XP Expert

Resumo Diário de Política 05/03/2020: Congresso decide manter voto de Bolsonaro a trecho da lei orçamentaria

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política, antes da abertura do mercado.

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

Depois de longa novela, o Congresso decidiu ontem pela manutenção do veto do presidente Jair Bolsonaro ao trecho da lei orçamentária que previa a obrigatoriedade de execução de emendas do relator do Orçamento (http://bit.ly/38pCCmX). Na Câmara, foram 398 votos favoráveis ao veto contra 2 pela derrubada. O Senado não precisou votar.

O acordo que concorreu para a manutenção do veto prevê a votação, na semana que vem, dos PLNs editados pelo governo conferindo o controle de parte dos recursos inicialmente previstos para o Congresso. Há um receio por parte de alguns deputados de centro que a separação das votações faça com que a decisão sobre os PLNs perca o momento na semana que vem_

Vale notar que a maneira como a negociação foi travada entre governo e Congresso pode deixar algumas marcas. Mais uma vez o Planalto se valeu, durante o processo, de sinais contrários: ao mesmo tempo em que costurou o acordo que redistribui o controle de recursos aos congressistas, usou as redes para pressioná-los. Se a segunda parte do acordo for mesmo cumprida, com a votação dos PLNs na semana que vem, as insatisfações vão se acumular, e o processo terá contribuído para a ampliação do ambiente de disputa e tensão. Se a segunda parte não vingar, cresce a chance de problemas mais concretos em outras pautas.

Ontem também, a comissão mista da reforma tributária fez sua primeira reunião (https://glo.bo/2InTQpY). O calendário apresentado por Aguinaldo Ribeiro prevê audiências públicas em março e a apresentação do relatório em 28 de abril, para votação na primeira semana de maio. Depois disso, o texto ainda tem de tramitar na Câmara (comissão especial e plenário) e no Senado (CCJ e plenário).

Ainda na agenda econômica, a leitura de que o crescimento frustrou expectativas iniciais do governo também não ajuda a melhorar o clima entre Planalto e Ministério da Economia

(http://bit.ly/2TScKuL). O presidente recorreu a um humorista para não falar sobre o dado a jornalistas (http://bit.ly/2ImdGCg), e gerou insatisfação mesmo entre apoiadores.

Documento encaminhado à CPI das Fakenews mostra que uma das contas usadas para disparar mensagens foi criada em gabinete da Câmara e usa email de assessor de Eduardo Bolsonaro no registro da conta (http://bit.ly/2TnrkLu). A informação deve ser usada contra ele no processo em discussão no conselho de ética. Eduardo, ontem, perdeu o posto de líder do PSL na Câmara, depois de Rodrigo Maia acatar a suspensão de aliados na bancada do partido (https://glo.bo/2THE1zB).

Curta: José Luiz Datena se filiou ontem ao MDB, com a possibilidade de ser candidato a prefeito ou a vice em São Paulo e com cutucadas em Bolsonaro (https://glo.bo/2VK1cfk).

Coronavírus: OMS registra 93.090 casos confirmados no mundo (2223 novos) e 3.198 mortes. O crescimento se concentra na Coréia do Sul, Irã e Itália, mas o número de casos sobe também em outros países da Europa e EUA (http://bit.ly/2PQpzV7).

Michael Bloomberg desistiu da corrida pela indicação democrata e anunciou apoio a Joe Biden após fraco desempenho na Super Terça-Feira. O noticiário político local continua dando destaque à ressurreição da candidatura do ex-vice de Obama, que venceu em ao menos nove estados, com votos ainda sendo contados na Califórnia, Colorado e Utah.

Hoje é o 430° dia do governo Jair Bolsonaro.

Faltam 213 dias para as eleições municipais.

Faltam 243 dias para as eleições nos EUA.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.