Trend Bolsa Chinesa: o seu acesso para o mercado de ações da China

O produto, destinado a investidores em geral, tem exposição às principais empresas da Bolsa chinesa


Compartilhar:


A economia chinesa

A economia chinesa passa por um momento de transição, deixando de ser uma economia fortemente dependente de exportações e investimentos em infraestrutura, para se tornar uma economia também baseada no consumo interno.

Hoje, a China tem uma população maior que 1 bilhão de pessoas e conta com uma classe média que representa aproximadamente 39%[1] da população. Um artigo publicado pelo Center for Strategic & International Studies (CSIS) sobre a classe média chinesa, How Well-off is China’s Middle Class?, mostra que ela está entre as que mais crescem no mundo, passando de 29 milhões em 1999 para cerca de 531 milhões em 2013 (de 2% da população para 39%). Outro estudo, feito pela McKinsey & Company, prevê que, até 2022, a classe média chinesa chegue a 550 milhões e represente 75% dos domicílios urbanos. Para colocar em perspectiva, a população inteira da Zona do Euro é de 341[2] milhões de pessoas.

Esse crescimento acelerado da classe média chinesa apresenta uma série de novas oportunidades econômicas – à medida que o volume de receita disponível das famílias cresce, o potencial de consumo e formação de poupança do país aceleram também. De acordo com os analistas[3], em 2020, apesar da pandemia, a economia chinesa deve crescer 2%, e em 2021 é esperado um crescimento de 8%. Os setores mais promissores são: (i) os voltados para o consumo, beneficiando-se dessa transição econômica, (ii) os de comunicação, beneficiando-se do avanço da tecnologia 5G e (iii) o de saúde, beneficiando-se do envelhecimento da população. Diante deste cenário, os analistas de mercado esperam que o lucro por ação das empresas que compõem o MSCI China cresça em média 6,9% em 2021 comparado com o lucro dos últimos 12 meses.

Evolução das Classes Sociais na China

[1] Center for Strategic & International Studies, How Well-off is China’s Middle Class? (chinapower.csis.org/china-middle-class/)

[2] Tranding Economics (tradingeconomics.com/euro-area/population)

[3] Dados do consenso de analistas captados pelo Bloomberg em 29 de agosto de 2020

O índice de ações da China

O índice MSCI China é composto por empresas chinesas de grande e médio porte listadas em todos os mercados incluindo China A-shares, B shares, H-shares, Red Chips, P chips, e listagens estrangeiras como por exemplo ADRs no NYSE. O índice tem 711 empresas que representam 85% do universo de empresas chinesas de capital aberto com uma capitalização total de USD$2,76 trilhões. O setor de maior peso é o de Consumo Discricionário representando 32,96% do índice, seguido de Serviços de Telecomunicações com peso de 22,19% do índice. O setor financeiro representa 14,61% do índice e o setor de Saúde representa 5,5%. As 3 empresas com maior participação no índice são: (i) o Alibaba Group, (ii) a Tencent Holdings e (iii) a Meituan Diaping.

O Alibaba Group é conhecido no ocidente como a Amazon da China, porém com maior relevância no mercado interno e diversos ramos de negócios incluindo varejo online, meios de pagamentos, tecnologia de nuvem, mídia digital e entretenimento. Com vendas superiores a USD$1 trilhão por ano a empresa tem valor de mercado superior a USD$780 bilhões.

A Tencent Holdings é uma holding de tecnologia que atua em diversos ramos como mídia sociais (incluindo o aplicativo WeChat), música, portais de internet, comércio eletrônico, jogos eletrônicos, serviços de internet, sistemas de pagamentos, entretenimento, inteligência artificial e soluções tecnológicas. A Tencent Holdings tem um valor de mercado de USD$670 bilhões.

A terceira empresa com maior peso no MSCI China é a Meituan Dianping, empresa que opera uma plataforma online de serviços e produtos locais, criando promoções diárias que incluem serviços de entretenimento, restaurantes, delivery entre outros. A empresa faturou USD$97 bilhões em 2019, um crescimento de 49% em cima do ano anterior, e tem valor de mercado de USD$176 bilhões.

Ao final da publicação, trazemos um resumo dos principais tipos de ações no mercado chinês.

Retorno do Índice de Ações da China (iShares MSCI China ETF) (em dólar) x Retorno do Ibovespa (em real). Fonte: Bloomberg

O Trend Bolsa Chinesa

O Trend Bolsa Chinesa é mais um produto da família Trend focado em investimento no exterior. O fundo é destinado a investidores em geral e, com mínimo aplicação de apenas R$ 100, confere exposição ao mercado de ações da China, seguindo o índice MSCI China, permitindo o acesso a uma das maiores e mais importantes economias globais. O fundo tem exposição ao iShares MSCI China ETF – fundo listado em bolsa – a partir de operações com derivativos (contratos de swap). Vale destacar que o Trend Bolsa Chinesa não apresenta exposição cambial ao dólar, isto é, é um veículo hedgeado.

O iShares MSCI China ETF, por sua vez, é gerido pela BlackRock, maior gestora do mundo – mais informações sobre o ETF podem ser encontradas em sua página oficial (clique aqui).

Para investir ou obter mais informações sobre o produto, acesse:
Trend Bolsa Chinesa


Tipos de Ações do Mercado Chinês:

A-shares: Ações de empresas sedeadas na China continental que são negociadas nas Bolsas de Xangai, Shanghai Stock Exchange (SSE), e Shenzhen, Shenzhen Stock Exchange (SZSE). Essas ações são apenas cotadas em renminbi.

B-shares: Também são ações de empresas sedeadas na China continental que são negociadas nas Bolsas de Xangai, Shanghai Stock Exchange (SSE), e  Shenzhen, Shenzhen Stock Exchange (SZSE). No entanto, essas ações são cotadas em moedas internacionais, principalmente dólar.

H-shares: Ações de empresas sedeadas na China continental que são negociadas na Bolsa de Hong Kong, Stock Exchange of Hong Kong (HKEx). Essas ações são cotadas em dólar de Hong Kong.

Red Chips: São empresas com forte atuação na China continental e tem o governo chinês como um dos seus principais acionistas, porém essas empresas não são sediadas no território chinês e são listas na Bolsa de Hong Kong.

P Chips: O P significa private para empresas privadas que não tem o governo chinês como acionista. São empresas com operação na China continental, mas sediadas em paraísos fiscais como Ilhas Cayman, Bermuda e Ilhas Virgens. As ações dessas empresas são listadas na bolsa de Hong Kong.

Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

Receba nosso conteúdo por email

Seja informado em primeira mão, não perca nenhuma novidade e tome as melhores decisões de investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade.