XP Expert

Economia americana, China, Jap√£o, Apple & OpenAI e Gamestop | ūüĆé Top 5 temas globais da semana

1. Economia americana: Mercado espera corte de juros mais cedo 2. China: Mercados aplaudem ajuda ao setor imobili√°rio 3. Jap√£o: Banco central reduz est√≠mulos para proteger o iene 4. Apple & OpenAI: √Č namoro ou amizade? 5. Gamestop: To the MOON (and back?)

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

1. Economia americana: Mercado espera corte de juros mais cedo  – Dados econ√īmicos em trajet√≥ria favor√°vel animam mercados, que esperam corte de juros em setembro

2. China: Mercados aplaudem ajuda ao setor imobiliário РGoverno se prepara para comprar imóveis

3. Japão: Banco central reduz estímulos para proteger o iene РMoeda japonesa segue volátil em semana de PIB mais fraco

4. Apple & OpenAI: √Č namoro ou amizade? – Mercado especula sobre parceria entre as empresas, mas ainda n√£o h√° an√ļncio oficial

5. Gamestop: To the MOON (and back?) – A√ß√Ķes disparam com retorno de Roaring Kitty

Temos uma pergunta para você ao final!

Agenda de resultados da próxima semana

1. Economia americana: Mercado espera corte de juros mais cedo

A semana foi repleta de divulga√ß√Ķes de dados de infla√ß√£o e atividade econ√īmica dos Estados Unidos, que indicaram que a trajet√≥ria de pre√ßos se comportou conforme o previsto em abril e que a economia vem desacelerando, em linha com a trajet√≥ria que se espera que ocorra para que o Federal Reserve possa come√ßar a cortar juros.

O principal dado da semana foi o √≠ndice de pre√ßos ao consumidor (CPI) de abril, que avan√ßou 0,3% em rela√ß√£o a mar√ßo e 3,4% em termos interanuais (desacelerando de 3,5% no m√™s anterior). Os economistas, no entanto, seguem preocupados com a medida conhecida como ‚Äúsuper core‚ÄĚ, que considera o n√ļcleo da infla√ß√£o de servi√ßos excluindo habita√ß√£o e √© monitorada de perto pelo Federal Reserve, que apresentou alta de 0,4% no m√™s e acumula alta de 4,9% em 12 meses, o maior patamar desde abril de 2023.

Indicadores de atividade econ√īmica contribu√≠ram para a percep√ß√£o do mercado de que a economia americana entrou em uma rota de desacelera√ß√£o, saud√°vel nesse momento em termos de expectativas para a pol√≠tica monet√°ria. Resultados mais fracos nas vendas no varejo, produ√ß√£o industrial, confian√ßa e constru√ß√£o de novas moradias deram apoio para a narrativa de desacelera√ß√£o, enquanto dados semanais de emprego seguem apontando para um mercado de trabalho aquecido.

Ainda nessa semana, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, reforçou a mensagem de que o próximo movimento nos juros americanos será um corte e comentou sobre a insustentabilidade da trajetória da dívida nos EUA. A política fiscal expansionista dificulta a convergência da inflação para a meta de 2,0% e, portanto, faz com que a política monetária tenha que ser mantida em patamar mais restritivo.

Com essa série de eventos, ocorreu um fechamento da curva de juros, com queda nas taxas das treasuries longas. A taxa de 10 anos encerrou a semana em 4,42% (contra 4,50% do fechamento da semana passada), e a taxa de 30 anos encerrou a semana em 4,56% (contra 4,64% na semana anterior). Também em decorrência da evolução dos dados, a quantidade prevista de cortes de juros até o final do ano aumentou para quase 2 cortes e retrocedeu para o nível do final da semana passada: o mercado espera que o Fed inicie o corte de juros em setembro, com 80% de chances de ocorrer um corte até lá.

A XP mantém a expectativa de que o Fed só deverá iniciar seu ciclo de flexibilização monetária em dezembro, uma vez que a trajetória dos preços de serviços segue preocupando.

2. China: Mercados aplaudem ajuda ao setor imobili√°rio

Nessa semana, o ETF representativo das grandes empresas chinesas, o FXI, registrou alta de 5,6%, dando continuidade ao rali das bolsas da regi√£o. Apesar do n√ļmero positivo, a semana havia iniciado com not√≠cias marginalmente mais negativas: i) o √≠ndice de pre√ßos ao consumidor chin√™s avan√ßou 0,1% em abril (ainda baixa em um pa√≠s que, diferente do restante do mundo, tenta reaquecer sua economia); ii) o √≠ndice de pre√ßos ao produtor teve seu 19¬ļ m√™s consecutivo de defla√ß√£o em meio √†s incertezas sobre o crescimento chin√™s, a despeito das medidas de est√≠mulo j√° realizadas pelo governo e; iii) a incorporadora Agile deu default em um pagamento de sua d√≠vida em d√≥lar, levantando preocupa√ß√Ķes sobre a continuidade da crise no setor imobili√°rio chin√™s, que se arrasta desde 2021 e teve seu in√≠cio marcado pelo primeiro default da incorporadora Evergrande.

