Navi e Tork Capital – comportamento e oportunidade dos fundos de ações na crise

Confira o resumo dos principais pontos abordados em video-conferência com os sócio-fundadores da Navi e Tork Capital.


Compartilhar:


Hoje tivemos a vídeo-conferência com Waldir Serafim (sócio fundador e co-CIO da Navi Capital) e Marcelo Magalhães (sócio fundador e gestor dos fundos da Tork Capital), apresentando a percepção das gestoras do cenário atual do mercado e as oportunidades neste momento incertezas.

Um pouco sobre as casas

Navi: Gestora especializada em ações no mercado brasileiro, criada em 2018 pelo spin-off da equipe de equity da Kondor, conta hoje com 33 pessoas no time e 10 anos de track record.

Tork: Com cerca de R$ 3 bi sob gestão, a equipe da empresa é também é 100% dedicada aos fundos de renda variável, sendo liderada pelo sócio-fundador e gestor Marcelo Magalhães, o qual conta com uma equipe robusta de analistas e trader no time de investimentos.

Como estavam os fundos antes da crise?

Tork: Cabeça da gestão era construtiva para Brasil, com uma provável aceleração do crescimento pela baixa taxa de juros e a redução do endividamento e inadimplência no país. E, apesar dos níveis de múltiplos elevados das empresas para os padrões médios no Brasil e mundo, os juros muito baixos elevaram a confiança da equipe de gestão, o que levou o fundo a estar com um nível alto de exposição a bolsa naquele momento.

Navi: Visão era bastante otimista, enxergando apenas o impacto externo como fator de risco relevante para as ações brasileiras. Riscos amenizados com os discursos mais soft dos EUA com relação ao trade-wars no fim de 2019, o que elevou o patamar da exposição dos fundos em bolsa.

Para ambas o grande impacto desta crise, que a diferenciou das outras, foi sua magnitude e velocidade, passando de algo remoto a uma profunda crise mundial, em poucos dias.

Como os fundos se comportaram na crise?

Navi: Diminuíram a exposição em small caps e empresas com dívidas, alocando o portfólio em companhias mais sustentáveis e liquidas que atravessariam este momento de crise de uma forma menos traumática. Neste período iniciaram também a diminuição da exposição comprada nos fundos. Na quebra do conluio da Opep, zeraram a posição em Petrobras optando para construção de uma posição mais defensiva na empresa (call spread), devido ao impacto na mesma pela crise do petróleo e sua alavancagem financeira.

Tork: Nas primeiras quedas da Bolsa brasileira a gestora manteve a exposição dos fundos, comprando mais ações devido a desvalorização do valuation dos ativos. Porém perceberam que existia, e existe, uma dificuldade de tomada de decisão pela incerteza do futuro da crise. Além da solvência das empresas no momento atual, analisam a composição da carteira com com base em dois cenários mais prováveis para o desenrolar da crise:

1 – Lockdown funciona, porém a saída da crise se da com governo e empresas mais endividadas, com uma tendencia maior de pessoas físicas em poupar. Valuation melhora porém bolsa não retorna a patamares pré corona (90-95 mil pontos). 2- Cenário mais bearish, no qual o lockdown também funciona, mas a economia demora mais a voltar e podemos ter uma discussão de recessão com lucros mais afetados e múltiplos mais baixos das empresas. (Ibovespa 65 mil pontos).

Quais as oportunidades no cenário atual?

Tork: Acreditam que o governo incentive as empresas de energia, com auxílio no capital de giro, por se tratar de um setor estratégico, criando oportunidades para investimento em ativos de alta qualidade do setor na bolsa brasileira. Veem os bancos com valor de negociação muito abaixo da realidade para suas perspectivas de crescimento (mesmo com a crise) e cenário competitivo melhorou muito com o momento atual, afetando mais profundamente as fintechs concorrentes.

Navi: Buscando empresas com baixa ou zero alavancagem para atravessar este período, visando uma melhor margem de segurança. Optaram por business resilientes que retornem a ser efetivos em um menor período de tempo como: Telecom. (uso de dados tende a crescer), geração de eletricidade (consumo de energia por pessoa não irá reduzir) e E-comerce (tendência que veio para ficar). Estão dando preferência também a empresas com disciplina na alocação de capital, com ao equipe de gestão alinhada com a alocação do caixa da empresa.

Quais as perspectivas das gestoras daqui para a frente?

Navi: Apesar das diversas incertezas, estão otimistas com as empresas em geral (processo transformacional de pessoas, cultura, tecnologia e desenvolvimento), com nível de valuation bastante razoável no momento, observando uma interessante valorização das mesmas no horizonte de longo prazo.

Tork: Para a gestão, não está fácil hoje ter uma visibilidade do que irá acontecer nesta crise. Desta forma, buscam ativos que vão conseguir sobreviver mais facilmente que seus competidores neste cenário. Para a casa, o Brasil sai desta crise mais vulnerável, por ter transitado de um momento de reformas para outro de incerteza pelos gastos que o governo esta exercendo no pais, aumentando nosso risco estrutural.

Confira os fundos de ambas as gestora abertos para captação na plataforma de fundos da XP.

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

Receba nosso conteúdo por email

Seja informado em primeira mão, não perca nenhuma novidade e tome as melhores decisões de investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.