XP Expert

O que é uma startup? Definição, objetivos e como montar a sua!

Existem algumas condições que tornam uma empresa reconhecida como startup; entenda

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail
O que é uma startup? Definição, objetivos e como montar a sua!

Descubra o que é uma Startup e como transformar o seu negócio com a XP Empresas.

Entender o que é Startup pode fazer a diferença para um empreendedor que quer criar um negócio de sucesso.  

No geral, as startups são modelos de negócio que possuem um crescimento acentuado e são bem-vistas no mercado, já que apresentam ideias inovadoras que têm impacto na sociedade. 

Uma Startup é um tipo de empresa que tem se tornado cada vez mais popular no Brasil.  

Embora não tenha uma tradução literal, é muito simples entender o que significa Startup e aprender os detalhes que a fazem ser reconhecida como é. 

Este é um conceito muito interessante que abrange também os tipos de Startup e algumas ideias para o empreendedor que deseja criar a sua.  

Invista melhor diante dos diferentes cenários em 2024. Baixe agora o relatório XP e saiba como!

O que é uma startup?

Uma Startup é uma empresa nova com um modelo de negócios escalável, repetível e uma ideia inovadora que provoca impacto na sociedade, seja com um produto ou um serviço que resolve um problema. 

Existem algumas condições que tornam uma empresa reconhecida como Startup. Entre elas, podemos citar o cenário incerto, já que o modelo de negócio de uma Startup geralmente não foi testado e traz particularidades que precisam ser provadas.  

Outro fator de incerteza entre as startups é a sustentabilidade de mercado, pois é preciso que este negócio seja sustentável ao longo do seu crescimento.  

Portanto, as startups acabam sendo empresas de alto risco, principalmente em seu início, quando ainda não demonstram grandes resultados. 

Então, as startups são modelos de negócios que geram valor à sociedade por meio de suas ideias inovadoras. Mais abaixo você vai entender a diferença de Startup para outras empresas e tudo fará mais sentido. 

Ainda assim, é importante notar que o modelo de Startup se caracteriza por um ambiente completamente diferente das empresas tradicionais.  

Até mesmo os benefícios dos contratados são diferentes e, entre eles, o que mais chama atenção é a possibilidade de se tornar sócio da empresa que ajudou a construir. 

Por isso, uma empresa Startup é um negócio animador para pessoas com perfil empreendedor.  

Geralmente, esse é o tipo de colaborador que essas empresas buscam, pessoas que são capazes de ajudar a desenvolver o negócio como se fossem donos. 

O que significa startup?   

A tradução da palavra na sua forma literal não vai te permitir entender o que significa Startup.  

No entanto, o termo já é comumente utilizado para definir esse tipo de empresa inovadora que tem o seu modelo de negócios diferente do que já existe e precisa ser colocado à prova no mercado. 

Por isso, dizemos que uma Startup significa uma empresa nova e que possui a ideia de projeto que, ao ser desenvolvido, resulta em um negócio com o crescimento acentuado e com altas taxas de aprovação do mercado, caso consiga se provar escalável e repetível. 

Então, a definição de Startup é uma empresa emergente de alto potencial e alto risco. Esse tipo de empresa começa do zero, muitas vezes com poucos recursos e precisa de investimentos e boa gestão para acelerar o seu crescimento. 

Diferença entre uma empresa tradicional e uma startup

Todo empreendedor já conhece um modelo tradicional de empresas. Ela pode ser uma loja virtual que vende produtos específicos, uma loja física, uma pousada na praia ou até mesmo uma loja de comunicação visual que trabalha com placas, outdoors e outros produtos.  

As possibilidades são infinitas e você pode ver muitas empresas diferentes apenas caminhando pela rua da sua casa. Empresas como essas abrem e fecham todos os dias e o mesmo pode acontecer com as startups, pois elas não estão livres dos riscos do mercado. 

No entanto, o que diferencia uma empresa convencional de uma Startup é que o segundo modelo tem o objetivo de trazer inovação para o mercado, fazendo algo que nenhuma empresa faz, que gera valor e pode resolver um problema existente na sociedade. 

Quer um exemplo? Podemos discutir a existência de startups como o AirBNB.  

Atualmente existem muitos hotéis e sites de reservas que facilitam a vida de quem viaja. No entanto, um problema constante entre esse público são os altos preços dos hotéis, a falta de possibilidade de aluguel por longas estadias e até mesmo a falta de opções. 

O AirBNB então resolveu juntar o útil ao agradável. Foi daí que surgiu uma plataforma que conecta pessoas com espaços disponíveis a outras que precisam de um lugar para ficar com o preço mais baixo e maior flexibilidade, algo que se pareça mais com o aluguel, só que com a possibilidade de locação por menos tempo. 