No campo geopol√≠tico, a semana foi marcada por uma imposi√ß√£o de uma s√©rie de tarifas para produtos chineses pelos EUA, incluindo o estrat√©gico setor de ve√≠culos el√©tricos, que pode chegar √† al√≠quota de at√© 100%. Al√©m disso, o presidente russo Vladimir Putin visitou a China nessa semana, em sua primeira viagem internacional ap√≥s o in√≠cio de seu quinto mandato √† frente da R√ļssia, despertando tens√Ķes em pot√™ncias do Ocidente.

Ante not√≠cias preocupantes para a atividade econ√īmica do pa√≠s, que possui uma meta de crescimento de 5% para 2024, o governo chin√™s anunciou novas medidas de est√≠mulo voltadas para o setor imobili√°rio, com objetivo de retomar a confian√ßa local. Entre as medidas, os destaques foram a remo√ß√£o do piso nas taxas de hipotecas e redu√ß√£o dos valores de entrada. Tamb√©m nessa semana foi divulgado que banco central chin√™s (PBoC), prepara um pacote de US$ 42 bilh√Ķes em financiamento para que os governos regionais realizem a compra de casas n√£o vendidas por conta da crise do setor imobili√°rio, que seriam transformadas em habita√ß√£o a pre√ßos acess√≠veis.

As not√≠cias dos est√≠mulos, juntamente √†s divulga√ß√Ķes de resultados das principais empresas de tecnologia como Alibaba, JD.com e Tencent, ajudaram a impulsionar as a√ß√Ķes chinesas em sua 5¬™ semana consecutiva de alta, ampliando a alta do FXI para 22,1% no ano e ampliando a lideran√ßa dentre os ETFs regionais que acompanhamos.

Alibaba faz parte da nossa carteira Top 10 A√ß√Ķes Internacionais, confira a lista completa

3. Japão: Banco central reduz estímulos para proteger o iene

O iene japon√™s seguiu vol√°til nessa semana (j√° comentamos a respeito aqui), e se fortaleceu ap√≥s a divulga√ß√£o de dados de infla√ß√£o e atividade percebidos como mais benignos nos Estados Unidos (conforme comentamos no tema #1), com o aumento da expectativa de um corte de juros nos EUA j√° em setembro. A moeda, que chegou a subir quase 1%, tamb√©m foi beneficiada pelo an√ļncio de que o banco central japon√™s (BOJ) ir√° reduzir suas compras de t√≠tulos do governo.

A sinaliza√ß√£o, entendida como mais dura, impulsionou as taxas longas dos t√≠tulos japoneses e √© parte de uma s√©rie de medidas da autoridade monet√°ria japonesa que vem tentando reduzir os est√≠mulos √† economia do pa√≠s e fortalecer o iene. Apesar disso, fundos seguem apostando no enfraquecimento da moeda, que voltou a se enfraquecer no final da semana apesar das interven√ß√Ķes.

A economia do Japão registrou uma contração no primeiro trimestre de 2024, com uma queda de -2% em termos interanuais no PIB, consideravelmente abaixo da expectativa de -1,2%, e o dado do quarto trimestre foi revisado de 0,4% para 0%.

A produ√ß√£o no in√≠cio do ano foi impactada por uma redu√ß√£o no consumo privado pelo quarto trimestre consecutivo, uma vez que fam√≠lias e empresas cortaram gastos devido √† infla√ß√£o elevada que n√£o foi acompanhada por um crescimento correspondente nos sal√°rios. O enfraquecimento da demanda global tamb√©m contribuiu para uma queda nas exporta√ß√Ķes.

4. Apple & OpenAI: √Č namoro ou amizade?

A Apple sempre foi sin√īnimo de inova√ß√£o e qualidade em seus produtos e se tornou, at√© recentemente, a maior empresa do mundo em capitaliza√ß√£o de mercado. V√≠tima de seu pr√≥prio sucesso, j√° tendo se tornado a maior fabricante de celulares do mundo, a empresa fundada por Steve Jobs tem enfrentado dificuldades para crescer receitas, apresentando queda de 2,8% em 2023 e come√ßando 2024 com -4,3% no primeiro trimestre, dadas as vendas mais fracas na China. A busca pelo retorno ao crescimento tem provocado mudan√ßas estruturais na Apple, que recentemente abandonou seu projeto de lan√ßar um carro el√©trico aut√īnomo (projeto Titan, que comentamos aqui) para focar em iniciativas de AI.

