Goldman Sachs: Invista com especialistas em dívida corporativa de mercados emergente

Mercados emergentes devem continuar a crescer de forma mais rápida que economias desenvolvidas mesmo diante da pandemia global


Compartilhar:


De acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), a expectativa é de que, em média, as economias de países desenvolvidos crescem 3,9% em 2021. Essa expectativa para economias de países emergentes é de 6.0% sendo puxado pela China com 8,2%.

Nos últimos anos, o mercado de dívida corporativa de países emergentes apresentou menor taxa de inadimplência em comparação com os de economias de países desenvolvidos. Adicionalmente, teve um desempenho superior que o mercado de títulos de dívida pública de emergentes no ano de 2020. 

Os dois pilares principais que justificam alocação no mercado de dívida corporativa de países emergentes são: (1) fatores externos; e (2) fatores relacionados aos fundamentos desse mercado. Abaixo detalhamos essas duas influências:

Fatores Externos

– Expansão da liquidez global: O Federal Reserve dos Estados Unidos e o Banco Central da Europa se comprometeram a fornecer uma política monetária contínua e estimulante para apoiar suas economias durante a crise covid-19 e talvez depois de 2021. Medidas de liquidez global destinadas a manter as economias ativas e permitir baixas taxas de juros e volatilidade, também contribuiu para níveis recordes de rendimento de dívida negativa (yield) em 2020. Dado esse cenário, é provável que se intensifique a busca por rendimento nos mercados de dívida de EM.

– Mudanças nas iniciativas de política externa: O governo de Biden deve assumir uma nova abordagem ao comércio exterior o que poderá aliviar a incerteza e diminuir os prêmios de risco em ativos de mercados emergentes, aumentando a atração dos fluxos de capital global para essas economias.

Fundamentos do Mercado

As empresas continuam a manter o acesso à liquidez, tanto por meio dos mercados de títulos corporativos quanto por empréstimos bancários. Esta dinâmica permitirá que as empresas de mercados emergentes apresentem fundamentos melhores em 2021, continuando a tendência de níveis de alavancagem mais baixos do que seus pares de mercados desenvolvidos. A alavancagem líquida média deve permanecer abaixo de 2,0x nas empresas de mercados emergentes, em comparação com 2,5x na Europa e 3,5x nos EUA.

Em termos de valuation, ao longo da crise, as empresas emergentes continuaram a oferecer uma compensação premium pelo risco assumido, com base em melhores fundamentos que seus pares nos países desenvolvidos. Após a falta de compras de títulos corporativos dos mercados emergentes pelos bancos centrais em contraste com o dos países desenvolvidos, a recuperação do primeiro ficou ligeiramente para trás em relação ao último.

Em resumo, o início da recuperação econômica, o ambiente monetário favorável, o progresso no desenvolvimento de vacinas e o contexto técnico positivo do mercado de dívida corporativa nos países emergentes (equilíbrio entre oferta e demanda), criam uma base sólida para as empresas nesse segmento.

Em sintonia com essa tendência, a XP fez parceria com Goldman Sachs para trazer a seus investidores o fundo GS Emerging Markets Corporate Bond Portfolio. Maiores detalhes da gestora e do veículo encontram-se abaixo:

Goldman Sachs Asset Management

A Goldman Sachs Asset Management (GSAM) foi fundada em 1988, inicialmente especializada na gestão de renda fixa para fundos de pensão e instituições. Atualmente, possui mais de US$ 1,6 trilhão em renda fixa, ações e alternativos. São 36 escritórios pelo mundo com mais de 1,900 funcionários. A área de dívida de mercados emergentes possui mais de US$ 40 bilhões, sendo US$ 9 bilhões na estratégia de dívida corporativa.

GS Emerging Markets Corporate Bond Portfolio

Fundo de dívida corporativa de mercados emergentes com uma composição de portfólio esperada de 60% Investment Grade e 40% High Yield. O fundo tem, em média, cerca de 125 emissores e mais de 250 papéis. O time de investimento é composto por 11 analistas focados em mercados emergentes, com o auxílio de mais 3 economistas, 9 traders e 3 PMs. O líder da estratégia é Nick Saunders, com 18 anos de mercado e desde 2004 no GSAM.