Com isso, muitas pessoas que viajavam poderiam alugar espaços em diversos lugares, bem como alugar seus próprios apartamentos e casas enquanto estavam desocupados.  

Um modelo de negócios que ajudou muita gente por meio da economia colaborativa, não é mesmo? 

O mesmo aconteceu com a Uber, uma empresa que inovou ao permitir que qualquer pessoa com um carro dentro dos padrões da companhia oferecesse corridas com um preço mais barato a outras pessoas que não possuem carro. Economia para quem usa, renda extra para quem oferece o serviço. 

Consegue perceber como essas empresas têm impacto direto na forma com que as pessoas consomem?  

Com a chegada dos serviços de streaming e suas startups, como Netflix e Spotify, as pessoas tiveram acesso a um número ilimitado de filmes e músicas por um preço acessível. Esses são bons modelos de startups que resolvem grandes problemas na sociedade. 

Qual é o objetivo de uma startup?   

O objetivo de uma Startup é criar um modelo de negócios a partir de uma ideia inovadora que seja repetível e escalável e possa alcançar cada vez mais pessoas ao redor de todo o mundo.  

Esse tipo de empresa oferece algo que muda completamente a forma de consumo na sociedade sobre determinado produto ou serviço. 

A partir disso, é feito um projeto detalhado com planos a serem desenvolvidos, procura de investimento e perspectivas futuras. Para isso, a empresa precisa ter planejamento e uma previsão do que pode se tornar seu negócio no futuro e, à medida que cresce, para conseguir que investidores comprem a ideia. 

Quais são os tipos de startups?  

Dentro desse modelo de empresa podem existir diferentes tipos de startups. Por isso, vamos conhecer abaixo quais são.  

Scalable startups

Modelos de Startup que buscam replicar um negócio para aumentar seu público e rendimento. Esse tipo de empresa já costuma ter pleno funcionamento e busca investimentos para replicar e escalar seu modelo de negócio.  

Large company startups   

São empresas tradicionais de grande porte que estão em busca de se reinventar para continuar operando no mercado com eficiência. À medida que o mercado muda, elas precisam se adaptar, mas com o passar do tempo, talvez seja necessária uma reinvenção do modelo de negócios para sobreviver às mudanças. 

Small business startups

Empresas iniciantes que tem uma visão limitada de crescimento, mas que causam grande impacto no mercado em que operam. Mesmo que o negócio não seja escalável, é possível aumentar sua eficiência e oferecer maior movimento à economia local. Geralmente são gerenciadas por pequenos empreendedores individuais

Buyable startups

Modelo em que se desenvolve uma grande ideia e precisa de investidores para desenvolver o negócio e fazê-lo crescer e se replicar. O termo buyable ou “comparável” diz respeito aos investimentos que são feitos pelos chamados “anjos”, investidores que compram participação nos negócios. 

Lifestyle startups

Empresas movidas por um estilo de vida, uma grande ideia que contribui para esse estilo e profissionais colaboradores que acreditam e querem viver de tal forma, que ajudam a construir e se motivam pela execução do seu projeto. 

Social startups

São startups que criam inovações com o objetivo de melhorar o panorama social, atender comunidades carentes e resolver problemas que causam um impacto social. Podem ser com ou sem fins lucrativos, mas é importante que seja baseada na contribuição para uma sociedade melhor. 

Quem pode criar uma startup?

Qualquer pessoa com uma ideia e vontade de desenvolvê-la pode estar no caminho certo para criar uma Startup. Não existe regra e não é preciso um diploma para criar um negócio de sucesso. 

No entanto, à medida que a sua empresa se desenvolve, é preciso contratar profissionais que vão executar e se responsabilizar por certas áreas que exigem maior atenção.  

Criar uma Startup é um processo trabalhoso, mas muito compensador para quem acredita no projeto e está disposto a realizá-lo até que se torne o que foi imaginado.  

Vale a pena lembrar também que para criar uma Startup é preciso estudar.  

Isso não significa necessariamente ter títulos, mas é interessante que qualquer pessoa que se disponha a ser o criador de uma Startup esteja sempre em busca de conhecimento que vai agregar no desenvolvimento do seu projeto. 

Como abrir uma startup?

Mulheres conversando sobre o que é uma Startup.

Se você ficou interessado nesse modelo de negócio e não sabe como abrir uma Startup, nós te damos algumas direções! 

O primeiro passo para a criação de uma Startup é desenvolver uma ideia e encontrar meios de executá-la.  

