Resumo Diário de Política 20/11/2020: Ambiente de Brasília para dezembro

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política, antes da abertura do mercado.


Compartilhar:


No noticiário de sexta, uma coleção de episódios do Congresso — e mesmo do governo — dá o indicativo do ambiente de Brasília para encarar o último mês do ano.

Ganha destaque a negociação entre governo, Congresso e TCU para permitir que recursos para obras de infraestrutura empenhados em 2020 possam ser executados ao longo do ano que vem, o que passou a ser proibido segundo uma interpretação do Ministério da Economia a partir de nota do tribunal (https://bit.ly/3nKOibF). Uma eventual liberação poderia ajudar a articulação política do governo nas discussões da agenda econômica no fim do ano.

Também estão em alta os desdobramentos do apagão no Amapá: o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, que é do estado, reuniu-se ontem com Jair Bolsonaro e Paulo Guedes. Há pressão pela extensão do auxílio emergencial, mas o time econômico trabalha com a possibilidade de oferecer a antecipação de benefícios previdenciários e liberação de saques do FGTS (https://glo.bo/2ULXPmB). E já ontem o Senado aprovou o pagamento de indenização aos consumidores do estado (https://bit.ly/3m18K7G).

Por fim, o próprio Bolsonaro prometeu a realização de concursos para Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal no ano que vem — ele quer 4 mil vagas, mas a Economia tenta reduzir o tamanho (https://bit.ly/36S2toK).

Em eventos ontem, Paulo Guedes voltou a mencionar a possibilidade de uma segunda onda de coronavírus e disse que o governo está preparado para reagir como reagiu na primeira.
(https://bit.ly/36WgFgv). Voltou também a falar sobre reforma tributária e a possibilidade de discutir a criação de um imposto digital depois das eleições municipais — o ponto é visto como um dos que dificultam o debate sobre o tema com o Congresso (https://bit.ly/3pOE1Ns)

Nas redes
A batalha da vacina continua movimentando as mídias sociais, segundo o monitor XP-Conatus. A chegada da coronavac marca uma tentativa ineficaz de polarização por parte do bolsonarismo ideológico. O grupo tenta pautar o debate com dúvidas sobre a eficácia, segurança e necessidade da vacinação, sem sucesso: representa 15% dos usuários e 21% das interações. Enquanto isso, diversos pequenos agrupamentos que se contrapõem ao bolsonarismo atingem 72% dos usuários e 69% das interações.

Internacional
Update diário de Covid: Nos EUA, novas medidas restritivas em diversos estados, e o Centro de Controle e Prevenção de Doenças recomendou que os americanos não viajem durante o feriado de Ação de Graças na próxima semana. O VP Pence disse que a força tarefa do governo não apoia um lockdown nacional nem o fechamento de escolas.

Na França, o número de hospitalizações cai pelo terceiro dia consecutivo e o ritmo semanal de novos casos atingiu o menor nível em quase 1 mês. O lockdown no país foi iniciado dia 30 de outubro. No Reino Unido o número de mortes aumenta.

De acordo com o CSO Paul Stoffels, a Johnson & Johnson deve saber a eficácia da sua vacina entre janeiro e fevereiro.

Na seara eleitoral, o estado da Georgia confirmou a vitória do democrata Joe Biden após recontagem.

E o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, solicitou a devolução de fundos não utilizados do programa de empréstimos de emergência para pandemia do Fed e disse que espera que o Congresso considere seriamente a realocação dos USD 580 bilhões que ainda não foram usados.

Na Europa, a presidente Christine Lagarde também afirmou que o banco deve anunciar um poderoso pacote de estímulo monetário em dezembro. Segundo a Bloomberg, a maioria dos economistas esperam um adicional de EUR 500 bilhões no programa de compra de bonds.

Hoje é o 690° dia do governo Jair Bolsonaro.
Hoje é o 254° dia da pandemia de Covid-19.
Faltam 9 dias para o segundo turno das eleições municipais.

Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins da Instrução CVM nº 598, de 3 de maio de 2018. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

Receba nosso conteúdo por email

Seja informado em primeira mão, não perca nenhuma novidade e tome as melhores decisões de investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.