Abaixo veja o fact sheet do Fundo.

Avaliação

O quão foi útil este conteúdo pra você?


Telegram XP

Acesse os conteúdos

Telegram XP

pelo Telegram da XP Investimentos

Leia também
Disclaimer:

Este conteúdo tem propósito exclusivamente informativo e se baseia em dados estatísticos, metodologias probabilísticas, fatos concretos do mercado financeiro e em resultados financeiros apurados. Em nenhum momento, o conteúdo desta mensagem representa opiniões pessoais ou recomendações de investimento financeiro de qualquer natureza. Não se configuram, portanto, como ideias, opiniões, pensamentos ou qualquer forma de posicionamento por parte da XP Investimentos CCTVM S/A. É terminantemente proibida a utilização, acesso, cópia ou divulgação não autorizada das informações presentes neste conteúdo. O investimento em ações é um investimento de risco. Na realização de operações com derivativos existe a possibilidade de perdas superiores aos valores investidos, podendo resultar em significativas perdas patrimoniais. Para avaliação da performance de um fundo de investimentos é recomendável a análise de, no mínimo, 12 (doze) meses. Leia o prospecto e o regulamento antes de investir. Todas as informações sobre os produtos, bem como o regulamento e o prospecto e regulamento aqui listados, podem ser obtidas com seu agente de investimentos, em nosso site na internet ou no site do referido gestor. Fundos de investimento não contam com garantia do administrador, do gestor, de qualquer mecanismo de seguro ou fundo garantidor – FGC. A taxa de administração máxima compreende a taxa de administração mínima e o percentual máximo que a política do FUNDO admite despender em razão das taxas de administração dos fundos de investimento investidos. Os fundos de ações e multimercados com renda variável /sem renda variável podem estar expostos a significativa concentração em ativos de poucos emissores, com os riscos daí decorrentes. Os fundos de crédito privado estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Os fundos de cotas aplicam em fundos de investimento que utilizam estratégias com derivativos como parte integrante de sua política de investimento. Tais estratégias, da forma como são adotadas, podem resultar em perdas patrimoniais para seus cotistas. Os fundos de renda fixa estão sujeitos a risco de perda substancial de seu patrimônio líquido em caso de eventos que acarretem o não pagamento dos ativos integrantes de sua carteira, inclusive por força de intervenção, liquidação, regime de administração temporária, falência, recuperação judicial ou extrajudicial dos emissores responsáveis pelos ativos do fundo. Para informações e dúvidas, favor contatar seu agente de investimentos. Rentabilidade passada não representa garantia de rentabilidade futura. As rentabilidades divulgadas não são líquidas de impostos e taxas de saída e performance. As informações publicadas não levam em consideração os objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer investidor. Os investidores devem obter orientação financeira independente, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento. Caso os ativos, operações, fundos e/ou instrumentos financeiros sejam expressos em uma moeda que não a do investidor, qualquer alteração na taxa de câmbio pode impactar adversamente o preço, valor ou rentabilidade. A XP Investimentos não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização dessa plataforma. Os desempenhos anteriores não são necessariamente indicativos de resultados futuros. Investimentos nos mercados financeiros e de capitais estão sujeitos a riscos de perda superior ao valor total do capital investido.

Receba nosso conteúdo por email

Seja informado em primeira mão, não perca nenhuma novidade e tome as melhores decisões de investimentos

Corretora Home Broker Autorregulação Anbima - Ofertas Públicas Autorregulação Anbima - Private Autorregulação Anbima - Distribuição de Produtos de Investimentos

A XP Investimentos CCTVM S/A, inscrita sob o CNPJ: 02.332.886/0001-04, é uma instituição financeira autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Toda comunicação através de rede mundial de computadores está sujeita a interrupções ou atrasos, podendo impedir ou prejudicar o envio de ordens ou a recepção de informações atualizadas. A XP Investimentos exime-se de responsabilidade por danos sofridos por seus clientes, por força de falha de serviços disponibilizados por terceiros. A XP Investimentos CCTVM S/A é instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central do Brasil.

Certificação B3

BMF&BOVESPA

BSM

CVM

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com a nossa Política de Cookies e a nossa Política de Privacidade.