Apesar das constantes men√ß√Ķes ao uso de AI pela empresa, a not√≠cia mais relevante veio na sexta-feira, dia 10/05, √† noite. Mat√©ria da Bloomberg relata que Apple e OpenAI firmaram uma parceria para usar a tecnologia da startup de Sam Altman nos aparelhos da Apple como parte de uma grande mudan√ßa estrutural. O an√ļncio oficial dever√° ser feito na Confer√™ncia Mundial de Desenvolvedores da Apple, no dia 10 de junho.

Contribuindo para o entusiasmo da nova potencial parceria foi o lançamento do novo modelo da OpenAI, o ChatGPT 4o, que representa um avanço significativo do produto, com processamento mais rápido e funcionalidades aprimoradas em texto, voz e visão. Os usuários agora podem interagir com a IA de maneiras mais naturais, incluindo conversas de voz em tempo real e a capacidade de analisar imagens, o que pode transformar a forma como os usuários interagem com seus dispositivos. O suporte multilíngue do modelo e a acessibilidade em mais de 50 idiomas o tornam uma ferramenta de IA verdadeiramente global. Vale ver os vídeos publicados pela empresa demonstrando as capacidades.

As a√ß√Ķes da Apple caem cerca de 1% em 2024, mesmo ap√≥s a alta recente, e t√™m underpeformado o Nasdaq 100 (+10,3%) e o S&P 500 (+11,1%). Em termos de m√ļltiplo pre√ßo/lucro (P/L), a Apple negociou com desconto para o Nasdaq consistentemente por 10 anos, de 2010 a 2020, quando passou a apresentar um pr√™mio de valuation. Em 2024 as a√ß√Ķes iniciaram o ano voltando ao desconto, mas as not√≠cias recentes mostram que os investidores come√ßam a ficar mais animados com as iniciativas de AI, impulsionando o P/L da Apple a 27,2x ante 26,6x do Nasdaq100.

5. Gamestop: To the MOON (and back?)

Em 2021, para o desespero dos defensores da teoria dos mercados eficientes, o mundo conheceu o fen√īmeno das meme stocks. Um evento sem precedentes, no qual uma onda de alta em pre√ßos de a√ß√Ķes era impulsionada n√£o por seus fundamentos tradicionais, mas pelo hype nas m√≠dias sociais e pelo entusiasmo dos investidores individuais (embora haja quem suspeite que houve participa√ß√£o de investidores institucionais, tamb√©m). O termo meme stock tornou-se sin√īnimo de a√ß√Ķes como as da Gamestop (uma ultrapassada antiga varejista de videogames dos EUA que viu seu modelo de neg√≥cios ruir com o advento do e-commerce e da distribui√ß√£o de jogos via internet) que eram discutidas e promovidas em f√≥runs como o WallStreetBets, no Reddit (que fez IPO esse ano e comentamos aqui).

Mas de pouco adiantariam os f√≥runs e memes se n√£o fosse um outro fen√īmeno: o famigerado short squeeze! Este sim, j√° velho conhecido dos investidores com mais cabelos brancos. Ele ocorre quando uma a√ß√£o tem um percentual alto de investidores short (vendidos a descoberto) e um movimento de alta na a√ß√£o os obriga a correr para fechar essas posi√ß√Ķes. Essa press√£o compradora pode elevar os pre√ßos ainda mais e causar perdas significativas, especialmente em Hedge Funds, que utilizam alavancagem e fazem mais apostas vendidas que os fundos tradicionais. Sugest√£o de pesquisa no seu buscador/AI favorito: ‚ÄúMelvin Capital‚ÄĚ + ‚ÄúGamestop‚ÄĚ.

No centro da saga da Gamestop em 2021, cujos preços saíram de próximos a US$ 1,00 para uma máxima de US$ 120,75 em poucas semanas, estava Keith Gill, ou mais conhecido como Roaring Kitty (o gatinho que ruge), seu usuário nas redes sociais. Seus comentários em relação à GameStop, compartilhados por meio de vídeos no YouTube e postagens no Reddit e Twitter (atual X), inspiraram uma legião de investidores pessoas físicas a investir na empresa, contribuindo para o enorme short squeeze que abalou o mundo financeiro.

Nesta semana o gatinho rugiu novamente. Saiu do ostracismo e postou nas redes sociais pela primeira vez desde julho de 2021. A postagem foi, pasmem, um meme! Uma mera imagem fazendo alus√£o √† postura que um jogador de videogame faz quando diz ‚Äúagora vou jogar s√©rio‚ÄĚ parece ter sido o sinal que desencadeou uma alta feroz das a√ß√Ķes novamente, que chegaram a atingir uma m√°xima de US$ 64,83 no dia 14/05 ante os US$ 10,00 de poucas semanas atr√°s, subindo extraordin√°rios 494%. As a√ß√Ķes j√° estavam subindo nas semanas anteriores, e haviam fechado a US$ 17,46 na √ļltima sexta-feira.

