XP Expert

Resumo Diário de Política 04/06/2020: Bolsonaro classifica manifestantes dos chamados grupos antifascistas como “terroristas” e “marginais”

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política, antes da abertura do mercado.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

O presidente Jair Bolsonaro ampliou o foco dos jornais nos atos contra seu governo ao classificar os manifestantes dos chamados grupos antifascistas como “terroristas” e “marginais” (https://bit.ly/2UprbHN e https://bit.ly/3ePzYu2). Hamilton Mourão foi na mesma linha (https://glo.bo/2UaLJn3). Os atos estão convocados para o domingo, inclusive na praça dos Três Poderes, onde apoiadores do presidente costumam se reunir — no início da semana ele chegou a pedir a esse grupo que deixe de manifestar nesse dia. O temor do Planalto é que os atos cresçam e aumentem o clima de animosidade em relação ao presidente (https://bit.ly/373N1W7).

Para anotar no calendário, o TSE marcou para o dia 9 o julgamento de duas ações que pedem a cassação da chapa Bolsonaro-Mourão (https://bit.ly/3gZ0gMD). Esses dois casos são os que oferecem menos risco ao presidente.

E o Supremo pode tentar balizar o inquérito das fakenews para reduzir questionamentos  e permitir a continuação das investigações no julgamento do próximo dia 10, sobre a legalidade do procedimento (https://bit.ly/2AGaVuB).

Ainda no emaranhado jurídico em que o governo está envolvido, o ministro Abraham Weintraub presta depoimento hoje no inquérito que apura se ele cometeu crime de racismo contra a China (https://bit.ly/3eMPWVL). Celso de Mello negou recurso em que ele pedia para adiar a oitiva.

Na relação do governo com o Legislativo, três episódios dignos de nota: Bolsonaro vetou ontem projeto aprovado pelo Congresso que destinava recursos de um fundo da União ao combate à Covid-19 em estados e municípios (https://bit.ly/2U89mwE). A medida desagradou parlamentares, e Davi Alcolumbre anunciou que deve convocar sessão do Congresso para terça ou quarta para deliberar sobre vetos do presidente. Também tem gerado ruído a demora nos repasses do socorro a estados e municípios (https://glo.bo/36Yi2uJ e https://glo.bo/3eItGwi).

E, para os que achavam que passagem de Nelson Teich no governo tinha sido breve, o novo presidente do Banco do Nordeste, indicado pelo centrão, não durou mais de um dia no cargo (https://bit.ly/308q1Ec e https://bit.ly/2A0aQlI). Alvo do TCU, ele foi destituído pelo conselho e exonerado pelo governo. Mas, enquanto uma porta se fecha (e nem se fecha tanto assim, poque o centrão indicará seu substituto), outras se abrem, e o governo deve oferecer ao grupo duas secretarias do Ministério da Saúde (https://glo.bo/2ACWLKS).

A Câmara tem na pauta de hoje a medida provisória 927, que flexibiliza regras trabalhistas e teve a votação adiada ontem, e a 932, que corta pela metade o valor das contribuições ao sistema S por três meses (https://bit.ly/2Y2uepZ).

A equipe econômica decidiu endossar um projeto da Câmara que prevê a desvinculação dos saldos de fundos públicos e pode render R$ 177 bilhões para bancar ações de combate à pandemia (https://glo.bo/2yZxU3o)

Internacional

Covid-19: Segundo a OMS, são 6.057.853 casos confirmados e 371.166 óbitos (https://bit.ly/2zQU88r).

O presidente americano, Donald Trump, proibiu voos de companhias aéreas chinesas de entrarem nos EUA, o que deve ampliar as tensões entre os países (https://bloom.bg/3cB8FC9). Em reação à postura dos americanos, a China cancelou alguns embarques de compras de produtos agrícolas, o que seria um movimento contrario ao acordo comercial assinado em janeiro (https://on.wsj.com/2Y0q2an).

O Reino Unido também se posicionou na disputa, revisando suas relações com a empresa chinesa de tecnologia Huawei no desenvolvimento da rede 5G  (https://bloom.bg/2Ub3C59) e oferecendo refúgio a 3 milhões de cidadãos de Hong Kong (https://bloom.bg/3gUicrF).

Hoje é o 521° dia do governo Jair Bolsonaro.

Hoje é o 75° dia da pandemia de Covid-19.

Faltam 122 dias para as eleições municipais.

Faltam 152 dias para as eleições nos EUA.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.