principais (https://glo.bo/2UilH0t): o detalhamento de um bônus de R$ 200 mensais para informais e autônomos, durante três meses. A medida deve atingir entre 15 e 20 milhões de pessoas a um custo de R$ 5 bilhões mensais. Em outra frente, foi apresentada uma flexibilização da legislação trabalhista para a preservação de empregos formais, que dá força a negociações individuais e prevê, por exemplo, a possibilidade de redução de jornada com corte de 50% do salário. As medidas seguirão ao Congresso como medida provisória ou projeto de lei.

Em outras frentes, Sergio Moro afirmou que o governo considera ampliar o fechamento de fronteiras (https://glo.bo/3bdqoQ5).

E, à noite, a Embaixada da China reagiu a Eduardo Bolsonaro, que havia culpado o país pela propagação do vírus. (http://bit.ly/2WpkEOP). Em nome da Câmara, Rodrigo Maia pediu desculpas (https://glo.bo/2wbMZxH).

Em outro assunto acompanhado pelos mercados, o TCU deu dez dias para que o governo caminhe na direção da lei aprovada pelo Congresso que ampliou o acesso ao BPC. Ministério da Economia e Legislativo buscam um acordo (https://glo.bo/33wsSX5) para amenizar o gasto, de R$ 217 bilhões em dez anos (http://bit.ly/2wcLBLc).

Internacional
Coronavírus: OMS computa 191.127 casos confirmados (15.123 novos) e 7.807 óbitos (http://bit.ly/3dchJ25). Pela primeira vez, a Europa ultrapassou a China em número de casos confirmados e mortes pela doença. A maior concentração de mortes na Europa é na Itália, com 2.978 óbitos (https://bloom.bg/2Wt0DXB). O Canadá é mais um país a anunciar medidas de estímulo: ontem, Justin Trudeau apresentou pacote de USD 18,6 bilhões, o que representa cerca de 3% da economia do país (https://glo.bo/3a2owtj). Nos EUA, o Senado aprovou pacote para combater a pandemia (https://glo.bo/2×43609).

Hoje é o 444° dia do governo Jair Bolsonaro.
Faltam 199 dias para as eleições municipais.
Faltam 229 dias para as eleições nos EUA.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.