A Gamestop se manifestou na sexta-feira, dia 17, e divulgou seus dados de vendas preliminares do trimestre que ficaram significativamente abaixo das estimativas dos analistas, mas quem se importa com fundamentos, n√£o √©? Por√©m, al√©m das vendas, a empresa informou que: i) n√£o v√™ nenhuma mudan√ßa significativa em suas condi√ß√Ķes financeiras que justifiquem a volatilidade de suas a√ß√Ķes e; ii) iniciou um processo de oferta de at√© 45 milh√Ķes de a√ß√Ķes (atualmente tem cerca de 306 milh√Ķes). Com isso, as a√ß√Ķes sofreram seu 3¬ļ dia de queda forte e j√° est√£o 65,7% abaixo do seu pre√ßo m√°ximo na ter√ßa-feira.

Se, na semana anterior falamos sobre Warren Buffett, nesta semana falamos sobre Roaring Kitty. E aí, caro leitor do nosso Top 5? Quem será o maior investidor da história? Deixe sua opinião nos comentários abaixo (de preferência acompanhado de 5 estrelinhas!).

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O qu√£o foi √ļtil este conte√ļdo pra voc√™?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conte√ļdos por e-mail?

Cadastre-se e receba gr√°tis nossos relat√≥rios e recomenda√ß√Ķes de investimentos

Disclaimer:

Este relat√≥rio foi preparado pela XP Investimentos CCTVM S.A. (‚ÄúXP Investimentos‚ÄĚ) e n√£o deve ser considerado um relat√≥rio de an√°lise para os fins do artigo 1¬ļ da Instru√ß√£o CVM n¬ļ 598/2018. Este relat√≥rio tem como objetivo √ļnico fornecer informa√ß√Ķes macroecon√īmicas e an√°lises pol√≠ticas, e n√£o constitui e nem deve ser interpretado como sendo uma oferta de compra/venda ou como uma solicita√ß√£o de uma oferta de compra/venda de qualquer instrumento financeiro, ou de participa√ß√£o em uma determinada estrat√©gia de neg√≥cios em qualquer jurisdi√ß√£o. As informa√ß√Ķes contidas neste relat√≥rio foram consideradas razo√°veis na data em que ele foi divulgado e foram obtidas de fontes p√ļblicas consideradas confi√°veis. A XP Investimentos n√£o d√° nenhuma seguran√ßa ou garantia, seja de forma expressa ou impl√≠cita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatid√£o dessas informa√ß√Ķes. Este relat√≥rio tamb√©m n√£o tem a inten√ß√£o de ser uma rela√ß√£o completa ou resumida dos mercados ou desdobramentos nele abordados. As opini√Ķes, estimativas e proje√ß√Ķes expressas neste relat√≥rio refletem a opini√£o atual do respons√°vel pelo conte√ļdo deste relat√≥rio na data de sua divulga√ß√£o e est√£o, portanto, sujeitas a altera√ß√Ķes sem aviso pr√©vio. A XP Investimentos n√£o tem obriga√ß√£o de atualizar, modificar ou alterar este relat√≥rio e de informar o leitor. O respons√°vel pela elabora√ß√£o deste relat√≥rio certifica que as opini√Ķes expressas nele refletem, de forma precisa, √ļnica e exclusiva, suas vis√Ķes e opini√Ķes pessoais, e foram produzidas de forma independente e aut√īnoma, inclusive em rela√ß√£o a XP Investimentos. Este relat√≥rio √© destinado √† circula√ß√£o exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes aut√īnomos da XP e clientes da XP, podendo tamb√©m ser divulgado no site da XP. Fica proibida a sua reprodu√ß√£o ou redistribui√ß√£o para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o prop√≥sito, sem o pr√©vio consentimento expresso da XP Investimentos. A XP Investimentos n√£o se responsabiliza por decis√Ķes de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informa√ß√Ķes divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer preju√≠zos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utiliza√ß√£o deste material ou seu conte√ļdo. A Ouvidoria da XP Investimentos tem a miss√£o de servir de canal de contato sempre que os clientes que n√£o se sentirem satisfeitos com as solu√ß√Ķes dadas pela empresa aos seus problemas. O contato pode ser realizado por meio do telefone: 0800 722 3710. Para maiores informa√ß√Ķes sobre produtos, tabelas de custos operacionais e pol√≠tica de cobran√ßa, favor acessar o nosso site: www.xpi.com.br.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, √© uma institui√ß√£o financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunica√ß√£o atrav√©s de rede mundial de computadores est√° sujeita a interrup√ß√Ķes ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recep√ß√£o de informa√ß√Ķes atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por for√ßa de falha de servi√ßos disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A √© institui√ß√£o autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.