XP Expert

A implementação dos novos auxílios e o Orçamento de 2023 | Resumo Diário de Política 03/08/2022

Leitura crítica das principais notícias do dia sobre política, com resultados de apurações em Brasília e pesquisas do time de Análise Política

Compartilhar:

  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar via E-mail

O noticiário de quarta-feira destaca a reta final das negociações de palanques regionais e das chapas presidenciais, além dos preparativos do governo para implementação dos benefícios previstos na PEC dos Auxílios e das discussões sobre os benefícios em 2023.

A Caixa informou ter incluído 2,2 milhões de famílias no Auxílio Brasil, elevando a 20,2 milhões o número de beneficiários que passam a receber R$ 600 a partir do dia 9 de agosto (https://bit.ly/3zwmhw4) – mesmo dia do início da modalidade ampliada do vale gás (https://bit.ly/3BE5sSH).

Jair Bolsonaro afirmou ontem que a manutenção do valor do auxílio em 2023 está condicionada à aprovação de uma PEC (https://bit.ly/3oVZIMk) e repetiu promessa feita em 2018 de atualizar a tabela do Imposto de Renda de pessoas físicas no ano que vem (https://bit.ly/3oOqOVN), embora não haja consenso sobre o tema no governo (https://bit.ly/3vDoNiZ).

Também segue em evidência discussão no governo sobre possibilidade de enviar o orçamento de 2023 com reserva para reajuste ao funcionalismo (https://bit.ly/3OVwlEJ). O governo informou ainda que estima em R$ 8,1 bilhões a perda de arrecadação com as liminares do STF que asseguram compensação imediata aos estados pela redução do ICMS.

Nas atividades de campanha, Lula e Alckmin se dividem em busca de públicos diferentes: o petista segue giro pelo Nordeste, região em que o próprio ministro Ciro Nogueira admitiu derrota de Bolsonaro, embora reduzindo a diferença de votos para o PT em relação à de 2018 (http://glo.bo/3Qh9AvX). Já Alckmin se uniu a Haddad e Márcio França para o primeiro dos vários eventos em São Paulo, em tentativa de conquistar parte do eleitorado avesso ao PT (http://glo.bo/3zvlcod). Os dois ex-governadores são a principal aposta do partido nesse sentido. O ex-tucano fará ainda série de reuniões com associações do agronegócio no Centro-Oeste (https://bit.ly/3OX9SXV).

E, depois de alinhavar apoio do Avante – o que deve ser confirmado amanhã (http://glo.bo/3QjFVT4) –, o PT tenta atrair o PROS (http://glo.bo/3QjFVT4), que tem hoje Pablo Marçal como candidato.

Já a campanha de Bolsonaro avalia cancelar participação em evento da Fiesp na próximo quinta, mesmo dia em que está programada manifestação de oposição na avenida Paulista, onde fica a sede da federação (https://bit.ly/3Jr4KKh). O presidente voltou a criticar os signatários dos manifestos pró-democracia (http://glo.bo/3OUkLd4) e, embora sem confirmações, afirmou que pretende ir a debates (https://bit.ly/3zSwtQY).

Na reta final das convenções, o União Brasil reafirmou ontem a candidatura de Soraya Thronicke à Presidência (http://glo.bo/3PWOdAm), e ofereceu a vaga de vice ao Podemos (https://bit.ly/3BDwPMM), que considera os nomes de Alvaro Dias, Oriovisto Guimarães e general Santos Cruz.

Em São Paulo, Rodrigo Garcia ainda vive dilema na escolha do vice (https://bit.ly/3zwnaoo). O União Brasil decidiu indicar Geninho Zuliani (https://bit.ly/3BLsRS2), amigo do governador e relator do marco do saneamento, para ocupar a posição, que também é cobiçada pelo MDB – mas o deputado não tem unidade no partido (https://bit.ly/3BH8plp).

Em Minas, diante da indisposição de Zema de abrir palanque para Bolsonaro, o presidente decidiu dar força à candidatura de Carlos Viana, do PL (http://glo.bo/3Ql2cjj), que pode dividir os votos conservadores no estado, atualmente com o governador.

Já no Rio, o diretório do PT decidiu romper com Freixo pela insistência do PSB de não retirar a candidatura de Molon ao Senado (http://glo.bo/3bt7uui) – o assunto ainda será tratado pelo comando nacional do partido.

Nas redes

A movimentação bolsonarista para retomar promoção de pautas positivas ao governo é destaque e enaltece temas como o Auxílio Brasil e a promessa de revisão da tabela do IRPF. As propostas e realizações são elencadas em formatos de lista e disparadas por atores bolsonaristas. Entre detratores, há ironia com “ato falho” do presidente de chamar o Auxílio Brasil de Bolsa Família em entrevista ao SBT.

Internacional

A presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi, se tornou a mais alta autoridade dos Estados Unidos a visitar Taiwan em 25 anos, intensificando severamente as tensões entre Beijing e Washington. Em coletiva ao lado da presidente Tsai Ing-wen, afirmou que sua visita reitera que “os Estados Unidos não abandonarão seu compromisso com Taiwan” (https://bloom.bg/3JosvCV)

Em reação, a China iniciou exercícios militares em volta da ilha, alertou companhias aéreas a não viajar em volta do território e indicou que pode tomar novas medidas retaliatórias (https://bit.ly/3Qy9Sin e https://nyti.ms/3Jp4USA).

Hoje é o 1307º dia do governo Jair Bolsonaro.

Faltam 60 dias para as eleições presidenciais.

Hoje é o 868º dia da pandemia de Covid-19.

XPInc CTA

Se você ainda não tem conta na XP Investimentos, abra a sua!

XP Expert

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Newsletter
Newsletter

Gostaria de receber nossos conteúdos por e-mail?

Cadastre-se e receba grátis nossos relatórios e recomendações de investimentos

Telegram
Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Disclaimer:

Este material foi elaborado pela XP Investimentos CCTVM S/A (“XP Investimentos” ou “Companhia”) e não deve ser considerado um relatório de análise para os fins na Resolução CVM 20/2021. As opiniões, projeções e estimativas aqui contidas são meramente indicativas da opinião do autor na data da divulgação do documento sendo obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis e estando sujeitas a mudanças a qualquer momento sem necessidade de aviso ou comunicado prévio. A Companhia não apoia ou se opõe contra qualquer partido político, campanha política, candidatos ou funcionários públicos. Sendo assim, XP Investimentos não está autorizada a doar fundos, propriedades ou quaisquer recursos para partidos ou candidatos políticos e tampouco fará reembolsos para acionistas, diretores, executivos e empregados com relação a contribuições ou gastos neste sentido. XP Investimentos e suas afiliadas, controladoras, acionistas, diretores, executivos e empregados não serão responsáveis (individualmente e/ou conjuntamente) por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Este material não leva em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Este relatório é destinado à circulação exclusiva para a rede de relacionamento da XP Investimentos, incluindo agentes autônomos da XP e clientes da XP, podendo também ser divulgado no site da XP. Fica proibida sua reprodução ou redistribuição para qualquer pessoa, no todo ou em parte, qualquer que seja o propósito, sem o prévio consentimento expresso da XP Investimentos.

Para os casos em que se usa o IPESPE:

Por fim mas não menos importante, a XP Investimentos não tem nenhuma conexão ou preferência com nenhum dos candidatos ou partidos políticos apresentados no presente documento e se limita a apresentar a análise independente coletada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, políticas e econômicas (IPESPE) que se encontra devidamente registrado conforme a legislação brasileira.

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.


Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies (gerencie suas preferências de cookies) e a nossa Política de Privacidade.