XP Expert

Resumo Diário de Política 06/03/2020: Coronavírus em destaque

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política, antes da abertura do mercado.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

No Brasil, destaque nos jornais para os primeiros casos de contágio local do coronavírus e a reação dos mercados aqui e no mundo (http://bit.ly/2vB1bQu, https://glo.bo/2Tr1Ixi e https://glo.bo/2IrcoWk) . Dois casos em São Paulo têm relação com o primeiro confirmado. No mundo, aOMS computa 95.333 casos confirmados no mundo e 3.282 óbitos. Entre os 2241 novos casos, 94% são fora da China. Além da Itália, França, Alemanha e Espanha, o número de casos começa a crescer também no Reino Unido, Suiça, Holanda e países nórdicos, reforçando a hipótese de contágio mais disseminado (http://bit.ly/39uKSTZ).

A reação dos mercados tem sido tema também no mundo política. Nas redes sociais, multiplicam-se posts sobre o dólar e a divulgação do PIB(inho), por exemplo. São ingredientes azedos na poção que mantém o amor de Bolsonaro e Paulo Guedes.

Nos cadernos de política, segue a novela em torno do controle da liberação de emendas. A refrega gerou insatisfação de Bolsonaro com o general Luiz Eduardo Ramos, responsável pela articulação política, que assim como Onyx, está sob fritura por fazer seu trabalho (http://bit.ly/2VRyfOG). Sobrou até para o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, cuja atuação no episódio desagradou grupos diversos de senadores (http://bit.ly/2vIq4cT). E falando e confusão no Senado, Eduardo Braga e Roberto Rocha já disputam para o posto de relator do orçamento de 2021 (!) (http://bit.ly/3cx5PQ9).

Outro ponto com potencial impacto na agenda foi a distribuição de novos benefícios do Bolsa Família. Enquanto o Nordeste recebeu 3% dos novos benefícios, Sul e Sudeste ficaram com 75% das novas concessões (http://bit.ly/38rS69X). Até o relator da PEC dos fundos, Otto Alencar, falou em obstrução de sua própria proposta (http://bit.ly/3aB5pX9).

Ideia brilhante do dia 1 (fazia tempo que não destacávamos uma, então vamos colocar logo duas): a primeira de hoje vai para o presidente Jair Bolsonaro. Sempre reclamando de críticas da imprensa, disse ontem “Enquanto não começar a divulgar a verdade, não vamos mais falar com a imprensa, pode esquecer” (http://bit.ly/2PP1xcP). Não é exatamente a melhor maneira de remediar a situação.

Ideia brilhante do dia 2: Ronaldinho Gaúcho, escolhido pela Embratur como um dos ‘embaixadores simbólicos do turismo Brasil’ entrou no Paraguai com documentos locais falsificados. A promotoria local decidiu não indicia-lo e o jogador foi liberado (http://bit.ly/2IqeDJyhttps://glo.bo/32TEpze)

Internacional

Elizabeth Warren desistiu da corrida pela indicação à vaga democrata para a eleição presidencial dos EUA após fraco desempenho na Super Terça-Feira. A candidata não apoiou outro candidato apesar de ter alinhamento ideológico com Bernie Sanders. Espera-se, no entanto, que parte relevante de seus eleitores migrem para o senador da mesma forma que parte relevante dos eleitores de Bloomberg devem migrar para Joe Biden (https://glo.bo/38t7anu).

Opep e Rússia chegaram a acordo e devem cortar produção por 1,5 milhões barris diários, além do corte já existente de 2,1 milhões de barris por dia (https://glo.bo/2PRqnsK).

Hoje é o 431° dia do governo Jair Bolsonaro.

Faltam 212 dias para as eleições municipais.

Faltam 242 dias para as eleições nos EUA.

XP Política

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.