Se você está planejando entrar no mundo dos negócios pela criação de uma Startup, pode ser interessante começar aprendendo sobre negócios e marketing, dois assuntos fundamentais nessa caminhada. 

O próprio Google disponibiliza um aplicativo de estudos que dá muita base a pequenos empreendedores sobre marketing e negócios. O aplicativo pode ser baixado tanto para IOS como para Android e se chama Google Primer

Entrar no mundo dos negócios, seja pela experiência ou pelo conhecimento, é o primeiro passo que um empreendedor deve dar para criar uma Startup. 

Abaixo nós vamos falar outras 10 dicas de como abrir uma Startup que podem ser interessantes se este for realmente seu desejo. 

Invista com quem acredita no potencial do seu negócio. Sonhe grande e transforme o seu negócio com a XP Empresas! 

10 dicas para criar uma startup de sucesso  

Veja algumas dicas e aprenda como abrir uma Startup e ter mais chances de sucesso no seu projeto. 

1. Tenha um bom produto  
 
Da sua grande ideia é preciso surgir algo que realmente gere valor ao mercado. Já ouviu falar na expressão “produto que se vende sozinho”? Pois é! Seja lá o que você for desenvolver, precisa ser muito bom e inovador, resolvendo um problema ou despertando um desejo. 

2. Escolha do nome  
 
É importante saber estratégias de branding para aplicar ao seu produto. Você não está desenvolvendo somente uma solução, precisa criar uma marca, um ideal. Isso tudo contribui para que mais pessoas comprem a sua ideia. 

3. Se atente ao plano de negócios  
 
O seu plano de negócios deve ser muito bem desenvolvido para que os investidores se interessem pelo que sua ideia tem a oferecer. Uma ideia sem uma boa execução não vale nada, então procure oferecer detalhes concretos e visão de pelo menos 3 anos do que o seu negócio pode se tornar. 

4. Tenha preços justos  
 
Muitas startups de sucesso foram bem aceitas pela sua inovação no preço. Preços justos fazem toda a diferença no seu produto e foi o que motivou uma grande onda de usuários no AirBnb, Spotify, Uber e Netflix, por exemplo. 

5. Atenção aos colaboradores  
 
Você precisa de uma equipe que entenda e se adapte ao cenário incerto das startups, bem como trabalhe motivada e criativa para desenvolver o melhor produto para o mercado. Entenda qual o perfil dos colaboradores em startups de sucesso e busque isso para o seu negócio. 

XPInc CTA

Quer saber o que fazer com o seu dinheiro? Baixe o relatório "Onde Investir 2024"

6. Crie um negócio atraente  
 
A sua Startup deve ser atraente tanto para investidores quanto para consumidores. O modelo de negócio deve ser adaptado até que brilhe os olhos de investidores que querem fazer parte dessa caminhada. 

7. Gere repercussão  
 
É preciso que as pessoas estejam falando da sua marca, então procure formas de passar a sua mensagem e repercutir seu produto. Esteja em muitos lugares onde o seu público-alvo possa estar, como palestras, eventos, revistas, jornais, rádios, e, principalmente, na internet. 

8. Faça um bom marketing  

Uma Startup de sucesso é aquela que “virou hit”, que viralizou e caiu no gosto dos consumidores. Para isso, aprenda a fazer marketing para startups, produza conteúdo online e encontre formas de se comunicar com o seu público. 

9. Planeje suas mídias sociais  
 
Aproveite o poder das mídias sociais para potencializar sua comunicação. Entenda como funciona cada plataforma, como elas podem te ajudar a propagar a mensagem da sua marca e qual a forma de comunicação mais adequada e eficiente para cada uma. Caso seja necessário, contrate um profissional de mídias sociais para essa tarefa. 

10. Priorize os dispositivos móveis  
 
A sua Startup pode ter a melhor ideia do mundo, mas dificilmente será escalável se você não conseguir adaptar o negócio para ser acessado por celulares e outros dispositivos móveis. A princípio, o ideal é ter um aplicativo, mas uma plataforma online responsiva já pode ser um bom começo. 

XP empresas: como transformar sua startup?

As dicas acima são ótimas formas para você começar a planejar e criar uma Startup.  

Se você tem uma boa ideia e acha que realmente pode revolucionar o mercado com a replicação e escalabilidade do seu negócio, talvez seja interessante correr atrás de ajuda profissional. 

Agora que você já conhece o que é uma Startup, aproveite a oportunidade para descobrir a XP Empresas e dar início ao seu projeto de sucesso. 

Você está na trilha:

Sua Empresa

Total relatórios

Aprenda Investir - Leitura recomendada

11 relatórios

Duração total

Aprenda Investir - Duração total

101 minutos de leitura

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.