XP Expert

Resumo Diário de Política 12/05/2020: Bolsonaro inclui salões de beleza, barbearias e academias na lista de serviços essenciais

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política, antes da abertura do mercado.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

O presidente Jair Bolsonaro incluiu ontem novas categorias na lista de serviços essenciais durante a pandemia: salões de beleza, barbearias e academias (https://glo.bo/2Ln2C9e). Nelson Teich, o ministro da Saúde, parece ter sido informado ao vivo da decisão (https://glo.bo/3brwPhW). O decreto voltou a expor divergências com governadores, que disseram não pretender adotar a definição (https://glo.bo/2WncK8c e https://bit.ly/2yGp8rb). 

Teich divulgou novas diretrizes para o distanciamento social (https://bit.ly/3bqo5sH), que também foram rechaçadas por governadores, responsáveis pelas regras em seus estados.

Nos desdobramentos do inquérito sobre a acusação de que o presidente tentou interferir na PF, ontem foi dia de depoimentos testemunhas ligadas à instituição. O ex-diretor Maurício Valeixo disse que disse que Bolsonaro queria trocá-lo por questão de “afinidade” (https://bit.ly/2LiQN3W e https://bit.ly/2xUdqZo) e Alexandre Ramagem, sucessor de Valeixo que teve a nomeação impedida pelo STF, admitiu ter sido consultado sobre a escolha de seu substituto, mas negou proximidade com a família (https://bit.ly/2SX9jD0). 

Hoje pela manhã está marcada sessão, sigilosa, de exibição da gravação da reunião em que Moro diz ter havido pressão. O Supremo determinou perícia no vídeo (https://bit.ly/35ScVeP). Estão previstos hoje também os depoimentos dos ministros Augusto Heleno, Braga Netto e Luiz Eduardo Ramos.

O presidente jogou para amanhã o anúncio sobre o veto ao trecho que permite reajustes de servidores no projeto de auxílio a estados e municípios (https://bit.ly/2zxrybk), sinalizando que deve atender 100% a recomendação de Paulo Guedes (https://glo.bo/3cpEnDt). 

E o secretário de Produtividade, Carlos da Costa, sugeriu a possibilidade de que o auxílio emergencial se torne permanente – ainda sem detalhes sobre o formato e a execução (https://glo.bo/35StaIO

No Congresso, líderes no Senado definiram ontem em reunião a pauta das próximas semanas. Hoje está previsto texto que suspende pagamentos do Fies, já aprovado na Câmara. Na quinta estão previstos projetos que limitam juros do cheque especial e que suspendem reajustes de planos de saúde (https://glo.bo/2SUUb9y) e, na semana que vem, textos que preveem aumento na CSLL e o uso de leitos privados pela rede pública.

A Câmara tem na pauta projeto que torna obrigatório uso de máscara (https://bit.ly/2SX9Ip0), enquanto avançam discussões sobre as medidas provisórias de combate aos efeitos da pandemia. Entre elas, a 944/2020, que também deve sofrer alterações, aumentando o limite de faturamento para que empresas acessem a linha de crédito, hoje em R$ 10 milhões anuais. As discussões envolvem até R$ 50 milhões como novo limite. 

E, antes tarde do que nunca, há no governo quem comece a se preocupar com o “perfil gastador” dos novos aliados de Bolsonaro (https://bit.ly/2xYxA4A). 

O Estadão pediu ao Supremo acesso aos resultados negativos dos exames de Jair Bolsonaro para Covid-19 (https://bit.ly/3dAD04Q). Há também um pedido da Câmara para acesso aos laudos (https://glo.bo/2Wq9JnW). 

Internacional

Covid-19: segundo a OMS, são 4.006.257 casos confirmados e 278.892 óbitos (https://bit.ly/3dBsgmF). 

Europa, China e Coreia do Sul se preparam para retomada de atividade econômica, porém o temor de crescimento exponencial de novos casos ameaça a reabertura. Por exemplo, ontem o premiê do Reino Unido, Boris Johnson, anunciou plano de três fases para reabertura em pronunciamento, mas deixou claro que “se houver surtos (…) não hesitaremos em pisar no freio” (https://glo.bo/3crt7Gq). 

Nos EUA, especialistas devem prestar depoimento no Senado contra a retomada da atividade por risco à saúde (https://nyti.ms/3cqGerz). 

Hoje é o 498° dia do governo Jair Bolsonaro.

Hoje é o 62° dia da pandemia de Covid-19.

Faltam 145 dias para as eleições municipais.

Faltam 175 dias para as eleições nos EUA.

XP Política

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.